Revista GGN

Assine

100 vezes Cláudia

A mulher arrastada pela Polícia Militar tinha nome – Cláudia Silva Ferreira. Cláudia também tinha família. E sonhos, coragem, dores e medos como qualquer ser humano. As denúncias da barbárie ocorrida são importantes e elas não devem cessar. Mas fugir do sensacionalismo e humanizar esse momento também é. Por isso, nos propusemos a retratar Cláudia com mais carinho do que o visto nos últimos dias.

A convite da OLGA, alguns artistas gentilmente criaram imagens sensíveis, que se dispõe a resgatar a dignidade roubada por criminosos. Este projeto se chama 100 VEZES CLÁUDIA e é aberto para que qualquer um possa enviar suas homenagens. Ou seja, esperamos publicar aqui novas artes com frequência. Quem sabe não chegamos a 100? Por fim, gostaríamos de imprimir algumas das ilustrações e enviar à família de Cláudia. Quer participar? Escreva para [email protected].

UPDATE

Em 24 horas de projeto, conseguimos 100 homenagens à Cláudia! É realmente muito especial essa sensação de pedir carinho pela internet e de fato recebê-lo. As homenagens não param de chegar, então vamos atualizar o post com mais algumas ilustrações. Obrigada a todos que toparam participar, dividindo amor e respeito à Cláudia Silva Ferreira e sua família.

 

105) PROFESSORA CRISTIANE SCHIFELBEIN E ALUNOS

patriciaTAINApamelaPAOLAgabriela

anderson

edvanMATEUSdiegoANA

lethycia

lindsayLUIZAluizaANDREevertonHELENAmarcio

paula

kelvin

 

marvin

 

senira

Minha turma de Composição Visual, composta por alunos dos cursos superiores de Design de Produto, Design de Moda, Design Gráfico e Produção Multimídia da  FTEC Faculdades de Caxias do Sul/RS, parou hoje para participar e somar no movimento 100 vezes Claudia que vocês propuseram.
Seguem alguns dos trabalhos dos brasileiros que não querem mais ver e nem viver preconceito de qualquer tipo e se unem para dizer basta!
 
Somos todos CLAUDIA: Ana Ariel, Anderson, Andre, Diego, Edvan, Everton, Francine, Gabriela, Helena, Jaqueline, Kelvin, Lethycia, Lindsay, Luiza, Luiza Q., Marcio, Marvin, Mateus, Matheus, Pamela, Paola, Patricia, Paula, Senira, Shirley, Tainá, Vanderlei.
 

104) MIKA TAKAHASHI

claudia_baixa

103) LUALLA ALVES

Scanner_20140320

102) LAURA ATHAYDE

todos somos claudia

101) ITALO ROCHA

00Cláudia

100) GUI SOARES

claudia_w

99) FRED BOTTREL

0 claudia 02

98) HELENA CARRERAS CABEZAS 

Claudia-1

Eu sou espanhola, porém morando no Brasil. Eu expliquei a história para a minha mãe (ELENA CABEZAS), que mora na Espanha, e ela pintou o quadro  que adjunto. Esperamos poder ter contribuído de alguma maneira.

97) IARA CAPDEVILLE 

00 claudia01

96) EDUARDO BORSERO

cláudia

95) MOARA BRASIL

00 claudia 4

94) AUGUSTO MIRANDA

claudia_s2_thinkolga (1)

Um dia depois de eu ter completado mais um ano de vida a de Cláudia se dava por encerrado. 

A polícia fez o que faz constantemente: censurar espíritos, espancar necessidades, atropelar a sensibilidade humana (que já está com fratura exposta há tempos), defender quem tudo tem, e até o pouco de quem nada tem, lhe tomar.
 
Nós que ficamos por aqui, no império da truculência física, moral, espiritual só erguemos clamores nesse caso por que houve um “desfile” do terror que fosse fotografado, do contrário, seria apagada mais uma estrela que pouco brilha – mas que tem brilho e calor suficientes para criar quatro filhos e mais quatro sobrinhos – e isso seria o nada-fora-do-normal.
 
Quatro dias depois, o outono chegou e a Cláudia não viu.

93) H. ESTEVAM

c

92) LUISA LIMA

Sentimos muito, Claudia

91) MARIANA DE MATOS

Cláudia

90) JULIA BUCHHORN

jesus

89) JOSÉ CARLOS ANGELO (JOTA)

1511566_10202818262931618_397278446_n

88) PRC BARBOSA

00 claudia3

87) EZEQUIEL BELCHIOR

caludia ferreira

86) JORGE PENNY

00 claudia2

85) ADRIANO DE LUCA

00 claudia

84) WILSON DA SILVA VITORINO

images-cms-image-0003619

83) DIOGO PONTES

image

82) NANA MEDEIROS

ilustra_claudia

81) GUSTAVO LEAL

gustavo fotografia

80) SILAS MATOS

100 vezes Claudia

Me chamo Silas Matos, negro, pobre, homem de garra, homem, homossexual, que convive diariamente com preconceito, EU QUERO MUDAR essa história. Eu senti a sua perda. Eu estou com você e sua família.

79) FABIANA BATISTA SOUZA

claudia

78) GUSTAVO GONTIJO

Desenho Cláudia

77) RENATO BARROS

digitalizar0001 copy

76) FLORIDO LA

DSC_0280 (2)p

75) ANTONIO ZANON

00 claudia

74) ESTEVÃO RIBEIRO

claudia ferreira da silva

73) MAG BARBOSA

Scan0013

72) VITOR TEIXEIRA

Claudia (3)

Cláudia vive. Solidariedade à família, e paz para todas as comunidades pobres do Brasil. A luta segue.

71) MARA OLIVEIRA

MARA-OLIVEIRA---CLAUDIA

70) CLARA GOMES

claudia-claragomes_web

69) TAYS VILLACA

CLAUDIA (2)

68) CARLOTAS

Claudia Silva Ferreira

67) ALEXANDRE REIS

Claudia_por_AlexandreReis

66) JÚLIA LIMA

claudia (1)

65) CATRACA LIVRE

claudia

64) JORDANA MIRANDA

claudia-silva

63) LUDA LIMA

Luda_para_Claudia001

A gente se indigna com isso tudo porque realmente deseja o bem. 
Na verdade o que ‘deveria ser’ vai além disso, pois não deveria existir nem tiroteios. 
Mas enfim, para a questão, fico sonhando em como os policiais deveriam ser, realmente, humanos. 
 
Vamos lá, silêncio quebrado e marcha para dias melhores!

62) DANI BRITO

digitalizar0110

61) ADRIANA RODRIGUES

image

60) SABRINA CRISTINE

wpid-mae_chora_rio

59) DIEGO GUERRA

01 claudia

58) ESTHER MARIA PASSOS

claudia 4 001-001

E eu que nem sei o que é ser Claudia Silva… E nem sei o que dizer…
Mas uma reverência tem de ser feita. Um não tem que ser dito. E a memória, cravada.

Claudia Silva Ferreira. Um dia ela volta com a força de um milhão.

57) KARLA NAZARETH 

Justica-Claudia-Karla-Nazareth

56) HARETE

Image-1 (1)

55) COLETIVO FEMINISTA  NON GRATXS

Claudia (12)

O coletivo NON GRATXS também vai estar até o fim com as nossas mulheres, irmãs, pretas e periféricas. 

54) DIDI HELENE

claudia

53) DANI SÁ

flyer-01

52) WILDE ARRUDA 

IMG_20140319_000122

Segue minha intervenção em São José do Rio Preto, terça-feira, dia 18. 

51) SAVANA LEÃO FACHONE

photo1

Somos melhores quando juntos.

50) HELDER OLIVEIRA

claudia11

49) TALINE SCHUBACH

CLAUDIA (10)

48) LEANDRO FRANCIS RIBEIRO

CLAUDIA (8)

47) ADRIANA DE AZEVEDO 

Novo Documento 6_1

46) ANDRÉA COSTA

claudia

45) INEZ WOORTMANN

2014-03-20 09.26.04

44) CACINHO JR.

Claudia (7)

43) SANDRA FARIAS 

DSC09596

42) GLAUCIA DE BARROS

LUTO

41) FERNANDA DALLES

foto

40) LUIZ TIMMAIA

Claudia (6)

39) BETO EIRAS

cláudiasilvaf

38) FABIELLY LANUSA

cacau

37) LARISSA RIBEIRO

claudia (5)

36) SOUEID

claudia (4)

35) GRUPO CRIOLOS

Homenagem_Claudia

34) CAIO VITOR

ClaudiaSilva

33) ALINE ALBUQUERQUE

image

Com toda a revolta e ternura. 


31) FERNANDA OZILAK

ClaudiaSilva-por-FernandaOzilak

30) DAIANY DANTAS

somos todas claudia

Também não sou artista. Sou apenas uma pessoa que busca lidar com esse sentimento de perda e de desesperança diante da irracionalidade desta execução. Meu desenho me ajudou a respirar e a abraçar Cláudia, que partiu inocente e despreocupada, rumo à fila do pão. 


29) CARINE SUDER FERNANDES 

Cláudia da Silva Ferreira 1

 

28) VANESSA PREZOTO

claudia (3)

 

27) MURILO ROMEIRO

100 CLAUDIA DA SILVA FERREIRA

 

26) PEDRO MAGALHÃES

image

 

25) LUISA AIDAR

Sketches

Oração

Não pode ser em vão
Toda essa violência, essa dor
Tantos bons que se vão
Não é justo ser em vão meu Deus, não!
E vão Cláudia, Amarildo, Severino, João…


24) LUCAS SOUTO

claudiasilva

Sempre que me deparo com situações como essas, que quebram nosso coração e que, infelizmente, são tão corriqueiros em nossos dias, só consigo me lembrar de uma das tantas verdades cantadas pelos menestréis da periferia do Facção Central: “Que porra de país é esse, que mata e prende as vítimas de seu desinteresse?”. Cláudia é a porta-bandeira dessa luta que não pode se calar! Em sua memória uma ilustração de um – também – não ilustrador.


23) ALESSANDRA MOURA

claudia da silva.aLESSANDRA

 

22) CLÁUDIO RODRIGUES

claudia2

 

21) PAULO GIL

Claudia, esse mundo nao te mereceu!

20) BIANCA BANZATO

CLAUDIA_

 

19) MICHELLE MORAES

Claudia da Silva Ferreira

Não sou artista e também não sei se o meu desenho será escolhido, mas isso pouco importa, porque sei que esse movimento é uma acalento e uma alerta.


18) NICE LOPES

Claudia_nice lopes

Envio minha singela homenagem à esta mulher, vítima do descaso, da falta de amor, da falta de respeito pela vida humana.


17) KEKS PUCCI

claudia08

Eu estou um pouco envergonhada de mandar meu desenho porque não sou artista e nunca desenho nada, mas a história de Cláudia me toca demais para não participar. Somos Cláudia da Silva Ferreira. PRECISAMOS ser Cláudia da Silva Ferreira para exigir que se faça justiça.


16) EUGÊNIA SOUZA

claudia07

15) MARCELO MESQUITA

claudia06

“Não se trata de saudade de alguma coisa que acabou ou pessoa que morreu. É saudade do que está aí vivo, solto e nunca deixou de existir. Se não temos acesso a isso, é por falta de uma batalha maior.” – Elis Regina


14) LUIZA OZILAK

claudia (2)

13) GABRIELA CAMPANER

claudia05

12) MARÍLIA NOBRE

claudia04

11) TÂNIA RIBEIRO SOARES

claudia03

Não sou artista. Sou arquiteta. Desenhar pessoas não é o meu forte. Mas quando vi o post achei importante enviar minha singela contribuição para homenagear Claudia da Silva Ferreira, mesmo que não se publique. Por razões tantas somos diferentes, mas temos o mais importante em comum. 
Somos pessoas. E a vida de uma pessoa é sempre preciosa.


10) LEILA RANGEL DA SILVA

claudia (1)

9) EMERSON DIAS

claudia02

8) JÚLIA BORGES

Brilhará


7) VERA LIRA

179789_194764274024843_825298927_n

Claúdia Flor Criola, serenidade e força.

6) ANDRÉ PERSECHINI

Claudia

5) SARA STORRER

ClaudiaSilvaFerreira

Nesse desenho, Cláudia é Iansã. Porque no fim das contas, é assim que ela tem que ser lembrada, como Guerreira. Como a força de tantas e tantas pessoas, de tantas mulheres, de quem o mundo parece ter esquecido.

4) TAILOR

Sem título-1


3) CONFEITARIA (criação de Fabiane Secches + Thiago Thomé)

claudia01 (1)

claudia02

claudia03

A gente gostaria de contribuir, ainda que de uma maneira simbólica e muito pequena, para que a Cláudia fosse enxergada e tratada como uma mulher. Como um ser humano. Com respeito. Não como uma coisa, para ser atingida num tiroteio e colocada em um porta-malas, do qual ela ficou dependurada e foi arrastada por 250m.
Embora a gente defenda que seja muito importante que a mídia divulgue essas imagens cruéis e violentas — a gravidade do crime não permite eufemismos, também gostaríamos que, ao menos aqui, neste espaço desta homenagem, Claudia fosse lembrada como a mulher que foi, e tratada com a humanidade que merecia. Gostaríamos que seus filhos se lembrassem sempre de que merecem nada menos do que este tratamento: o de seres humanos. Para isso, nossa inspiração foi o depoimento do seu marido em uma entrevista, que dizia: “Extrovertida, guerreira para caramba, determinada no que queria”.


2) ALINE VALEK

Claudia

Fiz algo bem simples, na verdade. Queria fazer algo que representasse a humanidade que não viram e continuam não vendo nela.


1) ANNA MANCINI

 

 

claudia_olga_1

Tags

Média: 5 (8 votos)
9 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

claudia

 


Claúdia


 


Negra é a dor


Que sangro!


 


Ó! Quão grande eu teria sido


(sem  ter sofrido)


Se conseguido fosse


Levar aos filhos o pão nosso...


 


Mas, grandiosa foi à impiedade.


Ao arrastarem-me pelas ruas,


Após me alvejarem no morro!


 


Ali não foi só uma mulher


(arrastada)


Não foi só uma negra


(degradada)


Não foi só uma guerreira


(abatida)


 


Ali


(Arrastada)


Foi uma causa,


Aquela que a sociedade debela.


 


Ali foi um ato desatino...


Uma ferocidade animal


Causada pelo Estado de Homens!


 


Ali foi a Claudia.


(foi por ser pobre?). Por ser negra? Por ser mulher?


Por ser mãe? Por ser trabalhadora? Por ser honesta?
Por ter fé?)


 


Donde anda a humanidade?


 


Nada falarei dos atrozes,


Que á eles a luz se finda sombria...


 


 


 


 


Élsio Soares


 

Seu voto: Nenhum

DEMOCRACIA MASCARADA



Ha 126 anos desde a abolição da escravatura; a carta constitucional no artigo 1°. O princípio da cidadania, dignidade da pessoa humana e os valores sociais do trabalho. Ao longo da constituição, contempla-se no artigo 5º o direito a vida, a privacidade, a igualdade, a liberdade, além de outros, conhecidos como direitos fundamentais, que podem ser divididos entre direitos individuais, coletivos, difusos e de grupos.
Já se fazem 29 anos desde o termino do regime autoritário ou ditadura militar que assombrou o Brasil na década de 80. “um povo que não conhece a sua história, está fadado a repeti-lo” disse Eduardo Bueno. 
E onde quero chegar com tudo isso? Outro dia estava eu assentado na praça da liberdade, muito irônico (risos) e tinha uma turma conversando e um dos rapazes, devia ter uns 25 anos e o mesmo disse: “ Acredito que o Brasil só vai para frente quando voltar com o militarismo”. Pelo visto este não conhece a história do seu país, pelo visto este individuo não viu o que aconteceu no dia 16 de março de 2014 a trabalhadora negra Claudia que fora confundida como uma bandida, pela polícia e foi baleada e foi arrastada pelo carro da polícia uns 300 metros. Ou mesmo o caso de um ator negro que foi confundido com um ladrão e foi preso injustamente. A escravidão foi sim abolida, porem a Dona Isabel Cristina Leopoldina Augusta Micaela Gabriela Rafaela Gonzaga de Bragança e Bourbon, popularmente conhecida como princesa Isabel, ao decretar a lei áurea a lei que abolia a escravidão, deveria ter colocado um artigo extinguindo também todo o ato de racismo, que ainda é um febre, uma coqueluche no Brasil, mesmo este sendo ilegal, mesmo sendo punido fortemente como crime. Pois estes atos são puros atos declarados de racismo e militarismo pesado no nosso pais. Quando estes casos vem a tona simplesmente a lei áurea, a constituição que declara a igualdade para todos os brasileiro sem fazer distinção de pessoas, no sentido da cor, estes ditadores racistas ferem tais documentos, cospem ante a face de tais documentos. Vivemos uma democracia mascarada onde a mesma não está mais conseguindo sustentar seu disfarce racista e ditatorial a sua mascara está caindo. O disfarce de democracia já não engana mais. Sempre que alguém clamar pela volta da ditadura, do militarismo, tendem a fazer uma pesquisa a sua história ou nem precisa ir tão longe basta rever os autos dos acontecimentos atuais que mancharam e macularam a constituição, a lei áurea, os direitos humanos. Já vivemos uma democracia falsa onde os negros precisam de cotas, onde é necessário se ter uma lei que pune qualquer ato de racismo! E mesmo com estes recursos, assistimos nos jornais que um cidadão de bem foi confundido com um ladrão devido a sua cor e ai vem os milicos e o prendem sem mesmo ler os seus direitos, ou mesmo uma cidadã de bem é arrastada pelas ruas ate vir a morte, um ato de crueldade de abuso de poder que deve ser punido com rigor, não basta a expulsão. Estes assassinos devem pagar pelo crime que cometeram. É assim que acontece no Brasil democrático entre aspas, se você é negro não precisa de julgamento pois já é culpado, pois como diz a musica de Lamartine Babo "O teu cabelo, sua pele a sua cor não nega mulata" você já é ladrão, já é culpado por causa da sua cor, este é o antecedente criminal, a cor, a raça. Já passou da hora de abolir o racismo, a ditadura no Brasil, então nada de ficar desejosos com a volta dessa opressão, pois se vivemos uma democracia e ainda somos assolados imagina se estes retomarem o poder? Cuidado com o que desejam errar é humano, porem repetir o erro é burrice.
Leandro Daniel

Seu voto: Nenhum
imagem de caroline reck
caroline reck

Indignação,revolta ao ver as

Indignação,revolta ao ver as imagens ao ver o que o ser humano é capaz,e a pergunta que fica é porque?

Porque de tanta violencia,frieza...

Porque?

 

Seu voto: Nenhum

Medo

Além de enviar à familia de Cluadia, acho que poderiam enviar ao governador, ao secretario de segurança e a PM, não apenas do Rio, mas em todo o Brasil. Como ja disseram, todos temos medo da policia brasileira e não é de agora. 

Seu voto: Nenhum

Linda homenagem. Postei no

Linda homenagem. Postei no dia 19 de março.

Seu voto: Nenhum

Muito emocionante. Pobre

Muito emocionante. Pobre Cláudia, pobres dos pobres, ainda mais se forem negros, ao toparem com a polícia...

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Cláudia, mais uma vítima...

A Digna Sra Cláudia é mais uma brasileira vítima deste país que fez a opção marginal de dar proteção e regalias a ladrões, estrupadores, assassinos...

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Somos todos Clauidia

Não pode, não deve, impunidade nunca!
Pela desmilitarização das PMs - Pela Reforma de todas as Polícias - Pela Profissionalização

Pelo fim dessa estrutura policial resuício da ditadura!

Seu voto: Nenhum (3 votos)

"Recria tua vida, sempre, sempre. Remove pedras e plantas roseiras e faz doces. Recomeça. Faz da tua vida mesquinha um poema e viverás no coração dos jovens e na memória das gerações que hão de vir". Cora Coralina

imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

Meu Deus!  Muito

Meu Deus!  Muito emocionante.

Uma nota somente nessa tristesa toda:  todo mundo esta chocado de uma mulher ter sido assassinada por assassinos em serie legalizados -tanto que somente duas pessoas, numero 14 e 62, se lembraram de de colocar um sorriso naquele rosto.

Ninguem merece uma morte assim.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de nadja
nadja

Não existe palavras para o

Não existe palavras para o acontecido. Certa noite eu  e minha filha estávamos em uma parada de õnibus, mais menos 19:30 e uma viatura da polícia se aproximou. Eu senti meu corpo gelar. Eles  pararam em nossa frente e por alguns minutos nos olhando perguntou onde ficava certa rua. Eu respondi. Mas o medo era igual se fosse a presença de um bandido. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.