fbpx
terça-feira, outubro 27, 2020
  • Carregando...
    Início Tags Prosa poética

    Tag: prosa poética

    Quando as Palavras Secam

    Por: Eliana RezendeHá momentos em que as palavras adormecem.Calam-se, não conseguem dar as mãos para formar uma ciranda de sentidos, sentimentos, argumentos, convicções, ideias, utopias.Seu...

    O carcereiro de nossas almas

    Por: Eliana RezendeAs masmorras de nossas existências possuem muitas divisões: servem para aprisionar, enquadrar e muitas vezes sufocar o que de mais livre possa nos...

    O cortiço de nossas almas, por Eliana Rezende

    Por: Eliana RezendeVez por outra sinto um grande mal estar e algumas perguntas me vem a mente: afinal, quem é que precisa de um...

    A morte nossa de cada dia

    Por: Eliana RezendeQuantas mortes cotidianas, pequenas, miúdas somos capazes de acumular em uma existência inteira?Morremos a cada grande decepção, de tédio, de medo, de...

    Uma alma que gosta de chuva

    Por: Eliana Rezende A voz da chuva acalenta meu espírito, tranquiliza meus olhos e afaga meu coração.O seu som preenche cada canto recôndito do meu...

    Imagem poética de um ambiente jornalístico

                                                    ...

    Contradições em vidas modernas

    Por: Eliana RezendeComo se traduz o mundo que vivemos em um texto?Vejo nas áreas de humanidades e em especial no meu caso, uma vontade...

    Nossa vida é nossa primeira ficção, por Eliana Rezende

    Por: Eliana RezendeLi esta frase de uma quase xará: Eliane Brun em uma entrevista, e fiquei com ela na minha cabeça porque, desde sempre,...

    Chamem o carteiro: preciso de boas notícias!, por Eliana Rezende

    Por: Eliana Rezende Em que ponto, em que rua ou travessa de sua existência seu carteiro parou?Sim, aquele personagem que o visitava todos os dias,...

    Trílogo (dos amantes e da poetisa)

    Por Eliana RezendeE, porque te amo muito.A Poetisa:“Ficamos assim: você joga as queixas no telhado, eu ponho as manias de lado, você lava a...

    A morte nossa de cada dia

    Por Eliana Rezende Quantas mortes cotidianas, pequenas, miúdas somos capazes de acumular em uma existência inteira?Morremos a cada grande decepção, de tédio, de medo, de...

    Trincheira das palavras, por Eliana Rezende

    Por: Eliana Rezende Desafiam, instigam, maquiam... e, em tempos contemporâneos, provocam verdadeiras plásticas em sentidos e objetivos. Palavras que carregavam seu sentido e essência veem-se...

    Leitura para os sentidos

    Escrito e lido por: Eliana RezendeOuça eu ler para você(escolha a opção abrir com: Music Player for Google Drive)Não é de hoje que digo que...

    Tempo: valioso e essencial

    Por Eliana RezendeNão contem a ninguém: mas hoje faço Aniversário.É a passagem do Velho Senhor dos Tempos em mais uma ronda. Alcança-me os anos...

    Arquitetura e Literatura: uma escrita possível, por Eliana Rezende

    Por Eliana RezendeOs amigos próximos sabem do meu fascínio por cidades e por isso, vez por outra você terá referências de cidades, arquitetura e...

    ♫ ♪ ♫ Tomara que chova…3 dias sem parar ♫ ♪ ♫

    Por: Eliana Rezende         E São Paulo se junta ao coro do Nordeste e do Rio de Janeiro quando canta com Emilinha Borba...

    Feliz Olhar Novo, por Eli Rezende

    Feliz olhar novo!Por Eliana RezendeDo Blog Pensados a TintaOs fins de ano, como os fins de ciclo, nos obrigam a certas reflexões: e em...

    Infância roubada

    Por: Eliana Rezende Roubam-se infâncias. Expropriam-se direitos e vidas.Do lado de fora, guerra e ruínas, pouco para comer, trapos para vestir, feridas para cuidar. Janelas...

    De metáforas e escrita…

    Por: Eliana Rezende "Deve-se escrever da mesma maneira como as lavadeiras lá de Alagoas fazem seu ofício. Elas começam com uma primeira lavada, molham a...

    Chá Preto

    Por: Eliana Rezende Os amores e os afectos são como as bebidas quentes.Estas, devem ser deglutidas delicada e vagarosamente... sempre quentes, em chávenas igualmente delicadas,...

    Mais comentados

    Últimas notícias