Com Mar Vermelho, Record ganha de 10 pontos da Globo

 
Jornal GGN – A novela “Os Dez Mandamentos”, da Rede Record, fez a emissora bater a Rede Globo com dez pontos de diferência na audiência medida pela Ibope na noite de ontem (10).
 
A novela da Record teve pico de 31 pontos e média de 28 na Grande São Paulo, ante 21 de pico e 19 de média da Globo. No Rio de Janeiro, a Record chegou a 34 pontos de pico contra 21 da emissora carioca. O capítulo de ontem de “Os Dez Mandamentos” mostrava a cena da abertura do Mar Vermelho, que custou R$ 1 milhão à emissora somente pela gravação, sem levar em conta os efeitos especiais, feito em um estúdio norte-americano.
 
Enviado por implacavel
 
Da Folha
 
 
A aguardada cena de abertura do Mar Vermelho na novela “Os Dez Mandamentos”, nesta terça (10), rendeu à Record uma noite histórica: pela primeira vez a emissora bateu a Globo com dez pontos de diferença na audiência, segundo dados prévios da Kantar Ibope Media.
 
A trama bíblica de Vivian de Oliveira e direção de Alexandre Avancini marcou na prévia pico de 31 pontos e média de 28 na Grande SP, contra 21 de pico e 19 de média da Globo (cada ponto equivale a 67 mil casas), no horário em que “Os Dez Mandamentos” foi ao ar. No Rio, a Record teve pico de 34 pontos contra 21 da Globo (cada ponto equivale a 42 mil casas).
 
A inundação também chegou ao Twitter. A cena foi o assunto mais comentado mundialmente em parte da noite desta terça (10), com a hashtag “#MarVermelho”.

 
Enquanto a Record mostrava Deus abrindo o Mar Vermelho para Moisés passar com seu povo, o “Jornal Nacional” exibia um tiroteio na Linha Vermelha, no Rio.
 
O capítulo começou com os hebreus chegando ao mar Vermelho, fugindo do exército egípcio rumo à Terra Prometida. Praticamente um bloco inteiro de “Os Dez Mandamentos” se dedicou a closes no rosto de Moisés (Guilherme Winter) e de seu povo.
 
Apenas a gravação da cena custou R$ 1 milhão à emissora. O valor não leva em conta gastos com pós-produção e efeitos especiais, encomendados ao estúdio americano Stargate –dos seriados “Heroes” e “The Walking Dead”.
 
O roteiro dessa passagem bíblica, entregue em 2014, começou a ser gravado em junho, com 400 figurantes.
 
A Record passou os últimos dias anunciando o capítulo como “especial”.
 
As redes sociais da Igreja Universal, à qual a emissora é vinculada, pediam para os fiéis compartilharem o seguinte “meme”: “O mar vai se abrir em minha vida também”. Outra publicação alertava: “Silêncio neste local das 20:30 às 21:45. Motivo ‘Os Dez Mandamentos'”.
 
A reportagem visitou duas sedes da Universal em SP na noite desta terça (10). O cronograma de reuniões não havia sido alterado para incentivar o público a assistir ao folhetim. Na sede da av. João Dias, fiéis começavam a chegar às 18h para a reunião que começaria às 20h.
 
Na Santa Cecília, às 20h15 ainda acontecia a “sessão do descarrego”, que mantinha a previsão de término às 20h45. Uma fiel disse que “sairia correndo” depois da celebração para não perder o capítulo.
 
Às 20h44, a voz de Deus (César Willian) ordenou a Moisés: “Estenda a mão sobre o mar!”. O capítulo terminou por volta das 21h55, com os hebreus ainda cruzando a pé o leito do mar, enquanto os egípcios ficaram barrados por uma coluna enorme de fogo, concebida pelo Deus judeu para ajudar seu povo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora