Hoje, Aquiles Rique Reis apresenta “Toda Canção é de Ninar”, às 17h

Os trabalhos são inéditos e começam a ser conhecidos a partir de hoje, 24 de setembro, a partir das 17h. No vídeo a ser liberado neste horário, Aquiles lerá um dos contos e cantará uma das músicas do CD.

Jornal GGN – “Toda Canção É de Ninar” é o projeto de Aquiles Rique Reis. Dividido em nove capítulos, a série terá músicas a capella gravadas por Aquiles num CD independente, incluindo contos de “Os ‘pensos’ de José Maria Lindoia, o Zé Junior”, já parte de um livro infanto-juvenil. Os trabalhos são inéditos e começam a ser conhecidos a partir de hoje, 24 de setembro, a partir das 17h. No vídeo a ser liberado neste horário, Aquiles lerá um dos contos e cantará uma das músicas do CD.

Os contos relatam a vida de um garoto que só dorme quando o pai entoa músicas. O pai, o Sr. Lindoia, canta as músicas que ele aprendeu faz tempo, parte de sua vida, para embalar o sono do filho. Canta baixinho, quase sussurrando, lentamente, sem o ritmo original da música. E pode ser baião, samba, qualquer estilo, pois que o pai sempre dizia ao guri: “Toda canção é de ninar, meu filho, aprenda isso”.

Durante esta primeira apresentação de “Toda Canção É de Ninar” e “Os ‘pensos’ de José Maria Lindoia, o Zé Junior”, e em todos os capítulos seguintes, texto e música estarão presentes no mesmo contexto, mas cada um em seu devido lugar.

Durante a transmissão, Aquiles disponibilizará na tela um QR Code e um link que levará ao site PagSeguro. O artista pede que, a cada capítulo, seu trabalho solo seja avaliado e as pessoas contribuam solidariamente com qualquer quantia.

“Guardado comigo há mais de 15 anos, lanço esse projeto que é fruto da arte e da cultura que aprendi a criar e a valorizar com o MPB4”, diz Aquiles.

Leia também:  Sobrevoo, o novo CD de inéditas de Rodrigo Bragança e Banjamim Taubkin

“Não está morto quem peleia” (expressão gaúcha).

Serviço:

Horário: 17h

Para assistir:

https://m.facebook.com/mpb4oficial/

https://www.youtube.com/c/mpb4oficial

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome