Revista GGN

Assine

Por um café, duas frutas e uma visita PGR endossa acusações do MPFDF contra Dirceu

Em parecer enviado ao STF, procurador-geral da República afirma que debate sobre ocorrência de tratamento diferenciado não é isolado e autoridade administrativa tem a obrigação de conferir tratamento isonômico aos apenados que estiverem em idênticas condições de cumprimento de pena

 
 

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, encaminhou, ao Supremo Tribunal Federal (STF), manifestação sobre a ocorrência de tratamento diferenciado aos presos sentenciados na Ação Penal 470, conhecida como Mensalão. Segundo o PGR, o debate sobre o tratamento diferenciado dos presos foi manifestado por vários órgãos em outras ocasiões, não sendo, portanto, opinião isolada. Manifestou, ainda, que todas as visitas devem ser registradas.

A Defensoria Pública do Distrito Federal, o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MDFT) e o juízo da Vara de Execuções Penais registraram, em ocasiões diversas, a ocorrência de visitação aos sentenciados em dias e horários não estabelecidos para os demais internos do Complexo da Papuda. “Observa-se que as informações prestadas por autoridades da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Judiciário, robustecidas por depoimentos formais de internos do sistema prisional local, formam um sólido contexto em que não há espaço para nenhuma cogitação de perseguição à administração prisional”, afirma Rodrigo Janot em sua manifestação. “Há indicativos muito claros que demandariam uma atitude imediata das autoridades responsáveis pela execução a averiguação detalhada dos fatos”, declara o PGR.

Sobre as visitas sem registro no complexo prisional do governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, e do deputado distrital Chico Vigilante aos presos, o procurador-geral da República enfatizou que a prerrogativa parlamentar de livre acesso, sem prévio aviso, aos órgãos da administração direta e indireta do Distrito Federal não dispensa os responsáveis pela permissão de acesso aos estabelecimentos prisionais dos registros correspondentes. “Resta claro, e de plano, que os responsáveis pela administração carcerária estão desrespeitando esses normativos”, ressalta Rodrigo Janot.

Na manifestação, o procurador-geral da República conclui que “nunca é demais realçar a necessidade de que a autoridade administrativa tem a obrigação de conferir tratamento isonômico aos apenados que estiverem em idênticas condições de cumprimento de pena, e que a eventual não apuração de faltas administrativas em relação a todos os apenados podem – como cediço – acarretar responsabilidades a quem de direito.”

Confira aqui a íntegra da manifestação.

 

Média: 1.5 (8 votos)
62 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Jair Almansur
Jair Almansur

Procurador Geral da Republica.

Constituição Federal.  Art. 84 -  "Compete privativamente ao Presidente da República:   XIV - nomear, após aprovação pelo Senado Federal,...o Procurador Geral da República".

Então?  Nossos presidentes que foram eleitos para exercitar a presidência tem a competencia privativa (exclusiva) de nomear o Procurador Geral, se nomearam os janots foi porque abdicaram de suas funções presidenciais e se curvaram a interêsses menores de um grupelho de pessoas que não foram eleitas.

Os responsáveis (por omissão) de todo esse descalabro dos últimos procuradores gerais da república são Lula e Dilma.  Fracotes que não teriam nada que se curvar a interêsses associativos.

Espero que o próximo Procurador Geral da República seja nomeado realmente pela Presidenta.  Essa entidade, graças à omissão dos Governos petistas está se tornando um leviatã superpoderoso com notórias tendencias de ser uma nova gestapo brasileira.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Por qual motivo Janot aderiu ao golpe..,,,????

Parece que a turma não gostou nem um pouco da fala de Lula à RTP, em Portugal quando ele disse a verdade: Não se tratava disso(de réu ser de confiança ou não) e sim que o mensalão não existiu. Esse é o ponto, é isso que está pegando: O mensalão não existiu mas querem, através de maus tratos, fazer crer que o mensalão existiu. Mas não existiu, isso é fato. Esse poderoso e criminoso aparato midiático-penal quer agora enquadrar o GDF, essa turma do Arruda-Roriz  espalhada por Instituições como STF, PGR, VEP, MP-DFT, Mídia, quer matar dois coelhos com uma cajadada só: Fazer campanha contra Agnelo Queiroz que, em todo o seu direito afirmou que, como governador, visitaria os presídios do GDF na hora em que quissesse. Errou ao dizer isso? Não. Qualquer governador pode fazer isso. Ta aí o motivo pelo qual JB levouu "seus presos" (não do Estado brasileiro) para o GDF, ele(JB) já havia assumido o posto de ministro-carcereiro(exceto para Roberto Jefferson, esse ele "esqueceu" no RJ). O trabalho da "força-tarefa" deste grupo formado por estas poderosas Instituições fora da lei é humilhar o governador Agnello Queiroz (é época de eleição) , bem como também arrumar uma justificativa( o tal golpe da falta grave, nas palavras de Nassif)  para mandar mandar ZD para um RDD,  até então Janot estava fora disso mas, por algum motivo que não sabemos ele aderiu ao golpe. 

P.S.- O mensalão não existiu. É isso que nos interessa, esse é o ponto. De fato não existiu.  O que houve foi caixa 2 eleitoral e não os crimes pelos quais os réus foram condenados injustamente

http://lexometro.blogspot.com.br/2014/04/coletanea-mensalao.html

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

Caro Nassif e demais JB,

Caro Nassif e demais

JB, Janot entre outros, manterão Dirceu preso, pois os donos desses monstrengos, veem no Dirceu o mentor do PT, ele preso, incomunicável, para esse grupo, significa  derrapadas do PT, a derrota do PT.

Falamos em direitos humanos a quem nunca foi humano, mas apenas dinheiro, poder. 

Os manos Marinhos, entre outros, aproveitam-se de suas anonimidades, para fazer o conjunto de massacres, entre os quais os do Dirceu, Genoino e as condições miseráveis da massa carcerária.

Um rebelião em Papuda, a morte dos  apenados do AP470, seria o troféu máximo, para essa minoria, a grande maioria, anônima.

Saudações

Seu voto: Nenhum (2 votos)

NÃO HOUVE QUADRILHA, JÁ CAMARILHA...

Enquanto na Ap 470 chegou-se ao veredicto que não houve quadrilha e portanto os acusados foram inocentados em relação a acusação, escancara-se cada vez mais, a cada dia, para quem tem olhos de ver, a existência de camarilha que atuou e permanece atuando na referida ação. Pode isso em regime democrático, Arnaldo?   

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Não entendi o porquê da

Não entendi o porquê da crítica.

Não foi o próprio blogueiro quem disse aqui que os procuradores são "a linha de frente no combate ao crime"? (pausa para risos)

Então...

Seu voto: Nenhum (4 votos)

-------------------------------------------------- CIRO 2018 --------------------------------------------------

imagem de wmb
wmb

Julgamento POLITICO, Dirceru

Julgamento POLITICO, Dirceru desafiou e mexeu com interesses poderosos.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Walker Liberal
Walker Liberal

José Dirceu é um apenado, e

José Dirceu é um apenado, e como os outros 24 condenados do mensalão, entre banqueiros, publicitários e políticos deve cumprir sua pena na Papuda. Qualquer coisa fora disso é privilégio. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

E o Roberto Jerfeson anda

E o Roberto Jerfeson anda caladinho, niguém mas fala nele.

Será que ele está comendo salmão ?

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Consagre os seus sonhos e projetos ao Senhor, e eles serão bem sucedidos, creia.

gAS

Verdade, se "esqueceram" do Bob

O Barbosa, através de uma resolução baixada na Proclamação da República da Globo se autoproclamou carcereiro dos réus mas parece que se "esqueceu" de um prá trás, o Roberto Jefferson. Ou será que o parlamentar do PTB não se enquadraria nesse script de horror a que estamos assistindo. Na Proclamação da República da Globo o carcereiro-mor sai por ai recolhendo "seus presos" ( e não do Estado brasileiro)  e enfiando-os num avião para dar seu showzinho particular. Nessa AP 470 Barbosa tem se comportado como um cãozinho viralata enraivecido que prega no calcanhar do sujeito e não solta nem a pedido do dono; ninguém dá jeito no Barbosa e agora ele(JB) tem o apoio de Janot  para suas diabrites, a tortura tem que continuar, pois é assim que se afirma para o povão que o mensalão existiu: Há condenados! Sim, apenas através da demonstração de que há condenados a serem seviciados, só não dizem que se tratam de inocentes. Desta forma, o aparato midiático-penal está servido de exemplo para os justiceiros que se alastram Brasil afora. E ainda reclamam ou não conseguem entender como é que essa senhora ai no Guarujá era inocente e foi assassinada por um Tribunal Popular, ué, mas o Barbosa e demais Instituições não estão fazendo a mesma coisa? Sim, estão dando exemplo de como se faz "justiça"? Essas forças representam a suprestrutura da nossa sociedade, são elas que determinam como o povo deve pensar e como deve agir, só não podem fazer o mesmo quando o acusado for um verdadeiramente poderoso, dai que pessoascomo DD, Cachoeira, Azeredo, Arruda e Roriz são poupados.

 

 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

A verdade é uma só......José

A verdade é uma só......José Dirceu está preso por um único crime.....ser ele José Dirceu.  

Tudo isso é um grande absurdo......quem entende tamanha maluquice!!!  Helloooooo Janotinha.....o cara foi condenado ao regime semi aberto e permanece preso......ISSO NÃO LHE CAUSA ESPÉCIE????  Já que nunca é demais realçar a necessidade de que a autoridade administrativa tem a obrigação de conferir tratamento isonômico aos apenados que estiverem em idênticas condições de cumprimento de pena, e que a eventual não apuração de faltas administrativas em relação a todos os apenados podem – como cediço – acarretar responsabilidades a quem de direito.”  Nas próprias palavras do Janota..........então PORRA....tá esperando o que para averiguar essa situação absurda do ZD???  

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Pois é, Dê...

Justo a ele coube ser ele!

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Carlo Zardinni
Carlo Zardinni

O moralismo seletivo da casa grande

Força Dirceu!

Se a sua alimentação é motivo de tanta celeuma para a direita criminosa deste País, esta mesma direita e a sua fiel escudeira, a imprensa golpista, ambas, por quê não viam nada de mais nos almoços nababescos do Cacciola, em sua cela, com todo conforto possível, lá no Rio de Janeiro, não é mesmo? Lembra-se disso povo de fraca memória? E o salmonzito defumado do bobjefferson, será que lá em Niterói, RJ  ele é ainda servido ao rapaz?

 

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de josé adailton
josé adailton

Desencontros

Durou pouco a convivência pacífica e elogiosa com o PGR. 

Seu voto: Nenhum (6 votos)

E todos assistem tremendo do medo dos chiliques do Rei Joaquim

Pois é Adailton, até então a PGR era a única Instituição na qual ainda acreditávamos que fosse capaz de defender o Estado de Direita mas, por algum motivo que não sabemos(tibieza? medo? chantagem? ameaça?) resolveu entrar na roda. A presssão deste poderoso aparato midiático-penal agora é sobre a administração do presídio, uma senha para mandar ZD para um RDD ao lado de Marcola e Beira-Mar para o gozo e deleite dos inimigos do PT, só estes aplaudem esse tipo de sandice que este julgamento de exceção em todas as suas fases, inclusive na execução das penas. Chegamos ao absurdo de vermos, depois que a mídia e demais Instituições colocarem a população carcerária contra ZD, um destes internos declara que ZD recebeu uma fruta no café da manha(se respeitassem a lei, ZD tomaria café no seu trabalho, comeria o que quisesse) e isso é o suficiente para arrochar o preso(de Barbosa e não do Estado brasileiro). E todos assistem tremendo do medo dos chiliques do Rei Joaquim, aquele que acabou de dizer "Não adianta reclamar. Eu mando. Eu determino."  Hum......tá com tudo o ministro-carcereiro! Cadê a melancia no pescoço!

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

Por culpa unica e exclusiva

Por culpa única e exclusiva dele próprio. Tibieza e falta de caráter são indesculpáveis num cargo dessa importância.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

"Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma".  Joseph Pulitzer

E eu, pensando que ele só

E eu, pensando que ele só tava ligado na Fazendinha e no candy crush... 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

USUÁRIO DE COCAÍNA ROBUSTECE JUDICIÁRIO E MINISTÉRIO PÚBLICO

USUÁRIO DE COCAÍNA ROBUSTECE JUDICIÁRIO E MINISTÉRIO PÚBLICO

Na páginas 14 e 15, Janot transcreve trechos de depoimentos de 2 internos do presídio, que foram denunciados pela posse de cocaína na cela em que se encontravam, para fins de consumo/tráfico.

Um deles, Renato, diz que "(...) já usou drogas no presídio (...); que disse aos agentes que porções do tamanho das que foram encontradas custariam R$50,00 dentro da cadeia (...); que é usuário de cocaína; que usa cocaína dentro do presídio; que uma porção de cocaína dentro do presídio custa de dez a cem reais; (...)".

O outro interno, Leandro, diz que "(...) que escolheram o interrogando porque já trabalhava com RENATO; (...)".

Na página 18 do relatório do PGR Rodrigo Janot, lê-se o seguinte (sem o negrito): "Observa-se que as informações prestadas por autoridades da Defensoria Pública, do Ministério Público e do Judiciário, robustecidas por depoimentos formais de internos do sistema prisional local, formam um sólido contexto (...)"

É esquisito que tão portentosas Instituições, detentoras de fé pública, como o Supremo Tribunal Federal do senhor Barbosa e o Ministério Público do sr. Janot, e até mesmo a Defensoria Pública, também citada, precisem ser robustecidas pelos depoimentos de dois detentos, um deles usuário assumido de cocaína e  outro, seu assumido companheiro de "trabalho", denunciados por consumo/tráfico de cocaína na prisão e querendo, naturamente, se safar desta denúncia.

É, no mínimo, muito esquisito que a autoridade máxima do Ministério Público, o senhor Janot, em parecer à mais alta autoridade do Judiciário, o senhor Barbosa, venha se valer dos depoimentos altamente suspeitos destes dois internos do sistema prisional para robustecer as convicções do MP e o STF baseadas em notícias de jornais e em denúncias anônimas e infomais à promotora Milhomens, para, ao fim e ao cabo, formar um sólido contexto (ou seriam as tais circunstâncias de outro relatório do PGR ?) para a dedução e o encaminhamento de qualquer coisa..

Já houve mais sutilezas, e menos força bruta, no STF e no MP, nas suas argumentações para convencer a Sociedade, que lhes paga o salário e lhes delega as funções.

Mas, enfim, quando se verifica que 2 traficantes de cocaína, presos em flagrante com 450 kg de pasta-base em um helicóptero de um senador da república e de seu filho deputado, foram libertados pelo juiz em menos de 4 meses, o mesmo juiz, membro do Judiciário, que aponta para a anulação da operação e do processo contra os traficantes, processo este que, prosseguindo, terá o promotor encarregado, membro do Ministério Público, como testemunha de defesa dos traficantes...

Dizer mais o quê ?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Francisco de Assis

Para quem tem dúvida quanto a inocência de Dirceu

Dirceu não cometeu qualquer um dos crimes que lhe forma imputados no julgamento de exceção da AP-470, a conferir nestes dois textos que tratam do assunto:

"(...)

Acusações levianas 

O relatório não indica quais trabalhos legislativos foram irregulares, nem quais votações foram manipuladas. Limita-se a mencionar que o publicitário Marcos Valério e sua mulher, Renilda Santiago, afirmaram em depoimentos à CPI dos Correios que Dirceu e Delúbio Soares, à época secretário de Finanças do PT, teriam levantado fundos no Banco Rural e no BMG para pagar parlamentares que votassem a favor do Governo.

Não é dito, entretanto, quais parlamentares foram favorecidos e quais votações foram viciadas. Não há nenhuma prova. A acusação é leviana, uma vez que os envolvidos jamais fizeram tais afirmações. Segundo Marcos Valério e Delúbio, houve empréstimos feitos pelo PT, a partir de fevereiro de 2003, nas instituições bancárias para quitar despesas de campanha eleitoral. Marcos Valério disse que Delúbio havia dito que José Dirceu sabia sobre as operações e teria participado de reuniões com representantes dos bancos. Mas em depoimento, Delúbio negou essa declaração e afirmou que em nenhum momento tratou dos empréstimos com o ex-ministro – que já havia se afastado das funções partidárias.

Banco Rural e BMG 

O relatório indica que José Dirceu, quando exercia o cargo de ministro- chefe da Casa Civil, participou de reuniões com diretores dos dois bancos na presença de Marcos Valério, para discutir os empréstimos.

Foi ignorado o fato de representantes do BMG e do Banco Rural terem se manifestado sobre as reuniões mantidas com o ex-ministro. Ambas instituições negaram qualquer tipo de contato com José Dirceu para discutir empréstimos. O Banco Rural informou que participou de reunião para discutir a liquidação do Banco Mercantil de Pernambuco e que não se mencionou qualquer espécie de empréstimo e tampouco houve a presença de Marcos Valério. O BMG também afirmou que seus representantes nunca discutiram empréstimos com o ex-ministro.

Maria Ângela Saragoça 

O relator procura criar “outro episódio” para indicar uma relação entre o ex-ministro e o publicitário Marcos Valério ao citar a concessão de crédito para aquisição de um imóvel e o emprego da ex-esposa de José Dirceu, Maria Ângela Saragoça.

Mas o relator não considerou o fato de o advogado do BMG, Sérgio Bermudes, ter esclarecido que o pedido de emprego não teve a participação de José Dirceu e que “em momento algum Valério falou como porta-voz do ministro”.  Outro representante do banco, Ricardo Guimarães, também afirmou que a contratação de Maria Ângela não envolveu a participação do deputado. O relatório também ignorou que Maria Ângela detalhou, publicamente, o ocorrido e negou a participação do ex-marido tanto na aquisição do imóvel quanto do emprego.

Prova testemunhal 

A representação não foi capaz de indicar nenhum documento que indique a participação, ciência ou anuência do ex-ministro nas alegadas irregularidades. Como elemento de prova contra outros acusados foi explorada, em alguns casos, a admissão de participação.

Da parte de José Dirceu não há confissão. Pelo contrário, o deputado esclareceu e repudiou todas as acusações lançadas, sem fugir um instante sequer do debate em prol da verdade. Lutou pelo direito de ser ouvido pelas CPMIs e de se defender, colocando-se à disposição para esclarecer quaisquer questionamentos.

http://www.zedirceu.com.br/defesa-de-jose-dirceu/historico/

As provas de José Dirceu

04 out 2012/0 Comentários /Por 

José Luis Oliveira Lima e Rodrigo Dall’Acqua
Folha de S. Paulo – 03.10.2012

As provas mostram: Dirceu não tinha vínculos com Valério. Não pediu que fosse a Portugal, não apresentou sua ex-mulher a ele. O PT não foi pauta em reuniões

Após analisar a conduta de inúmeros acusados, o STF inicia hoje o julgamento de José Dirceu na ação penal 470. A defesa repudia, com base em sólidas provas, cada uma das acusações apresentadas contra o ex-ministro pela procuradoria-geral.

Um exemplo é o episódio da viagem a Portugal. Relembrando: Jefferson, no ápice de suas midiáticas acusações, revelou que seu fiel escudeiro no PTB, Emerson Palmieri, viajara a Lisboa com Marcos Valério e seu sócio Rogério Tolentino. Dizia que a viagem teria sido orquestrada por Dirceu para buscar milhões de euros nos cofres da Portugal Telecom.

Palmieri reconheceu em juízo que nunca sequer falou com Dirceu e que nem sabe se a viagem “foi pra obter valores”. Mas, seguindo a cartilha de Jefferson, disse que presenciou o publicitário se apresentando na portaria da Portugal Telecom como “Marcos Valério do PT do Brasil”. Tolentino e Valério sempre negaram essa versão, defendendo que a viagem se deu por negócios com a Telemig.

Uma breve amostra sobre o debate acerca da consistência destes testemunhos teve início na sessão de julgamento de Palmieri e Jefferson, quando o ministro Ricardo Lewandowski observou que, segundo conclusão da própria CPMI dos Correios, a viagem a Lisboa não tinha vínculos com o PT ou José Dirceu.

O revisor ainda registrou a existência do testemunho judicial do presidente da Portugal Telecom, Miguel Horta e Costa, que garantiu que suas reuniões com Valério se davam sempre por conta da Telemig e que ele jamais se apresentou como sendo do “PT do Brasil” ou ligado a José Dirceu. Costa recebeu de sua secretária o anúncio de que na recepção estava “Marcos Valério da DNA Propaganda”, não do “PT do Brasil”.

Assim, o episódio não pode ser usado como prova contra Dirceu. Ele, ao contrário, escancara a intenção de Jefferson em criar fatos contra o governo para desviar o foco das acusações de corrupção nos Correios.

Um outro episódio diz respeito à ex-mulher de José Dirceu, Ângela Saragoça, que obteve empréstimo de R$ 42 mil no banco Rural e um emprego no banco BMG. Ângela sempre garantiu que Dirceu não teve participação ou mesmo ciência desses fatos e que foi apresentada a Marcos Valério exclusivamente por meio de Silvio Pereira, seu amigo desde a fundação do PT, nos anos 1980.

Seu testemunho foi acompanhado por todos os outros depoimentos no processo. É importante observar que os fatos se deram quando a sua relação conjugal com José Dirceu se encontrava encerrada havia mais de dez anos, estando o ex-ministro já em seu terceiro casamento.

Numerosas provas também afastam a acusação de que as reuniões de Dirceu com os representantes do banco Rural seriam indícios de sua ciência dos empréstimos bancários.

Há inclusive uma testemunha que, presente em uma reunião oficial no Hotel Ouro Minas, garante que questões afetas ao PT jamais foram debatidas. O ex-ministro nunca favoreceu nenhum banco, seja o Rural ou o BMG, e somente os recebia em encontros oficiais por dever de ofício.

Ficou provado que na Casa Civil existia um Comitê de Agenda destinado a receber os pedidos de audiências e encaminha-los ao então ministro, somente com a relação das empresas solicitantes, sem a indicação do nome da pessoa responsável. Assim, se foi Marcos Valério quem fez os pedidos de audiência, tais fatos não vinculam de forma alguma o publicitário mineiro com Dirceu.

Enfim, todos os demais aspectos das acusações da PGR foram infirmados por um sólido conjunto de provas produzidas ao longo da ação penal 470, sendo impossível citar todas nesse espaço. O STF, guardião da Constituição, zela pelo princípio da fundamentação dos atos decisórios, que pressupõe que os indícios acusatórios devem ser adequadamente confrontados com as provas apresentadas pela defesa.

Feita esta análise, o caminho que deve direcionar uma sentença justa é bem resumido na lição da ministra Carmem Lúcia: “para a condenação, exige-se certeza, não bastando a grande probabilidade”.

Ao final de uma ação penal em que o próprio procurador-geral da República reconheceu dispor de “provas tênues” contra o ex-ministro da Casa Civil, a justa absolvição de José Dirceu não é pleiteada com base no princípio “in dubio pro reu”, mas sim na certeza que existem provas mais do que suficientes da sua cabal inocência.

JOSÉ LUIS OLIVEIRA LIMA, 46, e RODRIGO DALL’ACQUA, 36, são advogados criminalistas e defensores de José Dirceu na ação penal 470.http://s7.addthis.com/static/r07/widget016_top.gif); overflow: hidden; display: inline !important; height: 16px; width: 16px; line-height: 16px !important; background-position: 0px -272px; background-repeat: no-repeat no-repeat;">Share 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

imagem de Domingo Lopez
Domingo Lopez

A balança da justiça pende somente para um lado.

Na infindável lista de abusos e malefícios que a AP 470 provocou e continua a provocar, ao menos um aspecto positivo podemos considerar.

O mérito de escancarar para que ninguém mais duvide,  que a Justiça Brasileira tem lado e muito bem definido.

Ela age sem nenhum pudor contra os pobres, os pretos, as prostitutas e agora sobretudo contra os petistas.

A hipocrisía de auto-aclamar como isenta e imparcial já não convence mais ninguém.

Como atribuir ao detento  a responsabilidade por supostas "regalias" se ele mesmo nesta condição, está privado do que há de mais essencial:

Sua liberdade!

Nesta condição, não  tem nenhum controle sobre ações, deliberações e prerrogativas dos agentes da instituição prisional, pois foge absolutamente de sua  "capacidade" como detento. 

No Direito, a regra universal da isonomia, é o estabelecimento da condição mais vantajosa como paradigma para que os demais devam atingir.

Na deformação integral que representa a AP 470, o que verificamos é uma isonomia as avessas, onde os supostos "privilégios" ( que não são nada mais do que o exercício de seus direitos ) além de serem suprimidos, o detento deve ser duplamente penalizado por fazer uso deles.

O grau de insanidade que contaminou os "agentes estatais" no trato desta aberração, não tem paralelo em nossa história.

Passou da hora de declararem a suspeição do verdugo, pois ele continuará achar  "pêlo em ovo" enquanto estiver a frente desta sua ultima tábua de exibicionismo, pois é só isto que lhe resta até a aposentadoria.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de manrel
manrel

Diante de tanta armação, fico

Diante de tanta armação, fico desconfiado que se o Dirceu sair pra trabalhar, pode correr risco de vida.

Eles estão armando tambem pra alguem como  o LULA - DILMA - PT, se manifestarem indignados para a Mídia cair de pau e  usarem os comentários associando  os como defensores de corruptos, mensaleiros, com efeito na próxima eleição.

Querem o golpe de qualquer modo, o dinheiro do Pre-Sal é muito, pra ser distruibuido socialmente pra saúde e educação.

 

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Saco.....

Ja estou com o saco cheio, o que é que adianta batermos bocas virtualmente???reclamar, questinar, chorar, indiguinar-se? Isso é facil. Acredito que nesse blog tem alguém capás de comprar essa briga. Eu não sou, não tenho  o domínio do fato. Quem está disposto? Não é José Dirceu, somos nós.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Roberto M Almeida

imagem de roland
roland

Certo ele

O procurador-geral está certo: as autoridades responsáveis   "tem a obrigação de conferir tratamento isonômico aos apenados que estiverem em idênticas condições de cumprimento de pena".

A pena aplicada a Zé Dirceu prevê o direito ao trabalho externo. Se não lhe estão concedendo isso, não existe "tratamento isonômico" com os apenados "em idênticas condições de cumprimento da pena", tanto que alguns deles já trabalham.

Como já observei em outra ocasião, se não lhe fosse negado o trabalho externo a que tem direito, no período em que estivesse fora da prisão, ZD poderia comer o que quisesse e pudesse, e telefonar quanto e para quem quisesse, sem problema algum.

A  coisa se parece a uma armadilha: ZD permanece sem poder trabalhar até se encontrar (e parece que acharam) uma real ou suposta infração que justifique a negativa ao trabalho externo. E, mantido injustificadamente preso em tempo integral (pois até agora não há nada comprovado quanto às alegadas infrações, apesar do que diz o PGR), ZD teria se transformado em suposta causa de revolta dos demais presos por uma alegada feijoada, uma visitas e um telefonema. Fosse o autor das alegadas infrações alguém do porte de Carlinhos Cachoeira, a questão não estaria sendo discutida em tão alto foro.

O caso é que estava "decidido" por alguns que ZD seria condenado a pena que lhe impedisse o trabalho externo, mas afinal a pena aplicada foi menos drástica.

Aparentemente, há gente querendo corrigir essa "falha".do STF.

Por alguma razão, me vem à mente a fábula do lobo e do cordeiro.

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

ainda bem que o sucesso da resistência pacífica...

vem de se saber algo que ninguém mais sabe..............

toda a tortura burocrática é para tirar do sério

Seu voto: Nenhum (1 voto)

a mídia também sabe, ah, e como sabe...

que todos os petistas de verdade sempre optam por resistir a tudo para desmascarar todos

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Desde quando o Dirceu é o

Desde quando o Dirceu é o porteiro da Papuda? Quer dizer que ele é que fica lá escolhendo, esse entra, esse não entra? Interessante é que o Janot, o Joaquim e as prestimosas promotoras não querem nem saber se o Roberto Jefferson está tendo regalias ou não, né? Por falar nisto, alguém tem notícias se o Jeffeerson continua preso? Se está comendo salmão, geléia real, cereais, será que está recebendo visitas, que hora entram, que hora saem, será mesmo que ele ainda está preso?

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Domingo Lopez
Domingo Lopez

A balança da justiça pende somente para um lado.

Na infindável lista de abusos e malefícios que a AP 470 provocou e continua a provocar, ao menos um aspecto positivo podemos considerar.

O mérito de escancarar para que ninguém mais duvide,  que a Justiça Brasileira tem lado e muito bem definido.

Ela age sem nenhum pudor contra os pobres, os pretos, as prostitutas e agora sobretudo contra os petistas.

A hipocrisía de auto-aclamar como isenta e imparcial já não convence mais ninguém.

Como atribuir ao detento  a responsabilidade por supostas "regalias" se ele mesmo nesta condição, está privado do que há de mais essencial:

Sua liberdade!

Nesta condição, não  tem nenhum controle sobre ações, deliberações e prerrogativas dos agentes da instituição prisional, pois foge absolutamente de sua  "capacidade" como detento. 

No Direito, a regra universal da isonomia, é o estabelecimento da condição mais vantajosa como paradigma para que os demais devam atingir.

Na deformação integral que representa a AP 470, o que verificamos é uma isonomia as avessas, onde os supostos "privilégios" ( que não são nada mais do que o exercício de seus direitos ) além de serem suprimidos, o detento deve ser duplamente penalizado por fazer uso deles.

O grau de insanidade que contaminou os "agentes estatais" no trato desta aberração, não tem paralelo em nossa história.

Passou da hora de declararem a suspeição do verdugo, pois ele continuará achar  "pêlo em ovo" enquanto estiver a frente desta sua ultima tábua de exibicionismo, pois é só isto que lhe resta até a aposentadoria.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Dirceu é homem-teste: Todo e qualquer brasileiro está sob risco

  "É injusto que Dirceu, que tem bom comportamento, de acordo com a penitenciária, tenha que esperar tanto para poder trabalhar", afirma jornalista; Kennedy Alencar acredita que "desrespeitar os direitos humanos de um preso, seja ele um poderoso político ou um criminoso de menor importância, abre um precedente para o desrespeito aos direitos humanos de todos os cidadãos" 4 DE MAIO DE 2014 247 – O tratamento arbitrário dado ao ex-ministro José Dirceu, que cumpre pena no presídio da Papuda, em Brasília, abre precedentes para outros detentos e cidadãos em geral, acredita o jornalista e comentarista político Kennedy Alencar (assista ao seu comentário aqui). O ex-deputado tem tido os direitos humanos desrespeitados ao não receber autorização do STF para trabalhar, embora tenha sido condenado ao regime semiaberto e apresentando bom comportamento na detenção. "É injusto que Dirceu, que tem bom comportamento, de acordo com a penitenciária, tenha que esperar tanto para poder trabalhar", afirma o jornalista. Kennedy Alencar acredita que "desrespeitar os direitos humanos de um preso, seja ele um poderoso político ou um criminoso de menor importância, abre um precedente para o desrespeito aos direitos humanos de todos os cidadãos". Uma visita realizada na terça-feira 29 por deputados integrantes da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara, no entanto, atestou o contrário. Apesar de parlamentares da oposição, como Arnaldo Jordy (PPS) e Mara Gabrilli (PSDB), afirmarem que Dirceu tinha uma cela privilegiada e enxergarem "regalias" como chuveiro quente, TV e microondas, tudo se mostrou um jogo político. O relatório final dos deputados confirma que Dirceu não recebe tratamento diferenciado dos outros presos. Os objetos citados acima também estão presentes em outras celas, que não são maiores, de acordo com relato dos deputados Jean Wyllys (Psol-RJ) e Luiza Erundina (PSB-SP), cujas declarações, no entanto, não foram recebidas com atenção pela grande imprensa. Em um relato detalhado sobre a visita, Wyllys explica que "é parte da política carcerária manter uma separação dos apenados cujos crimes tenham repercutido muito nos meios de comunicação", com o objetivo de "proteger a vida do apenado". E que, por isso, esses presos têm um "regime diferenciado de visitas", a fim de que seus parentes não sejam tomados por reféns (leia seu texto aqui).http://www.brasil247.com/pt/247/brasilia247/138694/Kennedy-desrespeito-a-Dirceu-abre-precedentes.htm  

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

imagem de Alexandre Augusto Godinho de Oliveira
Alexandre Augusto Godinho de Oliveira

Dilma e o PT se cagando de medo dos inimigos

E Dilma e o PT continuarãoe scolhendo seus inimigos para ferrar com todos nós? Francamente, assim é demais. Não adianta nos manifestarmos indignados na rede e a cúpula do PT se cagando d emedo de exercer o poder com a maioria. Nomear esses sujeitos anti-Brasil dá nisso. Chega!

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Jô

O mais irônico é que se os

O mais irônico é que se os direitos de Dirceu não estivessem sendo violados ele estaria em regime semi-aberto, podendo receber visitas, comer frutas e tomar um cafezinho. É como se alguém fosse preso sem um mandato judicial e o juíz decidisse mantê-lo preso porque fez um telefonema quenão foi registrado.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Eu torço pra eles resistirem

Eu torço pra eles resistirem a mais essa escrotice e todas mais da imprensa e da oposição (incluídos aí todos os barbosas, janots e milhomens). Já está ficando mais e mais claro pra cada vez mais pessoas que é assim que essa turma age.

Mentira, desinformação e contorcionismo jurídico contra os inimigos é o lema deles.

Só que os inimigos deles são do povo.

Suspeito é que o "jogo virou" lá na papuda; que agora querem fazer demagogia com a "comunidade carcerária".

A papuda pode vir a ser mistioficada tal qual a Ilha Grande foi mistificada aqui no Rio.

Seu voto: Nenhum (8 votos)

PJ não VOTA!

O Jornalismo acabou e a eleição não tem fim!

imagem de Achista
Achista

O Judiciário opinativo e as entradas para aleijar

Sempre pensei que processos legais fossem estruturados, com regras, ritos e, principalmente, a observância da lei e de suas infrações, baseadas em denúncias legais, provas, etc (inclusive o papel principal de transformar suspeitas e indícios em provas é da polícia).

Agora temos um Judiciário onde todo mundo só precisa "achar" (e ainda dar pitacos nos papéis alheios... senããão!...).

Em política e sociedade, aceito que processos de melhorias possam ser lentos (depende da resultante de forças)

O que está acontecendo no mundo é bem o contrário: uma nova forma de dar golpes, sejam eles políticos, econômicos, sociais e agora jurídicos.

Processos que levam décadas para começar a amadurecer saõ destruídos, senão por golpes, em meses. No máximo em um mandato, como o de FHC, que quase aleijou o Brasil definitivamente. Agora estamos sob fisioterapia, que sequer deixam-nos fazer! Fica cada vez mais claro que ...

O objetivo é aleijar mesmo!

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Janot tardou mas chegou

Ele ficou em cima do muro por algum tempo mas aderiu totalmente ao golpe, no velho estilo de Roberto Gurgel, dias atrás Nassif tratou dessa trama num texto sobre o golpe da falta grave para mandar Dirceu para um RDD ao lado de Marcola, Fernandiinho Beira-Mar, só queria entender como  é que esse aparato midiático-penal se reune para que todos falem a mesma linguagem, agora o sincronismo é total: O Janot está na roda. Tardou mas chegou. Agora a coisa se fehcou de vez: STF, PGR, MP-DFT, VEP e Mídia, todos sob o comando desta. Estão querendo o que mesmo? Defender as Instituições? Como assim, se há um preso ilegalmente por quase 6 meses. Será que não sabem que em bosta quanto mais se mexe mais fede e que não adianta tentar "salvar as Instituições" desta forma, ou seja, endurecendo a corda e apertando os torniquetes da  tortura contra Dirceu só prá dizer que o "mensalão" existiu e que o o julgamento da AP 470 ocorreu dentro dos parâmetros normais e jurídicos? Pq não se entregam logo? Medo de que? Chantagearem Janot para que ele deixasse ser enquadrado assim  tão rapidamente,...,,..algum segredo que não sabemos, alguma ameaça ao PGR... Ou  se não é nada disso então estão buscando o que mesmo, justiça é que não é..,,, Mistérios....

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

imagem de Tendendo Nada
Tendendo Nada

Xôvê c tendi

Além de manter o condenado por "dominar o fato" de uma "quadrilha" que não existiu ,em regime diferente da condenação decorrente, vão afnal dar prosseguimento à ilegalidade da milhomem e quebrar o sigilo do planalto e demais, sem que isso sequer consiga provar alguma coisa?

O Judiciário promovendo todo tipo de chicanas e ilegalidades?

É isso?!

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

Sim.  O objetivo central

Sim.  O objetivo central dessa conspiracao aberta eh fornecer anos a fio de "bombas" aa media aas custas de vazamentos.  No entanto, mais importantemente, eh garantir qualquer escandalizacao -qualquer escandalizacao- no mes da eleicao com essas chamadas.

Seu voto: Nenhum

Dirceu casou...

Casou com o STF...tá fudido.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

PGR, todos iguais

Nassif,

É evidente que se trata de um jogo de cartas marcadas, para manter JDirceu e talvez JGenonno em regime fechado, ao arrepio da lei, aliás, prá que servem as leis, se elas são desreipeitadas pelo presidente do STF ? Sem dúvida, é um belo exemplo que JBarbosa está dando à sociedade.

Quanto ao PGR, o mineiro Rodrigo Janot , seria ótimo que ele aplicasse este nível absurdo de rigor aos milhares de apenados deste patropi, que obrigasse todas administrações carcerárias à vistoria permanente e intensiva, ao mesmo nível dedicado aos dois presos, nível de lata de feijoada, aquelas que se compra por 10 reais em qualquer supermercado.

Esta tropa de choque às avessas, depois de tentar grampear o Palácio do Planalto, um exemplo e tanto de garantia de impunidade, manterá JDirceu enjaulado até que o resultado da eleição esteja definido. Tem que ter mais gente por trás desta inquestionável lambança, e trata-se de gente que ainda morre de medo do ex-chefe da Casa Civil, o mesmo medo que existe em relação a Lula, que não ocupa nenhum cargo político mas é citado  todos os dias no noticiário.

Este, o medo "daquela raça" conforme disse Jorge Bornhausen, é o recibo que as forças de oposição terminam por passar, um  vexame sem tamanho.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de edson s.
edson s.

Esse Janot ou é um fraco ou é

Esse Janot ou é um fraco ou é um (outro) mal intencionado. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Jô

Estado de Direito????

Cadê a OAB , a Anistia Internacional e os órgãos de defesa dos direitos humanos?????

Seu voto: Nenhum (4 votos)

O que ficou claro é

O que ficou claro é sentimento CORPORATIVISTA DA AÇÃO DO PGR.

Dizer qualquer coisa EM CONTRÁRIO seria colocar o Barbosão e o STF fraco diante da sociedade.

Essa foi a escolha dele, por que NO VIDEO GRAVADO NO início, próx. do 20' segundo ouve-se uma voz dizendo que há detentos com regalias, mas que o Dirceu não as teria pelo assédio da MÍDIA!

A MÍDIA DIRIGE, ainda que indiretamente,  A PGR E O STF!

Essa lorota que não se intimida com a turba não vale para contas bancárias gordas...

Seu voto: Nenhum (10 votos)

"O que fazemos na vida, ecoa na ETERNIDADE!" (Máximus - Gladiador)

"Os dois mais importantes dias em sua vida são o dia em que você nasceu e o dia em que você descobrir o porquê... - M

imagem de P.R.Plexo
P.R.Plexo

A Tática da Doninha e nossa democracia

Uma das manobras que não me lembro ter Maquiavel destacado é a tática da perplexidade, muito utilizada contemporaneamente pelo poder no mundo (ex: invasão do Iraque, assassinatos de Estado sem julgamento, via satélite, bonus a quem causa crises munidiais, golpes políticos através da Justiça, etc.), 

Esta tática (sendo utilizada no Judiciário) deixa os demais (inimigos e/ou vítimas) tão perplexos que ficam paralisados, hipnotizados, até serem aniquilados e/ou devorados.

Percebam como o golpe ((quer) pega(r) o Brasil, digo a doninha pega a lebre:

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Sabe quando o Dirceu começará

Sabe quando o Dirceu começará a trabalhar e a cumprir sua pena no regime a que foi condenado?

Todos sabemos.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Perseguição a José Dirceu

Alguns comentaristas aqui do blog levantaram a hipótese de que Janot, a propósito de sua última manifestação a respeito da tentativa de espionagem no Palácio do Planalto, promovida por Joaquim Barbosa e a Procuradora Milhomens, conforme denunciado por jornalistas independentes, apenas estaria levantando a bola para que Joaquim Barbosa continuasse lesando o direito de José Dirceu deixar o presídio para trabalhar durante o dia.

Janot resolveu ir além. Ofereceu  todos os elementos, supostamente verdadeiros, para JB manter Dirceu em regime fechado até ele, Barbosa, se afastar do STF.

O linchamento de Dirceu é o prêmio que JB e Janot esperam obter ao final da tortura a que Dirceu é submetido todos os dias pelas negativas de Barbosa de conceder-lhe o exercício efetivo do regime semiaberto.

Não me espanta que esses senhores passem a perseguir pessoas que se manifestam a favor de José Dirceu em relação ao legítimo direito que lhe é usurpado..

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Jorge Vieira

Janota não tem nenhuma

Janota não tem nenhuma diferença com ex-prevaricador da república o Gurgel. Todos eles abaixam a cabeça para o sociopata Quinzão Capitão do Mato e Carcereiro Mor.

Seu voto: Nenhum (8 votos)

zanuja

RODRIGO JANOT ENTRA DE VEZ NO JOGO DE BARBOSA

RODRIGO JANOT ENTRA DE VEZ NO JOGO DE BARBOSA

Seu voto: Nenhum (8 votos)

Francisco de Assis

imagem de Janota
Janota

Água mole em pedra mole ...

Tanto bate até que molha...

E olha que é em resposta à uma(s) ilegalidade(s).

Como diria Aloysio Trezentinha: PQP!

Que Justiçadura é essa, dotô?

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Sei, Janot, passa amanhã, né?

Sei, Janot, passa amanhã, né? Quer dizer que os presos são responsáveis pelas visitas que recebem? Ou seja, se amanhã a gente quiser fazer um comício dentro Papuda, a gente pode, pq a culpa vai ser de JD e não de quem deveria ser o responsável pelas visitas. Que bom, já que é o JD que tá administrado a Papuda e não pode sair de lá, a gente vai. Pelo que eu entendi, as visitas estão liberadas desde que caiam na conta de JD. Enquanto a chicana rola solta, José Dirceu, continua preso, ilegalmente. Tão rolando papelada para lá e para cá, jogando o dinheiro público no lixo, para forjar uma pendência que esteja impedindo José Dirceu de trabalhar. O nome disso, antigamente, era litigância de má-fé. Na verdade tem promotor-candidato que está tentando se passar por magistrado, isso aí é "falsidade ideológica".

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Você acaba de desfazer o truque

Cristiana miha amiga,

E não é que você acaba de desfazer o truque de ILUSIONISMO ? O que os ilusionistas fazem via de regra? DESVIAM SUA ATENÇÃO para um ponto e enquanto você está olhando para um lado, eles realizam o truque com a outra mão.

Esse é o truque da mídia, do Joaquim Barbosa e do Janot !!!

Ora, o José Dirceu tem o direito ao semi-aberto, que se cumpra simplesmente.

Supondo que houvesse de fato incorreções na condução por parte da direção do presídio, concedendo regalias ou exceções a qualquer condenado que se puna os responsáveis pelo desvio e não o PRESO.

 

Seu voto: Nenhum (4 votos)

"Penso, logo existo"

Luis, no post

Luis, no post Lewandowski/CNJ, um pouco abaixo desse, o antonio francisco e o Ivan, postaram sobre o Ministro da Justiça. Pô, o cara tá cololcando a maior pilha nos ministros; tá apostando mesmo na judicialização. Aí complica pq os ministros indicados, mesmo os que forem leais, politicamente, serão leais ao Governo e não à militância.  Trancar na Papuda o CNB ( ex-Campo Majoritário p/ os mais velhos que nem eu ) e deixar a Convenção livre para demais tendências que, a gente sabe, vivem no mundo dos pequenos pôneis e, por isso, nunca levam nada. Deixar o PT nas mãos deles, é decretar a morte do partido. Eu não sei mas, parece que estamos chegando muito perto de ter que parar de olhar para os ministros do STF e começar a olhar pra nós mesmos. Lula, deu um toque na entrevista aos blogueiros; sabemos como são as disputas internas do PT e essa briga de PT/Sul X PT/SP, pode ser bem pior do que qq Mensalão para as eleições. Muitas lideranças de PT/SP e PT/RJ que vão nessa linha Ursinhos Carinhosos, fazem questão de não lembrar que não fizeram suas campanhas com a venda de estrelinhas de plástico e camisetas; mas, como agora, já se projetaram, nacionalmente, acham que podem fazer o número do PSOL, que tb gosta muito de esquecer como suas lideranças se elegeram a ponto de criar um partido de gabinete, com votos conquistados a partir das cadeiras da Câmara. Muito bem, se a ideia do consórcio Mídia/MPF, com o apoio de STF e oposição que é a de rachar o PT, pq só o PT é capaz de destruir o próprio PT; o militante tem que saber quem são os petistas que estão apostando as fichas nesse jogo. O CNB, por óbvio, não está pq suas lideranças é que estão sendo sacrificadas. As demais tendências sabem que os militantes do CNB são leais ao partido, independente da tendência a que pertencem; ou seja, estão apostando na lealdade para poderem ser desleais. Isso não mudará em nada a postura dos militantes do ex-CM e muito menos de suas lideranças, presas ou não; porém, é bom lembrar que o PT conquistou na blogosfera, POR CONTA das atrocidades da AP 470, uma legião de simpatizantes que não tem qq vínculo ou dever de lealdade com o Partido dos Trabalhadores. É, claro que a campanha de Dilma contará com todos eles mas, os que, porventura, acreditam que podem esconder sua traição escudados nas eleições para o Congresso e Executivo e Legislativo Estaduais, é bom pensar duas vezes. Traição de ministro do STF, é vergonhoso para o país inteiro e, mesmo assim, eles não tem qq compromisso com nada mesmo. Mas traição a companheiro é outro papo. Lula já meteu o pé na porta e Dilma é presidenta do Brasil, inteiro, não tem que se manifestar mesmo. O resto, tem que se posicionar e se posicionar de forma efetiva para que toda a militância entenda. Todos nós sabemos quem são as lideranças que estão dando apoio aos companheiros  e na hora da campanha, isso vai ficar muito claro. O PT não merece eleger alguém à custa de cadáveres políticos de companheiros. E, antes que apareça alguém acusando o PT de covardia, lembro que é o PT que está com a militância lutando por suas lideranças; é o PT que está tendo que enfrentar Mídia, MPF, Judicário, oposição toda ( à direita e à esquerda ) Yankess, mercenários, Anonymous, BB's, robôs de candidatos, silêncio da Câmara, silêncio do Senado, silêncio da OAB... O PT não tem nada de covarde mas pode ter alguns covardes; todo o partido tem... todo lugar tem... Mas o fato  é que, se o PT tem alguns covardes, eles NÃO ESTÃO na Papuda.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Silas Eduardo
Silas Eduardo

Interessante sua abordagem

Caramba, ninguém, em nenhum blog que eu tenha visitado colocou uma perspectiva como a sua. Valeu a pena ler os comentários!

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Luis, por Conveção, leia-se,

Luis, por Conveção, leia-se, data limite oficial que é a que vale para todos os partidos, independente de haver ou não Convenções. Minha preocupação é com o calendário oficial que é o que rege o embromation do MPF/STF.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.