Endividamento e inadimplência caem em dezembro, diz CNC

da Agência Brasil  

O percentual de famílias endividadas e inadimplentes caiu na passagem de novembro para dezembro deste ano. Segundo a Pesquisa Nacional do Endividamento e Inadimplência (Peic) da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), o total de endividados caiu de 63,2% em novembro para 62,2% em dezembro.

Entre as famílias entrevistadas, 11,6% se dizem muito endividados e 24,6% mais ou menos endividados. As dívidas mais comuns são cartão de crédito (76,4%), carnês (16,4%), financiamento de carro (12,6%), crédito pessoal (7,9%) e financiamento de casa (6,7%).
 
O percentual de inadimplentes, ou seja, as pessoas que têm dívidas ou contas em atraso recuou de 21,2% para 20,8%. A média de demora para quitação da dívida em atraso é 59,4 dias, mas 42,4% estão inadimplentes há mais de 90 dias.
 
O percentual de famílias que não terão condições de pagar suas contas também recuou, de 6,6% em novembro para 6,5% em dezembro.
 
Em relação a dezembro do ano passado o número de endividados aumentou (já que eram 60,7% naquele mês), mas os inadimplentes e famílias sem condições de pagar as contas/dívidas recuaram (já que eram 21,7% e 7%, respectivamente, em dezembro de 2012).

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

0 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador