fbpx
sexta-feira, janeiro 24, 2020
  • Carregando...

    Xadrez das falsas expectativas para a economia, por Luis Nassif

    Para medir a economia, o que conta efetivamente é a economia real, produção e massa salarial.

    TV GGN: opinião do Nassif

    TV GGN: Xadrez da radicalização política, por Luis Nassif

    A radicalização avança nas instituições e nada garante que vá refluir

    Destaques do dia

    Damares usa sífilis, doença prevenível com camisinha, para justificar abstinência sexual

    Ministra também defende que a juventude espere "amar de verdade" uma pessoa, antes de ter relação sexual com ela

    Deputado protocola representação criminal contra Alvim por vídeo nazista

    Representação também pede a devolução aos cofres públicos dos recursos gastos com o vídeo de estética nazista

    Coluna econômica

    Luis Nassif

    Raio X do Comércio em novembro: o vôo de galinha da economia, por Luis Nassif

    Depois do factoide do crescimento de 9,5% nas vendas de shoppings, o setor encara a realidade

    Últimos Conteúdos GGN

    Poemeto adaptado para um Brasil bolsonazista, por Wilson Luiz Müller

    Quando os bolsonazistas vieram buscar os aposentados, / eu não fiz nada porque não era um aposentado comum.

    Imagem, por Wilson Ramos Filho

    Ser brasileiro, em passado recente, era motivo de orgulho para quem viajava. Hoje causa vergonha e constrangimento.

    Frente Ampla para derrotar o arbítrio. É pouco?, por Ricardo Cappelli

    Como será um Bolsonaro aclamado por uma reeleição? O Capitão estava brincando quando insinuou um terceiro mandato? Moro na vice será o sucessor de um projeto de 16 anos?

    Regina Duarte, a cotada para a Cultura, tem pendências por Lei Rouanet

    Em março de 2018, o Ministério da Cultura não aprovou a prestação de contas de um dos projetos, a peça Coração Bazar, que captara R$ 321 mil.

    EUA voltam a menosprezar discurso de Greta Thunberg

    Secretário do Tesouro manda menina “estudar economia” ao ser questionado sobre abandono de combustíveis fósseis; por outro lado, príncipe Charles elogia posicionamento da adolescente

    O histórico de investimentos BNDES-JBS, criminalizado por Bolsonaro

    Durante governos do PT, BNDES apoiou a expansão de empresas brasileiras no exterior. Neste contexto, fez investimentos bilionários na JBS, chegando a controlar mais de um terço das ações da empresa

    Governo Bolsonaro aumentou valor da auditoria no BNDES em 25% e não encontrou nada

    Primeiro, foram gastos 14 milhões de dólares para começar a auditoria. Em outubro de 2019, um aditivo foi assinado e o custo subiu mais 3,5 milhões de dólares

    Assista: #LavaJatoLadoB – EPISÓDIO 2 – Do Banestado à Lava Jato

    Capítulo aborda a evolução da cooperação jurídica entre as autoridades brasileiras e norte-americanas. Sergio Moro e outros agentes da Lava Jato participaram das duas operações

    ABJD pede afastamento de Deltan e diz que CNMP não pode se pautar pelo corporativismo

    A Associação lembra que o Conselho vem arquivando sistematicamente representações dos Juristas e de outros autores.

    Rainha da Inglaterra dá aval, e finalmente o Brexit vai acontecer

    Saída do Reino Unido da União Europeia está oficialmente programada para 31 de janeiro, mas as negociações não prometem ser fáceis

    Centrão e Rodrigo Maia querem revisar participação do PSL em postos-chave

    O Centrão defende uma redução expressiva do papel do PSL na Casa. Hoje, o PSL está com três comissões – CCJ, Relações Exteriores e Fiscalização Financeira – e tem 79 assentos nos colegiados.

    Vídeos

    TV GGN: a Lava Jato, a torre da OI e o caso do sítio de Atibaia

    Como a mídia transformou tais casos em operações suspeitas
    video

    TV GGN: a guerra mundial entre Witzel e Bolsonaro

    As linhas de investigação em torno do assassinato de Marielle, o envolvimento dos Bolsonaro e a troca de farpas com Witzel

    TV GGN: Witzel, o genocida, é o responsável pela morte de Agatha

    PM que atirou confundiu uma esquadria de metal com um fuzil. Ambos, ele e Agatha, são vítimas da política genocida de um governador sociopata

    Porque estrangeiros não se habilitaram aos leilões do pré-sal, por Luis Nassif

    Mudanças no mercado internacional e insegurança jurídica e política estão entre principais motivos