Revista GGN

Assine

CBF

A prova definitiva contra a Globo

do Blog do Garotinho

A prova definitiva contra a Globo

Vejam documentos do Tribunal do Brooklyn no processo do Fifagate

Até há pouco tempo eu mesmo cheguei a duvidar se conseguiriam pegar Ricardo Teixeira, Marco Polo Del Nero, Marcelo Campos Pinto e os irmãos Marinho. Mas com o desespero que tomou conta dos advogados de José Maria Marin, após sua condenação, não há mais dúvida. Cairão um por um dos dirigentes das confederações sul-americanas, inclusive alguns ex-presidentes, entre eles o mais "notável" e esperto, Ricardo Teixeira, ex-presidente da CBF, além de atingir a própria cúpula da FIFA. A investigação chegou na seguinte situação: 

Marin para não pagar a conta sozinho começou a acusar Del Nero, que por sua vez está entregando Ricardo Teixeira, que por sua vez está entregando seus antigos companheiros de longa data dos esquemas de propina que envolveram dirigentes de vários países do mundo.  Leia mais »

Média: 4.3 (29 votos)

Marin é condenado por 6 crimes de lavagem, fraude e organização criminosa nos EUA

Foto: Vanessa Carvalho/O Globo
 
 
Jornal GGN - Presidente da CBF entre 2012 e 2015, José Maria Marin foi condenado nos Estados Unidos por seis crimes que envolvem torneios de Copa do Mundo, Libertadores e Copa América, sendo dois de lavagem de dinheiro, um por organização criminosa e três por fraude. Ele foi inocentado apenas da acusação de lavagem de dinheiro na Copa do Brasil.
 
Segundo informações do jornal O Globo desta sexta (22), a penas de Marin ainda será definida pela juíza Pamela Chen, do Tribunal Federal do Brooklyn, em Nova York. Não há prazo para publicação da sentença.
 
Enquanto isso, Marin seguirá em prisão domiciliar em seu apartamento em Manhattan, onde está há dois anos. Ele deve recorrer da decisão de primeira instância.
Média: 5 (2 votos)

Fifa pune Marco Polo Del Nero com suspensão de 90 dias

Foto: Agência Brasil
 
 
Jornal GGN - O Comitê de Ética da Fifa anunciou nesta sexta-feira (15) que o presidente da CPF, Marco Polo Del Nero, foi suspenso de forma "provisória" de todas as suas atividades no futebol, em nível nacional e internacional. A sanção valerá por 90 dias - prorrogáveis por mais 45 - e o obriga a deixar a presidência da CBF. As informações são do jornalista Jamil Chade, no Estadão.
Média: 5 (2 votos)

Para Justiça espanhola, CBF foi vítima de crimes de Teixeira e Rosell

Juízes espanhois entenderam que a CBF, por si só, poderia não ter responsabilidade nos atos e sim os seus representantes, como Teixeira
 

Ricardo Teixeira, ex-presidente da CBF, e Sandro Rosell, ex-presidente do Barcelona - Foto: Arquivo - Sport/ES
 
Jornal GGN - Ao determinar que o ex-presidente do Barcelona, Sandro Rosell, permaneça preso pelo risco de fuga ao exterior e pelas acusações de crimes de lavagem de dinheiro e de formação de quadrilha, a Justiça espanhola lembrou que o caso tem relação com a corrupção deflagrada na CBF, com atuação direta de Ricardo Teixeira. Os juízes defenderam, contudo, a instituição brasileira.
 
O pedido de liberdade foi insistido por Rosell por meio de um recurso de apelação junto à Terceira Seção da Sala Penal da Audiência Nacional da Espanha. Desde o dia 25 de maio, o ex-presidente do Barcelona está preso com base nas acusações de ilícitos nos contratos de direitos da seleção brasileira de futebol.
 
Pelos crimes investigados, Rosell poderá ser condenado a seis anos de prisão pela lavagem de recursos e corrupção entre particulares. Para analisar o caso, os juízes recuperaram o histórico da investigação e, mais uma vez, entenderam que o risco de fuga do réu não diminuiu.
Média: 5 (3 votos)

Globo é alvo de segundo depoimento da Fifagate em Nova York

Depoente afirma que a emissora brasileira teve papel fundamental no repasse de propinas a dirigentes da CBF pela Torneos y Competencias. Em resposta, Globo inverte papel, e se apresenta vítima do esquema, afirma que compra de direitos de transmissão foi de "boa fé" 
 

Foto: Spencer Platt/Getty Images
 
Jornal GGN - A Rede Globo voltou a entrar na mira das investigações do escândalo de corrupção da FIFA. Desta vez, na voz do argentino Jose Eladio Rodriguez, apontado como um dos intermediários dos pagamentos de propinas da Torneos y Competencias (TyC) a cartolas e acusados.
 
Na continuação do julgamento do escândalo pela Suprema Corte do Brooklyn, em Nova York, nos Estados Unidos, Eladio confirmou que o ex-presidente da CBF, José Maria Marín recebeu US$ 600 mil, o equivalente a quase R$ 2 milhões, e outros US$ 900 mil, quase R$ 3 milhões, foram para seu sucessor, Marco Polo Del Nero, pelos direitos de transmissão da Copa América e Copa Libertadores da América.
 
O argentino responsável pela administração e finanças da T&T (offshore da TyC na Holanda) em Buenos Aires explicou que parte desses repasses foi possível graças à Rede Globo. Relatou que a offshore holandesa foi criada exclusivamente para negociar os direitos de transmissão de competições com a Globo, que comprava do que os adquiridos pela TyC.
Média: 5 (10 votos)

Propina da Globo para transmitir Copa é tema de audiência no Senado

Foto: Agência Senado
 
 
Jornal GGN - O suposto pagamento de propina para transmitir os jogos da Copa pela Globo será tema de audiência no Senado, graças a um pedido de Lindbergh Farias (PT) à Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática. O requerimento foi aprovado na terça (28).
 
Lindbergh sugeriu que representantes do Grupo Globo sejam convocados para dar explicações sobre o escândalo que repercutiu internacionalmente. As investigações que ocorrem nos Estados Unidos têm por base o depoimento do argentino Alejandro Burzaco, que disse que a Globo e a Televisa pagaram 15 milhões de dólares em propina para transmitir as Copas de 2026 e 2030.
 
O PT e outros partidos de oposição ao governo Temer enviaram à Procuradoria Geral da República um pedido para que o caso seja investigado no Brasil, já que a Globo opera através de concessão pública e, além disso, reebeu benefícios fiscais para investir na transmissão de eventos esportivos. A demanda foi enviada para o Ministério Público Federla no Rio de Janeiro, na semana passada.
Média: 5 (3 votos)

Banco em Mônaco que guardava R$ 70 mi de Teixeira protegia cartola

 
Jornal GGN - A conta secreta do ex-presidente da CBF, Ricardo Teixeira, que guardava o equivalente a mais de 70 milhões de reais em Mônaco ao cartola brasileiro recebia instruções para evitar que caísse na malha das autoridades de investigação. 
 
De acordo com o repórter Jamil Chade, do Estadão, uma das administradoras da conta bancária de Teixeira no Principado admitiu que o banco retirou qualquer menção à palavra "futebol" nos documentos envolvendo o cartola.
 
Em entrevista ao jornalista, Celine Martinelli, ex-funcionária do Banco Pasche, contou que o banco orientava a retirada de qualquer referência às funções de Teixeira, em relação à futebol, Fifa ou CBF. 
 
Em outubro deste ano, veio à tona mais um dos indícios contra o ex-presidente da CBF, cerca de US$ 22 milhões na conta do Pasche, filial do banco francês Crédit Mutuel, que é suspeito de participar do esquema de lavagem de dinheiro e foi alvo de investigação judicial no principado.
Média: 5 (2 votos)

Porque Marín é julgado nos EUA, mas Nuzman e Del Nero estão soltos por aqui

Foto: Agência Brasil

Por Caroline Oliveira
 
Na CartaCapital
 
 
Carlos Arthur Nuzman, ex-presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), foi preso no Brasil após ser investigado pela Justiça francesa por corrupção privada, acusado de pagar propina para a escolha do Rio de Janeiro como sede das Olimpíadas de 2016. O cartola foi solto após o Superior Tribunal de Justiça aceitar um recurso de sua defesa. Um dos argumentos dos advogados foi o de que não há crime de corrupção privada no Brasil.
Média: 5 (2 votos)

PT pede inquérito contra Globo por escândalo nos EUA: vai ser pedagógico, diz

 
 
Jornal GGN - O PT entrou nesta quinta (16) com uma representação criminal na Procuradoria Geral da República, solicitando que a Rede Globo seja investigada por conta das revelações de que teria pago propina para obter os direitos à transmissão de torneios internacionais de futebol. Em nota, o partido disse que se Lula, com base em falas de delatores, é alvo de inúmeras investigações, a emissora então merece o mesmo tratamento por parte do Ministério Público Federal. 
 
Para o PT, a investigação contra a Globo no Brasil é uma medida necessária e pedagógica, para o grupo da família Marinho e para o resto da grande mídia. "Em primeiro lugar, porque será respeitado o princípio da presunção da inocência, que a Globo sistematicamente atropela ao acusar, julgar e condenar Lula e o PT", disse.
 
"Também será adotado certamente o equilíbrio editorial. Os argumentos da defesa e as eventuais provas de inocência da Globo não serão censurados no “Jornal Nacional”, diferentemente do que ocorre em relação ao PT, Lula e Dilma, que tiveram até a prisão pedida em editoriais e artigos de sua rede", acrescentou.
 
"A Globo aprenderá também que, no devido processo legal, quem acusa tem de provar e ninguém pode ser condenado com base apenas em delações premiadas."
 
Média: 5 (10 votos)

Segundo Burzaco, Globo e mais duas emissoras pagaram a Grondona

Jornal GGN – Segundo apurado por Ken Bensinger, jornalista na cobertura do testemunho de Burzaco, em Nova York, a TV Globo, Televisa e Torneos concordaram em pagar US$ 15 milhões a Grondona pelos direitos de transmissão das Copas do Mundo 20126 a 2030 no Brasil e na América Latina. Grondona era vice-presidente da FIFA na época e presidente do comitê de finanças.

O Globo, em resposta ao testemunho de Alejandro Burzaco, nega o pagamento de subornos. Em comunicado afirmou que não “faz ou tolera pagamentos de suborno”. Hoje, no entanto, Burzaco disse que a TV Globo pagou parte de um suborno de US$ 15 milhões para os direitos de 2026 a 2030 da Copa do Mundo.

Leia mais »

Média: 5 (5 votos)

MP espanhol quer garantias de que MP brasileiro vai investigar a CBF, por Luis Nassif

Para transferir para o Ministério Público brasileiro o inquérito de Ricardo Teixeira, o Ministério Público espanhol exige garantias reais de que as investigações não serão abandonadas.

A informação é de Jamil Chade, correspondente do Estadão em Genebra, e primeiro jornalista a levantar o tema, em entrevista ao Jornal GGN Não se sabe de que maneira o MPF brasileiro poderá dar essa garantia. E ela é fundamental porque, depois de transferido o inquérito, o MP espanhol não poderá requere-lo de volta.

Ricardo Teixeira foi denunciado juntamente com o presidente do Barcelona Sandro Rossel, por esquema criminosa envolvendo a Seleção Brasileira de futebol e a venda de direitos da Copa Brasil.

Leia mais »

Média: 4.4 (9 votos)

Decisão judicial determina que MST deixe fazenda de Ricardo Teixeira

mst_teixeira_-_midia_ninja.jpg
 
Foto: Mídia Ninja
 
Jornal GGN - Um pedido de liminar dos advogados do ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol, (CBF), Ricardo Teixeira, foi acolhida pela Justiça e pede a reintegração de posse da Fazenda Santa Rosa, ocupada por militantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).
 
A ocupação da propriedade de Teixeira foi realizada na manhã de ontem (25) e faz parte da jornada de mobilizações do MST, que também ocupou fazendas ligadas a Blairo Maggi, Michel Temer, Henrique Eduardo Alves e Eike Batista.
 
A decisão judicial determina o prazo de três horas, a partir da notificação, para a saída dos manifestantes, e autoriza o uso de força policial caso a ordem seja descumprida.

Leia mais »

Média: 1.8 (5 votos)

Teixeira criou organização criminosa, diz pedido de prisão enviado ao Brasil

 
ricardo_teixeira_-_jose_cruz_abr_1.jpg
 
Foto: José Cruz/Agência Brasil
 
Jornal GGN - Enviada pela Espanha, o ponto principal da ordem de prisão de Ricardo Teixeira, ex-presidente da CBF é a acusação de que ele formou uma organização criminosa para desviar milhões de euros da seleção brasileira de futebol e da CBF. 
 
De acordo com o correspondente Jamil Chade, do Estadão, as autoridades brasileiras vão solicitar mais detalhes sobre o processo e propor que ele seja transferido totalmente para o Brasil, para que o cartola seja julgado pela Justiça brasileira. 
 
A acusação em Madri afirma que Teixeira teria sido a pessoa mais importante na formação da organização criminosa e também seu principal beneficiário. Com isso, o ex-presidente da CBF pode ser acusado formalmente por lavagem de dinheiro pelos procuradores brasileiros. 

Leia mais »

Média: 5 (4 votos)

O cartola, por Vladimir Aras

do blog do Vlad

O cartola

por Vladimir Aras


Ricardo Teixeira é oficialmente procurado pela Justiça espanhola pra responder por crimes que teria praticado no exterior.

Havendo ou não tratados, brasileiros natos não podem ser extraditados, por expressa proibição constitucional.

Países que se recusam a extraditar seus cidadãos devem cumprir a regra "aut dedere aut iudicare", isto é, extradite ou julgue.

Teixeira será mais um brasileiro acusado de crime no exterior a enfrentar uma investigação ou processo penal na jurisdição brasileira.

Já que a via da extradição está interditada, o Ministério Público Federal negociará com as autoridades judiciais e do Ministério Público da Espanha a transferência do procedimento penal ao Brasil, com base no tratado de assistência penal entre os dois países e no princípio da reciprocidade.

Leia mais »

Média: 1 (2 votos)

O cartola, por Vladimir Aras

Foto: Fotos Públicas

Por Vladimir Aras

Do Blog do Vlad

Ricardo Teixeira é oficialmente procurado pela Justiça espanhola pra responder por crimes que teria praticado no exterior.

Havendo ou não tratados, brasileiros natos não podem ser extraditados, por expressa proibição constitucional.

Países que se recusam a extraditar seus cidadãos devem cumprir a regra "aut dedere aut iudicare", isto é, extradite ou julgue.

Teixeira será mais um brasileiro acusado de crime no exterior a enfrentar uma investigação ou processo penal na jurisdição brasileira. Leia mais »

Média: 1.7 (6 votos)