A indústria está 7,3% abaixo de abril de 2015, por Luis Nassif

Em relação a maio de 2021, houve queda de 0,32% na Indústria, queda de 4,89% na Extrativa e alta de 2,01% na de Transformação.

A Pesquisa Mensal da Indústria (PMI), do IBGE, registrou alta de 0,33% na Indústria Geral, queda de 5,64% na Extrativa e alta de 0,84% na de Transformação – a que tem mais impacto sobre a economia.

Dos 25 setores da Indústria de Transformação, houve alta em 19 e queda em 6 setores.

.

Em relação a maio de 2021, houve queda de 0,32% na Indústria, queda de 4,89% na Extrativa e alta de 2,01% na de Transformação. No caso da Indústria de Transformação, houve alta em 12 setores e queda em 13

Mesmo assim, o setor está bem abaixo do mesmo período de 2014.

Uma análise do desempenho dos estados – os dados sempre são divulgados um mês depois dos dados gerais -, os números de abril mostram um quadro geral dramático em relação a 2014/2015, quando tem início do modelo neoliberal inaugurado pelo pacote de Joaquim Levy.

De abril do ano passado para cá, o quadro estadual é o seguinte:

De abril de 2015 para cá, a Indústria em geral registrou queda de 7,3%. Alguns estados conseguiram crescer.

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador