Revista GGN

Assine

A reta final da tentativa da Lava Jato de incriminar campanhas petistas

As novas pressões sobre a Odebrecht, o aviso dado por Sergio Moro quando executivo consegue a delação com a PGR e o acordo fracassado da OAS revelam estratégia harmônica
 
Jornal GGN - Os procuradores da Operação Lava Jato de Curitiba tentaram por três meses informações de Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, que incriminassem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Com o insucesso, paralisaram a negociação. Os procuradores da Lava Jato da Procuradoria-Geral da República (PGR) aceitaram o acordo de Marcelo Odebrecht, após o executivo revelar que tinha dados sobre as campanhas majoritárias (PT, do PSDB e do PMDB). Um dia depois, o juiz de Curitiba Sergio Moro suspendeu uma ação penal de Marcelo, em sinal verde às informações que pudessem incriminar as campanhas de Dilma Rousseff.
 
De forma harmônica, assim atuaram os investigadores da primeira instância até a última (pela PGR), sob o comando do juiz Sergio Moro, na busca pela criminalização das contas eleitorais do PT e de possíveis contrapartidas à Lula por algum benefício de contratos a nível federal a empreiteiras (OAS e Odebrecht).
 
Ao passo que as negociações com Marcelo Odebrecht avançam, prometendo detalhar esquema de caixa 2 que envolve centenas de políticos do PT, PSDB e PMDB, a força-tarefa adiantou, por meio de grandes jornais, que já estão em conclusão novas denúncias contra as campanhas de Dilma (2010 e 2014) e de Lula (2006), afetando diretamente o marqueteiro João Santana e sua esposa, Mônica Moura. 
 
Ao Estadão, a Procuradoria da República do Paraná disse que "em breve" serão apresentadas duas denúncias sobre a suposta evasão de divisas do casal, declarando possuir a conta na Suíça em nome da offshore Shellbill Finance, controlada por eles, que teria recebido quantias milionárias de um dos operadores de propina na Petrobras, como pagamento de campanha, e a suposta lavagem de dinheiro, com "ocultação e dissimulação da origem ilícita dos recursos utilizados para a aquisição de imóvel em proveito do casal", disse a equipe de procuradores a Sergio Moro.
 
A ligação entre o casal de publicitários das campanhas petistas e o caso da Petrobras tem como ponte a suposta origem desses recursos. A ação penal mira nos pagamentos feitos pelo "setor profissional de propinas" da Odebrecht, apontados pelos investigadores, a Santana e Mônica Moura. 
 
A conclusão das denúncias caminham paralelamente à paralisação - não coincidentemente - da segunda ação penal que envolve a empreiteira Odebrecht. Sob a justificativa de que "estaria em andamento a negociação de alguma espécie de acordo de colaboração entre as partes", Sergio Moro tenta absorver uma das últimas chances com os processos que envolvem o ex-presidente e herdeiro do grupo para fechar o elo entre a empresa e as campanhas petistas. Em troca, negociaria com Marcelo um possível abrandamento de penas - de três processos, em apenas um deles Marcelo já foi condenado a 19 anos de prisão. 
 
Se, por um lado, a tratativa do executivo da Odebrecht na Lava Jato já foi aceita pela PGR, sob os argumentos de incidir não apenas no PT, mas também nas campanhas majoritárias do PSDB, de Aécio Neves, e PMDB, de Michel Temer, por outro, o pente fino dado por Moro na mira petista pode provocar, fora do controle do juiz da Lava Jato, a divulgação do esquema de caixa 2 em mais de 300 políticos financiados pela Odebrecht, nos últimos anos. 
 
Se chegar a essa altura, a equipe de procuradores e Sergio Moro teriam a dívida de justificar a paralisação no acordo de delação com o ex-presidente e sócio da OAS, Léo Pinheiro, por ter defendido aos investigadores que o ex-presidente Lula não teve influência nas obras do apartamento em Guarujá e do sítio em Atibaia, mesmo sob a pressão de ser condenado a 16 anos na Lava Jato.
 
Média: 2.9 (13 votos)
15 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Serjão
Serjão

O Grande Final

O ápice da trama lava jato está muito próximo. O juiz canastrão vai, enfim, colocar os bandidos malfeitores na cadeia, e irá embora curtir a lua-de-mel com sua linda amada, a cobiçada loira dos hipnóticos olhos azuis da cor do mar.

...com o patrocínio do sabonete lux palmolive, da enceradeira wallita e dos supermercados Casas da Banha (vou dançar o xáxáxá..casas da banha....) as primeiras cenas da nova novela que encantará as suas noites. Vem aí O Brasil Amado com a magnífica trilha sonora de Jorge Ben: Moro num País Tropical Abençoado por deus...

