Margarida e Aparecido

Célia Coutinho & Rogério Cardoso cantam MARGARIDA E APARECIDO de Macedo Neto e Irvando Luiz. Resgate de Luciano Hortencio.

Resgate de Luciano Hortencio

Célia Coutinho & Rogério Cardoso cantam MARGARIDA E APARECIDO de Macedo Neto e Irvando Luiz.

Minha mãe gosta de manga

Canta Aparecido

O meu pai gosta de mel

Chora Aparecido

Minha irmã gosta de homi

Canta Aparecido

Eu só gosto é de mulher

Ai, canta e chora Aparecido

 

O casório dos meus pais

Canta Margarida

Foi na igreja lá da Lapa

Chora Margarida

Minha mãe veio de carro

Canta Margarida

O meu pai veio no tapa.

Ai, canta e chora Margarida.

 

O meu pai é homi sério

Canta Aparecido

Minha mãe me fez receita

Chora Aparecido

Pois os dois se conheceram

Canta Aparecido

Quando estavam na cadeia

Ai, canta e chora Aparecido

 

Pra casar eu quero roupa

Canta Margarida

Quero tá aperparada

Chora Margarida

Quero enxoval completo

Canta Margarida

Tome calça enxovalhada

Ai, canta e chora Margarida

 

Pra casar precisa gaita

Canta Aparecido

E comida pra cumê

Chora Aparecido

Eu já tenho engatilhado

Canta Aparecido

Um emprego pra você

Ai, canta e chora Aparecido

 

Você diz que vai embora

Canta Margarida

Vai pegar o primeiro trem

Chora Margarida

Por favor antes de ir

Canta Margarida

Paga a conta do armazém

Ai, canta e chora Margarida

Ai, canta e chora, Aparecido

 

Célia Coutinho & Rogério Cardoso – MARGARIDA E APARECIDO – popular de Minas – Macedo Neto – Irvando Luiz.

Disco Odeon 14.872-1.

Setembro de 1963.

Arquivo Nirez.

Coisas que o tempo levou.

luciano hortencio.