Bolsonaro declara guerra contra ambientalistas

Mandatário entende que a esquerda decidiu usar a questão ambiental para desgastar o seu governo

FOTO: MARCOS CORRÊA/PR

Jornal GGN – Em meio ao recorde de queimadas no Pantanal, Jair Bolsonaro (sem partido) prefere acreditar que existe uma guerra “aberta contra ele” e ir “pra cima” de ambientalistas, do que tomar alguma providência responsável sobre o crime ambiental em escalada no Brasil. 

De acordo a apuração da jornalista Thaís Oyama, do UOL, o mandatário entende “a esquerda decidiu usar a questão ambiental para desgastar o seu governo” e, sendo assim, “o governo seguirá falando cada vez mais grosso”.

Para o governo de Bolsonaro a oposição “se vale da ‘mídia’ e de ONGs que, acredita, não estão interessadas em contribuir, mas apenas apontar-lhe o dedo”.

Ainda, segundo o Palácio do Planalto, o Conselho da Amazônia, encabeçado pelo vice-presidente Hamilton Mourão, foi criado para mostrar que o governo estava disposto ao diálogo mas “a tentativa de adotar um discurso diplomático fracassou”.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora