Revista GGN

Assine

Jânio de Freitas sugere envolvimento de Joaquim Barbosa na tentativa de espionagem

Jornal GGN - Em sua coluna de hoje na "Folha", sob o título "Nos passos de Obama", o colunista Jânio de Freitas sugere a participação de Joaquim Barbosa no ardil do Ministério Público do Distrito Federal para espionar as ligações do Palácio do Planalto.

Chamou sua atenção o fato de, depois de denunciada a tentativa de espionagem, nem Joaquim Barbosa nem o juiz da Vara de Execuções Penais terem dado qualquer sinal de estranheza, nem tomado nenuma providência legal. "A alternativa a essa indiferença seria o conhecimento prévio, por ambos, da artimanha e do alcance da alegada identificação do telefonema no presídio da Papuda".

"O fato é que não fosse a argúcia do advogado José Luiz Oliveira Lima, que providenciou um laudo técnico para localizar os dois pontos indicados pelas coordenadas geográficas, nada faz crer que as comunicações de celulares da Presidência escapassem da violação".

Jânio chama a atenção para os prejuízos que a ação combinada de Joaquim Barbosa, do juiz da Vara de Execuções e do MInistério Público do Distrito Federal trarão para a imagem da Justiça. "São prazos desrespeitados, suspeitas marotas, apuração que não anda (o prazo para a elucidação do tal telefonema terminou em fevereiro), repórteres usados para publicar inverdades, como uma construção luxuosa na Papuda destinada aos petistas, e por aí vai".

 

Média: 4.6 (27 votos)
92 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Luis Carlos Gonçalves de Oliveira
Luis Carlos Gonçalves de Oliveira

A  verdade é que o governo

A  verdade é que o governo não tem politica para se proteger da arapongagem do STF. O governo ainda não caiu porque seus adversários, os mesmos aventureiros de 64 e que continuam vivos, são medíocres e os EUA dificilmente apoiariam um golpe de estado no Brasil na atual conjuntura. O PT virou refem de seus aliados. Não sei se foi o Darci Ribeiro ou Brizola que melhor definiu o PT: "O PT é a UDN de tamancas"

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Severino Januário
Severino Januário

Será que o ministro Joaquim

Será que o ministro Joaquim Barbosa está em busca do prestígio perdido?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Não! Cumprindo contrato!

Não!

Cumprindo contrato!

Seu voto: Nenhum
imagem de nina rita
nina rita

O ministro JB resolveu não

O ministro JB resolveu não sair para se candidatar: tinha que cumprir sua missão até o fim. O ministro da justiça também não quis se candidatar a nada, também tem uma missão a cumprir ? Um tem uma missão ativa, saliente, extrapolante; o outro tem uma missão oposta, passiva, inoperante, omissa. Este último poderia ser retirado, e no lugar dele colocado algum MINISTRO DA JUSTIÇA, tão necessário a Dilma. Um atuam por ação, outros por omissão, para mim, os 2 estão no mesmo barco, na missão de traição.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Bullshit

Boa tentativa Janio, mas a responsabilidade de Joaquim Barbosa neste caso é até menor do que a da Presidente Dilma na aprovação da compra da refinaria. Se todo juiz tem de ter um GPS na mão para saber antecipadamente a localização geográfica precisa de um ponto telefônico cuja interceptação foi requerida pela Ministério Público, é melhor acabar de uma vez por todas com esse tipo de procedimento de investigação. Culpá-lo por "não achar estranha" a existência de coordenadas geográficas no pedido do grampo não difere em nada do que a mídia está fazendo com a Presidente, que também não achou estranho o valor pago pela refinaria americana com base nas informações de que dispunha naquele momento. Janio nestá agindo exatamente como a parcela da mídia que costuma criticar em suas colunas - se a culpa não é por ação, então o é por omissão. Mas por que ele não fala sobre outros agentes que se omitiram e que tinham obrigação de agir neste caso?

Como a tentativa de grampo ilegal (espionagem?) visava a Presidência da República, quem tem obrigação de adotar medidas contra a extrapolação das prerrogativas da procuradora xereta do MPDFT é a própria procuradora-geral do órgão, Dra. Eunice Carvalhido, após investigação do GSI/ABIN (para haver certeza de que não houve de fato interceptação de informações sigilosas) e denúncia formal do Procurador Geral da União Rodrigo Janot. Curiosamente, nenhum deles foi citado na reportagem. A única coisa que os juizes poderiam fazer neste caso é mandar de ofício que os respectivos Procuradores Gerais façam aquilo que é sua obrigação, quando todos sabem que eles não precisam de nenhuma manifestação formal e muito menos ordem de Joaquim Barbosa para tomarem providências. No mundo bizarro de alguns aí, só existem a oposição midiática "golpista" (Barbosa incluso) e o PT - e ninguém mais trabalha no Distrito Federal nem faz nada que não seja por ordem de algum desses 2 grupos.

Seu voto: Nenhum

Ai que preguiça..

imagem de Eudes Gouveia
Eudes Gouveia

Da próxima vez o Jânio desenha

Amiguinho,

O Jânio critica a falta de atitude depois, repito depois, do advogado do Dirceu colocar um técnico para descobrir as localizações das áreas que  MP pediu o rastreamento.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O "joaquim pode tudo" estamos

O "joaquim pode tudo" estamos vivendo num estado judicial, ele sabe que pode agir livremente, cometer toda especie de arbietrariedades e ilegalidades , pois ele nunca será punido, O seu atual "companheiro de afinidades políticas" Gilmar Dantas sabe  muito bem disso .

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de dirceu '
dirceu '

Isso é piada. Suspeita sem

Isso é piada. Suspeita sem nenhum fundamento. Barboza nunca será perdoado por colocar os mensaleiros na cadeia.

 

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de Marcos Ribeiro I
Marcos Ribeiro I

Já estamos no golpe.

Já vivemos uma espécie de "golpe branco" bem ao estilo brasileiro, covarde, sorrateiro, sem enfrentar ninguém. Não derrubam a presidente, mas ela faz um governo acuado, tutelado. A direita já está no poder há muito tempo e nós ficamos nos esgoelando defendendo o que já não pode mais ser defendido porque não existe mais. A presidente rasteja, pedindo clemência nos noticiários, quer maior demonstração de fraqueza e tibieza do que esta? Basta 5 minutos de Jornal Nacional para mudar qualquer decisão governamental. E agora criou-se um novo monstro que é o Judiciário. E outros virão, até que o PT seja apeado do poder pela total desesperança que este provocou na sua militância e a direita domine este País por mais 20 anos.

Seu voto: Nenhum
imagem de Carlos Lima
Carlos Lima

A JUSTIÇA, OS ARAPONGAS E ESCOLA DO CAHOEIRA, SERÁ?

O que ninguém ainda antenou é o seguinte, o BARBOSA vai manter o ZÉ DIRCEU preso para dar tempo aos ataques que o governo e estatais irão sofrer e esta sofrendo, isso é um plano estudado e combinado. O PLANO é separar as cabeças pensante da esquerda no poder ou seja o PT para dificultar os contra-ataques. O Plano é eleitoral não é de justiça. Essa tentativa de grampear os telefones do planalto é mais sério que o caso dos EUA, pois um subordinado praticou um crime e se foi mandado, foi a mando de quem. Se a mídia esta atras desse episódio e mais grave ainda, o histórico das câmeras no hotel e as arapongagens cachoeiristicas Veja é um indicativo de que isso seja possível, temos polícia descontrolada por melhores salários minando o governo para todo lado, isso também é grave, é descontrole gerencial, os traíras que estavam no governo saíram e deixaram portas abertas que indicam onde os sabotadores podem entrar  para jogar o governo na lama, o próprio  governo finge que não vê. E se esses grampos já estejam acontecendo a tempos, quem garante que não estava. Da forma que braços da justiça vem agindo há uma nebulosidade estranha e com ares de ilegalidade. O Povo quer uma resposta se a justiça realmente grampeou a presidência pois a justiça não manda avisos a quem é violado o direito de sigilo, basta apenas um pedido policial e que por sinal esta descontrolada, o ministério da justiça não controla a sua polícia, se presidenta não der uma resposta ao povo que pelo menos peça ao povo não falar ao telefone, pois telefone hoje é da polícia e da justiça é arma para bisbilhotice em escala até de ilegalidades perante a constituição, parece que  fraqueza continua.

