fbpx
terça-feira, outubro 20, 2020
  • Carregando...
    Início Opinião

    Opinião

    O terror da armadilha nuclear, por Fábio de Oliveira Ribeiro

    É um erro enquadrar conflitos modernos na moldura dos conflitos antigos.

    Os “maus brasileiros” e o Reinhard Heydrich tupiniquim, por Fábio de Oliveira Ribeiro

    O conceito de “maus brasileiros” usado pelo general Heleno é inconstitucional. Ele evidencia que o Estado está sendo transformado num imenso aparelho de coleta de informações.

    A boiada e o avestruz, por Francisco Celso Calmon

    O golpe foi adredemente preparado, “com o Supremo, com tudo”, como dissera o ex-senador Romero Jucá, que foi peão na conspiração traiçoeira.  Villas Boas, STF, mídia, empresários e Temer, os protagonistas.

    Escatologia: O governo Bolsonaro unificando duas palavras de diferentes sentidos e igual grafia, por...

    O segundo sentido de escatologia é derivado de uma palavra mais moderna σκατος que significa fezes, com o mesmo sufixo de estudo significa o estudo das fezes

    O que é “revisar a prisão a cada 90 dias”? O erro de Fux,...

    "Por que é difícil fazer cumprir leis garantidoras? Demonstrar que deve-se ler 'revisão de 90 em 90 dias', que o ônus é do MP e do Estado-Juiz. Mais simples que isso impossível"

    A política não será mais autorizada? Por Fábio de Oliveira Ribeiro

    Imperativo categórico é a preservação do sistema neoliberal que se comprometeu a garantir salários acima do teto e aposentadorias abaixo da moralidade

    Achatar a curva pode ser uma grande falácia, por Rogério Maestri

    É igual a colocar um pequeno curativo num grande sangramento, ou seja, não é uma solução absoluta em termos de saúde pública.

    Se você ficou satisfeito com o seu “home-office” tem alta chance de estar executando...

    um trabalho inútil que se consegue ser realizado a distância, longe de colaboradores ou equipes, adapta-se perfeitamente a filosofia do “home-office”. 

    Eleições e política de classe, por Osvaldo Coggiola

    Um programa mínimo e básico de classe deveria ser defendido em sindicatos e movimentos sociais e, também, no terreno das eleições municipais

    Coerência, por Wilson Ramos Filho (Xixo)

    Parte da esquerda não perde oportunidade para falar mal de nós. Só consegue existir criticando o PT.

    Meu pitaco de Paris sobre o debate de São Paulo, por Marilza de Melo...

    Será a partir da conquista do poder local que vamos salvar o Brasil das mãos dos teocráticos fundamentalistas e da extrema direita.

    Vidas divorciadas: Demóstenes e Donald Trump, por Fábio de Oliveira Ribeiro

    O que deve prevalecer na vida pública? A argumentação racional bem elaborada ou o ímpeto discursivo voltado para cativar as emoções das pessoas na platéia?

    O Planeta dos Macacos é Agora, por Eduardo Debaco

    O negacionismo é um movimento que vem ganhando força nos últimos 10 anos e teve suas maiores vitórias com as eleições de Trump, Bolsonaro e o Brexit.

    Até que ponto as milícias evangélicas servirão a Burguesia?, por Rogério Maestri

    Enquanto o empoderamento dos neopentecostais é parcial e mantido por pastores vinculados à burguesia católica, há um controle desses pastores sobre o seu “rebanho”

    Plano de reconstrução e transformação do Brasil: O mais do mesmo, por Rogério Maestri

    Além do autoelogio ao PT de realizações feitas no passado, o plano não tem nada em termos de transformação do Brasil. 

    Bolsonaro e sua imagem Gray, por Fábio de Oliveira Ribeiro

    Bolsonaro não se importa com a natureza. Ele também não se importa com a imagem do Brasil. O presidente do Brasil é tão egocêntrico que ele transformou a ONU num palanque.

    E pur si muove! Como devem ser tratadas as análises sobre o futuro, por...

    A especialização na nossa cultura atual leva a soluções extremamente parciais que no fundo não resolvem nada, pois não tem a mínima capacidade de olhar o futuro de todo o conjunto. 

    Facebook continua semeando sementes da violência genocida, por Jamelle Bouie

    Para colunista do The New York Times o "Facebook foi um desastre para o mundo"

    Luiz Fux e o neonazismo constitucional, por Fábio de Oliveira Ribeiro

    Uma questão omitida pelo presidente do STF em seu discurso é que no Brasil os juízes têm o dever de cumprir e fazer cumprir a Constituição Cidadã.

    Por uma educação livre dos fantasmas do passado e dos demônios evangélicos, por Fábio...

    O material didático autorizado pela Ditadura Militar nos convencia de que ficar sob influência da Rússia era algo muito ruim. Os países liderados pelos EUA tinham liberdade para se desenvolver.

    Mais comentados

    Últimas notícias