Revista GGN

Assine

O show BB-Globo-STF dirigido por Merval

O SHOW BB-GLOBO- STF montou o roteiro dirigido pelo diretor Merval Pereira onde o primeiro capítulo consiste no DESFILE DE PRISIONEIROS, com duração de 17 horas, remetidos depois de várias etapas para filmagens a um PRESÍDIO de regime fechado em Brasilia, algo TOTALMENTE ILEGAL E DESNECESSARIO para os condenados a regime semi-aberto que se cumpre em seu local de residência.

A razão era exclusivamente de espetáculo. A ousadia não vai ter limites, todas as ilegalidades serão cometidas na EXECUÇÃO DAS PENAS, os advogados perdem seu tempo em reclamar, não estão mais operando com um sistema judicial normal, estamos diante de uma operação politica para criar o máximo de resultados midiáticos.

 

Média: 4.7 (13 votos)
44 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de ssergio
ssergio

"estamos diante de uma

"estamos diante de uma operação JURÍDICA para criar o máximo de resultados midiáticos."

Uma vergonha, a máxima Corte virou fantoche da mídia e de uma provável candidatura do Ministro Barbosa, o carniceiro de Brasília.

Agora, mais do que nunca, é PT.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Para ai!., Quem votou no Lula

Para ai!., Quem votou no Lula e votou na Dilma, não stá interessado nesse show. Penso inclusive que muitos dos eleitores do PSDB, aqui no meu estado é a grande maioriea, também não estão interessados nesse show. Não vejo ninguém ligado nas TVs, não vejo comentários, não vejo riso e nem vejo foguetes. O povo ta ligado e sabe que na verdade o mensalão foi um show político da Globo que utilizou o Baborsa.

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de emerson57
emerson57

darf

o show que o povo quer ver é....

o ....

DARF !

Seu voto: Nenhum (5 votos)

O problema já começa logo com

O problema já começa logo com a transmissão dos julgamentos pela TV Justiça, que eu sou contra.

Seu voto: Nenhum (8 votos)

"É relativamente fácil suportar a injustiça. O mais difícil é suportar a justiça." Henry Louis Mencken.

espetáculo midiático

embora digam que a globo tenha dado um espetáculo - juro que não vi, apenas li comentários pois não dou "ousadia", como dizem aqui em salvador, acho que o tiro do barbosão saiu pela culatra

a data não foi das melhores pois o povo brasileiro estava nas estradas, ou já desfrutando seu feriadão. andando pela soterópolis, vi apenas um imbecil mostrando - com cara de felicidade - a outro, a capa do jornaleco dos magalhães. na segunda-feira, quando o povo estiver instalado no conforto de seu lar... a notícia já vai estar vencida...

falando em magalhães, em matéria de política, o povo de salvador está mais preocupado em mandar de volta para são paulo o secretário importante e importado, envolvido até às tampas com a máfia dos fiscais.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Rita Lelis

A Globo já desceu mais alguns

A Globo já desceu mais alguns degraus de credibilidade. Cuidado globo ! o povo já não acredita mais em suas reportagens e muito menos em seus comentaristas careteiros e "imortais" Será que a Globo já sabe que o Haddad ganhou na capital de Sun Paulo? Será que o Kamel sabe disto?

Seu voto: Nenhum (3 votos)

lenita

imagem de MThereza
MThereza

Eu gostaria imensamente de

Eu gostaria imensamente de ver jb candidato a qualquer coisa, onde ficasse exposto a debates, confrontos, quastionamentos sobre sua conduta passada e no linchamento que presidiu. Dilma dá uma liquidada nele com uma resposta só. 

Infelizmente duvido muito que ele tenha coragem - já que é um covarde de marca - de se colocar nessa posição. A "candidatura" dele é apenas pra fazer marola, não passará disso e logo estará sendo demitido pelos seus patrocinadores. 

Seu voto: Nenhum (3 votos)

"... os advogados perdem seu

"... os advogados perdem seu tempo em reclamar, não estão mais operando com um sistema judicial normal, estamos diante de uma operação politica para criar o máximo de resultados midiáticos."

 

É isso aí. Uma operação política que, em função do protagonismo do STF ganhou ares de situação jurídica normal, ou melhor, o STF foi colocado para travestir a operação política, escancarada. Os ministros do STF, aceitaram, de bom grado o papel que lhes foi imposto, inclusive o de posar de nulidade absoluta em termos técnicos e políticos. Assim onde deveriam ser técnicos, foram políticos e onde poderiam ser políticos em benefício dos réus, foram técnicos ( o caso dos embargos declaratórios, qdo, covardemente, se restringiram, a letra da lei. A única vez em todo o julgamento ).

 

O Judiciário, ou melhor, o STF, está fazendo o que quer e o que não quer no país pq os outros dois poderes, estão respeitando os princípios da separação de Poderes para não serem acusados de interferência; vai daí que o STF invade competências sem que haja qq reação dos demais, com medo do que a Mídia vai vender no dia seguinte. 

O que já seria um problema grande, assume proporções, gigantescas, qdo, o STF é controlado por uma ÚNICA pessoa, O sr. Monocrático, dá as ordens, faz o que quer e o resto se encolhe... estamos vendo isso há quase um ano. Portanto, temporariamente, o Brasil está sendo comandado por UMA ÚNICA pessoa. O JB decide pelo STF e o STF ataca os demais poderes como Poder Judiciário, ofendido.

Estamos, pois, num impasse político e as soluções tem que ser políticas. A saída de Pizzolato foi uma resposta POLÍTICA a um julgamento POLÍTICO. Os gestos de Dirceu e Genoíno a mesma coisa. 

O movimento de filiação em massa ao PT, ontem, foi a resposta, POLÍTICA que a sociedade encontrou para dar ao STF. Não somos lulistas, para os que gostam de dizer que o lulismo é maior do que o petismo; não somos só governistas  e nem só votamos nos candidatos indicados por Lula ou Dilma. Estamos sim, ao lado do Partido dos Trabalhadores nessa perseguição doentia promovida pelo Midiciário.

A filiação em massa é a consagração de José Dirceu e José Genoíno e o enterro da farsa do mensalão para uma boa parte da sociedade, pois a movimentação  brota, exatamente, do sentimento de revolta pelo que fizeram a duas lideranças políticas incontestáveis com base num processo eivado de vícios e erros primários.

Mas voltando ao Sr. Monocrático, o que o STF está fazendo e usando o JB para isso, é alterando a legislação penal sem passar pelo Legislativo. E, o pior, como o julgamento é amplamente divulgado, cada doideira proferida é internalizada pelo sociedade como lei. Ou seja, daqui a pouco a gente vai ouvir as pessoas pedindo cadeia para suspeitos, condenação sem provas, rito sumário... Enfim, quem estiver com os planos de tomar o  poder na marra, ou seja, sem votos, já está planejando fazer isso com uma legislação político-penal, duríssima, que vou insistir, NÃO PASSOU PELO LEGISLATIVO. Foi decretada por UMA pessoa só e legitimada por uma Corte que entende tanto de Direito ou de política qto nós entendemos de física nuclear.

O que os ministros do STF estão fazendo é simular uma indignação moralista para impôr uma legislação medieval a toda a sociedade. Estão, claramente, simulando, já que uma pessoa dada a achaques moralistas, jamais se prestaria a um papel canalha desses e inocentes, vamos combinar, não usam togas. Vamos ser francos, quem em sã consciência vai acreditar em GM capitaneando uma cruzada pela moral e bons costumes e ética na política ou em qq outra situação? Nada contra GM ou menos ainda a favor desse papo ridículo de ética, moral e bons costumes, o problema é que já passou da hora de Legislativo e Executivo, marcarem suas posições.

JB entrou no STF só para fazer isso e vai sair. Qdo sair, ficará a critério de cada magistrado do STF e instâncias inferiores, aplicar a legislação normal ou a fraudada; dessa forma será feita a seleção dos que serão perseguidos pelo Midiciário. Assim, qdo o STF, última instância, não cumprir o determinado pela mídia sionista, vai ser acusado de ter voltado a ser o bom e velho Judiciário que não condena figurões ( selecionados ), como nos tempos de JB, o único cara que teve a coragem de enfrentar os poderosos, o único magistrado que ousou desafiar e encarcerar políticos, etc... Esses truques todos já são tão velhos que dá até preguição ficar comentando.

Merval, agora, a exemplo de Reinaldo Azevedo, não quer mais que JB concorra a presidência pq, obviamente, isso colocaria em xeque, todo o julgamento. Ora, foi o próprio Merval que vendeu a JB a ilusão de que ele poderia ser alguma coisa e, por isso e, só por isso, arriscou seu pescoço, inclusive acusando todo o plenário do STF de fazer chicana, em cadeia nacional. Exigir, agora, que ele conviva entre pares que ele esculachou para o país inteiro é cruel.

Por outro lado, expor JB as feras, concorrendo as eleições é suicídio; militâncias de vários partidos estão esperando por ele com sangue nos olhos. Vale lembrar que o julgamento da AP 470 não ficou restrito ao Partido dos Trabalhadores. E o STF, fez questão de esculhambar a classe política durante quase um ano, em franca campanha para 2014. Ministros do STF e TSE ( presidente inclusive e sobretudo ) em campanha eleitoral !!!????

A mídia pode muito mas não pode tudo. É uma questão de tempo para os ministros do STF responderem e pagarem pelos crimes que cometeram e, sinceramente, espero que qdo chegar a vez deles, os magistrados que estiverem ocupando as vagas do STF lancem mão da legislação que eles criaram para os outros. Se fossem espertos, seguiriam os conselhos do Barroso e já começariam a cumprir pena, agora.

 

Nassif e comentaristas, informo que ontem, preenchi o formulário para filiação ao Partido dos Trabalhadores, atendendo a convocação da molecada nas redes. tô comunicando pq até então, todo mundo, ou pelo menos, a maioria aqui, sabia que eu votava com o PCdoB mas não era filiada a qq partido. Tomei essa decisão em função dos desmandos do STF e, acredito que a grande maioria dos pedidos de filiação de, ontem, foram pelo mesmo motivo. Enfim, agora quem quiser, pode me chamar de petralha, quadrilheira, mensaleira, etc...

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de alcarpinteiro
alcarpinteiro

Acho que o esforço de prender

Acho que o esforço de prender os condenados da AP 470 no dia 15, ignorando a proibição de prisão em feriados, deu com os burros n'água. No feriadão, a audiência das tvs não é das melhores. A maioria está mais preocupada com a diversão e com o jogo da seleção. A tentativa do STF foi boa , mas o feriadão não ajudou. 

Há um segundo efeito a ser considerado. Enquanto os condenados estavam em liberdade, eles eram considerados os malvados que sempre se livravam. Agora, presos, serão considerados por muitos os coitados. Seus argumentos serão mais ouvidos agora do que antes. É estranho, mas é assim. Para os augozes dos condenados, sua prisão pode não ser bom negócio. Melhor seria continuar batendo na tecla da impunidade.

Seu voto: Nenhum

O PIG faz campanha pró PT!

Porque agora poderemos estufar o peito e clamar em muito bom tom que o PT é um partido melhor que os outros. Nós não varremos a sujeira para debaixo do tapete.

O PT não é farinha do mesmo saco.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Enfim acho que não adianta

Enfim acho que não adianta mais ficar reclamando e chorando contra a "globo" , eles são isso ai mesmo

representam uma " elite apodrecida " mas ainda poderosa. O ideal é sofoca-los objetivamente usando

as mesmas armas, sem dó nem piedade.É necessário um movimento "ant-globo" explícito e articulado

"testa a testa", eles vão usar todos os artíficios sujos possíveis e vão se expor, a população em geral

já anda meio desconfiada vai saber identificar tranquilamente.

Seu voto: Nenhum (8 votos)

A frase do texto talvez fique

A frase do texto talvez fique melhor assim:

"estamos diante de uma operação midiática para criar o máximo de resultados políticos."

 

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Motta Araujo
Motta Araujo

E estamos todos notando o

E estamos todos notando o ENSURDECEDOR SILENCIO DO MINISTRO DA JUSTIÇA. Nem uma unica palavra, nem uma sílaba, nem uma simples observação, absolutamente nada, o titular da Pasta DIRETAMENTE ligada ao assunto não se dá ao luxo de comentar coisa alguma do espetaculo que é conduzido por subordinados de sua Pasta, do primeiro ao ultimo, de São Paulo, BH e Brasilia, o avião, o micro onibus, o caso Pizzolato,  é tudo do Ministerio da Justiça, embora ele faça tudo para parecer que o assunto não é com ele.

 

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de João Jorge
João Jorge

A Enorme Incompetência da Mídia Empresarial

Um dos destaques desse episódio da prisão dos condenados pela AP 470 é a enorme "barriga" da mídia empresarial quanto à fuga de Henrique Pizzolato para a Itália.

Preocupada só com os lucros e entorpecida pelo pânico que uma Lei de Meios pode causar em seus oligopólios, a mídia tradicional, aquela que representa os interesses dos donos do poder econômico e dos seus próprios, esqueceu-se de sua missão de fazer jornalismo, de informar com a presteza necessária os seus clientes e consumidores de informação.

Um pequeno jornal, o Correio do Brasil, seguido pelo blog do Nassif, já ambos informavam, na noite do dia 15/11 e na madrugada de ontem, respectivamente, que Pizzolato havia se refugiado na Itália.

Enquanto isto, a mídia empresarial buscava imagens de Dirceu, Genoíno e Delúbio algemados, entrando em camburões e outras cenas de constrangimento para os condenados, sempre com aquela ideia de que mais vale uma imagem do que uma ideia, imagem  essa a ser aproveitada depois pelas oposições em suas campanhas eleitorais.

A atividade jornalística da cobertura em si das prisões foi de uma pobreza sem precedentes.

 Neste aspecto, destacaram-se a Globonews e a TV Globo.. Sempre defendendo as posições tomadas por Joaquim Barbosa durante todo o julgamento e, agora, na fase de execução das penas, entrevistaram, mais uma vez, juristas chapas-branca do Poder Judiciário, para tentar explicar as decisões monocráticas do Presidente do STF.

Já quando pinçavam algum ponto das notas dirigidas ao público, escritas pelos réus, o faziam apenas naqueles pontos em que levantavam a bola para servir às críticas do sr. Merval Pereira, um notório partidário da oposição.

A informação sobre a fuga de Pizzolato só veio a ser publicada pela mídia empresarial na manhã do dia 16, confirmando o furo jornalístico do Correio do Brasil do dia anterior e a incompetência da grande mídia.

Mesmo assim, nenhuma explicação foi trazida a público  sobre os motivos reais que levaram Pizzolato a fugir para a Itália, numa tentativa de obter um novo julgamento pela Justiça Italiana.. 

Até hoje, a imensa maioria dos leitores não sabe as razões de Pizzolato e de seus advogados.

 Uma nuvem de desinformação foi lançada pela mídia empresarial, especialmente as Organizações Globo, pois elas sabem que, como contratadas da DNA Propaganda, para veicular parte da publicidade acordada com o Banco do Brasil, no sentido de promover os cartões da bandeira Visa,  não é possível afirmar, como foi feito no julgamento da AP 470, que todos os recursos do contrato (supostamente dinheiro público) foram desviados por Henrique Pizzolato (diretor de marketing do BB) para o PT, com a finalidade de comprar deputados.

Os recursos aportados ao contrato DNA x BB .vinham do Fundo de Incentivo Visanet, de propriedade da Visanet, portanto não se caracterizavam como dinheiro público.

A Globo sabe que as notas fiscais relativas à sua prestação dos serviços de veiculação vinculada ao contrato DNA x BB, existem, que foram pagas e que os Bônus de Volume foram repassados à DNA.

Também  sabe que as demais notas fiscais, das outras empresas de mídia que prestaram serviços de veiculação e das empresas que produziram peças de propaganda relativas ao mesmo contrato, também estão reunidas nos autos da AP 470, como bem demonstrou a revista Retratos do Brasil, totalizando integralmente os R$ 73,8 milhões, supostamente desviados por Pizzolato.

O jornalista Raimundo Pereira, editor da Retratos do Brasil, chegou a desafiar Joaquim Barbosa para que o mesmo o processasse, caso ele duvidasse de suas investigações e reportagens..

A pergunta que se impõe é: por que Joaquim Barbosa ignorou essas provas e acusou Pizzolato de desvio de dinheiro público (outro absurdo) de uma empresa privada, a Visanet, contra todas as evidências que comprovam a inexistência do delito  ¿

A única resposta possível  é que era preciso esconder uma suposta terceira versão sobre a origem do dinheiro que alimentaria os cofres de Marcos Valério e que foram distribuídos para cobrir despesas de campanha de diversos partidos políticos (caixa 2).

As versões que explicam a origem do dinheiro são três. A segunda versão rejeita a primeira, que é tratada pela PGR como uma farsa montada pelo PT, Marcos Valério e os Bancos Rural e BMG. A segunda versão é montada pelo PGR, Antônio Fernando de Souza, para esconder a terceira versão, que supostamente revelaria a verdadeira origem do dinheiro.

A primeira versão, relatada por Delúbio Soares, demonstra que o PT realizou empréstimos junto ao Banco Rural e BMG e usou estes recursos para caixa 2. Esses empréstimos foram quitados.

Essa versão foi ignorada pela Procuradoria Geral da República e por Joaquim Barbosa que inventaram a historinha do desvio de dinheiro público do Banco do Brasil (segunda versão), via contrato DNA x BB.

Para dar credibilidade à segunda versão montada para esconder a terceira versão sobre a origem do dinheiro , era necessário achar um bode expiatório perfeito.

 Um petista (Pizzolato), diretor de marketing do Banco do Brasil, que supostamente gerenciava um contrato de publicidade com uma das empresas de Marcos Valério (a DNA Propaganda), para promover os cartões da bandeira Visa, se encaixava perfeitamente para narrar a segunda versão.  Apesar das provas em contrário, bastaria acusa-lo de desvio de dinheiro público (peculato) para o PT, oriundo do contrato DNA x BB, o que propiciaria acusar os  líderes do Partido  de corrupção ativa pela compra de deputados, ao repassarem esses recursos, através de Marcos Valério, aos líderes dos Partidos da base aliada e, ainda, permitiria caracterizar o crime de formação de quadrilha.

De acordo com a acusação, Pizzolato, além disso, teria recebido dinheiro de Marcos Valério para repassar ao PT do Rio de Janeiro, o que possibilitou condená-lo por recebimento de propina (corrupção passiva) por desviar dinheiro público...

Pizzolato era o bode expiatório certo, na hora certa, no lugar certo para justificar a fonte do dinheiro e esconder a terceira versão que, supostamente, revelaria a verdadeira origem do dinheiro.

Pizzolato era petista, nomeado para uma Diretoria de Marketing do BB, em parte responsável por um contrato de uma empresa de propaganda de Marcos Valério e teria, supostamente, recebido recursos em espécie, por intermédio do mesmo Marcos Valério. Era o peão perfeito do jogo de xadrez montado pelos PGR’s e Joaquim Barbosa para afirmar que os empréstimos do PT junto aos Bancos Rural e BMG eram uma farsa e que houve desvio de dinheiro público do Banco do Brasil para alimentar a compra de votos de deputados no Congresso Nacional.

A historinha inventada por Antônio Fernando de Souza, encampada por Roberto Gurgel, Joaquim Barbosa e a mídia oligopolista, também  tinha como objetivo:

1)     Atingir fortemente o PT, desconstruindo a sua imagem como Partido comprometido com a ética na Política;

2)     Liquidar com o projeto político de José Dirceu de lançar-se, no período pós-Lula, à Presidência da República;

3)     Firmar um volumoso contrato advocatício do escritório de Antônio Fernando de Souza, montado após sua aposentadoria, com a empresa que verdadeiramente teria alimentado os cofres de Marcos Valério, como prêmio pelo acobertamento da suposta verdadeira origem dos recursos;

4)     Catapultar a carreira política do Presidente do STF.

5)     Beneficiar a oposição, afastando do governo central o Partido que comanda o governo trabalhista.  

Nada disto, nestes termos, é tratado pela grande mídia, o que comprova que a sua atividade jornalística nada mais é do que uma cortina de fumaça para tratar de seus próprios interesses, relegando o interesse dos seus clientes ao segundo plano e tornando-os apenas objetos de sua manipulação. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

E, para completar, eu diria

E, para completar, eu diria que o grande problema de coluna do Ilmo.Sr. Dr.Ministro e presidente do STF foi  de excelente contribuição para sua licença-médica e consequente tempo para a armação da grande farsa do Mensalão em seus mínimos detalhes e de acordo com as instruções recebidas - De quem?

Seu voto: Nenhum (3 votos)

lenita

Esse meu comentário era para

Esse meu comentário era para ser colocado abaixo do comentário da Cristiana. Não tem jeito de mudar?

Seu voto: Nenhum

lenita

Copie e cole respondendo ao

Copie e cole respondendo ao comentário dela. Depois vc apaga esses acima.

Seu voto: Nenhum

"É relativamente fácil suportar a injustiça. O mais difícil é suportar a justiça." Henry Louis Mencken.

Não consegui fazer. De

Não consegui fazer. De qualquer modo, muito obrigado pela sua atenção

Seu voto: Nenhum

lenita

imagem de emerson57
emerson57

encomenda?

a presidenta escolhe o procurador geral.

no dia seguinte ele, antes de "esquentar a cadeira", ao arrepio da melhor observância das leis e    d-e-s-n-e-c-e-s-s-á-r-i-a-m-e-n-t-e    pede a prisão dos fundadores do partido(?) da presidenta, discutivelmente condenados. por um morador em miami.

terá sido encomenda? foi combinado? 

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de Luiz Gonzaga da Silva
Luiz Gonzaga da Silva

"Dirceu e Genoino foram

"Dirceu e Genoino foram submetidos, por ele, ao regime fechado da Papuda, numa decisão contrária ao que foi decidido pelo próprio plenário do STF; "é uma vingança de um juiz ditador e que alimenta um projeto político" (Chico Vigilante ) http://www.brasil247.com/pt/247/brasilia247/121023/Chico-Vigilante-ao-247-Genoino-pode-morrer.htm

O que estamos assistindo é um dos maiores abusos já visto na história jurídica brasileira. E o que é pior, nas barbas de toda a sociedade. Um juiz, ou um colegiado de juizes, em nenhum momento por menor que seja pode ser cúmplice ou omisso em relação ao cumprimento da lei.

Estamos assistindo um dos maiores espetáculos de covardia coletiva da história. Covardia tanto por parte dos algozes com  a tripudiação em cima das vítimas. E na parte que toca aos operadores do Direito e a todos que se consideram democratas, humanistas a total apatia em não denunciar esse festival de abusos.  As exceções são os blogs que não pertencem ao cartel midiático brasieliro e alguns colunistas que não se encaixam no perrfil de linchadores.

Joaquim Barbosa, o Papa Doc, ou seria Amin Dada do Supremo, está passando de todos os limites. A mídia que o usa como instrmento de vingança política acredita que na hora certa conseguirá domá-lo. Isso pode ser um erro enorme. JB já conseguiu formar dentro da Corte a "Camarilha dos Quatro" que está dominando os trabalhos na base de chicanas jurídicas e intimidações pessoais. O próximo passo é levar sua truculência para a política.

Já se fala na candidatura do protótipo de ditador para cargos aqui na minha jurisdição. A região tem sido abalada por protestos que conseguem reunir inocentes úteis, ultra esquerda, milicianos, traficantes e, até, gente bem intencionada. Nesse caldeirão, não é de todo impossível que o apelo barbosista vingue, lembrando que ainda existe no estado, principalmente na capital, os saudosistas do lacerdismo. Conseguindo essa base, seria possível manter esse senhor sob controle?

O exemplo de Collor me veio a cabeça. O "Caçador de Marajás" surgiu praticamente do nada. Governador de um pequeno estado,  derrotou  pesos pesados da política na época, gente que tinha se empenhado com afinco para a redemocratização do país. É certo, que entre os candidatos alguns, como o próprio Collor, eram "filhotes da Ditadura no dizer do grande Leonel. Enfim, o homem foi eleito e na hora certa, quando não tinha mais serventia, foi defenestrado. Creio que a essa trurma pensa que pode fazer o mesmo com Barbosa.

Collor não tinha base nehuma com a sociedade, simplesmente, foi vendido ao povão como incorruptível e o eleitor comprou a mercadoria. Quando pediu ajuda ao eleitorado viu que era um nada.  Já Barbosa tem história pessoal e, para o bem ou mal, está criando uma base política, principalmente, na classe média moralista ou pseudo moralista. Por enquanto está longe do povão, mas até quando essa distância se manterá. Digamos que o Papa Doc consiga empolgar o povão. E aí, como controlá-lo. Collor teve PC Farias e um fiat Elba como pretexto para sua derrubada. E joaquim, qual seria o pretexto. O espancamento da ex-esposa e o apartamento comprado em Miami por uma empresa sediada em seu apartamento funcional passaram batidos. Será que o cartel da mídia nacional tem alguma coisa escondida na cartola?

 Barbosa ser eleito e governar dentro dos limites da Constituição não seria problema, a questão é que tem demonstrado que se considera a própria lei. É aí que mora o perigo, os que hoje comemoram suas truculências podem se arrepender amargamente. Brecht já dizia: primeiro foram os.....

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Dudu Cartucho
Dudu Cartucho

Amin Dada...é genial.

Amin Dada...é genial.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de JorgeLuis
JorgeLuis

JB não vai tirar votos da

JB não vai tirar votos da Dilma. Tiraria votos do Aécio, da Marina. Ou seja: não é bom negócio para a oposição.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Pode influenciar os

Pode influenciar os indecisos. Dependendo do massacre midiático, pode também tirar votos da Dilma, que seria associada aos "mensaleiros" [sic], por ser do PT.  Com isso, pode levar o pleito para o segundo turno (cenário dos sonhos para a oposição)

Seu voto: Nenhum

"Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma".  Joseph Pulitzer

imagem de maria rodrigues
maria rodrigues

Esse julgamento, que teve dia

Esse julgamento, que teve dia pra começar, e outro pra terminar, coicidindo com o 15 de novembro, pra fazer-se comparação com republicanismo, desd sempre mostra a cara feia de um homem absolutamente feio - Joaquim Barbosa -, e muito estúpido cada vez que abre a boca em plenário, enquanto sabe estar com os holofotes virados pr'aquela fuça horrorosa, e os microfones apostos pra dizer o que lhe vem à mente. JB tudo fez politicamente nesse curso do julgamento. Tentou reduzir o PT nas eleições passadas, e, de acordo com os globais, tá fazendo sua campanha de forma agressiva, como agressivo ele sempre foi, desde quando sabemos do B.O. feito pela mulher dele. Não esconde seus interesses, mostra a cara com toda falta de escrúpulos. Tá na chuva pra se molhar mesmo, crente que será vencedor ad eterno. Não será, e disso tenho plena convicção. Veremos chegar o momento decisivo, em que algo de extraordinário sucederá para que esse infeliz receba a sua própria sentença. Enquanto isso não acontece, sucederá uma coisinha bem expressiva: o povo, que está odiando essa patcoada, irá às urnas em 2014 votar maciçamente no PT. Aguardemos.

Seu voto: Nenhum
imagem de Sorano
Sorano

A Globo é a mãe e o pai de

A Globo é a mãe e o pai de dotos os golpes, passados e presentes.

Seu voto: Nenhum (8 votos)

Eu não me preocupo com a

Eu não me preocupo com a Goebbels mais. Sabe por que?

http://www.divinews.com/minasgerais/geral/16541-audiencia-do-jn-jornal-n...

 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Fulvia
Fulvia

Dificilmente a globo existirá

Dificilmente a globo existirá daqui a 10 anos, se sobreviver até lá, será aos frangalhos, por razões óbvias ninguém assiste mais tv como antigamente.  Hoje existe todo tipo de entretenimento, e o mais popular de todos a internet, todo esse povo que ora está grudado no blog, não está nesse momento assistindo tv.  As crianças, os adolescentes, os jovens não assistem tv, ficam grudados na net noite e dia.  Daqui há dez anos nem a velhinha de Taubaté assistirá as novelas da globbels, vem daí o desespero.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Não a GLOBO não está

Não a GLOBO não está exagerando, e sim, fazendo o que sempre fez na busca de "audiência", IBOPE e noticias. A verdade é que o povão pouco assiste a GLOBO NEWS, a "classe média" 90% está no "batente" do dia a dia e a Classe RICA nem tem tempo para ver TV, cuidando dos seus afazeres. Portanto, somos nós que nos preocupamos com a audiência lixo, aqueles que militam e se dedicam a vida politica do país, os formadores de opinião, etc...etc......Em resumo, a maioria está envergonhada com esse "campeão de audiência".......

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de André Sousa
André Sousa

Globo mensaleira

Globo ficou com 5,5 milhões do Visanet, os irmãos Marinho serão presos né...então tá

http://www.viomundo.com.br/denuncias/memoria-globo-ficou-com-r-55-milhoes-da-visanet.html

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de João Jorge
João Jorge

Um dos destaques desse

Um dos destaques desse episódio da prisão dos condenados pela AP 470 é a enorme "barriga" da mídia empresarial quanto à fuga de Henrique Pizzolato para a Itália.

Preocupada só com os lucros e entorpecida pelo pânico que uma Lei de Meios pode causar em seus oligopólios, a mídia tradicional, aquela que representa os interesses dos donos do poder econômico e dos seus próprios, esqueceu-se de sua missão de fazer jornalismo, de informar com a presteza necessária os seus clientes e consumidores de informação.

Um pequeno jornal, o Correio do Brasil, seguido pelo blog do Nassif, já ambos informavam, na noite do dia 15/11 e na madrugada de ontem, respectivamente, que Pizzolato havia se refugiado na Itália.

Enquanto isto, a mídia empresarial buscava imagens de Dirceu, Genoíno e Delúbio algemados, entrando em camburões e outras cenas de constrangimento para os condenados, sempre com aquela ideia de que mais vale uma imagem do que uma ideia, imagem  essa a ser aproveitada depois pelas oposições em suas campanhas eleitorais.

A atividade jornalística da cobertura em si das prisões foi de uma pobreza sem precedentes.

 Neste aspecto, destacaram-se a Globonews e a TV Globo.. Sempre defendendo as posições tomadas por Joaquim Barbosa durante todo o julgamento e, agora, na fase de execução das penas, entrevistaram, mais uma vez, juristas chapas-branca do Poder Judiciário, para tentar explicar as decisões monocráticas do Presidente do STF.

Já quando pinçavam algum ponto das notas dirigidas ao público, escritas pelos réus, o faziam apenas naqueles pontos em que levantavam a bola para servir às críticas do sr. Merval Pereira, um notório partidário da oposição.

A informação sobre a fuga de Pizzolato só veio a ser publicada pela mídia empresarial na manhã do dia 16, confirmando o furo jornalístico do Correio do Brasil do dia anterior e a incompetência da grande mídia.

Mesmo assim, nenhuma explicação foi trazida a público  sobre os motivos reais que levaram Pizzolato a fugir para a Itália, numa tentativa de obter um novo julgamento pela Justiça Italiana.. 

Até hoje, a imensa maioria dos leitores não sabe as razões de Pizzolato e de seus advogados.

 Uma nuvem de desinformação foi lançada pela mídia empresarial, especialmente as Organizações Globo, pois elas sabem que, como contratadas da DNA Propaganda, para veicular parte da publicidade acordada com o Banco do Brasil, no sentido de promover os cartões da bandeira Visa,  não é possível afirmar, como foi feito no julgamento da AP 470, que todos os recursos do contrato (supostamente dinheiro público) foram desviados por Henrique Pizzolato (diretor de marketing do BB) para o PT, com a finalidade de comprar deputados.

Os recursos aportados ao contrato DNA x BB .vinham do Fundo de Incentivo Visanet, de propriedade da Visanet, portanto não se caracterizavam como dinheiro público.

A Globo sabe que as notas fiscais relativas à sua prestação dos serviços de veiculação vinculada ao contrato DNA x BB, existem, que foram pagas e que os Bônus de Volume foram repassados à DNA.

Também  sabe que as demais notas fiscais, das outras empresas de mídia que prestaram serviços de veiculação e das empresas que produziram peças de propaganda relativas ao mesmo contrato, também estão reunidas nos autos da AP 470, como bem demonstrou a revista Retratos do Brasil, totalizando integralmente os R$ 73,8 milhões, supostamente desviados por Pizzolato.

O jornalista Raimundo Pereira, editor da Retratos do Brasil, chegou a desafiar Joaquim Barbosa para que o mesmo o processasse, caso ele duvidasse de suas investigações e reportagens..

A pergunta que se impõe é: por que Joaquim Barbosa ignorou essas provas e acusou Pizzolato de desvio de dinheiro público (outro absurdo) de uma empresa privada, a Visanet, contra todas as evidências que comprovam a inexistência do delito  ¿

A única resposta possível  é que era preciso esconder uma suposta terceira versão sobre a origem do dinheiro que alimentaria os cofres de Marcos Valério e que foram distribuídos para cobrir despesas de campanha de diversos partidos políticos (caixa 2).

As versões que explicam a origem do dinheiro são três. A segunda versão rejeita a primeira, que é tratada pela PGR como uma farsa montada pelo PT, Marcos Valério e os Bancos Rural e BMG. A segunda versão é montada pelo PGR, Antônio Fernando de Souza, para esconder a terceira versão, que supostamente revelaria a verdadeira origem do dinheiro.

A primeira versão, relatada por Delúbio Soares, demonstra que o PT realizou empréstimos junto ao Banco Rural e BMG e usou estes recursos para caixa 2. Esses empréstimos foram quitados.

Essa versão foi ignorada pela Procuradoria Geral da República e por Joaquim Barbosa que inventaram a historinha do desvio de dinheiro público do Banco do Brasil (segunda versão), via contrato DNA x BB.

Para dar credibilidade à segunda versão montada para esconder a terceira versão sobre a origem do dinheiro , era necessário achar um bode expiatório perfeito.

 Um petista (Pizzolato), diretor de marketing do Banco do Brasil, que supostamente gerenciava um contrato de publicidade com uma das empresas de Marcos Valério (a DNA Propaganda), para promover os cartões da bandeira Visa, se encaixava perfeitamente para narrar a segunda versão.  Apesar das provas em contrário, bastaria acusa-lo de desvio de dinheiro público (peculato) para o PT, oriundo do contrato DNA x BB, o que propiciaria acusar os  líderes do Partido  de corrupção ativa pela compra de deputados, ao repassarem esses recursos, através de Marcos Valério, aos líderes dos Partidos da base aliada e, ainda, permitiria caracterizar o crime de formação de quadrilha.

De acordo com a acusação, Pizzolato, além disso, teria recebido dinheiro de Marcos Valério para repassar ao PT do Rio de Janeiro, o que possibilitou condená-lo por recebimento de propina (corrupção passiva) por desviar dinheiro público...

Pizzolato era o bode expiatório certo, na hora certa, no lugar certo para justificar a fonte do dinheiro e esconder a terceira versão que, supostamente, revelaria a verdadeira origem do dinheiro.

Pizzolato era petista, nomeado para uma Diretoria de Marketing do BB, em parte responsável por um contrato de uma empresa de propaganda de Marcos Valério e teria, supostamente, recebido recursos em espécie, por intermédio do mesmo Marcos Valério. Era o peão perfeito do jogo de xadrez montado pelos PGR’s e Joaquim Barbosa para afirmar que os empréstimos do PT junto aos Bancos Rural e BMG eram uma farsa e que houve desvio de dinheiro público do Banco do Brasil para alimentar a compra de votos de deputados no Congresso Nacional.

A historinha inventada por Antônio Fernando de Souza, encampada por Roberto Gurgel, Joaquim Barbosa e a mídia oligopolista, também  tinha como objetivo:

1)     Atingir fortemente o PT, desconstruindo a sua imagem como Partido comprometido com a ética na Política;

2)     Liquidar com o projeto político de José Dirceu de lançar-se, no período pós-Lula, à Presidência da República;

3)     Firmar um volumoso contrato advocatício do escritório de Antônio Fernando de Souza, montado após sua aposentadoria, com a empresa que verdadeiramente teria alimentado os cofres de Marcos Valério, como prêmio pelo acobertamento da suposta verdadeira origem dos recursos;

4)     Catapultar a carreira política do Presidente do STF.

5)     Beneficiar a oposição, afastando do governo central o Partido que comanda o governo trabalhista.  

Nada disto, nestes termos, é tratado pela grande mídia, o que comprova que a sua atividade jornalística nada mais é do que uma cortina de fumaça para tratar de seus próprios interesses, relegando o interesse dos seus clientes ao segundo plano e tornando-os apenas objetos de sua manipulação. 

Seu voto: Nenhum

Diante do "mentirão", o caso Escola Base virou fichinha

Vídeo mostra erros graves cometidos pela imprensa nos últimos anos. Entre eles, está o caso da Escola Base, em que donos e diretores do colégio foram acusados injustamente de abuso sexual dos alunos - e foram massacrados pela imprensa. Também há o caso do Bar Bodega, no qual jovens foram presos e expostos em todas as TVs como assassinos, mas não haviam cometido o crime. E há também o caso do mensalão, em que a imprensa vem condenado sem mostrar provas os réus que aguardam julgamento no STF.

 

  •  

 

Seu voto: Nenhum (5 votos)

 

...spin

 

 

Barbosa e cia.

Por hipótese, poderá o ministro supremo requerer pagamento de hora extra por seu esforço supremo de dedicar o feriado e o fim de semana a serviço de autopromoção gratuita? 

Seu voto: Nenhum (7 votos)

montagem criminosa

Atentem para a montagem criminosa feita pelo site da BBC Brasil na reportagem sobre a prisão dos "mensaleiros".

http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2013/11/131116_condenados_mensalao_atualiza.shtml

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Pré-campanha 2014

Este jogo midiático tem só uma função: servir de propaganda política em 2014 em mais uma tentativa de enganar a população em jogos de cena. Estamos assistindo a superprodução de um filme que deverá ter sua estréia na campanha de 2014.

Merval não é o maestro, Kamel é o maestro.

Não importa quem seja o candidato, o marketing já está sendo feito.

É "pule de dez" que o ministro Joaquim Barbosa vá disputar algum cargo no executivo em 2014. Sua atitude no capítulo referente às prisões é a chave de tudo, conseguiu encaixar tudo para aparecer o JN como mais um "Catão".

Mas o povo não se deixará enganar. O homem do "meio porcento" terá sua paga...nas urnas.

 

Seu voto: Nenhum (8 votos)

"O processo de jumentalização da classe BBB no Brasil é algo estarrecedor."

Se for, eu acho que não vai

Se for, eu acho que não vai adiantar muito.

O Haddad ganhou a eleição em plena efervecência do julgamento do mensalão. O Serra trouxe o assunto para o debate e, depois da resposta do Haddad: "Serrra, trazer mensalão pra cá??", ficou tímido e se justificando até mudar de assunto. Não deu muito certo.

Se levarem o mensalão para debate nas próximas eleições não faltam argumentos ao PT para se defender e até aproveitar para atacar a impunidade do PSDB. 

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Com direito a uma notícia no

Com direito a uma notícia no Jornal Nacional de que o ministro (canalha)  Joaquim Barbosa solicitou o maior respeito na prisão dos suspeitos.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Vera Lucia Venturini

0,5%

O  vergonhoso show Judiciário/ Mídia não traz, entretanto, os resultados esperados.  Apostaram todas as fichas no ministro Barbosa, mas as pesquisas retornaram  pífios 0,5% de intenções de voto . E se mesmo apelando para a " coincidência"  da emissão dos mandados na data da Proclamação da República o percentual não chegar a 1% nas próximas pesquisas?

 

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Domenico Amaral

imagem de Mardone
Mardone

Entendo a sua revolta, André,

Entendo a sua revolta, André, e compartilho com ela. E meu medo maior é por não saber até onde esse circo vai.
Mas, convenhamos, um cidadão que mora na favela, viciado em crack e com crise de abstinência, que rouba uma bolsa de uma mulher, e é preso pela polícia e vai para um presídio, olhando as imagens de Dirceu e Genoino sendo presos e levados de avião para Brasília depois de um julgamento de 8 anos, vai ficar revoltado também, pois vai perceber que teve um tratamento muitíssmo pior do que aqueles, sem que uma vivalma se revoltasse com isso. Apanhou de populares e da polícia, foi levado algemado e, sem camisa foi entrevistado por um repórter fazendo piadas da sua situação, sem ter dinheiro para pagar um advogado, sem conhecer seus direitos, tendo que negociar sua vida e sua "virgindade" na cadeia, etc, etc.

Seu voto: Nenhum
imagem de edson tadeu
edson tadeu

o SHOW BB GLOBO E JB

a SUPREMA  CORTE nao  é so   JOAOQUIM BARBOSA, e  a propria  côrte pode  no  colegiado  desfazer  o que  o JB fez propositadamente. Ninguem espere  nada  desse homem pois ele é  exatamente  o que  um juiz  disse. JOAQUIM  NAO É  UMA PESSOA  QUE  SUPORTE  UM DIALOGO INTELIGENTE, e nao  tem  conhecimento  das leis  ou  da constituiç.ao  desse pais. 

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de H Menon Jr.
H Menon Jr.

Deifícil acreditar que possa

Deifícil acreditar que possa existir uma Mídia mais indecente que a brasileira... o País não merece isso. 

Seu voto: Nenhum (13 votos)

Acredite, a mídia no mundo inteiro age assim.

No mundo inteiro a mídia sempre foi Teúda e Manteúda do poder e quando seus negócios estão ameaçados não têm escrúpulos.

 

Seu voto: Nenhum (6 votos)

"O processo de jumentalização da classe BBB no Brasil é algo estarrecedor."

imagem de Motta Araujo
Motta Araujo

Mas a Globo está exagerando.

Mas a Globo está exagerando.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Um ditado

- Pra quem está se afogando, jacaré vira tronco.

Seu voto: Nenhum (8 votos)

"O processo de jumentalização da classe BBB no Brasil é algo estarrecedor."

Triste, vergonhoso,

Triste, vergonhoso, escabroso. 

Seu voto: Nenhum (10 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.