Internet: liberdade e diversidade, fundamentos de uma comunicação democrática

O 2º Fórum da Cultura Digital, reunido em São Paulo apontou os ganhos obtidos no governo Lula para o setor, “que é reconhecido mundialmente pelos avanços nessa área e por ter adotado uma política que fomenta a liberdade na rede”.
Fundado no que já foi alcançado, acena para a construção de um marco regulatório com a criação de um marco civil e de uma lei de direitos autorais para o uso de bens culturais na internet.  Temas urgentes e delicados, cercados de muros comerciais altíssimos.
Acima de tudo, de qualquer olhar distinto sobre as questões apresentadas, o Fórum foi categórico em sua carta final: liberdade e diversidade são essenciais para uma comunicação social, de fato, democrática.  E disseram NÃO, mais uma vez, ao projeto do senador Eduardo Azeredo, o AI-5 Digital.
Diga NÃO você também ao controle da internet, clique aqui.

Confiram a íntegra da Carta, clique aqui>>

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  A miséria que nos governa e julga, por Núcleo de Pesquisas em Psicologia Política PUC-SP

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome