Painel do dia

Chamada de capital do HSBC arrecada US$ 19 bilhões

O banco britânico HSBC captou 12,85 bilhões de libras (US$ 19,1 bilhões) na oferta pública de ações realizada para cobrir o prejuízo de US$ 15,5 bilhões da sua filial norte-americana em 2008. Cerca de 97% das ações ofertadas foram vendidas, a 2,54 libras por ação. As 172,7 milhões de ações restantes da oferta foram vendidas hoje por 4,48 libras por ação, segundo uma fonte que não quis se identificar.

Clique aqui


EUA cogita substituição de executivos de bancos

O governo norte-americano pode exigir a substituição de executivos do alto escalão das instituições financeiras que receberam ajuda dos contribuintes. “Se, no futuro, os bancos necessitarem de assistência excepcional, então vamos nos certificar que a ajuda virá com condições”, disse o secretário do Tesouro, Thimothy Geithner. “E onde se exigir uma mudança de gestão da diretoria, vamos fazer isso”. O governo foi severamente criticado pela população após emprestar US$ 170 bilhões à AIG, que distribuiu prêmios milionários aos seus executivos.

Clique aqui


Reino Unido pode aumentar imposto

O contribuinte britânico pode acabar tendo que pagar a conta dos empréstimos públicos concedidos às instituições problemáticas. De acordo com o Instituto de Estudos Fiscais (IFS, na sigla em inglês), o governo vai ter que fazer uma arrecadação extra de mais 39 bilhões de libras anuais até 2016 para cobrir os empréstimos feitos aos bancos privados. Se o dinheiro for levantado somente através de medidas fiscais, o imposto cobrado das famílias poderá ter um aumento médio de 1.250 libras por ano. O ministro das Finanças, Alistair Darling, vai apresentar o orçamento do Reino Unido no próximo dia 22.

Clique aqui


Japão deve aumentar orçamento fiscal

No Japão, o ministro das Finanças Kaoru Yosano está acertando a inclusão adicional de cerca de 10 trilhões de ienes (US$ 99,7 bilhões) no orçamento, para financiar o pacote de ajuda financeira do país. Yosano recebeu do primeiro-ministro Taro Aso a ordem de reforçar o orçamento na segunda-feira passada, e disse que a ajuda será “muito superior” a 2% do PIB. Se o montante for confirmado, será o maior complemento já feito na história japonesa.

Clique aqui


FMI recomenda adoção do euro pelos países do Leste

O Fundo Monetário Internacional (FMI) sugeriu à União Européia que permita que os países do Leste adotem informalmente o euro como moeda de troca. A comunidade poderia flexibilizar os critérios de entrada na Zona Euro aos seus “quase membros” do Leste, como forma de conter a respectiva desvalorização das moedas.

Clique aqui


Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome