Sem título

A declaração esse Alexandre Schwartzman contra Yoshiaki Nakano faz parte da briga de foice que já se instaurou no PSDB, à medida em que o candidato Geraldo Alckmin passou a ter possibilidades concretas de vencer as eleições.

Na semana passada, em evento na PUC-RJ, o ex-Ministro Pedro Malan, sem que ninguém lhe perguntasse, apresentou o nome de dois candidatos dele a Ministro da Fazenda: Rogério Werneck e Amaury Beer.

O ataque de Schwartzman contra Nakano faz parte desse jogo algo malicioso: pega-se um economista de segunda linha do grupo para atacar o principal economista do lado adversário.

Mas inegavelmente já estourou a guerra no PSDB.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora