Revista GGN

Assine

Corrêa promete denunciar 100 políticos à Lava Jato, incluindo Aécio, Wagner e Rebelo

Jornal GGN - Condenado a 20 anos de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro na Petrobras, o ex-deputado Pedro Corrêa, que já liderou o Partido Progressista (PP), elabora termo de acordo de colaboração premiada com as autoridades da Lava Jato, em troca da redução de pensa para um ano e meio, e pagamento de multa de R$ 4 milhões. Ele foi acusado de receber cerca de R$ 11 milhões do esquema na Petrobras.

Segundo informações da Folha de S. Paulo deste domingo (10), Corrêa, para obter as vantagens da delação premiada, deve entregar à Lava Jato uma lista de cerca de cem políticos que devem ser investigados, incluindo entre eles o senador Aécio Neves (PSDB) e os ministros Jaques Wagner e Aldo Rebelo.

Folha não revelou quais as cartas que Corrêa supostamente teria em mãos contra Aécio e os titulares do governo Dilma Rousseff (PT). Apenas destacou que, mais uma vez, o "braço direito" da presidente é mencionado no âmbito da Lava Jato.

Desde o início do ano, quando passou a ser classificado como "porta-voz" informal do governo, Wagner vem sendo alvo de reportagens feitas com base em vazamentos seletivos de informações.

Na primeira, publicada pelo Estadão, o ex-governador da Bahia aparece trocando mensagens com o empresário Léo Pinheiro, da OAS, preso na Lava Jato. O jornal escreveu que Wagner angariou doações eleitorais para a campanha do PT em Salvador em 2012 junto à empresa e, em 2014, passou a ser cobrado por executivos que teriam interesse em liberar recursos de um convênio que envolve o Ministério dos Transportes. O teor da denúncia dá conta de que Wagner atuou em benefício da OAS em troca de doações privadas.

Um dia depois, o ministro foi citado em reportagem sobre a delação de Nestor Cerveró. O ex-diretor da Petrobras teria dito à Lava Jato que Wagner recebeu doações ilegais em 2006, quando foi eleito governador da Bahia.

Contra Aécio, a Folha reeditou a denúncia de Carlo Rocha, entregador de dinheiro do doleiro Alberto Youssef, que disse em delação que, em 2013, levou R$ 300 mil a um diretor da UTC, que lhe disse que o valor iria para tucano. Aécio nega e não quis comentar a reportagem, assim como Wagner e Rebelo - que até então não havia sido mencionado na Lava Jato.

Média: 3.4 (8 votos)

Recomendamos para você

29 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de V. Lara
V. Lara

O saudoso Rap do mentiroso

https://youtu.be/7I6DG31Kvgs

Seu voto: Nenhum
imagem de Fábio Pereira Veloso
Fábio Pereira Veloso

Já pode pedir música no fantástico!

Se o Aécio for denúnciado, ele já pode pedir música no fantástico.
Afinal já será a terceira vez.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Enquanto não sobrar para o


Enquanto não sobrar para o Ciro Gomes tá tudo bem.

Levo uma fé que esse cara pode apesar de seu historico de passionalidade, tirar a gente dessa situação catastrofica.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

leonidas

imagem de Praxedes
Praxedes

PSDB de SP pretende entregar Aécio Neves aos urubus

Cabra bom de memória, esse tal de Corrêa. Se lembra do nome de cerca de 100 políticos, inclusive do nome de Aécio Neves. 

Para o PSDB de São Paulo, a Lava Jato não pode parar, mesmo que a cabeça do Aécio Neves seja cortada. Ele ficou pesado de mais para ser carregado, certo? Tenho pra mim que o PSDB de São Paulo (Alckmin, à frente) vai aproveitar a delação de Corrêa para alijar definitivamente o Aécio da corrida presidencial de 2018. O Janot a essa altura do campeonato já deve estar amolando o facão. 

Mas o Aécio ainda pode se safar se fizer um acordo com o Alckmin e com o Serra. Depois da saída do Aécio da corrida presidencial, a briga será entre o Alckmin e o homem da Chevron. 

Depois vem o Eduardo Cunha, o futuro delator premiado, que vai negociar com o Moro uma lista contendo uns 500 nomes, incluindo nomes de juízes. No final, só eu e os delatores vamos ficar fora da cadeia. Eu, por nunca ter trabalhado na Petrobras e nem ser "amigo" de Eduardo Cunha (graças à Jesus.com ele não sabe o meu nome). Os delatores, por terem finalmente destruído o Brasil. 

Quem viver verá.

Seu voto: Nenhum

"Não vai ficar pedra sobre

"Não vai ficar pedra sobre pedra." ( Dilma Roussef,2014 )

Seu voto: Nenhum

"Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

Se incluir na delação Aécio

Se incluir na delação Aécio Neves, e conseguir provar o que diz, já está de bom tamanho.

Os 99 restantes, sejam de que partidos forem, que se lasquem juntos.

Agora, o que não pode é livrar  a cara do Aécio, como vem acontecendo.

O PSDB/Aécio, tem que serem desmascarados para o país ter paz.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Consagre os seus sonhos e projetos ao Senhor, e eles serão bem sucedidos, creia.

gAS

imagem de Josiel Nunes
Josiel Nunes

A Lava Jato é uma operação

A Lava Jato é uma operação orquestrada pela mídia a serviço das potências estrangeiras e seus delatores são mentirosos contumazes. É um absurdo misturar um bandido descarado como Aécio com políticos íntegros como Wagner e Rebelo, que jamais misturaram interesses públicos e particulares e sempre mantiveram um relacionamento de mais elevada transparência e ética com empresários. Espero que mais e mais diálogos sejam vazados para a imprensa no futuro a fim de que seja comprovada de uma vez por todas a inocência deles e de outros petistas injustamente massacrados hoje, e que sejam desmascarados de uma vez por todas os tucanos. Vamos Moro, MPF, o que estão esperando? Vazem mais! Não temos medo!!

Seu voto: Nenhum (2 votos)

E o PGR ?

Nada ! Fazendo a sua parte, simplesmente.

Seu voto: Nenhum (8 votos)

lenita

Vale tudo!

E ainda estão ressucitando até Marcos Valério...Vale tudo!

Moro é o "Professor Pardal" da Justiça tupiniquim.

Seu voto: Nenhum (12 votos)

Cansa...

Pelo incessante bombardeio do noticiário cotidiano, observamos que, desde a sua deflagração em março de 2014, a Lava Jato  hoje, resume-se então, somente a isto, a uma operação de 2.000 delatores e 400.000 vazamentos, e com poucas,  pouquíssimas pessoas detidas.

Segundo essa mesma grande midia, a roubalheira seria da grossa, coisa de 'nunca antes neste pais", na casa dos bilhões, tudo coordenada (pasmem) por um único operador-doleiro. E por coincidência, olhem só, velho conhecido da República do Paraná", do juiz da causa e oh surpresa, do PSDB (!!!). Pequena pausa para sorrir...

E que, apesar de classificada como a maior esquema de corrupção da história do Brasil (e quizá do Universo), gente presa que é bom só alguns gatos pingados (ou bodes expiatórios). Quantos? 15, 20? E desses, em prisão domiciliar ou com tornozeleiras, quantos? 1/2 dúzia?

Tesoureiro de partido preso só o do PT. Sintomático de parcialidade não? Pois é. Pelo visto, era o único incauto a levar mochila para carregar o dinheiro em espécie...

Agora, ressucitam mais um delator que falará qualquer coisa que vire escandalização nas manchetes a troco quizá, de uma prisão domiciliar. E "la nave va..."
Aonde mesmo assino meu Atestado de Otário? ou de midiota que no fundo, é a mesma coisa...

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Pois é!

Depois dessa temporada nefasta o Brasil precisa urgentemente rever a posição histórica de Joaquim Silvério dos Reis.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

FORA TEMER

Arte é Luz - União e Olho Vivo

imagem de sabra arad
sabra arad

Delação ou lavagem e dinheiro

Delação ou lavagem de dinheiro. Curioso uma multa de 4 milhoes para um ganho de 11 milhões. Tudo isto para dar uma lista de cem políticos, que após " vazamento involuntário", chegou  a imprensa. Obviamente o foco principal é Wagner, pois se existe um cargo maldito este é sempre o de braço direito  da presidência. Assim foi o fim de Paulo Cesar Farias, de  Sergião , e de José Dirceu. Agora Wagner. Dilma na casa civil escapou, por não ser política, mas os outros não vão escapar.  

Mais uma vez nós temos um vazamento seletivo feito num timing impressionante. Eu ingenuamente  pensaria até que houve um planejamento. No momento o que mais me chama atenção é que o nome de Aécio Neves tem aparecido em todos os vazamentos. Meu espanto  não é que não suspeite e muito da figura, meu espanto é que de repente  o nome de Aécio é  mais uma vez vazado. Me parece que o PSDB já tem dono  de novo e trabalha para a Chevron.

E muito interessante uma lista de cem políticos. O número é espetacular, assim como a dificuldade de verificar as provas contra um número tão grande.  Em um processo judiciário comum  esta delação deveria  ser mantida em sigilo total, pois demandaria muito tempo  para se investigar a veracidade e as provas ou documentos apresentados.  Na verdade se deveria formar uma nova força tarefa para investigar  apenas esta delação.  Porém para um judiciário midiático 100 nomes poderão gerar dezenas  e dezenas de colunas na secção erramos, após centenas de manchetes na primeira página.

Afora isto, o simples número de 100 políticos me faria  pedir uma nova eleição para a Camara de Deputados e Senado. No entanto o foco do PIG é o impeachment da presidente. Isto é ridiculo.

Seu voto: Nenhum
imagem de Edi Passos
Edi Passos

Pois é,

o bandidão confessa que roubou 11 milhões (deve ter sido pelo menos dez vezes mais), devolve 4 e, enquanto tira sarro dos "delatados", vai gastar os outros 7? É nisso que virou nossa justiça?

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de altamiro souza
altamiro souza

bandidos dedurando tudo e a

bandidos dedurando tudo e a todos para minimizar

o tempo que ficarão na prisão....

um tempo muito estranho de perseguições a política e aos políticos.

a banca da financeirização, vanguarda da espoliação, agradecce...

pode assumir o poder como assumiu em alguns países da europa...

a banda reacionária, retrô, nem prcisa agradecer...

seus conluios já fazem parte do   esquema da direita golpista.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

O Brasil, respeitadas as

O Brasil, respeitadas as proporções, está parecendo a União Soviética da década de 30. A base de comparação, obviamente, não são os modelos, mas sim o "clima" de medo e instabilidades na área política face essa onda de delações e perseguições. 

Qualquer ação é de pronto interpretada como dolosa. Práticas corriqueiras no mundo político-empresarial, a exemplo do lobby, são motivo para suspeitas e até denúncias. Os orgãos de repressão(Polícia, Ministério Público e Judiciário) ganharam status de "Hércules". O PT para eles representa o que foram as "estrebarias de Aúgias" para o herói grego. 

 

Seu voto: Nenhum (13 votos)

JB, acho que está mais para macarthismo.

Ou, será que vai ser conhecido como "morocarthismo"?

 

Seu voto: Nenhum (6 votos)

DILMA DE VOLTA E ELEIÇÕES GERAIS PARA ESSE CONGRESSO GOLPISTA!

DIRETAS JÁ É CHANCELAR O GOLPE!

imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

Se o judiciario aceitar

Se o judiciario aceitar delacao premiada DEPOIS de condenacao, ta abrindo as portas pro inferno.  Que eu me lembre, nos EUA so existe esse tipo de coisa quando ninguem sabe onde esta o corpo assassinado exceto o assassino.  Mesmo assim, isso nao influi na pena, so se tira a pena de morte da mesa.

Pra que serviria uma condenacao se eh porta aberta a OUTRA condenacao mais leve?

Seu voto: Nenhum (9 votos)
imagem de Marco Vitis
Marco Vitis

Fascismo é o nome dessa política

IVAN

Uma condenação de 20 anos é justamente para que o condenado resolva denunciar outros (com provas ou não) para receber como benefício a redução da pena.

Faz parte da estratégia de Sergio Moro, que é quem dá a sentença.

O condenado sabe o que o grupo fascista do Paraná deseja e denuncia no sentido do que é desejado.

São instituições do Estado (PF, MP e Justiça) usados para fins de perseguição política.

Seu voto: Nenhum (13 votos)

Dosimetria

Sérgio Moro, ou qualquer outro juiz, estabelece a pena prevista pela lei. Não inventa pena.

A peça condenatória, que descreve a pena, pode ser objeto de apelação às instâncias superiores, podendo até mesmo anular o julgamento.

 

Seu voto: Nenhum (5 votos)

"Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

imagem de Edi Passos
Edi Passos

Não,

o "juiz" Sérgio Moro preside o inquérito, manda prender preventivamente ad perpetuam, orienta a denúncia e depois julga. Ou seja, ele já tem a pena na cabeça antes do processo começar.

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

"Sérgio Moro, ou qualquer

"Sérgio Moro, ou qualquer outro juiz, estabelece a pena prevista pela lei. Não inventa pena":

Nao so eh mentira como ele inventou uma pena de 20 anos de...  house arrest, nao sei o nome em portugues e se alguem postasse um link de documentacao eu agradeceria muito.

Seu voto: Nenhum (9 votos)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

Concordo, mas...

Isso ridiculariza e indignifica ate o ato de se sentenciar alguem.  Como juiz se submete a isso?!?!

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

Eh de cair o queixo!

Desisti de ler de cara, o o item tem um erro tecnico espantoso:

Ele vai fazer acordo de "delacao premiada" DEPOIS DA PROPRIA CONDENACAO.

Isso nao existe.

Seu voto: Nenhum (12 votos)

Vale tudo!

Estão ressucitando até Marcos Valério...Vale tudo!

Moro é o "Professor Pardal" da Justiça tupiniquim.

Seu voto: Nenhum (12 votos)

É incrível como a mídia porca

É incrível como a mídia porca deste país não consegue dar uma notícia negativa do menininho maluquinho sem colocar alguém ou alguns junto para minimizar o impacto.

A insistência com que o nome do menininho maluquinho tem aparecido,por si só,já deveria,por prudência,fazer com que a mídia porca deste país o investigasse com mais precisão.

Disse prudência? Esquece. A mídia porca deste país não conhece esta palavra quando trata-se de proteger os seus.

Seu voto: Nenhum (10 votos)

Falando nisto....

Onde anda o "padrinho de casamento " do sr. senador mineiro ? Foi preso somente para disfarçar a prisão do Senador Delcídio e logo depois solto ? Só pode... Essa justiça brasileira nem disfarçar sabe mais  repetindo o mesmo esquema sempre e talvez nem precise mesmo, já que são a lei. "Ora a lei", nós temos a força e as costas quentes e mt bem protegidas.

Desânimo total ! Só dão 3 dias de refresco. Agora o novo Judas é o Jacques Wagner, pois estava se saindo mt bem. Então o Moro grita : Quem aí sabe algo a respeito dele ? Terá uma delação ULTRA PREMIADA : QUEM SE HABILITA ? E la nave va......

Seu voto: Nenhum (4 votos)

lenita

imagem de Jaide
Jaide

Pois é. Até eu já percebi o

Pois é. Até eu já percebi o truque. Para demonstrar imparcialidade, inserem o nome do Aécio na notícia e na delação com alguma "informação" leve, sem muita substância. O obletivo, porém, é respingar a lama nos ministros mais qualificados do governo Dilma, que a partir do primeiro "furo" viram tema constante nas matérias, 

com o Aécio de fora, depois do amplo espaço que recebeu no começo para fazer defesa contundente de sua honradez.

 Resta aguardar o Marcos Valério, que segundo o 247, comunicou a turma da Lava jato a sua disposição de coloborar no processo, contando tudo o que sabe, inclusive sobre o caso Celso Daniel. Fortes emoções. 

Seu voto: Nenhum (11 votos)
imagem de Cunha
Cunha

Roube 11 milhões, cumpra pena

Roube 11 milhões, cumpra pena de 1 ano e meio pague multa de 4 milhões.

Quem disse que o crime não compensa?

Seu voto: Nenhum (12 votos)
imagem de aliancaliberal
aliancaliberal

(Sem título)

O lobista Júlio Camargo, Toyo Setal, que faturou R$ 73 milhões com a corrupção na Petrobrás, preso e solto depois de delatar meio mundo, inclusive Eduardo cunha, foi reconhecido e expulso de um restaurante em Angra dos Reis, Rio.O lobista Júlio Camargo, Toyo Setal, que faturou R$ 73 milhões com a corrupção na Petrobrás, preso e solto depois de delatar meio mundo, inclusive Eduardo cunha, foi reconhecido e expulso de um restaurante em Angra dos Reis, Rio. 

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de Maria Rita
Maria Rita

A lava josta não consegue

A lava josta não consegue mais ser tão permanente quanto pretendia. Está exagerando, passou do ponto da boa intenção. Sujou-se demais. Está agindo como a velha oposição o faz desde o início do primeiro governo Lula. Qualquer ação que exagera nos meios utilizados e, principalmente no período esticado de ação para conseguir o efeito pretendido, depois de um tempo deixa de ser estratégia. Vira tragédia. Ou fracasso. Como queiram melhor definir.

Seu voto: Nenhum (12 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.