newsletter

Assinar

A política de vazamentos da Lava Jato

Ontem, a ANPR (Associação Nacional dos Procuradores da República) soltou uma nota curiosa. O mote da nota é o vazamento de informações visando comprometer o senador Randolfo Rodrigues (Rede-AP).

“No que se refere a denúncias sobre senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) e um suposto recebimento de dinheiro ilícito, já foi esclarecido pela Procuradoria Geral da República que as informações colhidas não são suficientes para indicar a autoria de crimes”.

***

Na verdade, a nota é um protesto contra alguém (não se sabe quem) que atribuiu o vazamento aos procuradores da Lava Jato.

“É notório que a sociedade possui direito à informação e que a liberdade de imprensa é um pilar da democracia, bem como a verdade. No entanto a veiculação de fatos desabonadores sem a devida informação, que usam o Ministério Público Federal para atingir pessoas públicas, presta um desserviço à população no intuito de prejudicar o trabalho dos procuradores da República”.

***

Ou seja, a ANPR admite que os vazamentos (acompanhados de interpretações maliciosas) são práticas espúrias. Mas rejeita como espúria a interpretação de que procuradores vazam. Rejeitando, admite que essas práticas podem comprometer a imagem do MPF.

***

Conforme já explicitado em trabalho de 2004, sobre a Operação Mãos Limpas, a estratégia de Sérgio Moro é o vazamento amplo e diuturno de notícias, para controlar o noticiário. E, na outra ponta, parceria com editores sem discernimento, dispostos a aceitar qualquer fato manchetável.

Quando ambos – Operação e imprensa – compactuam do mesmo objetivo – adotar viés partidário – o jogo fica perfeito.

***

Tome-se o Estadão de hoje. As três manchetes principais são um primor de vazamentos maliciosos de informação.

A primeira tenta incriminar o Ministro-Chefe da Casa Civil Jacques Wagner quando governador da Bahia. A matéria menciona conversas entre Wagner e dirigentes da OAS. O primeiro tentaria liberar recursos em Brasília, os segundos liberariam apoio para a campanha. Segundo o próprio jornal, é material mantido sob sigilo em Brasília e em Curitiba.

Provavelmente o vazamento foi feito pelo rapaz do cafezinho.

***

O segundo vazamento diz que empreiteiro fez lobby com Cunha para Haddad. O lobby visava aprovar a rolagem de dívida de municípios. O relator do projeto era Eduardo Cunha e o homem que influenciava Eduardo Cunha era o presidente da OAS. Obviamente, sem a rolagem as capitais não teriam recursos para obras. E quem faz obras são empreiteiros.

Provavelmente o vazamento da conversa entre o presidente da OAS e Eduardo Cunha foi da faxineira do prédio da Lava Jato.

***

O terceiro é a tentativa de incriminar o ex-presidente do Banco do Brasil – e atual presidente da Petrobras – Aldemir Bendine, em operação de compra de debêntures da OAS.

A operação não saiu. Ou seja, não havia o mote do crime. Mas, segundo o jornal, a PGR (Procuradoria Geral da República) viu “indícios” de crime no fato de Bendine pedir para conversar pelo telefone fixo.

Provavelmente Bendine fez o pedido com receio de que o motorista do PGR pudesse vazar a conversa para a imprensa, com ilações só possíveis para um motorista de procurador, não para um procurador.

***

Pelo menos a manifestação da ANPR ajudará a conter o ativismo de alguns procuradores avulsos, em busca de notoriedade, abrindo representações a torto e a direito em cima de qualquer factoide.

Fica claro que, agindo como agiram, comprometeram a imagem do Ministério Público Federal.

***

Por Charlie

O que se passa é que o senador Randolfe é linha de frente dos interesses corporativos da ANPR e do MPF no Senado Federal. Desde que a tal delação vazou, muitos procuradores passaram a defender o senador publicamente, como Helio Telho e Monique Chequer. É comum isso, procurador defender publicamente político suspeito do que quer que seja...?

Portanto, a tal nota não é para repreeder "procuradore avulsos" que praticam vazamentos (mesmo porque vazamento é regra no MPF, não exceção), mas sim limpar a barra com o Senador amigão, para que não restem dúvidas que ele mantém o total apoio da ANPR e pode continuar a ser o cão de guarda da instituição no Senado, ainda que um procurador desafeto tenha feito o vazamento. 

Por LN

Seria conveniente que a ANPR instituísse um carimbo para os vazamentos: "a favor" e "contra".

Média: 4.4 (44 votos)
75 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

A politica de vazamentos

Esses atos, digamos disfuncionais, de instituições públicas federais só acontecem por absoluta falta de comando. Desde a posse de Lula - teria dito a FHC que seria um amigo na presidência - o governo abdicou de comandar MPF, PF, IBAMA e outros quetais

Para nossa sorte, as FFAA são organismos calcados desde sempre no comando e na discipllna. Não fosse assim dá para imaginar o que estaria acontecendo com o país com o republicanismo caolho que grassa no governo.

Qualquer organização, um boteco, um time de futebol, uma grande empreiteira ou um  governo federal necessitam de organização, comando, definição de objetivos e coerência de ações.

O governo federal abriu mão dessas premissas. 

A esquerda, quando governo, esquece a história e se vai dormir com o adversário. Dá-se, então, a relação íncubo/súcubo.

O quadro brasileiro demonstra claramente isso:

- a reforma da mídia, mãe de todas as reformas, está parada,

- o ajuste levyano cortou a carne mas manteve as veias abertas para a transferência bilionária de juros ao 1%,

- a PF, em seus treinamentos de tiro,  tem por alvo fotos da presidente sem maiores sobressaltos,

- o MPF atua claramente no "grupo vazajato" para atacar os interesses do país,

- na operação Zelotes, esqueceu-se a sonegação bilionária para investigar a atuação de Lula, que prorrogou medida do governo anterior, mas o ínclito FHC nem foi lembrado, Aqui  temos, novamente, vazamentos seletivos, a sonegação corre em "segredo de justiça", para maior conforto dos sonegadores,

- no transalão paulista, velho de 30 anos, o mais que o MPF faz é arquivar documentos em lugares errados e tudo segue normal,

- as delações que envolvem tucanos et caterva são claramente esquecidas;

- a PF inicia inquéritos sem indício algum, salvo a vontade de bater nos adversários, mas não consegue descobrir o proprietário do jatinho do Campos

- agora temos o estarrecedor caso de um juiz a doar dinheiro que não é seu para o PF sob o argumento - ? - de que lhe faltam recursos,

A tudo isso e bem mais, o assim chamado ministro da justiça assiste surda, muda e cegamente. Tudo dentro de um republicanismo que nada mais é do que ingenuidade e leniência com os malfeitos funcionais.

E la nave va . . . 

 

 

 

Seu voto: Nenhum (9 votos)

Nassif não entendeu... O que

Nassif não entendeu...

O que se passa é que o senador Randolfe é linha de frente dos interesses corporativos da ANPR e do MPF no Senado Federal. Desde que a tal delação vazou, muitos procuradores passaram a defender o senador publicamente, como Helio Telho e Monique Chequer. É comum isso, procurador defender publicamente político suspeito do que quer que seja...?

Portanto, a tal nota não é para repreeder "procuradore avulsos" que praticam vazamentos (mesmo porque vazamento é regra no MPF, não exceção), mas sim limpar a barra com o Senador amigão, para que não restem dúvidas que ele mantém o total apoio da ANPR e pode continuar a ser o cão de guarda da instituição no Senado, ainda que um procurador desafeto tenha feito o vazamento. 

Seu voto: Nenhum (13 votos)

-------------------------------------------------- CIRO 2018 --------------------------------------------------

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de sabra arad
sabra arad

O vazamento continua

Mesmo quando chamam Lula apenas para trasnformar a operação Zelotes em campanha publicitária de  difamação. Quando com base em qualquer fuxico  de jornais mentirosos, pessoas são chamadas a depor e tem seus depoimentos manipulados de uma forma conveniente para a imprensa, é impossível não se  pensar num conluio. O timing desta declaração e a ênfase no caso  Randolfe, foi perfeito para fazer  desaparecer da mídia o processo de Aecio Neves e quem sabe até justificar um arquivamento.  Tudo isto ocorre com o concurso da polícia federal do MP e do judiciário. O ministério Publico não deveria estar se desculpando, mas por obrigação de ofício deveria estar agindo de forma dura e em defesa do cidadão contra membros que vazam , caluniam e incitam a população a um verdadeiro linchamento. Não cabe ao procurador  Dallagnol pedir desculpas, o que cabe é ação. O  nosso MP  como auxiliar da justiça não pode e nem deve se tornar polícia, se tornar um agente policial e nem muito menos utilizar da polícia e muito menos  se submeter à midia, ou manipulá-la.  Ele tem um outro papel  defendendo os direitos de todo e qualquer cidadão. A autonomia que tem concedida pela constituição , gera obrigações.  Mas Dallagnol prefere as luzes da ribalta . ( Pedir desculpas  foi mais um ato histrionico do procurador)

Seu voto: Nenhum

Atenção: procuradores trabalhando

 

O objeto esférico é o MPF.

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Sérgio Rodrigues
Sérgio Rodrigues

É isso!.....

https://www.youtube.com/watch?v=m4HZDh-vN_k

Seu voto: Nenhum
imagem de Cesar Saldanha
Cesar Saldanha

MPF, Instituição Crimonsa

O MPF já uma institiuição crimimosa, só que mesmo dentro da merda que vivem, acham que são limpos e cheirosas, eles  fedem a esgoto nos seus vazamentos.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Eduardo B.
Eduardo B.

Este senador é unha e carne

Este senador é unha e carne com a administração superior do Ministério Público do Amapá... Por que será?

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Sérgio Rodrigues
Sérgio Rodrigues

Hitler previu!...

https://www.youtube.com/watch?v=m4HZDh-vN_k&feature=youtu.be

Seu voto: Nenhum
imagem de Maria Silva
Maria Silva

Bravo Nassif

 O MPF  não passa de um "partido" de oposição. Mais um nesses tempos tenebrosos em que assitimos o aparelhamento das instituições em favor de interesses que nada tem a ver com a defesa da democracia. São fanaticos, capazes de qualquer coisa. O caso do  senador Randolfe é a prova disso. São capazes de tudo.   Municiam o noticiário com factoides maliciosos e teorias esdruxulas. Um deles, aquele que esteve enrolado com a CPI do Banestado, cujo nome não me recordo,  declarou em entrevista a imprensa, que Zé Dirceu era o chefe do esquema na Petrobras.  Que era tudo igual ao mensalão. Assim, sem mais nem menos, contra todos os fatos conhecidos, até mesmo pela midia golpista. Jogou tudo no colo do Dirceu. É mais facil fazer esse tipo de declaração, do que investigar de verdade. Investigação? Quem precisa de investigação???

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de gaúcho
gaúcho

O MPF passou recibo e se

O MPF passou recibo e se auto-incriminou... O Nassif percebeu e o Zé das couves?

 

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Isso não é corrupção?

o que difere isso do crime organizado?

Seu voto: Nenhum (11 votos)
imagem de Nosde
Nosde

A diferença é muito clar,

A diferença é muito clar, crime é crime, e organizado é quando é organizado . . . . entendeu ?

 

Seu voto: Nenhum (5 votos)

TA SERTO

http://www.humorbabaca.com/upload/fotos/fotos_9455_cardo.jpg

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Lucas bsb
Lucas bsb

A política de vazamento da Lava Jato

O nome mais apropriado para a operação deveria ser "VAZA JATO"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

O MESMO DELATOR QUE DELATA

O MESMO DELATOR QUE DELATA ÁECIO DELATA RANDOLF e qual dos dois "pena nas mãos da mídia"?

Há um fio que liga a justiça que age A GRANDE MÍDIA e QUE NÃO RESPONDE quando quem fala não tem a "CREDIBILIDADE" da grande mídia!

A VERACIDADE POUCO IMPORTA, A CREDIBILIDADE POUCO IMPORTA!

Então os escandalos podem ser gerados ad infinitum pela grande mídia, pode ser qualquer coisa, telefonemas do Zé Dirceu, grampos sem áudio, qualquer coisa pode gerar investigação...

Deve haver policiais e juizes aguardando alguma notícia para começar a agir...

É assim que devem comportar juizes, delegados e Ministério Público?

Seu voto: Nenhum (6 votos)

"As notícias do PIG são cheias de: vírus, malwares, worms e spywares - você tem que ter muito cuidado para NÃO SER CONTAMINADO!"

"Os dois mais importantes dias em sua vida são o dia em que você nasceu e o dia em que você descobrir o porquê... - M

Se você não entendeu

A nota foi justamente relativa a isso.

A mídia noticiou tanto a denúncia contra Aécio quanto a denúncia contra Randolfe, só que Randolfe JÁ FOI INOCENTADO com o arquivamento do STF.

A mídia não precisava noticiar isso, noticiou por maldade.

O Aécio que se explique.

Essa é a tônica da nota.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

"Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

"A manipulação da mídia ficou

"A manipulação da mídia ficou clara em um episódio ocorrido ontem. Nos depoimentos, qualquer menção a Lula é vazado no mesmo dia.

Ontem, o repórter Rubens Valente, da Folha - que não pertence ao circuito mídia-Lava Jato - levantou o depoimento de um delator apontando propinas a Aécio Neves. É de junho passado. Passou seis meses inédito.

No período da tarde, a Lava Jato tratava de vazar correndo outro depoimento, indicando pagamento de propinas ao presidente do Senado Renan Calheiros, a um senador da Rede, Randolfo Rodrigues."

http://jornalggn.com.br/noticia/falta-um-11º-mandamento-na-lista-biblica-de-dallagnol#at_pco=cfd-1.0&at_ab=-&at_pos=1&at_tot=5&at_si=568ef816e7500ca5

 

... precisa desenhar, amiguinho?

Seu voto: Nenhum

Flics

Querido crítico

A publicidade ao conteúdo da delação do Ceará foi dada dia 15 de Dezembro de 2015, conforme link que coloquei em outro comentário. Aliás, o link é aqui do próprio GGN. Quem tivesse lido teria entendido.

Comentar decisões da justiça e fazer deduções por aquilo que se lê na grande mídia, dá nisso : paga mico geral.

Abraços

Seu voto: Nenhum (5 votos)

"Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

imagem de  M Thereza
M Thereza

Não foi nada de faxineira,

Não foi nada de faxineira, nem rapaz do cafezinho. Como a PF e o MP do Paraná agem à revelia de leis e controles, os vazamentos também são autônomos e auto-suficientes a pionto de decidirem pra quem vão vazar e sobre quem. O resto, "não vem ao caso". 

Seu voto: Nenhum (8 votos)

Isto é muito interessante

Provavelmente o vazamento da conversa entre o presidente da OAS e Eduardo Cunha foi da faxineira do prédio da Lava Jato.

Talvez no caso do Nassif ele tenha usado propositalmente esta expressão "prédio da Lava Jato", mas já percebi que há realmente no imaginário da maioria das pessoas de fora de Curitiba que existe um local onde trabalha toda a Força Tarefa da Lava Jato. Um local onde Procuradores do MP e Delegados da PF, todos sob o comando do Juiz Moro, se encontram todas as manhãs e planejam as maldades que irão fazer naquele dia.

Só que a realidade é outra.

O Juiz Moro continua trabalhando onde sempre trabalhou, no bairrro do Ahú, onde ficam as varas da Justiça Federal.

Os procuradores trabalham no aqui no centro, na Mal Deodoro 933, sede do MPF-PR.

Já os policiais federais continuam trabalhando lá no retirado bairro de Santa Cândida, na Superintendência da PF.  

Seu voto: Nenhum (5 votos)

"Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

imagem de André STK
André STK

Concordo contigo. Esse

Concordo contigo.

Esse negócio de definir as coisas em uma reunião matinal,é coisa para os antigos.

Se alguem quiser saber o que se passa nas reuniões de Curitiba,que se quebre...como se diz mesmo?Telemática.

Seu voto: Nenhum
imagem de Emma
Emma

Curiosa

Desculpe a curiosidade quando você fala "aqui no centro" e dá o endereço completo, significa que você é da equipe de procuradores ? Ou é assessor de imprensa do MPF?

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Figuras de linguagem...

... sabe o amigo o que é isso?... não, né?...  é muita coisa para a sua cabecinha, verdade?... pensar dói né amiguinho?... 

Bueno, para ajudar:

 " Figuras de linguagem são recursos de expressão, utilizados por um escritor, com o objetivo de ampliar o significado de um texto literário ou também para suprir a falta de termos adequados em uma frase. É um recurso que dá uma grande expressividade ao texto literário."

    Seu voto: Nenhum (11 votos)

    Flics

    Querido crítico

    Se leu meu comentário, eu fiz a ressalva de que no caso do Nassif, ele usou o termo de maneira proposital

    Mas, o que eu sinto é que algumas pessoas, não só comentaristas daqui, imaginam que exista mesmo um local determinado aqui em Curitiba onde funcionaria a tal da Lava Jato.

    O uso da figura de linguagem, apenas ajuda a disseminar esta idéia errônea.

    No mais, vá dar aula para a sua vovózinha, porque minha formação inicial é na área, lá nos anos 80. 

    Passar bem.

    Ah, só mais uma coisinha, o que faz um sujeito entrar num blog e fazer um comentário apenas com o intuito de chamar o outro comentarista de burro. 

    Dá prazer ? Chega ao orgasmo ?

     

    Seu voto: Nenhum (10 votos)

    "Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

    O amigo "sente" que os outros

    O amigo "sente" que os outros são burros?... é isso?... bueno, então tá...

     

    ... e como dizia o outro: Perco o amigo, mas não perco o orgasmo, digo, a piada.

    Seu voto: Nenhum (8 votos)

    Flics

    Exit

    Stage left !

    Seu voto: Nenhum (3 votos)

    "Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

    Enquanto isso 6 meses depois...

    Enquanto isso, na sala da justiça, 6 meses depois... depois de esmiuçar um processo que perdeu o carimbo de "SIGILOSO"

    Descobre-se que um delator que não foi preso, torturado psicologicamente divulgou que Aécio Neves recebeu 300 mil em propina...

    Pergutaram aqui no blog se Janot iria abrir processo...

    Há seis meses atras ele já sabia disso... e nada fez!

    Seu voto: Nenhum (12 votos)

    Aécio @Rede45 Neves é um

    Aécio @Rede45 Neves é um bosta. Perdeu a eleição e sofrerá Impedimento Criminal por causa de 1/16 da propina entregue a @DepEduardoCunha.

    Seu voto: Nenhum (5 votos)
    imagem de revenger
    revenger

    Quantos Japonês bonzinho tem

    Quantos Japonês bonzinho tem a PF?

    Seu voto: Nenhum (3 votos)

    Grave equívoco

    A nota da ANPR nada tem a ver com vazamento e muito menos com a atribuição que alguém tenha feito desse vazamento a algum procurador.

    Em nenhum momento a ANPR admite vazamentos como diz o texto.

    E porque a ANPR não faria isso ? 

    Simples, porque a delação do Ceará é pública desde 15/12/2015 quando o Ministro Teori Zavaski revogou o sigilo da mesma na Petição 5738. 

    Incrível o equívoco, porque esse delação já foi publicada aqui mesmo no Jornal GGN e pode se ver lá no final do arquivo a revogação do sigilo, ou seja, da publicidade do conteúdo da delação ASSINADA pelo Ministro Teori Zavaski.

    Neste link : http://jornalggn.com.br/sites/default/files/documentos/delacao-ceara1_0.pdf

    Além disso, todo o material publicado, da primeira à última folha tem o selo do STF e o protoclo do mesmo Tribunal. Ou seja, se houvesse vazado, teria vazado já de dentro do STF. 

    A nota se refere justamente as notícias que foram veículadas por Folha, Estadão, etc, etc, etc sobre um repasse de dinheiro ( 200 mil ) ao Senador Randolfe no final de Dezembro e das notícias dizendo que o STF arquivou a denúncia contra ele apenas quatro dias depois.

    Ora, quem teve acesso a delação de Ceará em 15/12/2015 também teve acesso ao arquivamento da denúncia,que foi feito seis dias antes, em 09/12/2015 e que também é uma decisão PÚBLICA,como se pode ver neste link : 

    http://s.conjur.com.br/dl/decisao-teori-randolfe.pdf

    Porque inverter a ordem cronológicas das informações demaneira proposital e leviana como fizeram Folha, Globo, etc, etc, etc 

    Apenas para expor o Senador e o MPF, sugerindo uma suposta "proteção" ao Senador ?

    Ou seja, até quando o MP, através da sua associação, solta uma nota em resposta a atuação da grande mídia, ele é criticado.

     

    Seu voto: Nenhum (7 votos)

    "Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

    Caro Bonna.

    Caro Bonna.

    Evidentemente que a nota da ANPR não falaria de vazamentos produzidos pelos procuradores. Porém se ater a um fato de centenas de vazamentos como que parece e talvez não seja o caso do Senador Randolfe é uma bela forma de defesa, trás para o campo de um caso que ocorre neste momento e esquece as centenas dos anteriores.

    Realmente como dizes no outro comentário és técnico no uso da linguagem para disseminar ideias errôneas desde 1980 e pelo visto é bem capaz nisto.

    Mas voltando á nota, ela trata especificamente de um vazamento ou mesmo de algo defensável em termos de conduta, mas como técnico em manipulação de linguagem (auto qualificação) sabes perfeitamente que para esconder outros eventos nada melhor do que esclarecer o que é possível esclarecer como se todos os outros fossem da mesma forma.

    O que Nassif deixa claro nas várias intervenções feitas através de “figuras de linguagem” que nos últimos tempos existiram dezenas de vazamentos e que mesmo eles sendo repetidos e que poderiam, por hipótese investigativa, serem atribuídos ao MPF, somente agora vem a ANPR apresentar satisfações públicas sobre atos que falam sobre vazamentos anteriores.

    Sendo técnico em manipulação de linguagem pode ver claramente que o segundo parágrafo está escrito da seguinte forma:

    É notório que a sociedade possui direito à informação e que a liberdade de imprensa é um pilar da democracia, bem como a verdade. No entanto a veiculação de fatos desabonadores sem a devida informação, que usam o Ministério Público Federal para atingir pessoas públicas, presta um desserviço à população no intuito de prejudicar o trabalho dos procuradores da República.

    Primeiro há um parágrafo introdutório que chama a atenção da liberdade da sociedade ter direito à informação e à liberdade de imprensa e depois desqualifica o excessos, ou seja, o mesmo morde a assopra de textos que implicitamente deixam mentes mais fracas indiferentes a segunda parte do texto.

    Agora vamos ao que realmente interessa, a razão de uma nota focada na figura de um senador da república e que ignora fatos passados.

    Fazendo também uma leitura das entrelinhas, se vê que a ANPR está se vendo na mira dos críticos das últimas ações penais que envolve tanto senadores como a sociedade em geral, e particularmente não vejo como uma defesa do senador, mas sim uma defesa de uma instituição que começa a ser atacada por vários lados e vê que o apoio dado pela grande imprensa começa a fazer água.

    Hoje em dia a imagem dos procuradores se deteriora rapidamente frente a pessoas com maior grau de conhecimento político e eles sabem que a vascularização desta imagem a amplos setores da sociedade começa ainda de forma discreta e pequena mas contínua.

    Logo na minha interpretação da nota à IMPRENSA, já tem um aspecto quase que inconsciente e interessante, de se dirigir a IMPRENSA não à população ou brasileiros em geral, mas a imprensa em especial. Ou seja, o recado é dado à imprensa, não sei se como um alerta ou como uma advertência. Pois realmente como a origem do apoio e da sustentação de vazamentos SELETIVOS é feito por esta mesma imprensa.

    A nota representa claramente um sério indício que a associação nacional está sentindo o golpe e indica para a imprensa que noticia, para o rapaz do cafezinho, a faxineira do prédio ou para o motorista do procurador que vazam as notícias que não terão apoio institucional dos sindicatos dos servidores de café, faxineiras e motoristas se a bagunça continuar.

    Seu voto: Nenhum

    Persistes no erro

    A nota não faz nenhuma referência a vazamentos. 

    A nota trata especificamente da utilização feita pela mídia, de maneira propositalmente leviana, divulgando um possível envolvimento do Senador de um documento público. Não houve vazamento algum.

    O parágrafo que você transcreveu deixa isso claro, claríssimo.

    Que fatos passado a nota ignora ? Estou curioso ?

    Em tempo, que a nota é um aviso à grande mídia, não resta a menor dúvida.

    Seu voto: Nenhum (2 votos)

    "Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

    Pelo visto não leste ou não entendeste!

    Mais uma vez desconfio das múltiplas qualidades que te auto-qualificasse em outro diálogo, e volto a dizer, anônimo para mim pode ser o coelhinha da páscoa ou o papai noel, pouco me importa.

    Seu voto: Nenhum (1 voto)

    Repito a pergunta

    Quais fatos passados a nota ignora ???

    Quais acontecimentos passados podem ser comparados com a caluniosa notícia sobre o Senador Randolfe ???

    Se tens a resposta, dê-la.

    E reforço o que já sabes, argumentos ad hominem não funcionam comigo.

    Seu voto: Nenhum (1 voto)

    "Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

    Realmente Bonna, eu comi muito churrasco no domingo tive...

    Realmente Bonna, eu comi muito churrasco no domingo tive uma indisposição e sonhei que havia vazamentos seletivos na lava a jato, foi um pesadelo, não houve nada disto.........

    O Papai Noel já passou, agora a minha esperança é o Coelhinho da Pascoa.

    Seu voto: Nenhum (2 votos)

    Vou repetir

    A nota NÂO se refere a vazamentos,  quem deduziu isso, deduziu erroneamente.

    A nota trata da divulgação de forma leviana, de forma distorcida, parcial e ocultando fatos, de um documento público, tentando lançar suspeita sobre um Senador da República desconsiderando que o mesmo já havia sido inocentado, via arquivamento, pelo PGR e pelo STF.

    Quem não entendeu isso, e vai continuar procurando uma auto-expiação, do MPF nesta nota, tem sérios problemas de cognição.

    Seu voto: Nenhum (1 voto)

    "Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

    vazamentos- responsabilização do MPF

    Concordo inteiramente com a crítica de Nassif. Por que, entretanto, ao menos o PT não enfrenta juridica e politicamente este viés do MPF? Esse é o caminho, jamais voltar o tempo para antes de 1988, e atrelar o MP ao Poder Executivo. Com Stalin foi assim, o Ministério Público era comandado por ele. Foi assim entre nós com os militares ditadores.

    Há instituições que merecem ser controladas (todas!!!), entretanto, há outras técnicas que não o comando, para tanto. Estabelecer hierarquia no Ministério Público é coisa da ultra-direita. Você investiga, acusa a quem o Chefe determinar. É assim na AGU, mas aí estamos noutro terreno.

    Sustentar hierarquia no MP é ignorância crassa ou má-fé, ou ideologia de ultra-direita. Idem no Poder Judiciário. Insisto, há outros controles para a atuação funcional (é disso que se trata) destas instituições. O controle ideal seria aquele do cidadão esclarecido, ente que está por ser formado no Brasil. Sempre sustentei que falhas do Ministério Público ou do Judiciário, igualmente, do Legislativo se enfrentam com ovos podres, depois, com cacete.

    fabiano

     

    Seu voto: Nenhum (2 votos)

    Fabian Bosch

    imagem de José B
    José B

    FIFA x Lava jato

    O que sabemos sobre os esquemas de corrupção na FIFA? O ex presidente da CBF foi preso na Suíça e extraditado para os EUA. O atual não viaja porque tem medo de ir em cana.

    Aliás, o nosso MP jamais incomodou essa gente. Investigar a CBF implicaria em comprometer a Globo, parceira tradicional e, vale dizer, dona do futebol brasileiro? Logo, "não vem ao caso".

    As autoridades americanas e suíças tratam as coisas mais à sério. Certamente não estão imunes à vaidade de procuradores e policiais que adoram aparecer e posar de salvadores da pátria.  Quando um membro do MP vem com história de "refundar a república", prova que esse pessoal age segundo convicções particulares. 

    Aqui, é normal procurador, delegado e juiz ser coleguinha de jornalista. Os caras pisoteiam os deveres institucionais e afrontam a impessoalidade, legalidade e moralidade sem temer as consequências. 

    A notinha do sindicato de procuradores saindo em defesa do senador randolfe, convenhamos, é rídicula.

    Seu voto: Nenhum (2 votos)

    Não entendi

    O brasileiro J. Hawilla fez um acordo de colaboração com a justiça americana e aceitou pagar 151 milhões de dólares.

    Todo o conteúdo dos depoimentos de J. Hawilla são PÙBLICOS, todo mundo sabe quem ele entregou.

    Onde está a diferença ???

    Seu voto: Nenhum (1 voto)

    "Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

    Sem vazamento...

    Sem vazamento eles não conseguem trabalhar por falta de holofotes.

    Seu voto: Nenhum (6 votos)
    imagem de Jose Oliveira
    Jose Oliveira

    Campanha de baixo nível

    Ao contrário das insinuações, vejo uma campanha sistemática e diuturna de vazamento ou de invenção de notícias, vizando unica e exclusivamente desacreditar a LAVA-JATO e salvar de culpa todos os bandidos envolvidos.

    Seu voto: Nenhum (11 votos)

    Espelho

    A imagem do Ministério Público só poderá ser vista juntando os pedaços de um imenso espelho estilhaçado.

     

    Seu voto: Nenhum (6 votos)
    imagem de serralheiro 70
    serralheiro 70

    MP e deméritos;

    Não consigo ver nada mais prejudicial ao país no momento que o uso indevido do MP.  E imputo a procuradores  a maior prticipação nesta excrecência  Os vazamentos que se tenta desvincular de seus membros por si só são abjetos, e seus danos em geral atingem indivíduos. Por mais que se negue não dá para observar outros atores  com domínio das informações ou suspeitas vazadas. Pior quando o estrago se destina aleatoriamente aos cidadãos como nas campanhas contra obras públicas  ( Belo Monte)  ou políticas públicas (Enen), Nesta segunda forma de agressão temos impáctos em custors governamentais, atrsos de obras de interesse oúblico e mesmo de perjuízos dos mais carentes da nossa sociedade.

    Seu voto: Nenhum (3 votos)
    imagem de Sérgio Rodrigues
    Sérgio Rodrigues

    Eu acredito!..

    Na mula sem cabeça, saci pererê, duende, gnomo, fada madrina, anjo da guarda e na sinceridade dos esclarecimentos da ANPR sobre a conduta desse segmento do MPF que conduz a Lava Jato!....

    Absolutamente desmoralizante!...

    O PT precisa abrir, urgente, uma frente política contra esse MPF, cujo objetivo, tá mais do que claro, não é outro senão destruir o Partido!...

    Seu voto: Nenhum (3 votos)
    imagem de MárioGonçalves
    MárioGonçalves

    O Jânio de Freitas já explicou:

    o mundo é dos cínicos.

    Seu voto: Nenhum (5 votos)
    imagem de Idalma
    Idalma

    Na verdade, os procuradores

    Na verdade, os procuradores tentaram dizer o seguinte: Olha, vocês podem vazar à vontade, desde que não seja nossos apadrinhados, simples assim.

    Seu voto: Nenhum (8 votos)
    imagem de Joel Miranda
    Joel Miranda

    Amigos, pergunto, o que será

    Amigos, pergunto, o que será melhor?
    O PGR de FHC, duro, controlador, pro-governo, que escondeu tudo, todos os crimes de FHC, ou
    O PGR do PT, mole, republicano, contra-governo, que escancarou tudo, todos os crimes do PT?

    Seu voto: Nenhum (5 votos)
    imagem de álvaro marins
    álvaro marins

    Nem um nem outro. Eu prefiro

    Nem um nem outro. Eu prefiro um PGR apartidário, imparcial, que investigue com responsabilidade, sem viés seletivo e partidário.

    Seu voto: Nenhum (8 votos)

    vazamento de carta

    Carta aberta ao medíocre Fábio Júnior:

    http://francamente1909.blogspot.com.br/2016/01/carta-aberta-ao-mediocre-...

    Seu voto: Nenhum (1 voto)
    imagem de A.R. Carvalho
    A.R. Carvalho

    Num Estado democrático de

    Num Estado democrático de direito não cabe ao Presidente da República comandar o Ministério Público. Para que as instituições funcionem bem, basta o compromisso de cada um dos seus integrantes. 

    Seu voto: Nenhum (6 votos)
    imagem de Arthemísia
    Arthemísia

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk; quer dizer que não há estado democrático de direito nos EUA? E quando FHC foi presidente, o Brasil era um estado democrático de direito?

    Seu voto: Nenhum (2 votos)

    KKKKKKKKKK

    Estuda aí...

    Desde o escândalo de Watergate há um Promotor independente que NÂO responde ao Attorney General e só pode ser contestado pelo Congresso.

    Ele pode denunciar o Presidente, o Vice e o próprio Attorney General. 

    https://en.wikipedia.org/wiki/Ethics_in_Government_Act#Title_I

    Seu voto: Nenhum (1 voto)

    "Nascem demasiados homens, para os supérfluos criou-se o Estado"  Zaratustra

    Comentar

    O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.