O MGT10000, o primeiro chip brasileiro

Do Brasil Maior / MDCI

Primeiro chip brasileiro é lançado em parceria com a ABDI

O ano de 2011 foi bastante profícuo para a área de Tecnologia da Informação e Comunicação (TICs) da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI). Uma das atividades de destaque foi o desenvolvimento do primeiro chip brasileiro, em Minas Gerais, resultado do trabalho do GT de Semicondutores, composto pela ABDI, Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), além do BNDES e Apex-Brasil, que tem como principal objetivo o desenvolvimento da indústria de semicondutores no Brasil.

A produção de um chip genuinamente brasileiro – o MGT10000 – pela Design House MinaSIC significa não apenas uma redução dos custos de montagem e de estoque, mas a substituição de componentes importados por outros que serão viabilizados pela implementação do chip. Isso possibilitará o desenvolvimento de sensores miniaturizados que hoje não podem ser alcançados devido ao tamanho da placa de circuito impresso convencional.

“Nesse sentido, a ABDI vem realizando ações de treinamento e capacitação das Design Houses brasileiras e os planos para 2012 são de implantar cursos de Desenvolvimento de Comportamento Empreendedor (Empretec), de Desenvolvimento Gerencial, Capacitação para Exportação e Venture Fórum”, explica Maria Luisa Machado Leal, diretora da ABDI.

A MinaSIC, localizada no Parque Científico e Tecnológico de Itajubá (MG), desenvolve projetos de circuitos integrados e sistemas para os mais diversos setores, como o automotivo, de automação industrial e biomédico. O circuito integrado de aplicação específica MGT10000 foi desenvolvido para atender às linhas de sensores fotoelétricos da empresa Sense. O chip passará ainda por um período de testes nos laboratórios da MinasIC e deverá entrar em produção comercial em 2012.

Assessoria de Comunicação Social da ABDI

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome