Home Sem categoria O manifesto protestante

O manifesto protestante

0

Recebo de Gildo Marçal Brandão, enviado por Derlei Catarina de Lucca, o “Manifesto Protestante”, de um conjunto de igrejas evangélicas protestando contra a situação atual da política, das próprias igrejas e seus políticos.

À sociedade brasileira,
Nós, membros do grupo de discussões Cristãos Reformados, evangélicos de várias confissões protestantes, por meio deste manifesto, expressamos publicamente a nossa indignação quanto ao recente escândalo da “CPI dos Sanguessugas” que envolve parlamentares da bancada evangélica. (…) Pedimos às autoridades competentes que exerçam, com justiça e responsabilidade, a punição dos indiciados. Esperamos também que, com o mesmo rigor, sejam disciplinados em suas igrejas.

Por isso, é preciso que a sociedade brasileira tenha conhecimento de que muitos dos herdeiros históricos da “Reforma Protestante” não observam passivamente essas denúncias (…)

Lamentamos que, assim como o cristianismo do século XVI estava em decadência, manchado pela imoralidade de seu clero, escândalos de simonia, venda de indulgências, sede de poder, distorção doutrinária e podridão espiritual, as igrejas evangélicas brasileiras padeçam, hoje, de males semelhantes ou até piores que aqueles. (…)

1. Sola Scriptura – somente pela Bíblia

(…) Reafirmamos que somente a Bíblia deve ser nossa única regra de fé e prática, a “carta magna” dos evangélicos. (…) Hoje, muitos evangélicos pregam, não a Bíblia, mas o personalismo, o materialismo, o curandeirismo, o profetismo, a auto-ajuda e o misticismo. (…)

2. Solo Christo – somente por Cristo

(…) Reafirmamos que a salvação de cada homem ocorre somente por meio da obra infalível de Jesus, o Cristo. Muitas igrejas evangélicas brasileiras não mais anunciam “somente Cristo”, mas sim a salvação mediante exorcismos, dízimos e uma obediência cega aos líderes, os quais, na verdade, são falsos mestres (…)

3. Sola Gratia – Somente pela graça

(…) Protestamos contra as mais variadas barganhas em troca de favores divinos. (…) Protestamos contra uma igreja que se preocupa mais com o marketing e outras formas de agradar sua clientela, do que proclamar a simples mensagem da maravilhosa graça por meio de Cristo Jesus aos pecadores. (…)

4. Sola Fide – Somente pela fé

(…) Protestamos contra a ressurreição de novas formas de indulgências que obscurecem a salvação somente pela fé. Exemplo disso é a compra de “objetos abençoadores”, aquisição de produtos ungidos e pregação de fórmulas de prosperidade financeira e emocional. (…)

(…) Reafirmamos que toda glória seja dada somente a Deus. Protestamos contra evangélicos que glorificam suas próprias obras, suas igrejas, seus templos, seus líderes e seus fiéis, mas não glorificam com suas vidas ao Deus Único e Verdadeiro. (…)

Final
(…) Suplicamos a Deus que tenha misericórdia de nossas igrejas, pois sabemos que o julgamento do Supremo Juiz começará na Sua própria casa. Suplicamos pelo Brasil para que tenha governantes dignos da imagem de Deus que carregam – sejam eles evangélicos ou não. (…)

A Deus somente toda a glória!

Respeitosamente ao povo brasileiro,

Cristãos Reformados

Brasil, Julho de 2006.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Sair da versão mobile