Crise gerada por Bolsonaro pode afetar economia, diz Guedes

Ministro da Economia diz que ‘barulho’ causado pelo presidente pode comprometer ritmo de crescimento, e que inflação está no pior momento

Jornal GGN – O ministro da Economia, Paulo Guedes, admitiu que a crise institucional gerada pelo presidente Jair Bolsonaro pode comprometer a economia brasileira.

“Todo esse barulho sobre instituições e democracia pode afetar nossa bem posicionada economia, no sentido de que estamos prontos para avançar novamente?”, disse Guedes em evento promovido pelo banco Credit Suisse, após ser questionado por investidores a respeito do comportamento do presidente.

Clique aqui e veja como colaborar com o jornalismo independente do GGN

“Minha resposta é que isso pode produzir muito barulho, desacelerar o crescimento. Mas não mudar a direção [da política econômica], estamos na direção correta”, pontuou o ministro, ressaltando que Bolsonaro pode ter passado dos limites em palavras, mas não em ações, segundo o jornal Folha de São Paulo.

No dia 07 de Setembro, Bolsonaro usou a palavra para ameaçar o Supremo Tribunal Federal (STF) e investidores chegaram a temer uma ruptura institucional que derrubou o mercado financeiro de maneira generalizada. E um dos impactos de tal posicionamento foi o bloqueio das negociações para flexibilizar o pagamento dos precatórios em 2022.

Leia Também

Bolsonaro ameniza ameaças golpistas em carta à Nação escrita com ajuda de Temer

Barroso: “Se tentaram invadir o Congresso e o STF, imagine o que não fariam com as seções eleitorais”

A crise econômica e o Projeto Bolsonaro, por Paulo Kliass

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome