Como evitar fraudes em compras e transações online

A internet é cheia de golpes que podem comprometer suas finanças. Saiba como proteger o cartão de crédito

Por Lourdes Nassif

A primeira e mais importante dica: desconfie de links encaminhados por WhatsApp ou SMS. Na dúvida, pesquise. Não entre em qualquer site que te indiquem.

Outro ponto a ser observado vem da máxima "não existe almoço grátis!". Sempre desconfie de ofertas com preços muito abaixo do mercado.

Acha que vai comprar uma TV, por exemplo, último lançamento, por R$ 300? Pesquise de novo.

Se costuma usar cartão de crédito, use o aplicativo e acompanhe as transações em tempo real. Algo de estranho na fatura? Bloqueie imediatamente e acione a administradora.

Links com promoções mirabolantes? Não efetue a compra sem pesquisa! Procure pelo site oficial da loja. 

Não grave sua senha em sites, aplicativos ou mesmo no navegador. Digite tudo a cada compra, é mais seguro.

Salvar dados do cartão em sites variados? Fuja disso! É para sua própria segurança...

Ao utilizar o PIX para pagamento ou transferência de valores, sempre confira o nome do beneficiário e só concretize caso seja quem realmente deve receber o valor.

Sempre que possível, use o cartão virtual para compras online. Confia, é melhor.

Pesquise a reputação de lojas e leia comentários de outros compradores. Sites de reclamações são ótimos balizadores de comércios e vendedores online.

Entrou em um site? Confira se o cadeado HTTPS está presente. Ele indica que as comunicações entre a página e o dispositivo do usuário estão protegidos por criptografia. Segurança para você.

Ligações sobre seu cartão sendo usado indevidamente? Confirme com seu gerente de conta. Isso afasta os golpistas e garante a integridade de seu cartão e conta bancária.

Proteja-se!

E clique no link abaixo se quiser aprender o que fazer quando o cartão de crédito é clonado

Texto : Lourdes Nassif Montagem:Johnny Negreiros Supervisão: Cintia Alves Imagens e gifs: Tenor, Reprodução/ReclameAqui, Arquivo pessoal, Marcello Casal Jr/Agência Brasil e Unsplash