Revista GGN

Assine

Agente da CIA? Treinado pelo FBI? Um raio-x da relação Moro-EUA, por Daniel Giovanaz

Juiz Sérgio Moro costuma ser chamado para dar palestras nos EUA sobre a Lava Jato / Divulgação Wilson Center

do Brasil de Fato

Agente da CIA? Treinado pelo FBI? Um raio-x da relação Moro-EUA

Sob a poeira da "teoria da conspiração", existe um jogo de interesses de alto risco para o país

por Daniel Giovanaz

Em julho de 2016, a filósofa Marilena Chauí afirmou que o juiz de primeira instância Sérgio Moro havia sido “treinado pelo FBI” para atender aos interesses estadunidenses na condução da operação Lava Jato. O vídeo, publicado pelo Nocaute TV, teve mais de 160 mil visualizações e estimulou debates sobre o tema entre juristas, historiadores, cientistas políticos e sociólogos brasileiros.

Para aqueles que acreditam em uma relação estratégica entre Moro e os Estados Unidos, a hipótese levantada por Marilena Chauí encontra respaldo em um documento vazado pelo WikiLeaks em 30 de outubro de 2009. WikiLeaks é uma organização transnacional sem fins lucrativos, com sede na Suécia, que publica em sua página informações "vazadas" de governos ou empresas sobre assuntos estratégicos de interesse público. No documento, o nome do juiz Sérgio Moro é citado como participante de uma conferência oferecida no Rio de Janeiro pelo programa Bridges Project (“Projeto Pontes”, em uma tradução literal), vinculado ao Departamento de Estado Norte-Americano, cujo objetivo era “consolidar o treinamento bilateral [entre Estados Unidos e Brasil] para aplicação da lei”.
Cooperação suspeita

Segundo aquele documento, os juristas brasileiros que participaram da conferência, com o pretexto de “combate ao terrorismo”, sinalizaram às autoridades estadunidenses – como a Conselheira Residente para Questões Legais da Embaixada dos EUA – certa “incapacidade” no uso do Código Penal. Sérgio Moro, particularmente, foi chamado a apresentar os dilemas mais frequentes nos casos de lavagem de dinheiro nas cortes brasileiras.

Entre as conclusões vazadas pelo WikiLeaks sobre aquela conferência, os responsáveis pelo Projeto Pontes listaram a “necessidade continuada de assegurar treinamento a juízes federais e estaduais no Brasil para enfrentar o financiamento ilícito de conduta criminosa”. Segundo eles, a estratégia deveria “ser de longo prazo e coincidir com a formação de forças-tarefa de treinamento”, que poderiam ocorrer em “São Paulo, Campo Grande ou Curitiba”.

Cinco anos depois do evento no Rio de Janeiro, a deflagração da operação Lava Jato demonstrou o “aperfeiçoamento” do Poder Judiciário nas investigações sobre caixa 2 e lavagem de dinheiro no Brasil. Ao mesmo tempo, instaurou no país um clima de instabilidade política interessante aos Estados Unidos.

Os EUA e o pré-sal

Os Estados Unidos sempre se colocaram à disposição para colaborar com o avanço da operação Lava Jato. Em um dos poucos casos em que essa cooperação se tornou pública, em 2015, autoridades estadunidenses aceitaram um pedido do Ministério Público Federal (MPF) para rastrear depósitos que permitissem desmontar a engrenagem montada pela empreiteira Odebrecht para pagamentos de propina no exterior.

Documentos classificados como ultrassecretos pela Agência de Segurança Nacional Norte-Americana (NSA), vazados em 2013, revelaram que Dilma e seus principais assessores eram alvo direto de espionagem pelo governo estadunidense.

Assim como é impossível desvincular a operação Lava Jato da conjuntura política de instabilidade que resultou no golpe contra Dilma Rousseff (PT), são evidentes as vantagens obtidas pelos Estados Unidos com a mudança de governo no Brasil.

Escolhido por Michel Temer (PMDB) para presidir a Petrobras, Pedro Pullen Parente iniciou em maio de 2016 um processo de venda de ativos e facilitação da privatização no setor do petróleo. A entrega da camada pré-sal para o capital estrangeiro começou com parcelas preciosas das áreas de Carcará, Iara e Lapa.

França, Noruega e EUA são considerados alvos prioritários do “fatiamento” do pré-sal. No dia 24 de maio, a Federação Única dos Petroleiros (FUP) publicou uma carta exigindo a renúncia de Parente, sob acusações destruição do patrimônio público e interferência de interesses escusos na administração da estatal.

Pedro Pullen Parente foi ministro da Casa Civil no governo Fernando Henrique Cardoso (FHC) e vice-presidente executivo da RBS, afiliada da Rede Globo no Sul do país.

Controvérsias

Sérgio Moro não foi o único participante da conferência do Projeto Pontes, em 2009, que se tornou alvo de polêmicas durante operação Lava Jato. O magistrado gaúcho Gilson Dipp, aposentado do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que precedeu a fala de Moro no evento, disse em 2014 à Folha de S. Paulo que a Lava Jato iria produzir “a maior recuperação de valores da Justiça brasileira em todos os tempos”. Poucos meses depois, Dipp escreveu um parecer para tentar anular a delação do doleiro Alberto Youssef por “falta de credibilidade” do investigado.

Em janeiro de 2016, mais uma controvérsia: o nome de Gilson Dipp apareceu em um manifesto assinado por 105 juristas, afirmando que a Lava Jato atuava contra o Estado de Direito. Questionado sobre a mudança de posicionamento em relação à operação, o magistrado veio a público informar que seu nome foi incluído no manifesto sem autorização.

Frequentador assíduo

O currículo acadêmico de Sérgio Moro divulgado na plataforma Lattes demonstra que sua formação como magistrado está vinculada diretamente à escola estadunidense. Em julho de 1998, ele custou o Programa de Instrução para Advogados na Escola de Direito de Harvard. Em 2007, participou do International Visitors Program, organizado pelo Departamento de Estado Norte-Americano, e fez visitas a agências e instituições dos EUA encarregadas da prevenção e do combate à lavagem de dinheiro.

Nos últimos dois anos, as visitas à América do Norte se tornaram mais frequentes. E Sérgio Moro não vai a passeio. Em julho de 2016, ele deu uma palestra em Washington sobre a importância da mídia no apoio a investigações criminais. Em setembro, no “auge” da Lava Jato, participou de um ciclo de palestras na Pensilvânia, onde foi apresentado como “líder central no fortalecimento do Estado de Direito” no Brasil.

Outro lado

Sempre que foi questionado sobre sua relação com os EUA, o juiz de primeiro instância Sérgio Moro atribuiu as polêmicas a uma tentativa de ferir sua credibilidade para frear o avanço da operação Lava Jato. A última vez que falou publicamente sobre o tema foi em fevereiro deste ano, na Universidade de Columbia – Moro se referiu à hipótese como "teoria da conspiração".

Preocupação

A história do século XX demonstra que o estreitamento das relações de setores estratégicos de países latino-americanos com os EUA costuma abrir caminho para golpes de Estado, que estimulam mudanças políticas e econômicas favoráveis aos interesses da Casa Branca.

Não é mera coincidência. No livro Fórmula Para o Caos (Civilização Brasileira, 2008), o historiador Moniz Bandeira estudou os meses que antecederam o início da ditadura civil-militar (1973-1990) chilena e apresentou documentos que demonstram como a Agência Central de Inteligência (CIA) dos Estados Unidos utiliza estratégias de desestabilização política para promover a ascensão de regimes autoritários no continente.

No caso do Chile, o presidente Salvador Allende foi morto durante o golpe militar e deu lugar ao general Augusto Pinochet, que se tornou parceiro dos EUA e iniciou um processo intenso de privatização de recursos naturais de modo a abrir portas para o capital norte-americano. Em dezembro de 2016, em entrevista ao Jornal do Brasil, o próprio Moniz Bandeira fez um alerta sobre a relação de Sérgio Moro com os Estados Unidos, ressaltando os acordos de cooperação promovidos pelo FBI para investigação de crimes organizados em países estratégicos.

Curiosidade

Entre as coincidências que envolvem os dois processos mais recentes de golpe na América do Sul – no Paraguai e no Brasil –, chama a atenção o nome da diplomata estadunidense Liliana Ayalde. Ela deixou a embaixada dos EUA no Paraguai meses antes da deposição do então presidente Fernando Lugo, em 2012. Por três anos, ela informou a Casa Branca sobre a situação política paraguaia. Em um informe de dezembro de 2009 vazado pelo WikiLeaks, chegou a afirmar que interessava aos EUA expressar apoio às “instituições democráticas do Paraguai”, mas não a Lugo, pessoalmente.

Com a consolidação do golpe no Paraguai, em menos de 48 horas, Liliana Ayalde assumiu a embaixada estadunidense no Brasil. Permaneceu até 11 de janeiro de 2017 e assistiu de perto ao golpe contra Dilma Rousseff.

Em dezembro do ano passado, Ayalde sentou ao lado de Dyogo Oliveira, ministro do Planejamento nomeado por Temer, na 1ª Reunião Anual Brasil-Estados Unidos sobre Desenvolvimento de Infraestrutura. Na ocasião, Dyogo Oliveira anunciou a pretensão de estimular empresas estadunidenses a serem concessionárias de projetos de infraestrutura no Brasil, como aeroportos, rodovias e ferrovias.

Entre as razões citadas no evento para a internacionalização e “profissionalização” da gestão da infraestrutura, estão os esquemas de fraude e lavagem de dinheiro cometidos por empresas brasileiras, investigados pela operação Lava Jato. “O que estamos fazendo gera benefício para os dois países. É uma prioridade para os dois”, disse a então embaixadora estadunidense em bom português, para aplausos da base aliada do governo Michel Temer.

Homenagem

Em março e abril do ano passado, respectivamente, as revistas estadunidenses Fortune e Time incluíram Sérgio Moro em suas listas de “pessoas mais influentes do mundo”. O texto da Time apresenta relações entre a Lava Jato e a deposição da presidenta eleita Dilma Rousseff, e afirma que o juiz paranaense é chamado pelos brasileiros de “SuperMoro”.

 

Média: 4.6 (22 votos)
37 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Auxiliadora
Auxiliadora

A quanto tempo o Brasil é

A quanto tempo o Brasil é cobiçado pelos EUA e Europa? Bush o sanguinário não derrubou Lula, mas Obama o prêmio Nobel da Paz mandou a NSA espionar o governo Dilma, a Petrobrás e o Banco Central, o objetivo coletar informações na área econômica, política e financeira.

O Pré-Sal e o BRICS deixaram o império do mal com inveja e medo.

Nem a AP 470 serviu para alertar Lula, hoje ele sente na pele os seus erros e irresponsabilidades, pregava a conciliação de classes, a política de alianças com os vermes e aí começa a política de concessões e os inimigos só esperando o momento do confronto e ataque, ora a classe dominante fica descontrolada quando é contrariada, imagina quando é derrotada em quatro eleições sucessivas para Presidente.

Em 2013, o governo Dilma foi espionado pela Agência Nacional de Segurança dos EUA, em 2014 surge a operação farsa jato e nem assim Dilma e Lula tiveram a perspicácia para compreeder que a prioridade dos EUA, da classe dominante (PSDB, PMDB, Judiciário, MPF e empresários) com apoio da PF era derrubar o o governo do PT e destruir à esquerda no Brasil.

Não foi por acaso que o antipetismo surgiu em SP reduto do PSDB e maior colégio eleitoral do país. O PSDB é um partido neoliberal, aliado aos interesses do capital financeiro, oneoliberalismo é inimigo da democracia e amigo do estado mínimo e da meritocracia.

Qual é a surpresa Moro ser espião dos ianques? Qual a surpresa Temer ser informante da CIA?

Desde que a esquerda assumiu o poder em 2002, conseguindo eleger o primeiro Presidente da esquerda no Brasil e vencendo todas as eleições para Presidente da República, os EUA, a elite brasileira, a classe dominante e o império midiático uniram-se para desestabilizar e derrubar o governo petista no Brasil.

Nem com o golpe em 2012, que destituiu o Presidente do Paraguai, Fernando Lugo, arquitetado e financiado pelos norte-americanos, serviu para alertar o governo de Dilma e o PT.

Eis as palavras de Liliana Ayalde embaixadora dos Estados Unidos no Paraguai e no Brásil:

" O controle político da Suprema Corte é crucial para garantir impunidade dos crimes cometidos por políticos hábeis.Ter amigos na Corte Suprema é ouro puro".

Tudo o que está acontecendo neste país já era previsível, o Brasil é um dos países mais espionados pelos EUA.

Seu voto: Nenhum

“SuperMoro”?

“SuperMoro”? Onde? Eu vejo é o povo reclamando do desemprego, da violência e com receio de trabalhar, trabalhar, trabalhar e trabalhar, e morrer sem se aposentar. Nada mais. Nada de “SuperMoro”. Francamente...

Seu voto: Nenhum (2 votos)

"o mundo é um saco de merda se rasgando. não posso salvá-lo."

 

Compromisso

Nassif: o homem só tá cumprindo juramento.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Mediações

Acho que não dá pra ver esse fenômeno de modo simplista:

http://jornalggn.com.br/comment/1105879#comment-1105879

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Notem que não é nem

Notem que não é nem necessário rotular como teoria da conspiração o envolvimento de Moro com o Depto. de Estado americano. Isso porque a opinião pública manipulada aceita incontestavelmente o absurdo como algo natural e rotineiro.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

"O jornal de ontem mentiu. O de hoje está mentindo. O de amanhã não será mais verossímil."

Moro e a conspiração.

Por muito tempo a Operação Condor foi considerada uma lenda atribuída à imaginação dos "ativistas das esquerdas". Até que o governo Clinton abriu os arquivos relacionados aos assuntos do Golpe de 1964, admitindo francamente a participação nele. A própria esquerda não soube o explorar o fato, pois a surpresa com a dimensão do fato foi muito grande, base para reflexões geoestratégicas e políticas num outro patamar. 

Veio à tona uma suspeita de Moro com órgãos dos EUA, mas a desqualificação, aventando a hipótese como falsa e com base na "teoria da conspiração", foi imediata. E sim, isso, mesmo nos meios intelectuais. Alguns inclusive querendo manter aquele ar de gravidade que sempre desejam manter nessas questões. Mas esquecem que uma hipótese não se afasta simplesmente com uma suspeita de falsidade. É preciso de provas para, também, refutar o que não é.

Quando levantou tal hipótese sobre Moro, a filósofa Marilena Chauí foi zombada por alguns que, ou não conheciam a história da Operação Condor ou eram mal intencionados, ou ainda são daqueles que nunca concordam com tais teses por um erro de método, como apontei acima. Estes sempre entendem que a "teoria conspiratória" é um atavismo que atinge a esquerda quando surge um fenômeno não explicado ou de difícil entendimento. Sabemos agora que não é bem assim. 

E digo mais. Moro não está sozinho. Um juiz de primeira instância não iria tão longe sem assegurar as investidas e decisões. Essa rede não se formou agora. Não é recente. Quem puder ler o professor Moniz Bandeira comprovará isso. A rede fica à espera do melhor momento, uma instabilidade qualquer, uma brecha nas instituições. Envolve bastante gente, e mesmo inadvertidamente. A essa altura, desconhecendo os fatos mais imediatos, relacionados ao assunto, o modelo de explicação da "teoria conspiratória" assemelha-se a uma imensa fábula e fica muito fácil mesmo desqualificá-la por qualquer adjetivo. 

Mas tornou-se fato, ainda sob a vigência dos acontecimentos, isto é, no decorrer do processo mesmo, que viesse à tona o envolvimento do juiz com tais órgãos americanos, revelando que a espionagem não era mera desconfiança. Repito, isso deve servir de lição e de argumentos futuros contra aqueles que sempre entendem que a história é meramente contingencial. 

Enfim, para terminar: afastar a hipótese de "teoria conspiratória" não afasta a conspiração.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de andre rs t
andre rs t

Apesar das provas aos montes,

Apesar das provas aos montes, e que não vem de agora, pois há em 64 isso foi feito às claras, há quem pense que isso é pura teoria da conspiração, eh ser muito jeca quem pensa assim

https://josecarloslima.blogspot.com.br/2017/06/mutirao-jornadas-de-junho2013-ou-e-o.html

EUA fazem o papel dele que é o de tramar, o Brasil é que não se liga, não se manca, as Instituições muito menos, aliás, estas funcionam como organizações criminosas atuando contra a democracia e o interesse nacional

Maldito dia em que descobrimos o pré-sal, pois os EUA abriram aquele olho grande em cima da gente...sobrou pro Almirante Othon Pinheiro e ainda querem pegar o Lula...

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Após o golpe, Liliana Ayalde - From Brazil To US Army SOUTHCOM

Após o golpe, Liliana Ayalde - From Brazil To US Army SOUTHCOM

Completado o golpe, a embaixadora Liliana Ayalde saiu do Brazil em janeiro, direto para o Comando Sul do Exército Estadunidense, assumindo exatamente em 17/01/2017. E aparentememente teve, antes de sair de Brazilia, teve conversas proveitosas com o Exército Brasileiro, sob nova direção, deixando alinhavado os exercícios conjuntos na Amazônia Brazileira, no centro do tripé Venezuela-Equador-Bolívia, pois, pelo jeito, o triplo serviço aí vai ser mesmo ao velho estilo do farwest, na força bruta. 

Vide "Amb. Liliana Ayalde - Civilian Deputy to the Commander, Foreign Policy Advisor", de Janeiro de 2017, em http://www.southcom.mil/About/Leadership/Bio-Article-View/Article/1040613/amb-liliana-ayalde/

Vide "Comandante do Exército Sul dos EUA busca ampliar parcerias com Brasil", de 21/03/2017, em http://www.defesanet.com.br/br_usa/noticia/25168/Comandante-do-Exercito-...

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Francisco de Assis

imagem de andre rs t
andre rs t

Muitos que estão a serviço

Muitos que estão a serviço dos interesses americanos nem tem noção disso, o que é ótimo para a guerra 2.0 empreendida pelos EUA

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Orlando Soares Varêda
Orlando Soares Varêda

PARA UM MORO, ASSIM COMO SERÁ

PARA UM MORO, ASSIM COMO SERÁ PARA UM MICHELZINHO. PÁTRIA PORRETA? SÓ SE FOR LÁ NA DISNEY

Para os filhos de frívolas dandocas, e, de ocupados papais envolvidos em grandes negócios & negociatas pátria e patriotismo, são conceitos anacrônicos, úteis apene aos que não tem eira nem beira, ou seja, para aqueles que não tem onde cair morto. Se até no Serviço Militar obrigatório (?). Homi! Deixa essa merda pra lá...

Pátria, Nação ou País, essas coisas. Para concurseiro de merda, o Brasil, tem como única serventia  financiar e pagar suas imorais mordomias e benefícios. E, naturalmente, serve também para fechar bons negócios com quem melhor lhe remunere a entrega de informações estratégicas. Para isso é que serve, a merda de paizeco em que a contragosto nasceram.

Só por curiosidade: algum dos colegas desse estabelecimento, mesmo por acaso, já viu algum desses bem nascidos filhotes da classe média triufante, participando ou apenas apreciando alguma manifestação relativa a eventos patrióticos da história do País?  Digamos assim, de um desfile militar de um 7 de setembro?...Ou,..não seria melhor um desfile militar num 4 de julho?...

Orlando

Seu voto: Nenhum

da conspiração, passamos à teoria da delação premiada...

que, na medida em que incentiva uma traição, devem ter criado também.......................

agentes de vida fácil........................................

um corpo grande, como o poder de um Gilmar, por exemplo, e uma cabeça pequena

quantas vezes já se juntaram aos criminosos para desestabilizar um país?

Seu voto: Nenhum (2 votos)

provavelmente já combinado desde FHC...

a primeira coisa que se mata em um país alvo é o poder de investigação, que no Brasil nunca foi lá grande coisa

quem mais investiga hoje? acompanhe o julgamento no TSE e descubra

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Estão focando no processo,

Estão focando no processo, que é duvidoso e dá margem a que ele se defenda.

Deveriam focar nos resultados - o desmonte da economia nacional causado pela lava jato.

Só ai já serviria para acabar com ele em qq pìas ´serio

Seu voto: Nenhum (7 votos)

concordo...

porque quase tudo pode ser fraudado para ser aceito, resultados não....................

não serão os criminosos que ficarão sem condicões e bens para restituírem o  que foi roubado da sociedade,

será o Brasil

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Atreio
Atreio

-o dia q durou 21 anos -a

-o dia q durou 21 anos

-a funny thing hapenned on the way to the moon

ótimos documentarios q mostram como s EUA e seus bandidos nativos ou importados são a maior fonte de desestabilidade, injustiça e corrupção no mundo há pelo menos 100 anos. difamadora e desproporcional. forte e cruel. assassina e imoral em qualquer época - agindo há 200 anos e se intensificando a cada década.

fomentadores dos cadaveres q nos sorriem. a mentira como procedimento, a benefício desmedido como meta maior. soterrar adversários sua diversão. nunca enterrá-los, desaparecer com eles é mais favorável. o tratamento subhumano proposital, afinal seus 'inimigos' nem humanos seriam. monstros. comunistas. mussulmanos.o godzilla muda sua aparencia de acordo com a tecnologia disponível. mas sempre é uma mentira, uma historinha pra criança q funciona e assusta muito barbado.

e por aqui, teve gente trasntornada com piadinhas de irmão metralha (mesmo a piada vindo dos 3 irmãos mais parecidos com a metáfora, com seus acordos espúrios desde os anos 50, seu descasso proposital, seus ataques e suas posturar inglórias, sempre-  e fora a atualíssima e premiada casa de paulinha da mossack a apulinha do triplex. a paulinha deles.) apontando o dedo na cara de gente honesta.

hj eles estão envergonhados e "não querem mais falar disso"..."no grupo tem regra e não é pra falar de politica" ...

eh agora q não devemos arrefecer. não haverá refluxo entre os justos, apenas entre os covardes - e já começou.

os justos seguem no levante. bravamente pela trilha estreita em meio a selva triste.

seguiremos. aprenderemos. faremos mais e melhor.

foram tolos, os 'deboístas" e temos q esfregar isso na cara deles, de suas peguetes, de seus pais , de seus parça... todo dia, sempre q couber. faz parte da pedagogia pra não ocorrer novamente. o processo pedagógico ensina. aprendizado eh perene- longo prazo, ao menos, fora qq patologia.

importante notar q antes havia fome e miseria desmedida, lá no fim dos anos 50....mas em 2016 era 4,3% de desemprego, haviámos há 2 anos saído do mapa da fome da ONU. trocavasse de carro ano sim ano não, a familia toda com cel de 2mil no bolso e andando na rua com as amigas as 2am....e tudo trank. na pista e na favela.

favorável.

aí parece q a cerveja artesanal estava frutada demais e teve gente dando chilique, tinha gente de 20 anos q nunca foi num prottesto, nunca teve pq reclamar. e em 2013 se sentiu parte de algo. gritou junto e foi extasse. era um show de rock. um culto. repetiam-se mantras, com sentido e razão ou não.... "tira essa dentuça q bonner me explicou td! vai melhorar..." "DILMA, vaí tomar no c*, "fora tomada de 2 pinos"...era uma festa.. mas  estranha. havia  gente afirmando q ganhava 150 mangos pra quizumbar qq manifestação.....quem pagava?  não ouvi nomes...não vi investigações. tentaram jogar na elisa o B;O; mas não colou, era outra pessoa.....e ficou por isso. proavavelmente era a mesma fonte q pagou 45 mil pra janaina.....45 mi l/mes pro MBL.... mas nada veio ao caso.

tudo isso e e nem tava ruim, no fundo era só 20 centavos e pra botar uma foto maneira no face. se perguntasse pra qq um,o problema era apenas um. e apontado todo noite durante todo o JN de kamel pra não haver titubeio. O dos saad tb não ficou atrás e boechat decepcionou muita gente q o acompanhava por anos. parei ocm os dois, muitos amigos tb. boicota-se os seus anunciantes, vive-se mais feliz.

..e tava bom pra caramba mesmo. ENEM fazia o cara de roraima estudar na UFRJ....ciencia sem fronteiras levava milhares de interessados à outros territorios. ganhamos medalhas em olimpiadas de conhecimento e de esportes. segurança hídrica e energética como nunca antes na hsitoria desse país. era só reconhecer, conversar, contemplar e seguir fazendo sua parte. uma banana pro bonner, como fez a fátima. uma banana pra boechat, como fez ticiana - se bem q esse fez um movimento estilo claudia cruz....outro contexto.

hj ainda dá tempo. façamos. não há razão pra nos mantermos sob golpistas tácitos até 2018.

não há. nem haverá. acabemos com isso logo.

sem crime, não há impeachment. sabemos e eles tb. mas eles não vão admitir, não esperemos isso.  ajamos.

nós iremos insistir, reforçar e educar. conversar c o máximo de pessoas, fortalecer entendimentos e ridicularizar posturas canalhas e injustas. piadas e ridículos constroem a cultura de um povo e consolidam posturas rapidamente. se coloque bem, nos lugares certos. de forma incisiva. faça rir, gere satisfação. o conhecimento obtido fica.

eles vão perder. está trasnparente na face de impaciencia, ódio, receio e certo nojo de todos os golpistas.

venceremos com nossos pés no chão, olhos no horizonte. mãos dadas aos nossos, juntos.

para todos como o sol.

bravos permanecem ao lado dos justos, aos covardes restam os canalhas.

não vai levar 21 anos de novo.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Serjão
Serjão

Pois é, amigo

Essa merda de lulismo deu nisso.

Essas ex-querdas.  (digam: o que seria isso?)

tem gente que está do lado de cá, mas bem poderia e deveria estar do lado de lá

...

importante notar q antes havia fome e miseria desmedida, lá no fim dos anos 50....mas em 2016 era 4,3% de desemprego, haviámos há 2 anos saído do mapa da fome da ONU. trocavasse de carro ano sim ano não, a familia toda com cel de 2mil no bolso e andando na rua com as amigas as 2am....e tudo trank. na pista e na favela.

...

..e tava bom pra caramba mesmo. ENEM fazia o cara de roraima estudar na UFRJ....ciencia sem fronteiras levava milhares de interessados à outros territorios. ganhamos medalhas em olimpiadas de conhecimento e de esportes. segurança hídrica e energética como nunca antes na hsitoria desse país. era só reconhecer, conversar, contemplar e seguir fazendo sua parte. uma banana pro bonner, como fez a fátima. uma banana pra boechat, como fez ticiana - se bem q esse fez um movimento estilo claudia cruz....outro contexto.

 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de WG
WG

Das duas hipóteses, uma é

Das duas hipóteses, uma é certamente a verdadeira:

Moro é agente dos interesses americanos, ou

Moro é um perfeito idiota-útil, fazendo o trabalho sujo para os norte-americanos, que devem estar rindo às gargalhadas desse bando de procuradores estúpidos.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Moro = Traidor ?

WG

Existe uma terceira hipótese: Moro ser um agente idiota.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Ou, um idiota que acha que é

Ou, um idiota que acha que é agente, mas na verdade não passa de um office boy do terceiro escalão da CIA.

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de a.ali
a.ali

  À época, qdo. da

  À época, qdo. da manifestação de Chauí ela foi  massacrada, como se não fosse a mais pura verdade!

Seu voto: Nenhum (3 votos)

É sempre assim. Alguns

É sempre assim.

Alguns raríssimos corajosos tratam do fato sem rodeios. São massacrados.

Muitos bem intencionados levam uma eternidade para abordar, DE LEVE, o tema, sempre com a ressalva de não serem adeptos de conspirações.  Quando, finalmente, abordam a questão abertamente, a inês está morta, TUDO JÁ FOI CONSUMADO.

É evidente, contudo, neste caso, o desconforto do "cooptado" quando o assunto vem à tona.  Então, que se fale disso.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

para o Senhor dos mercados...

as informações que colhe e entrega para um só homem valem mais do que um exército inteiro

é por isso que atraem; é por isso que treinam..............................................

para que destrua o povo e entregue o país intacto

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Temer foi colocado lá só pra isso...

é Moro continuado........................

reparem, ou confirmem nas gravações em Serra e Aécio, por exemplo, que sempre atuaram segundo os interesses de pessoas do mercado que não lhes são estranhas, e desde FHC

 

Seu voto: Nenhum (4 votos)

estudem as ideias de George Soros...

sobre países que necessitam de serem levados à instabilidade para dobrarem ou triplicarem os lucros com um falso futuro equilíbrio........................

destrua a sociedade, mas deixe o país ou os recursos intactos

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Moro tem convicção de que o

Moro tem convicção de que o Lula é culpado (de tudo). Mas não tem provas. Eu tenho convicção de que Moro é agente do departamente de estado americano. E tenho um monte de prova. Wikileaks e Snowden que o digam

Seu voto: Nenhum (12 votos)

Juliano Santos

imagem de ze sergio
ze sergio

moro....

É inacreditável a idiotização brasileira. Uma espécie de censo comum divulgado pela Patrulha da Gestapo Ideológica Anticapitalista Tupiniquim somado ao instinto de sobrevivência da nossa elite público-politica. Para tirar o seu da reta conseguem inventar todo tipo de teoria da conspiração. Onde Estado? Onde Democracia? Onde Liberdade? Onde Cidadania? Onde Justiça? O que fizemos em 4 décadas de redemocratização, 30 anos sob uma Constituição Cidadã? Anticapitalistas se esbaldando em dinheiro, enquanto tiram fotos com Fidel. Acessoria, dirão. A culpa é sempre dos outros. Do capital, da colonialismo, dos EUA, do Trump....Onde eleições livres e facultativas? Onde escolas? Onde saúde e hospitais? Onde infraestrutura? Onde transporte público? Onde as promessas dos anos de 1970/80? Novamente destruirão empresas e economia nacionais e empregos consquistados pelo mérito, para manter-se no Poder e manter o país na mesma condição. Farão de tudo para manter o Estado Brasileiro como financiador desta Corte que apoderou-se do Poder Público. A culpa é do Moro? A culpa é da CIA? Está justificado o porque de estarmos avalizando bandidos no comando da Nação. o nível das nossas indagações é muito raso.    

Seu voto: Nenhum

Americano é tão bonzinho !!!!!

Existem pessoas que acreditam nisto , desde o tempo em que matavam seus indios, não só nos farwests da vida, mas na realidade.

Depois passaram a massacrar os japoneses e alemães (gente ruim e vingativa) em todos os filmes de roliud.

Os russos, verdadeiros comunistas apavorantes, que comiam criancinhas (e que tinham quantidade de armas !!!!)

Depois Cuba, que treinava os pobres povos das américas em guerrilhas na Selva.

Enquanto o méxico, só produzia bêbados e o Brasil vivia do Carnaval e era tão fácil de ser cooptada. Bastava um sotaquezinho e ficavam dóceis e presa fácil, como viralatas complexados. Para melhorar um pouco a auto estima deles, demos uma ajudazinha com o Cantinflas e a Carmem Miranda .

Mas até hoje se mantem assim e conseguiram dividir o pré sal e loguinho a Amazonas conosco.

Brazileiro tb é mt bonzinho e gosta de dar uma força aos vizinhos de cima.

 

Seu voto: Nenhum

lenita

Mas que salada, hein?

Mas que salada, hein? Certamente você usou a si próprio como exemplo de idiotização.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

"O jornal de ontem mentiu. O de hoje está mentindo. O de amanhã não será mais verossímil."

Dizer que o juiz da globo é

Dizer que o juiz da globo é um contínuo da CIA não significa eximir as nossas culpas. Sua também viu, porque ficar teclando na internet usando um nome falso não vai resolver os nossos problemas.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de andre rs t
andre rs t

Zé Sergio, sacar da cartola

Zé Sergio, sacar da cartola esse blábláblá de que os EUA são um poço de honestidade e que o resto é teoria da conspiração é uma bela forma de se omitir

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Paulo R Ribeiro
Paulo R Ribeiro

O excesso de protagonismo de

O excesso de protagonismo de determinados juizes de primeira instância é uma das questões prioritárias a serem resolvidas por Lula, quando retomar a presidência.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Moro e o uso da fofoca como prova

Tendo como feedback o post de Carlos Motta sobre fofoca deparei-me com textos imperdíveis sobre esses processos que, como já publicou o Nassif, remetem aos Processos de Moscou....

Muito interessante essa coisa do processo judicial que usa a fofoca como prova...

https://josecarloslima.blogspot.com.br/2017/06/carlos-parabens-pelo-texto-e-olha-la.html

Seu voto: Nenhum (5 votos)

 

...spin

 

 

imagem de Miguel F
Miguel F

Concordo Emerson, também sou

Concordo Emerson, também sou de Santos e moro no bairro da Encruzilhada. O que aumentou de moradores de rua e pedintes é assustador. Rumo a Índia e Bangladesh.....

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de naldo
naldo

Teoria da conspiração é uma

Teoria da conspiração é uma forma de ridicularizar o que está escancarado,

 

assim os vendilhões passam por patriotas e o "bom comércio" para o país prossegue..........

Seu voto: Nenhum (8 votos)

Teoria da

Teoria da Conspiração?

Adivinha quem criou a expressão ...

 

 

 

http://www.zerohedge.com/news/2015-02-23/1967-he-cia-created-phrase-cons...

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Moro e suas viagens

Esclarecedor o texto de Daniel Giovanaz .

Com essas, agora frequentes, viagens faço um exercício especulativo, assim sujeito a falhas, sobre como se dão  essas viagens.

Quem paga seus deslocamentos ?

Estadias ?

Recebe pelas participações ?

Se nas tres questões uma,  apenas uma, é verdadeira podemos aplicar a conhecida teoria das convicções e ilações que vige em Curitiba.

Podemos abandonar provas.  Bastam idéias preconcebidas - portanto preconceituosas - para a formação de uma narrativa que venha macular a trajetória do magistrado. O que seria um abuso.

Mas, tenho certeza, os envolvidos certamente terão tido o cuidado de munir-se de comprovantes dos pagamentos decorrentes desses deslocamentos/estadias a suas próprias expensas.

Caso contrário, seria possível aplicar as interpretações legais de literatos da vazajato ?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Milton Murilo

imagem de JC SOUZA
JC SOUZA

Bom tudo posto , quem ou como

Bom tudo posto , quem ou como para este movimento ? Será mais 25 anos de uma outra ditadura ? A sociedade não aprendeu nada neste período ? Realmente ninguém pensa no Brasil como Nação , só feudos particulares.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

obra

Obra de mouro, treme, fegacê, esseteefe, globobo, patrocinada pelos paneleiros do PLIMPIG:

Hoje, em Santos SP, no meu trajeto de 700 metros até a praia contei 21 pessoas dormindo na rua. Presumo que esse descalabro se repete Brasil afora.

Essa ação terrorista foi reinvidicada pela "Direita Coxinha",  temerário grupo terrorista que dá suporte ao golpe no Brasil.

Duas notícias: A ruim: vai piorar.     A boa:....................... não há notícia boa.

Seu voto: Nenhum (12 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.