Seu voto: Nenhum

O mais notável nessa avalanche

De agressões contra o governo que temos visto nas últimas semanas é o silêncio e omissão do próprio governo. Aliás, nem isso é notável, uma vez que a presidente imaginou que fazer uns afagos na mídia logo depois de eleita bastaria para lhe garantir 4 anos de tranquilidade.

Eu é que não vou perder meu tempo defendendo quem não se defende (e muitas vezes, sequer merece ser defendido), e só vou votar Dilma-2014 por pura falta de opção.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Que nem eu

O que está me deixando desiludido é a pasmaceira do PT. Não merece ser governo.

E da Presidenta esperava mais atitude. Aparentemente aquela Dilma que enquadrou o José Agripino se perdeu no trempo.

Nesta "crise" da imprensa contra a Petrobras, ela e o partido foram de um amadorismo impressionante. Eita!!

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O problema vem do norte.

Eu posso estar profundamente enganado, mas, eu tenho pra mim que Barbosa vem trabalhando para gente que fica acima da linha do Equador.

Seria interessante os amigos do site que tem mais acesso, verificarem se existe algum assessor ou pessoa próxima a Barbosa que venha se encontrando com esse pessoal.

E olha que torço para ser só uma paranóia da minha parte.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

JB Assas Corp.

Quais os negócios da JB Assas Corp? Quem são seus funcionários?

http://www.florida-companies-info.com/assas-jb-corp-1fpbb/

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Franbeze
Franbeze

Agora eu

me divirto com esse governo incompetente que acha que um golpe está fora de cogitação. E Lula ainda diz que não se arrependeu de ter escolhido o desequilibrado barbosa para ser ministro do stf. Não vejo ninguém criticando o Lula quanto a isso. Na verdade em volta do Lula só tem baba ovo achando que o mesmo só acerta. E para piorar o PT virou um partido de frouxos. Assim fica fácil um golpe da elite raivosa.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de ACdC
ACdC

Barbosa e a tentativa de espionagem.

Depois que informaram que Dilma solicitou ao vice da Globo piedade nos noticiários, A ser verdade, só resta informar que o grampo no Planalto está funcionando há muito.  A notícia acima seria então só para negar que ainda não há espionagem no Planalto.

Seu voto: Nenhum
imagem de Maria Izabel L Silva
Maria Izabel L Silva

A estrategia do governo e do

A estrategia do governo e do PT esta correta. Quando não existe espaço para defesa e contrainformação, é melhor esperar. Quem vai defender o governo e  PT contra todas essas patifarias do Judiciario? O Congresso?  Os "aliados"? A midia golpista? Querem que o PT sozinho comece a disparar, pra ser massacrado por todo e resto? E ai o batman do Judiciario vai ser tranformado em vitima e em heroi.É isso que querem? Manifestações de rua a moda da Venezuela? No dia seguinte vão acusar Dilma e o PT de estarem "dividindo" o pais, acirrando  o confronto e difundindo a violencia. Não é isso que fazem com o Maduro? O Judiciario é tão canalha, que se lambuza na  propria canalhice. Cadê a OAB? Nada. Nem uma so palavra contra as ilegalidades cometidas pelo STF. Estamos em ano eleitoral. Tudo que Dilma e o PT fizerem, sera jogado contra ela. Então é melhor acautelar-se. 

Seu voto: Nenhum
imagem de anac
anac

Quando o governo reage a

Quando o governo reage a altura acusam de estimular a baderna. O erro maior foi não ter lutado pela lei da midia. Bem que o governo Lula no primeiro mandato estve acuado com terrorismo midiatico, no segundo tambem com a tramitação do mensalão. Eleita  Dilma, ela foi submetida a mais terrorismo midiatico promovido pela Veja-cachoeira-demostenes e perdeu sete ministros no primeiros meses sendo um por causa de uma tapioca. Acrescentando que reforma nenhuma muito menos será feita com o Congresso fisiologista que ai está.

O povo se não quiser perder TUDO, ou seja, o pouco conquistado,  terám que fazer a  sua parte: dar maioria ao PT no Congresso em 2014 para que possa promover as reformas.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

E ele quer?

Essa é a minha pergunta: o PT quer continuar a ser governo? Aparentemente não. Quem mantem um ministro das comunicações apavorado com os concessionários e o da justiça na mão do Daniel Mendes... quer continuar a ser governo?

Seu voto: Nenhum
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Não adianta taparmos o sol

Não adianta taparmos o sol com a peneira. A responsabilidade maior é do Governo. Ele quem indicou o PGR, que manda no MP. Ele quem indicou os ministros do STF, que também poderiam neutralizar este caso. Ele quem não age, seja pelo Min. da Justiça, seja pela AGU, seja pela ABIN, seja no congresso ou mesmo pela própria Presidente, nos bastidores ou na mídia. Não adianta tirarmos a responsabilidade do Governo, é ele quem a tem e é ele quem vai sofrer as consequências se o caldo entornar mais ainda.

Estão usando uma estratégia política - ou falta de estratégia - de ficarem esperando para ver o que acontece. É opção.

Seu voto: Nenhum
imagem de Franbeze
Franbeze

É revoltante saber

que o Lula teve uma excelente oportunidade de ter escolhido ministros amigos para o stf e fez o contrário. Agora não adianta chorar, pois o golpe sempre será possível com o congresso, o judiciário e o PiG que são a favor da direitaz raivosa.

Seu voto: Nenhum
imagem de Franbeze
Franbeze

É revoltante saber

que o Lula teve uma excelente oportunidade de ter escolhido ministros amigos para o stf e fez o contrário. Agora não adianta chorar, pois o golpe sempre será possível com o congresso, o judiciário e o PiG que são a favor da direitaz raivosa.

Seu voto: Nenhum
imagem de anac
anac

A responsabilidade maior é do

A responsabilidade maior é do povo que votou em deputados e senadores fisiologistas, que não permitem as reformas necessarias e que vivem a acuar o governo com ameaças de CPIs para barganhar mais beneficios financeiros.

Os membros do MP e judiciario, incluindo STF, gozam das seguintes prerrogativas: inamovibilidade, vitaliciedade e irredutibilidade de vencimentos(subsidios).

Que são garantias da autonomia e independência no exercício de suas funções. Portanto, depois de escolhidos no caso do STF  ou concursados e nomeados Juizese promotores/procuradores, cumprido o prazo de estagio probatório, apenas por sentença penal transitado em julado podem perder o cargo.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Estão arquitetando um estado

Estão arquitetando um estado geral de anarquia pra sugerir um clima pre-64! A técnica é por demais conhecida; não vê quem não quer.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Isso é muito grave. O MP usar

Isso é muito grave. O MP usar de esperteza para bisbilhotar o Palácio do Planalto é agressão de uma instituição da repúblcia a um poder da república. Nem imagino o que seria vazado dessa espionagem para o pig. Seria uma fonte inesgotável para o desgaste permanente do governo até as eleições;

Alguém responsável pela defesa instituciobnal da presidencia da república tem que chamar às falas essa promotora. Imediatamente. O pessoal que está lá ocupando o governo por escolha do povo, afinal de contas tem algum poder ou não?

 

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Juliano Santos

imagem de PauloBR
PauloBR

Tenho uma desconfiança.

Tenho a desagradável sensação de que o cerne da evidente mutreta está em ter sido pedida a quebra de sigilo telefônico do Palácio do Planalto por DEZESSEIS dias, quando a tal suposta ou fictícia ligação noticiada pela Folha teria ocorrido em dia sabido - 6 de janeiro. E a tal ligação não teria sido feita entre a Papuda e o Palácio do Planalto, ao que consta da "reportagem" da Folha.

Suspeito que alguma pessoa no Palácio do Planalto - talvez a própria Presidenta - tenha sido espionada nesse período. Assim, a quebra de pedido pedida a pretexto de verificar se houve ou não contato telefônico com José Dirceu, mais adiante seria utilizada como a desculpa para o vazamento de informações obtidas por meio da espionagem, feita antes do espantoso pedido de quebra de sigilo aqui comentado.

Em tempos de Obama, Cachoeira e outros, me parece manos implausível essa hipótese que eventual erro material da orientanda, perdão, da promotora.

Seu voto: Nenhum
imagem de Sérgio Lamarca
Sérgio Lamarca

Mais um caso de espionagem.

Pergunta que não ofende ninguém? Cadê o diretorzinho de merda que comanda a tal da ABIN?  Pode ser quem seja, está faltando inteligência ou carater a essa turma que se diz da "Inteligência" do governo. Daqui a pouco um boy da Oi consegue grampear o governo. Um bando de incompetentes.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Acovardados.

Acredito que esse pessoal morre de mêdo da mídia atucanada,por isso estão sempre acuados.Lembram de uma reportagem da Rede Record que mostrava um menino maior e mais forte que sofria booling de um menor e mais fraco que era incentivado pelos colegas? Talvez um dia descubram que o atual governo foi eleito pela vontade da maioria da população e quem sabe,façam como o menino citado,pegou o mais fraco,levantou-o e o nocateou.O até então valentão levantou,colocou o rabinho entre as pernas e se mandou junto com os que o incentivava.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Mas foi tão fofa aquela

Mas foi tão fofa aquela arapongagem da Globo filmando a Dilma brigando com a operadora de telefonia! Terá sido um teste do alcance?

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Zanchetta
Zanchetta

Jânio de Freitas virou do

Jânio de Freitas virou do bem?

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de AlvaroTadeu
AlvaroTadeu

Um idiota incomoda muita gente, dois...

Perdi a paciência vcom esse terrorista boçal que usa o apelido de Zanchetta. Minha última assinatura da Folha foi apenas para continuar a ler a coluna de Mestre Jânio de Freitas. Esse jornalista é um homem decente, suas opiniões são movidas pela sua integridade moral, nunca em agradecimento a convites para festinhas, viagens e informações de cocheira. Nassif, enquanto você permite coxinhas assalariados do PSDB a dizer essas barbaridades a gente tende a fugir do blog. Que lástima!

Seu voto: Nenhum (12 votos)

A INSUBORDINAÇÃO E A QUEBRA DE HIERARQUIA NO JUDICIÁRIO E NO MP

A INSUBORDINAÇÃO E A QUEBRA DE HIERARQUIA NO JUDICIÁRIO E NO MINISTÉRIO PÚBLICO

Tornou-se fato sabido e confirmado que uma promotora do Distrito Federal solicitou quebra ampla, geral e irrestrita de sigilo telefonico do Palácio do Planalto.

Assim, o Ministério Público, através de um dos seus membros, atenta e comete um crime contra o Estado Brasileiro, ao solicitar quebra de sigilo da Presidência da República sem amparo funcional e legal para isto, e sabendo, por dever de ofício, que apenas ao Procurador-Geral da República é dado o poder de investigar a Presidência da República, nos limites estritos da Constituição e das Leis.

O Poder Judiciário, através de um dos seus juizes, sabedor, por dever de ofício, da flagrante ilegalidade e inconstitucionalidade do pedido, em vez de repeli-lo, chamar a atenção e denunciar a tentativa de crime contra o Estado Brasileiro por parte do membro do MP, ignora a tentativa criminosa e criminosamente dá sequencia legal ao pedido, encaminhando-o ao Presidente do Supremo Tribunal Federal.

O Presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa, sabedor, por dever de ofício, da flagrante ilegalidade e inconstitucionalidade do pedido, não toma as atitudes a que é obrigado, pela Lei e pela Constituição, de rejeitá-lo de imediato, repreender o juiz da VEP e ordenar que seja investigado, e solicitar do Procurador-Geral da República, Chefe do Ministério Público, a imediata investigação da quebra de hierarquia do membro do MP em questão.

O mesmo ministro Joaquim Barbosa, que há pouquíssimo tempo aprovou a insubordinação e quebra de hierarquia praticada pelo mesmíssimo juiz da VEP, ao questionar diretamente um Governador, poder atribuído pela Constituição apenas ao STJ e ao STF, no Poder Judiciário. E que, inclusive, mandou arquivar o procedimento disciplinar aberto no TJ-DF contra este juiz da VEP, incentivando assim a insubordinação e quebra de hierarquia no Poder Judiciário.

O Chefe do Ministério Público, o PGR Ricardo Janot, não demonstra ter tomado qualquer iniciativa contra o membro do MP que, insubordinando-se e quebrando a hierarquia do MP, arvorou-se as funções do próprio PGR numa tentativa de crime contra o Estado Brasileiro, nos seus três poderes constituintes. Detentor da iniciativa penal, tampouco toma atitudes contra o juiz da VEP, e nem mostra que tenha, pelo menos, solicitado informações a respeito do TJ-DF e do Supremo Tribunal Federal.

A Presidência da República e o Congresso Nacional, talvez aguardando as iniciativas claramente devidas pelo Poder Judiciário e pelo Ministério Público, se mantêm em silêncio.

Fica a pergunta: o Presidente do STF, ministro Joaquim Barbosa pode, impunemente, abrir as portas da anarquia, ao aprovar a insubordinação e a quebra de hierarquia no Poder Judiciário e no Ministério Público ? 

Seu voto: Nenhum

Francisco de Assis

imagem de JoaoMineirim
JoaoMineirim

Não consigo entender a

Não consigo entender a postura do PT. Se é por estratégia que mantém o silêncio para todo tipo de ataque, se é por medo de ser deposto do poder ao enfrentar "os fatores reais" de poder, ou outro motivo que meus poucos conhecimentos não me permitem compreender.

O que tenho visto e entendido é que o PT está acuado, age como o culpado que reconhece o erro e aceita o castigo. Essa falta de enfrentamento tem incentivado os covardes a atacarem cada vez mais, qualquer um tem coragem suficiente para chutar cachorro morto. Se no início, a estratégia era evitar aumentar a polêmica e não dar palanque para a oposição, agora, a minha impressão, é de que tudo pode ser feito contra o PT. O seu silêncio é sua confissão de culpa. Se por um lado, ele ainda tem a maioria nas urnas, por outro a sua imagem que está sendo criada é a pior possível. E a cada dia que passa, mais pessoas têm se convencido de que o PT é a pior coisa que já aconteceu no Brasil.  

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Eles se pensam muito espertos

O Palacio do Planalto reagiu ? Pretende soltar uma nota ou até mesmo uma rapida coletiva com o Ministro da Justiça ? Não ? Entendo a estratégia de levar até as eleições e esperar a saida do oportunista do JB da presidência do STF, mas tem limite para tudo. 

 

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Manoel Pinheiro
Manoel Pinheiro

Coloca a foto da meliante pra

Coloca a foto da meliante pra gente ver sua face.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Eu não estou aguentando mais

Eu não estou aguentando mais ver o pessoal do blog falar em reformas. Se nem as  leis atuais  são cumpridas ? A oposição adora dizer que no nosso sistema presidencialista, o executivo é o "forte". Onde? Quando? Qualquer juizinho e promotorzinho, governador e até vereador , passa por cima da lei sem o menor escrúpulo e fica por isso mesmo? As entidades que deveriam zelar tb, se acovardam. Será tudo medo da imprensa, ou somos um país de covardes, como sempre, com raríssimas exceções. Desculpem o desabafo, ando um tanto extressada.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

lenita

imagem de Jossimar
Jossimar

Sim, somos um país de

Sim, somos um país de covardes. Por isto temos a imprensa e instituições que merecemos.

Até um idiota enxerga as ilegalidades que este capitão do mato junto com alguns capangas estão cometendo diuturnamente e ninguém tem peito de se manifestar. TODOS SE BORRANDO DE MEDO DA MIDIA. 

Onde iremos parar se um setor não eleito e que não representa os interesses do páis manda e desmanda em tudo?

Este STF é uma vergonha e não somente este excremento que é seu presidente. Tem mais dez lá e não vejo ninguém piar contra os desmandos deste aloprado.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Iara G
Iara G

Sendo verdade, que mal intencionado este senhor

E ainda quer que Deus decida se ele será candidato à presidência da república. É com esta visão de desrespeito pelo cargo dos outros e pelo seu próprio, que ele deseja entrar na política?

Oh, pobre Brasil, destinado à constante degradação de seus valores e de sua história. Como temos personagens pobres, dai uma pobre história que ninguém quer contar.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Enfim, os objetivos da

Enfim, os objetivos da patranha do consórcio Mídia/MPF/STF vão ficando claros; acho que pensaram que seria mais fácil... O golpe era para ter morrido na AP 470, antes dos infringentes, ou melhor, sem eles. O plano B, não parece ter sido muito bem elaborado, não. Partiram para o vale-tudo; encancaração total.

Seu voto: Nenhum (8 votos)

"Deixa ver se aqui posso?" -

"Deixa ver se aqui posso?" - Eu

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Hélio Jorge Cordeiro

"Ôpa, aqui pude, mas no outro

"Ôpa, aqui pude, mas no outro poste fui vetado, uai!"  - Eu Ainda

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Hélio Jorge Cordeiro

"Só por que quis falar da

"Só por que quis falar da ABIN - Associação Brasileira de Inoperância." Eu Com Meu Direito.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Hélio Jorge Cordeiro

imagem de Edmar
Edmar

Qualquer um que acompanhe os

Qualquer um que acompanhe os passos desse Joaquim Barbosa e sua Gang em Brasília, sabe que eles têm informação de que alguém de dentro da Papuda (talvez a mando deles mesmos) ligou pra alguém no Palácio (qualquer faxineiro serve) e apenas queriam "confirmar" "oficialmente" que ocorreu a ligação (não importa quem falou com quem nem o que foi dito). Aliás, o que foi dito já deve ter-lhes sido informado pelo irmão lá do Norte (CIA e Cia.), onde o Joaquim Barbosa deverá morar brevemente. Afinal já "ganhou", bem baratinho, uma residência em Maime e o visto de residente tá garantido pro momento oportuno (talvez novembro de 2014, quando, perdida a eleição, não terão mais finalidade pra ele por aqui). É mais uma tentativa de USAR O 'MENTIRÃO' EM AO MENOS MAIS UMA ELEIÇÃO. Se não der certo, tentarão com a Petrobras. Vai que cola! 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Quando se fecha o espaço para a Justiça

Quando se fecha o espaço para a Justiça, abre-se o espaço para a violência. Mas os direitos sempre serão, de um modo ou de outro, reivindicados.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Affon

imagem de Martins Andrade
Martins Andrade

DO BLOG MARTINS ANDRADE E

DO BLOG MARTINS ANDRADE E VOCÊ

ONDE E A QUEM PEDIR JUSTIÇA?

Golpes, no Brasil, tem sido uma história dentro da história.

Também pudera, uma nação formada por um povo onde sua minoria sempre gozou de regalias institucionais e constitucionais, que sempre se pautou pela dominação, haja vista o tempo recorde de escravidão que essa nação passou, e parte de seu povo viveu, não se deixará levar por cantilenas jurídicas e morais, para perder seu poder de influenciar o quotidiano desse país.

A nação brasileira vive a influencia de duas eternas atitudes: uma, quando quem está no poder, faz parte daquela minoria, que se acostumou a pautar os rumos da nação conforme suas conveniências; outra, quando eles estão apeados do poder pela vontade do povo.

Num e noutro caso, a vontade democrática sempre perdeu.

Quando aquela minoria está no poder, o país é pintado com  cores  de arco-íris por uma mídia, que camufla dados, esconde informações e superestima irrelevâncias porque todos são amigos.

No poder, o pequeno círculo de amigos é tratado com a regalia dos semi-deuses a vagar num céu de brilho intenso e estradas límpidas e chão firme.

Embora todos findem seus períodos ricos, mas muitíssimos ricos do que quando entraram, isso não muda o tratamento da mídia amiga para com eles.

Quando estão fora do poder, tratam a massa dirigente com desdém, e o país passa a ser dirigido por uma escória política. O céu dos que não fazem parte daquela minoria, está sempre apresentando nuvens carregadas e o mar é de lama.

A mídia amiga se encarrega de inverter o processo e o tratamento é desigual.

A luta da minoria é no sentido de apear do poder a vontade do povo: os democraticamente eleitos.

Para isso contam com todos os segmentos representativos, imiscuídos dentro da minoria. E lá estão: militares, juízes, promotores, e mídia. Todos numa salada,  servida no prato da  desobediência  constitucional.

Os exemplos não são poucos, nem são incomuns. Fazem parte do quotidiano dessas pessoas.

Vejamos dois casos bem recentes para não termos que remontar no tempo, motivações para golpes contra as instituições democráticas desse país: o caso da AP 470, ou como ficou conhecida: O Mensalão.

Naquele caso, um ente da justiça, o Procurador Geral da República, Antônio Fernandes,  pertencente àquela minoria, colocou no processo o termo “quadrilha”, mesmo sabendo, que pelo conceito jurídico, aquele termo ali não se aplicava. Mas ele colocou. E qual seria a implicação jurídica, caso o termo fosse aceito pelo Supremo? Ora, se o mensalão foi uma compra de votos e apoio político, quem se beneficiou, direta ou indiretamente, dos atos da “quadrilha”, deveria ser apenado. Atingiria o cerne do governo, ou seja, a Presidenta Dilma Rousseff. Bastaria qualquer pessoa entrar com um processo de impedimento para a minoria ver a vontade popular, ou 60 milhões de votos na lata do lixo. A Presidenta seria cassada!

O segundo caso é muito atual, mas a mídia sequestra a informação, e repassa ao cidadão, coisas que nada tem a ver com a situação de risco que nossa democracia acaba de correr.

A Promotora de Brasília, Márcia Milhomens Sirotheau Corrêa, que está cuidando da suposta regalia que o preso José Dirceu está tendo na prisão, pediu a quebra de sigilo de telefonemas dados entre a Papuda e Salvador, Bahia. A quebra de sigilo era para saber se realmente um secretario do governo da Bahia teria telefonado para José Dirceu, na Papuda, em Brasília. O tal telefonema tem data: 06 de janeiro. Contudo, a promotora, que faz parte daquela minoria, não se interessou só pelo dia 06. Ela pediu a quebra de sigilo telefônico entre os dias 1º e 16 de janeiro, e sorrateiramente, incluiu entre os investigados o Palácio do Planalto, quando delimitou a área a ter o sigilo quebrado.

A Promotora  Márcia Milhomens Sirotheau Corrêa incluiu entre os investigados a ter seu sigilo quebrado a Presidente da República Dilma Rousseff.

Não se sabe mais o que a minoria política brasileira, que faz oposição ao governo, é capaz de tramar e fazer.

O pior de tudo é saber que atos inconstitucionais estão sendo praticados por quem, de fato e direito, tem a obrigação de evitá-los.

E muito mais grave, atos ilícitos praticados por quem ocupa um posto jurisdicional, que fez um concurso público para exercê-lo.

Se a justiça trama contra a constituição e o direito, utilizando subterfúgios indecorosos e imorais, onde e a quem vou gritar, pedindo justiça?

 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

" Se a justiça trama contra a

" Se a justiça trama contra a constituição e o direito, utilizando subterfúgios indecorosos e imorais, onde e a quem vou gritar, pedindo justiça?"

Esse é o problema; é o Judiciário na figura de sua mais alta Corte , que está armando pra cima da sociedade; não estão armando para o Zé Dirceu, tão armando pra cima da gente, via Zé Dirceu. Como fazê-los parar e, principalemnte, pagar pelo que estão fazendo é o desafio. O " parar" não é, exatamente, o problema, desde que se peceba que não devemos cumprir decisões de uma Corte viciada; a questão é quem imporá sanções aos envolvidos na tentativa de golpear a Nação.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Na verdade tudo isso é um

Na verdade tudo isso é um detalhe num esquema global de controle e manipulação da informação, conforme denunciado por Edward Snowden. Atuam juntos, a mídia e os serviços de inteligência norte-americanos, ingleses e australianos. Ojetivo: manter rodando um sistema que obviamente está levando o planeta para o naufrágio.

Está na hora de pensar em algo drástico, parar de olhar para o lado esperando atitudes do outro ... 

Seu voto: Nenhum (9 votos)
imagem de Fulvia
Fulvia

Pode botar na conta do Lula,

Pode botar na conta do Lula, pois nomeou esse homem pelo critério de cor e raça, jamais pelo notório saber jurídico. 

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de Cézar II
Cézar II

Espionagem Clouna do Jânio de Freitas

"Quem cala consente", diz o ditado popular. Se Dilma, Lula e o PT mantem-se silentes, das duas uma: tudo que falam contra eles é verdade ou morrem de medo da direita (mídia, judiciário, MP etc).

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de Ale M.
Ale M.

cachorro que late, não morde.

cachorro que late, não morde. diz outro ditado popular... ;-)

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.