Passa a régua e morre a nota

Daqui a trinta anos nos desculpamos novamente.  

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Tudo dentro do script do Golpe

Cronologica e estrategicamente, novas evidências e ações serão deflagradas contra o PT, Lula e Dilma 10 dias antes da votação do Impeachment, com direito a plantão da Globo e a caras e bocas no Jornal Nacional.

Chamem o Porta dos Fundos...

PS: Japonés da PF foi comido, digo afastado por corrupção?

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de resistente
resistente

isso comp/rova que a

isso comp/rova que a lava-jato é ilegal,,,

mas o que imprerssiona é as

instituições que deveriam evitar as iolegalidade não omarem nenhuma

  providencia para e evitar esse estado de exceção

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Ugo
Ugo

novidades?

Penso eu, depois de quase um ano nas masmorras da Guantánamo curitibana do menino moro, tendo resistido a todas as tentações de se safar apenas incriminando Lula, o Marcelo está partindo para o ataque. Agora eu vou relatar como funciona e sempre funcionou este Brasil na politica, no judiciário e no mundo dos negócios.

Penso eu que depois de ter sido condenado pelo menino moro, pouco importam anos a menos de reclusão e retornar na empresa alquebrada pelas suspeitas, portanto vamos para terra arrasada.

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Sérgio Rodrigues
Sérgio Rodrigues

Sem crédito!...

A Lava-Jato é uma Operação desmoralizada!.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Só posso rir

É engraçado como as pessoas reagem e analisam os fatos conforme sua conveniência.

A Folha, um jornal que se tivesse mancheteado que Léo Pinheiro contou coisas horrorosas sobre Lula seria torpedeado, ganha ares de paladino da verdade. Cômico.

Mais cômico é que a Folha lança uma manchete que tem endereço certo, os procuradores do MPF, e acaba fazendo uma pegadinha em que caem todos os lulistas.

A Folha, maliciosamente, "cobrou" dos procuradoes a delação de Léo Pinheiro e acabou ganhando agora o apoio dos lulistas e petistas. Todos agora querem que Léo Pinheiro fale.

Acho que ele vai falar, e acho que os lulistas vão se arrepender de ter pedido que falasse. Mas, como sempre há caminhos para quem não sabe onde quer chegar, dirão então que Léo Pinheiro "mudou" sua versão por pressão dos procuradores. Tudo isso baseado, vejam só, numa manchete do "PIG".

Mais cômico é que a manchete da Folha maliciosamente também incrimina Lula, e mesmo assim foi repercutida amplamente pelos lulistas. Ora, se foi Lula diretamente ou Paulo Okamoto quem pediu as obras no sítio, faz pouca diferença, em qualquer dos casos fica sub-entendido que o sítio é na verdade de Lula. Ou será que Paulo Okamoto pediu as obras em nome de Jonas Suassuna ???

 

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Ze Roberto
Ze Roberto

Cidadão, gostaria de ver voce preso para fazer a

sua delação, e depois ficar tudo parado. Agora se a folha fez isso ou aquilo, penso eu não tem a menor importancia para o conteudo.

 

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de C.Pimenta
C.Pimenta

Juizeco

Quem conhece de perto o juíz da Guantánamo brasileira, sabe bem sobre seus parcos conhecimentos jurídicos, acadêmicos e intelectuais;

 

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/por-que-moro-nao-obteve-titulo-h...

Seu voto: Nenhum (8 votos)

dois movimentos

Acredito que dois novos movimentos tem por fim enterrar de vez as chances do golpe ser revertido no senado. Um deles, mais vistoso, é a “delação”dos Odebrechtr: mesmo que seja algo pequeno, vai-se fazer um estardalhaço enorme em função do que for “encontrado”, de forma a calcar o rótulo de corrupta à Dilma e a constranger senadores que poderiam reverter o quadro. Outro é a aceleração do ritmo do golpe no senado: certamente esta aceleração é para que as “denúncias” dos Odebrecht ainda estejam quentes – e que não haja tempo para desmentidos eficazes. De novo fica claro que a reversão do golpe deve ser política: as estratégias jurídicas e legalistas vão dar em nada, já que o judiciário e o congresso estão “dominados”. O Lula e a Dilma têm que ir para as ruas, imediatamente e sem trégua, pois este é o único jogo que não está completamente viciado. No senado, os senadores anti golpe tem que exigir que o prazo para defesa continue a ser 15 dias e não os cinco que os golpistas querem.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Henrique Finco

O curioso é que a grande(só

O curioso é que a grande(só no nome) imprensa ainda insiste que: a) as delações do executivo da OAS Léo Pinheiro "podem ser mortais para Lula". Seja lá que diabo queiram dizer com isso; e b) que o filho do Lula recebeu dinheiro dos envolvidos na Zelotes. 

A propósito, os jornalões e os jornalecos, mesmo o PT fora do Poder e as recentes constatações de que todo o mundo político está enrascado na Lava Jato, continuam na mesma fixação. João Santana, por exemplo, é um ficção: o que existe mesmo é "o marqueteiro do PT". 

Sobre o texto: assino em baixo e recomendo. E ainda complemento: já estão condicionando o acordo de delação do Marcelo Odebrecht a uma delação também do seu pai Emílio. Huummmm.......Por que será, hein? 

Tudo fica ainda mais claro quando afirmam "que a investigação só não volta para Noberto(avô) porque são fatos antigos". Huummmm 2: por que será, hein? "És tu, Fernando?"

Já se houvesse a possibilidade de pegar o PT e o Lula eles retrocederiam até às savanas africanas para investigar/negociar uma delação premiada do hominídeo e proto Odebrecht que vagou por lá há milhões de anos. 

Uga!Uga!Uga!Mim dá dinheiro PT! Uga!Lula uga!Triplex!

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Carlos P.
Carlos P.

Lava jato é marmelada

A lava jato é viciada. Ficou ilegal e inconstitucional porque fere inúmeros principios. Fere os direitos humanos porque se trata de tortura medieval blindada com tênues linhas de contenporaneidade. É arbitrária porque comanda por equipes indiscretamente partidárias, mormente o juiz que posa em publíco em campanha dos 1% mais ricos do psdb de são Paulo. A lava jato é uma vergonha e vocês jornalistas decentes precisam parar de ser bobos e trata-la como coisa séria. É tão bamba quanto as condutas de Cunha, Gilmar e Temer. É uma vergonha

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de Lina
Lina

Lava jato é só uma parte importante do golpe

Carlos, só faltou escrever que a Lava-jato, como parte integrante da agenda do golpe, foi idealizada apenas para destruir o PT junto com nossas maiores firmas de engenharia. Apenas. Tratá-la com seriedade é colaborar com o golpe.

Seu voto: Nenhum
imagem de mauro silva1
mauro silva1

agente judicial infiltrado

esses agentes judiciais infiltrados no estado brasileiro a soldo de potência estrangeira terão um final desagradável quando a onça beber água.

os expurgos de moscou serão bom parâmetro do que se deve fazer com quintas-colunas.

Seu voto: Nenhum (12 votos)
imagem de j.marcelo
j.marcelo

Marcelo Odebrecht vai é

Marcelo Odebrecht vai é causar um terremoto,não acredito q sua delação ñ será "viciada",todos

sabemos A QUE VEIO O MORO,ele está babando pra ferrar o LULA/PT/DILMA pra mim é história

da carochinha que Marcelo vá delatar  psdb e pmdb e SE,a mídia não ira divulgar quase nada ou

Moro irá decretar segredo de justiça TÁ NA CARA que farão isso,agora Marcelo Odebrecht tem

personalidade e aparentemente caráter e TUDO PODE ACONTECER !!!

 

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Fernandoc
Fernandoc

Temer não ser derrubado é

Temer não ser derrubado é como se dois assaltantes roubassem uma firma e um deles não ser condenado pois não concordou com algumas táticas de roubo do comparsa ou ainda pior... Não ser incriminado por discordar das táticas de roubo do seu comparsa e ainda ser promovido pelo juiz que julgou o caso para que pudesse contribuir para melhores táticas de roubo para todos os comparsas deste juiz e dos políticos coligados.

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de João de Paiva
João de Paiva

A ORCRIM PGR-PF-PJ quer aniquilar o PT e a Esquerda

A esta altura não cabem mais eufemismos. A força-tarefa da Lava a Jato (procuradores do MPF, policiais federais, juiz sérgio moro e ministros do STF) são, de fato e efetivamente, a mais perigosa QUADRILHA ou ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA em atividade no Brasil. O objetivo dessa ORCRIM e da LJ NÃO É e NUNCA FOI o de efetivamente  combater a corrupção, mas sim o de aniquilar a Esquerda Política, o PT e seus líderes, destituir a presidenta Dilma e entregar o Executivo Federal ao tucanato entreguista e subserviente aos ditames de Washington, onde de fato está o alto comando do golpe de Estado. As instituições burocráticas do Estado Brasileiro foram aliciadas, cooptadas pelos agentes estadunidenses e a serviço deles conspiram e trabalham, para colocar no  poder a oligarquia plutocrata, escravista e entreguista.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.