TV GGN: O Supremo pode impedir o Presidente de indicar o diretor geral da Policia Federal?

Mais: o acordo com Paulo Guedes que mata o Plano Pró-Brasil. Confira a entrevista do jornalista Luis Nassif com o advogado Maurício Dieter

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  TV GGN 20h: As queimadas e um vice presidente sem noção

17 comentários

  1. Dependendo dos critérios e finalidade da indicação, ACHO que pode.

    Aliás, há precedente. A Dilma não pôde indicar/nomear o Lula.

    • A Aberração de 90 anos de Estado Ditatorial Absolutista Caudilhista Assassino Esquerdopata Fascista. As Elites do Estado defendem seus próprio interesses, usando deste Estado. STF em decisão monocrática impede que Prefeitos e Governadores se submetam à Constituição e prerrogativas do Presidente da República, para em seguida afirmar que tais Prefeitos estão subordinados às prerrogativas dos Governadores. Não é a Pátria da Surrealidade? STF legislando e governando a Nação?!! Como acabar com este Estado Ditatorial Absolutista. Uma perspectiva: “…Desde 84 ou seja desde a Redemocracia, todos os Governos que passaram não tentaram reproduzir a Democracia. Por que se tentasse, a primeira coisa a se fazer era destruir esta Estrutura NecroPolitica do Estado Brasileiro…” Vladimir Safatle (29.11.19). Obrigado Professor, não está sendo fácil para o Povo Brasileiro na figura do ‘Capitão’ destruir esta Estrutura NecroPolítica, que se defende e se cumplicia a partir de STF.

  2. Digo ao professor Mauricio Dieter – face ao seu apego à textualidade das normas – que lembre o princípio do Direito Romano: suma jus suma injuria.

  3. A indicação/nomeação do Ramagem lesa ou ameaça algum direito?

    A CF estabelece que a lei não excluirá da apreciação do Poder Judiciário lesão ou ameaça a direito.

  4. Sem entrar no mérito da nomeação é sempre uma decisão perigosa pois cria uma condição do judiciário rever estas nomeações.
    Estas coisas deveriam ficar na briga política e opinião pública.
    O STF vai acabar sendo a “Central do Apito” do futebol decidindo se foi gol ou não.
    Bom lembrar que o cidadão dirigia a ABIN , passou batido , mídia , Senado , ABI , OAB , Liga dos Escoteiros …

  5. Triste país e sua instituições desgraçadas

    Não sou do mundo causídico, aliás, tenho horror, mas é o fim da picada um presidente, qualquer que seja, chegar de chapéu na mão, todo cerimonioso e vexado, e pedir autorização para cometer um ato de ofício:

    “Seu” Supremo, com licença, se não for incomodar muito, será que eu, presidente da república, poderia nomear esse cabra aqui meu ministro?

    Não precisa ser um rábula pra entender o tamanho do ridículo e da nossa tragédia.

    1
    1
    • E se for o Beira-Mar, ou o Marcola, ou o Hidelbrando Paschoal, ou o Nicolau? Ou o Febronio?

      Não há diferença entre Jack, o Estripador, e o sujeito que é amigo de uma família do naipe da família do Bolsonaro.

      O problema é que o suporte fático da decisão foram acusações não provadas do $érgio Moro, um sujeito que diz que não disse o que disse e que diz que fez o que não fez e que nega o que fez. Moro era uma víbora no governo, ficou de bote armado depois que deixou de ser o centro das atenções. Fez igual aquele sujeito que conversou com todos os políticos “amigos” com um gravador de áudio escondido para usar em sua defesa e contra seus ex-correligionários

      Covarde tanto quanto os membros da familicia da qual ele era jagunço

  6. Muita boa a entrevista do Professor Mauricio Dieter. De fato o que vemos é a esquerda brasileira aguardando que a direita se inviabilize por suas próprias tosquices. A impressão que fica é que o PT se deixou abater e aparentemente está a reboque de Lula. Não há mais nenhuma grande liderança no PT além do próprio Lula que ocupe espaço na mídia. No passado José Genoino, Dirceu, Gushiken, Suplicy, Plinio de Arruda Sampaio e outros estavam sempre presentes tomando a dianteira nas grandes questões. Agora falta a capacidade do PT e da esquerda reinventar seu discurso e surpreender tal como foi feito na Argentina. Já passou da hora de unirem as melhores cabeças progressistas para debater os pontos fracos do governo e quais atitudes devem ser tomadas. Se isso não for feito vamos amargar muitos anos de Cambridge Analitica emplacando seu projeto de poder.

  7. Sob tanta suspeita e sendo a obstrução constitucional, porque não?
    Aliás, qualquer indicação do bozo deve ser questionada, principalmente na PF e se parça dos filhotes.
    Tem merda, com certeza.

  8. Um juiz sugere ao MPF a retirada de uma procuradora que era mal avaliada por ele na condução das oitivas, indica testemunha fora dos autos e recomenda uma nota ao MPF para rebater o “showzinho” da defesa. O Dallagnol age como um subordinado do juiz, diz que vai simular uma denúncia anônima para convocar uma testemunha indicada pelo juiz fora dos autos e recomenda uma operação de busca e apreensão por mero motivo simbólico num momento eleitoral. Mas o Conselho Nacional do Ministério Público arquiva a investigação da conduta do Dallagnol, o STF adia o julgamento da suspeição do Moro e jornalistas, ministros do STF, deputados, senadores, membros das forças armadas fazem a defesa incondicional do Moro e lava jato. Não estamos mais sob o império da lei quando aceitamos as transgressões daqueles responsáveis pela sua aplicação. O voto de Celso de Mello pela suspeição do Moro é fundamental para os pilares do nosso combalido Estado Democrático de Direito. Fora disso não há solução.

  9. Entendo que o bostonaro pode nomear o seu amigo maluco, pois o Temer nomeou seu guarda costas para o STF. E a nomeação de Lula nd tem a ver com a nomeação do folhagem. Lula não era condenado, nem processado, não era detentor de segredos ou faria investigações, ali era um golpe com o STF e com tudo.

    • O erro do Temer justifica o erro do Bozoloide. Se todos são iguais perante a lei, porque o Bozo tal qual o Temer, não pode errar impunemente?

  10. A constituição não permite esta interferência, mas a jurisprudência do caso LULA sim.
    Ou seja, uma vez quebrado o contrato social ele para nada mais serve.

  11. É agradável ver a relação de vocês no TV GGN. Fica mais agradável ainda ver a Mariana te chamando de Pai. Parabéns para vocês pelo trabalho.

  12. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome