A reincidência

O mercado não precificou a descoberta de que a compra do dossiê contra José Serra estava sendo intermediada por um homem de confiança de Lula. Mas o episódio é desastroso para todos os setores que apostavam em uma conciliação pós-eleições, na possibilidade de um pacto de governabilidade que garantisse a aprovação de reformas e a adoção de medidas pró-desenvolvimento.

É um desastre. Depois dos problemas com o “mensalão” e demais, Lula estava com hábeas corpus preventivo perante parte da opinião pública. Considerava-se que os desastres iniciais se deviam à falta de prática e de controles. E que, depois do desgaste com os escândalos, a depuração já teria sido feita.

A reincidência é um banho de água fria.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora