Kit intubação está próximo de acabar em 1.141 cidades brasileiras

Montante representa 44,7% dos municípios do país; oxigênio está próximo de acabar em 24,5% das localidades

Reprodução

Jornal GGN – Existe o risco de 44,7% das cidades brasileiras ficarem sem medicamentos que compõem o kit intubação ainda nesta semana. O percentual equivale a 1.141 municípios do Brasil, segundo levantamento elaborado pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM) entre os dias 29 e 31 de março.

O alerta sobre a falta desses produtos foi feito pelos secretários já no mês de março, segundo informações do portal UOL. Os chamados kits intubação são os medicamentos e insumos usados para manter um paciente internado em ventilação mecânica, algo recorrente em casos de covid-19.

Quanto ao risco de faltar oxigênio no hospital ou centro covid do município, 24,5% (ou 625 cidades) indicaram a iminência de esgotamento do insumo. Os dados foram apurados pela CNM (Confederação Nacional dos Municípios) entre os dias 29 a 31 de março. Dos 5.568 municípios, 2.553 responderam ao questionário.

Segundo o levantamento, 37,1% dos entrevistados (ou 948 municípios) adotaram o fechamento completo dos serviços considerados não essenciais para conter a pandemia, enquanto 82,2% (2.098) disseram adotar o toque de recolher para restringir a circulação de pessoas à noite – tal percentual chega a 88% (2.246) quando o período de fechamento é o fim de semana.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora