Fim da unanimidade

A repercussão da decisão do Copom (Comitê de Política Monetária) nos jornais de hoje mostram que a moleza acabou:

“Globo”: “Juros caem pouco apesar do esforço para crescer”.

“Estadão”, em página interna: “Dois dias depois do PAC, Copom reduz o ritmo do corte de juro”. E o “olho”: Na contramão de expectativas do governo, BC se divide e decide baixar a Selic de 13,25% para 13% ao ano”” .

Pelo menos nesses primeiros dias, rompeu-se a “jurispudência” da mídia em relação à política monetária e um novo tema foi introduzido no manual de cobertura.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora