O ajuste de Alckmin

Na verdade, o grande erro de gestão de Geraldo Alckmin foi ter abandonado os planos de Mário Covas, de usar o dinheiro arrecadado com as privatizações para resolver a questão dos inativos do Estado. Da maneira, aliás, que a Bahia fez com a privatização da sua companhia da sua empresa de energia.

Na época, havia um trabalho do Fernando Carmona, da FGV, visando viabilizar essa conta que, hoje em dia, pesa cada vez mais nos cofres do Estado e das universidades estaduais.

Depois de resistências iniciais, Alckmin recuou e o programa não foi implementado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora