Revista GGN

Assine

As consequências da morte do cinegrafista

A morte do cinegrafista Santiago Andrade, à qual se somam mortes frequentes de torcedores de futebol, indica que é hora de uma atuação mais severa em relação às manifestações populares violentas, de Black Blocs e de torcidas organizadas.

As manifestações de junho passado foram respiros de cidadania, um mal estar difuso indicando o esgotamento do modelo institucional atual - tanto dos poderes públicos quanto da representação midiática. Foi um aviso relevante, devidamente captado por todos os setores responsáveis do país.

Infelizmente, não geraram ainda políticas continuadas de atendimento das demandas e de discussão de novos modelos.

***

Houve tentativas iniciais de instrumentalizar as manifestações. Todas fracassaram, de partidos políticos a veículos de mídia.

Passada a primeira etapa, difusa, as manifestações foram apossadas por grupos violentos, propondo quebradeira.

Em um primeiro momento, criaram impasses. Depois de abusos iniciais, as polícias estaduais não souberam mais separar manifestantes de vândalos, não sabiam quando agir com dureza, quando permitir o protesto.

***

Do lado da opinião pública, observou-se a aliança improvável entre grupos de ultraesquerda e setores da grande mídia, empenhados na batalha inglória de desmoralizar a Copa do Mundo.

Intelectuais irresponsáveis trataram de colocar lenha na fogueira, legitimando a violência sem colocar-se na reta, iludindo jovens seguidores e comprometendo sua vida adulta - com a possível criminalização de seus atos.

***

Agora, chega-se ao impasse.

O movimento Black Bloc chegou no limite da guerrilha urbana; as torcidas organizadas, no limite das organizações criminosas. Enquanto apenas limítrofes, continuarão a arregimentar jovens que não vêem diferença entre filmes de aventuras, a romatização da violência e as consequências na vida real. Entram na guerra como se fosse um game online.

Daí a necessidade de um corte, prévio, anunciado mas que defina de  vez o que é manifestação popular e o que é crime. Ir para manifestações com rojões e armas de combate é crime. Quebrar lojas e aparelhos públicos é crime. E traz consequências.

Tem que ficar claro para os rapazes e para seus pais. Quem persistir na violência, está devidamente informado das consequências e será responsável por seus atos.

***

Que a morte de Santiago traga bom senso às manifestações sobre a Copa. As críticas aos gastos, às prioridades devem ficar no âmbito das instituições - Congresso, Ministério Público, mídia, organizações sociais.

A morte de Santiago traz um novo olhar da opinião pública sobre as tentativas de transformar as críticas em manifestações violentas de rua.

Nos últimos dias há uma troca incessante de acusações sobre as causas da morte de Santiago, se da mídia, se das redes sociais, se da animosidade entre jornalistas e blogueiros. Pouco importa. O mal está feito e vale o que acontecer daqui para diante.

Quem teimar em promover os conflitos responderá perante a opinião pública pelos novos Santiagos que quedarem vítimas dessa insânia.

Média: 3.4 (32 votos)
154 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

imagem de Fulvia
Fulvia

Apenas uma coisa não está

Apenas uma coisa não está clara, as fotos e vídeos mostrados sobre o acidente que matou o cinegrafista onde aparece o suposto agressor (assassino), não se parece em nada com o rapaz que acaba de ser preso acusado pelo estouro do rojão que causou todo esse estrago.  Será que tem alguém capaz de explicar essa proeza?

Seu voto: Nenhum (23 votos)

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de jcordeiro
jcordeiro

"Por Quem Os Sinos Dobram"

Nassif : apesar do ponderamento deste seu artigo, as interrogações que não calam são: quantos terão de ser mortos para que desperte e se levante a “maioria silenciosa” contra este estado de coisas? Quantos, ainda, teremos de matar, para que se veja que movimentos que comportam mascarados são, na verdade, cortina de fumaça por trás da qual se esconde intenções demagógicas de radicais, seja da esquerda, seja da direita?. Por causa de alguns centavos a mais na passagem do transporte coletivo a existência de um “operário” da notícia foi ceifada. Seria este o preço de uma vida? Quantos Santiagos teremos de assassinar para que esta "maioria silenciosa" descubra que “opinião pública” é uma ficção criada pela grande mídia como instrumentos de seus mais obscuros e mesquinhos anseios, além da busca desmedida pelo lucro advindo da venda de anúncios comerciais? E neste cenário sombrio, caótico e covarde não se pode dizer que os sinos dobram por Santiago. Como escreveu o poeta, “eles dobram por ti!”.  

Seu voto: Nenhum
imagem de Christovam de ávila Pires
Christovam de ávila Pires

Excelente Luiz Nassif !! Você

Excelente Luiz Nassif !! Você foi direto no ponto central da questâo, simples e sem embromação! Acredito que seja a opinião que muitos gostariam de ler ou ouvir nestes momentos tão turbulentos. Parabéns!

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Isabel Cristina Santana
Isabel Cristina Santana

As consequências da morte do cinegrafista

Agora o PIG dá um de paladino buscando culpados e culpas, tudo que eles vem fazendo desde que estouirou as manifestçãos leígitmas diga-se de passagem a m,ídi e políticos forma devidamente colocados de fora (o que achei certíssimo, (eles queriam e alguns tentaram obter ganho político);  em um determinado momento chamaram os manifestante de baderneiros, me diz aí quem não sabia desde o primeiro momento que o grupo que provocou violência invadiu e destruiu empresas públicas e privadas eram esses sim badernertios pagos e infiltrados para desestabilizar o governo Dilma, mas a justiça veio a cavalo, triste para o cenegrafista morto e sua família que ali estavam somente para buscar e tansmitri a notícia como ela é, o prblema é quando chega na edição, aí sim a manipulação para induzir a população a ficar contra o governo federal é um trablho sujo dos diretores e donos da mídia que se acham ainda donos do Brasil, graças a Deus existe a Internet para espalhar a verdade através da redes sociais. 

Seu voto: Nenhum

HÃ??????

 

"As críticas aos gastos, às prioridades devem ficar no âmbito das instituições - Congresso, Ministério Público, mídia, organizações sociais."

HÃ??????

Volta a fita.

"As críticas aos gastos, às prioridades devem ficar no âmbito das instituições - Congresso, Ministério Público, mídia, organizações sociais."

HÃ??????

Não concordo com isso que você escreveu. Está estranho e dá margem a uma intepretação esquisitíssima.

 

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Alexandrade
Alexandrade

  Infelizmente não foi apenas

 

Infelizmente não foi apenas o Santigo que morreu durante as manifestações.

Matéria da Vice com o relato dessa história.

 

http://www.vice.com/pt_br/read/quem-morreu-nas-manifestacoes

 

Quem irá reclamar os outros corpos? 

 

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Manoel Teixeira
Manoel Teixeira

O que importa é o

O que importa é o cinegrafista Santiago Andrade , morto. Precisamos defender sua memória e impedir que atos hediondos como este voltem a acontecer.
O que é preciso é deixar  claro que a Globo, Caetano Veloso e tantos outros são tão  culpados pela morte  de Santiago como aqueles envolvidos diretamente.
Precisamos deixar claro que o ocorre é um claro movimento de desestabilização do Governo Federal, assim como foi feito em 1964. Se procurarmos bem, iremos encontrar dinheiro da CIA jorrando. Esta é uma linha de pesquisa que os blogs progressistas poderiam explorar. O PSOL e outros agem como 'inocentes úteis' nas mãos de operações da CIA e outras agências dos EUA.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de josias
josias

censura

nassif, me espantei com  "As críticas aos gastos, às prioridades devem ficar no âmbito das instituições". que que é isso? o seu público merece uma explicação. se vale o escrito, vc tá propondo que o povaréu não se manifeste, não critique? só as "instituições"? essas que estão carcomidas? em meu nome, NÃO! 

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Responsabilidade

"As manifestações de junho passado foram respiros de cidadania, um mal estar difuso indicando o esgotamento do modelo institucional atual - tanto dos poderes públicos quanto da representação midiática. Foi um aviso relevante, devidamente captado por todos os setores responsáveis do país. Infelizmente, não geraram ainda políticas continuadas de atendimento das demandas e de discussão de novos modelos".

Nassif, acho que você como jornalista deveria se ater mais aos fatos concretos do que a levantar especulações. Quero ver até onde vai essa cantilena de "respiros de cidadania" e "esgotamento das instituições", francamente. Ter acesso à renda, emprego e consumo, para a grande massa do povo brasileiro que não tinha isso antes, é cidadania SIM, meu querido, é o autêntico despertar da cidadania. O que o povo vive, de bom e de mau, não é difuso, é concreto. Quem vive a realidade na pele dispensa análises sociológicas. O que tinha e tem nessas manifestações é classe média entediada, juventude instrumentalizada, mídia e polícia, menos o povão. Mesmo com todos os defeitos que tem, a nossa democracia funciona e a voz do povo está sendo expressa NAS URNAS. Mas eu entendo que você seja solidário a esses coxinhas, afinal quem começou e toca essa palhaçada midiática é gente de classe média mesmo: a velha solidariedade de classe. Desculpe mas até que você exponha com clareza qual é esse "novo modelo" que você apregoa, me reservo o direito de não levar a sério. Espero que não seja essa bobagem de botar aplicativos de "democracia direta" na mão de coxinhas. E desculpe por esperar mais de você. Abraços.

Seu voto: Nenhum
imagem de Severino Januário
Severino Januário

O Lula já falou tudo: "Eles

O Lula já falou tudo: "Eles nos atacam por nossos acertos, não por nossos erros."

Seu voto: Nenhum (7 votos)

A balcanização do Brasil

Isto aqui segue o manual de Washington em seu novo consenso. Isto aqui ainda vai virar Líbia, Síria, Ucrânia, Bósnia, Iraque, Afeganistão, Haiti, Indonésia, Egito e Paquistão, Sudão, Somália e Mali. Estão transformando o excesso das moedas e papéis podres do sub-prime em soldo do lumpen-precariado. Na luta de todos contra todos, ninguém sabe onde atirar.

Como previu Zizek, vivemos o fim dos tempos.

E ainda tem idiotas que acusam Putim de defender a Rússia desta catástrofe.

Tolos!

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Aproveitadores

 Agora estes aparecem, a midia conseguiu um cadaver, que como Tim Lopes, em breve será esquecido, eleva-se hj. Santiago, um trabalhador mal-remunerado, sujeito a riscos, empregado de um latifundiario, que estava cumprindo um extra; ao nivel de "martir da liberdade de informação" - "ancoras" bem remunerados (terceirizados), de todas as emissoras de massa, agora tecem loas, adjetivam, até choram, ao relembrarem o profissional para o qual nem um "bom dia" davam - mas um cadaver, sempre serve para varios usos, Santiago tornou-se "post-mortem", um produto, que ao bel-prazer, e interesses associados, pode e será utilizado - é até compreensivel, que mais matérias sobre seu assassinato, estão sendo mais veiculadas na Globo, do que na própria Band ( está com medo de processo trabalhista, pois o seguro de vida de Santiago, era parco, e seu h/trabalho já tinha terminado, portanto dobra-se a indenização), Globo é alvo, Band é detalhe, Globo é esperta, se defende.

   Outros aproveitadores aparecem, como Paulo Paim, e sua "legislação anti-terrorismo", um completo absurdo, assim como as propostas hj. apresentadas em BSB, pelo SecSeg RJ Beltrame, NÃO necessitamos destas leis anti-terrorismo, e caso as fossem necessárias, desde 1992 tramita ( com 5 "apensos", o ultimo de 2012), um PL de numero 2462/91, que revoga a LSN da ditadura, de 1983, referente a: defesa do estado de direito e outras atribuições, proposta pelo saudoso ( infelizmente hj. no Congresso, não temos alguem como ele, em temas criminais), Deputado Hélio Bicudo.

    Recado aos "exaltados das redes sociais", e demais viuvos/as, da negra época do regime civil-militar (64-85):

    NÃO contem com as FFAA, para o controle ou repressão de manifestantes, ou "black blocs" e assemelhados, as leis e portarias exaradas pelo GSI/PR, impedem qualquer ação neste sentido, a não ser que os governadores as solicitem ao Congresso, com anuencia da PR, e aliás o pessoal da 11a GLO, boa parte está em turno no Haiti, e as unidades de Goiania ( OPEsp), envolvidas na segurança de eventos, são treinadas para ações de contraterrorismo sério, e não para conter manifestações ou delirantes. Portanto, parem de "encher o saco, do bivaque dos granadeiros", manifestações fazem parte do Estado democratico de direito, e infelizmente, para muitos, até mesmo os "black blocs" devem ser aceitos, são apenas um "efeito colateral", controlavel, desde que os manifestantes legitimos, os afastem .

Seu voto: Nenhum

junior50

Nassif, desculpe o fora de pauta

Mas, gente, vocês já sabem que o Zé Dirceu já abriu campanha para a vaquinha dele? Disseram que é porque o Joaquim, para não dar tempo de fazer vaquinha, não vai dar prazo para ele pagar a multa, vai ter que ser a vista. Com o João Paulo Cunha é a mesma coisa: à vista! Eu já enviei a minha doação. Para quem se interessar em colaborar:

José Dirceu de Oliveira e Silva

CEF - Caixa Econômica Federal - Banco 104

Agência: 4072

Operação: 013

Conta Poupança: 00027569-2

CPF: 033.620.088-95

Ou entre no site do Zé Dirceu

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de luiz valentim
luiz valentim

Há pouco trigo no meio do joio !

Desconfiem de pessoas que aceitam  manifestar "protegidas"por mascarados!

Esses manifestantes também são.

Fingindo protejer passeatas contra policiais, mascarados fazem um pelotão durante o ato e logo depois vem a senha : anunciado o fim do evento  inicia-se o quebra-quebra, lançamento de coquetels molotov, morteiros, sinalizadores e ataques gratuitos. Puro atos de vandalismo. Sempre comentam que é preciso separar o joio do trigo, mas, ha uma conivência e uma conveniência entre manifestantes e mascarados.

A Porca -Midia, alguns Políticos, algumas agremiações Políticas, Ãncoras e Comentaristas de Rádio e TV desde o começo estam flertando com esses grupos violentos só pra ver o Governo em maus lençóis . Tem Ãncoras de TV e comentaristas que imploram,pedem  e confirmam que vai ter manifestações na Copa.

Essa oposição não acredita em si mesma e estam preferindo apostar no aprofundamento dos atos violentos .

 

 

Seu voto: Nenhum

Eduardo Paes

A culpa desta morte recai sobre o alcaide desta sesmaria, que aumentou o preço das passagens junto com seu mentor e cúmplice Sergio "helicóptero de luxo" Cabral.

É mais que óbvio  o mote para provocar reações e justificar a criminalização da política por uma lei exótica patrocinada pelos covardes do PT. E ainda querem chorar seus ídolos caídos como vítimas de sua própria covardia.

O projeto é a transformar isto aqui em uma Ucrânia tropical, com as bençãos da CIA.

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de anac
anac

O advogado da dupla

O advogado da dupla responsável pela morte do cinegrafista Santiago Andrade afirmou que jovens eram pagos para irem a protestos e promoverem baderna; "eles recebem até uma espécie de ajuda financeira, de mesada, para participar dessas manifestações, com o intuito de terrorismo social", disse Jonas Tadeu Nunes; situação financeira de Caio de Souza, que acendeu o rojão, é bastante precária; por trás estariam "vereadores e deputados estaduais", indica o advogado; governador Sérgio Cabral diz que ato que matou o profissional da Band pode ter cunho político; "esses dois jovens estão inseridos em um contexto maior", sugeriu

http://www.brasil247.com/pt/24...

Sera????????????

Seu voto: Nenhum

Cuidado com os Aloprados...

Cuidado com os Aloprados...

Seu voto: Nenhum
imagem de Alexandrade
Alexandrade

Quem atirou o

Quem atirou o foguete?

 

Atenção a partir dos 3:49 minutos.

http://www.youtube.com/watch?v=taa5qU3Eboc 

 

Aqui a uma outra nota:

http://revistaforum.com.br/blog/2014/02/ativista-questionam-foto-do-susp...

 

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

No primeiro vídeo nao dá para ver nada

E o pouco que dá para ver é a partir de 2:49, nao de 3:49

Seu voto: Nenhum

Demorou !

Para qualquer observador político, minimamente antenado, esta "explosão" estava anunciada, porem temia-se que ocorresse na via contrária, ou seja, que um cadáver, fosse feito pela P.M, que obedecendo cegamente às órdens superiores, até deixaram-se vitimar, como no episódio da quase morte de um comandante de tropa, em São Paulo, quando ouzou enfrentar "na mão grande" um destes "coxinhas" que estava armado até os dentes, e que certamente mataria o militar, se este não fosse devidamente, e em tempo, por um militar de folga, e que infelismente, não ocorreu, com o repórter fotográfico da Band.

Vamos ter que rever nossas leis, e deixar que a P.M, passe de simples observadora e acompanhante dos manifestantes, em guardiões da órdem e dos equips.públicos.

Seu voto: Nenhum

O preço da liberdade, é a eterna vigilancia.

imagem de Lucas Gomes
Lucas Gomes

já estão saindo à luz os

já estão saindo à luz os petistas defensores da PM. E cinicamente ignoram todas as mortes nas manifestações que foram causadas pelas "armas não-letais" da polícia. Não difere em nada dos PSDBistas do "quem não reagiu está vivo". Vão ficar lembrando que a terrível ditadura matou muita gente, o que fez mesmo, e fechar os olhos para todos os cadáveres da era Lula-Dilma, como se nada tivesse a ver com eles. Cadáver não vota, cadáver não ganha bolsa-familia.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Petistas defensores da PM

Que raciocínio mais canalha Lucas. Quer dizer que quem é contra que um trabalhador seja assassinado por bandidos infiltrados nas manifestações, automaticamente é a favor dos PM's? Você é um mal informado: o governo federal não tem ascendência sobre as PM's. Sim, no plural, pois as PM's são uma força pública sob o comando dos governadores. Pelo seu comentário podemos chegar à conclusão que você é a favor que Black Blocs mate aqueles que atravessem o seu caminho. Seja jornalista, transeunte e principalmente PM's. Queria ver essa arrogancia dos coxinhas, na época dos generais.

Seu voto: Nenhum (9 votos)

Brasil é momento...

Brasil é momento, então a hora é de se indignar com a morte do cinegrafista. Mês que vem todos esquecem, e a quebradeira volta novamente, nada vai mudar, está tudo como sempre foi.

Outra coisa: Manifestação é desordem pública! Sempre vai prejudicar alguém, não existe manifestação pacífica, quem inventou isto está contra as manifestações.

O pior é que as manifestações são contra tudo. Vão negociar o quê?

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Fulvia
Fulvia

Sininho tentando se explicar,

Sininho tentando se explicar, mas o mais importante ela não disse quem financia seu grupo, segundo ela há vários advogados ligados a causa, hum!  aquilo que nós já sabíamos.  Diga fada Sinhinho qual o(s) partido(s) que os financiam, qual ou quais vereadores e deputados, não vale dizer que é o Peter Pan. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

sininho se explicando...

Ao final da entrevista quase fui às lagrimas. Mas lembrei da Sininho que partiu pra cima dos jornalistas na porta da delegacia, e fiquei na duvida de qual é a verdadeira Sininho: Essa meiga menina que é injustiçada pela mídia; ou a militante dura e atrevida que ela demonstra nas manifestações. Ela teve a audácia de se dizer a "Dilma" da atualidade. Só que a Dilma lutou contra uma ditadura militar que prendia, torturava e assassinava. Na entrevista ela diz lutar pela liberdade, o que ela entende por liberdade? Nós vivemos numa democracia, e todos tem liberdade de se manifestar - PACIFICAMENTE. Numa democracia o nosso direito começa, onde acaba o do outro.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Pedro Penido dos Anjos
Pedro Penido dos Anjos

A narrativa da moça é

A narrativa da moça é coerente.

É um direito democrático básico a livre associação em partidos, mesmo os que tenham plataformas radicalizantes, na medida da necessária sensatez.

Há advogados jovens que militam ou por opção política ou porque consideram impotante defender o direito de manifestação e repudiar a violência e o vandalismo da própria polícia.

As manipulações, distorções, contorções das Organizações Globo não são novidade.

Não estou defendo atos bárbaros ou irresponsáveis de nenhuma das partes envolvidas, inclusive da imprensa de setores da contra-imprensa.

E é preciso apurar os fatos. Neste caso de agora, isso acabará acontecendo com exatidão.

 

Seu voto: Nenhum (9 votos)

Bolinhas de papel justificam as de chumbo

Nassif,

Você sabe o quanto respeito a sua opinião, mas esse caso e o do coronel Rossi em SP são outras bolinhas de papel.

Em ambos os casos no dia seguinte vieram mais medidas de repressão.

Enquanto as bolinhas de papel continuarem sendo toleradas vão sobrar balas de borracha, de chumbo, bombas e rojões.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de André Lacerda
André Lacerda

Cidadania e inteligência

Nesta nossa sociedade, desde muito tempo, convivemos com tragédias provocadas por ações violentas, sejam em manifestações ou não. E desde muito tempo também percebemos que as únicas medidas apontadas são sempre de ordem coercitiva e/ou punitiva, como aumento do efetivo policial, revisão do Código Penal e construção de presídios, etc. e nunca de cidadania. Ora, essas políticas, definitivamente, não têm dado resultados nem um pouco satisfatórios, haja visto não só o aumento da violência, como a sua própria banalização, que fez com que a violência impregnasse de tal maneira a nossa cultura que hoje naturalizamos crimes absurdos, como assassinatos em brigas de trânsito, chacinas em periferias ou fogo em mendigos. Precisamos, com urgência, reverter esse quadro, refletindo sobre as suas causas e reaproximando do debate argumentos inteligentes e bem fundamentados. Chega de repetir idéias obtusas e um monte de baboseiras de pessoas que, no fundo, ou são ignorantes e cheios de ódio, ou são parte interesseira do processo, já que a “indústria da (in)segurança” é extremamente lucrativa.

Seu voto: Nenhum
imagem de Morvan Bliasby
Morvan Bliasby

As Conseqüencias pós-morte do profissional de Imprensa

Boa tarde.
A direita (CIA, PIG, escambal) queria um corpo, um mártir. Saiu o morto, mas não foi o de um "menino pobre que queria mudar o Brasil, um  manifestante", até então, porque ora ele é simplesmente terrorista. Nesta hora, até a necessidade de cristianizar alguém para poder derrubar Dilma com mais "legitimidade" cede lugar ao corporativismo midiático. As Marinas, os Datenas, as Scheherezades, etc., estão todos ou calados ou "indignados" com a morte do colega de imprensa.
Tivéramos uma mídia menos escroque e eles se lembrariam ao menos de que o morto não era só um colega de trabalho. Era um ser humano. Hipócritas. Apologistas da violência.
Saudações “Revelando o Inquérito 2474, desnudaremos o Mentirão; Globo, Peço Mais Uma Vez: Mostre O DARF“,
Morvan, Usuário Linux #433640. Seja Legal; seja Livre. Use Linux.
 

Seu voto: Nenhum
imagem de Fulvia
Fulvia

Vejam como as suspeitas de

Vejam como as suspeitas de que tem partidos políticos por detrás dessas balbúrdias chamadas manifestações se enciaxam:

 

Hoje às 14h04 - Atualizada hoje às 14h28Advogado: Caio de Souza ganhava R$ 150 em cada manifestação violentaJonas Tadeu confirma que jovens são aliciados para participarem dos atos de protesto Jornal do Brasil 

Jonas Tadeu, advogado de Caio de Souza, suspeito de ter jogado o rojão que matou o cinegrafista da Band Santiago Andrade, na última quinta-feira, e preso esta madrugada em Feira de Santana (BA), revelou que jovens são aliciados por políticos para participarem dos atos de protesto. O advogado disse que Caio, por exemplo, ganhava R$ 150 em cada manifestação.

"Os jovens que participam das manifestações de forma pacífica não recebem nada, mas aqueles que promovem atos violentos são aliciados e ganham por isso", afirmou Tadeu.

  

O advogado não deu nome aos aliciadores, mas mandou a imprensa fazer uma devassa nos diretórios regionais dos partidos políticos e investigar deputados e vereadores, não só no Rio de Janeiro, mas também em São Paulo e outras capitais.  

"Esses jovens pobres não têm dinheiro para comprar máscaras de gás, capacetes e rojões. Eles recebem tudo isso de graça. São apanhados em casa para promover a desordem", disse Jonas Tadeu.

"Manifestações violentas são engendradas. Existem organismos responsáveis para aliciar estes jovens miseráveis e de baixo discernimento", prossegue o advogado.

"Esta é a conclusão de um trabalho que fiz como advogado e ouvindo alguns jovens. Eu não ouvi nomes. O Caio participava das manifestações porque queria complementar o salário que recebia do hospital onde trabalhava", afirmou.

Jonas Tadeu afirmou ainda que não vai cobrar nada para defender Caio e o outro envolvido Fábio Raposo. 

 

 

P.S.  Reparem como o rapaz apreendido não se parece em nada com o outro suspeito que aparece nas fotos e vídeos divulgados, como sendo o autor do disparo do rojão que matou o cinegrafista.

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Pedro Penido dos Anjos
Pedro Penido dos Anjos

E as provas? E a crdibilidade

E as provas? E a crdibilidade do advogado, é das melhores?

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Fulvia
Fulvia

Calma filhinho!  não sou eu

Calma filhinho!  não sou eu quem está falando, destaquei apenas a matéria do Jornal do Brasil, agora quanto as diferenças físicas entre o suposto assassino e esse rapaz que estão apresentando a sociedade como a pessoa que acendeu e soltou o rojão em cima do cinegrafista, até quem enxerga com apenas um olho nota a discrepância entre as fisionomias.  

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Helton
Helton

Acho que você está a tirar

Acho que você está a tirar conclusões precipitadas, Nassif. Seu texto parte do pressuposto de que os Black Blocs foram os responsáveis pela morte de Santiago. Ora, essa tragédia ainda não foi devidamente esclarecida. Não pode ser atribuída a este ou aquele grupo.

Sou contra a tática Black Bloc. Acho que ela só atrapalha. Mas o que se sabe até agora é que a maioria dos feridos em manifestações foi agredida pela polícia. A repressão tem sido forte, mesmo sem leis específicas, como as que se quer aprovar para evitar manifestações durante a Copa. O que não falta é tentativa de criminalizar os movimentos sociais.

O responsável pela morte de Santiago pode ter sido apenas um inconsequente querendo "causar" na manifestação. Talvez não tenha ligação com nenhum grupo ou movimento. Esperemos pela elucidação dos fatos.

Seu voto: Nenhum
imagem de Emilio
Emilio

Isso é o novo?

"Congresso, Ministério Público, mídia, organizações sociais" Isso é o que você tem em mente como expressão do "o novo" de que você fala tanto, Nassif?

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Severino Januário
Severino Januário

O Congresso, mais

O Congresso, mais precisamente a Câmara dos Deputados, está prestes a abrir mão de sua prerrogativa de cassar o mandato de seus próprios membros para atribuir esta função ao já todo poderoso Supremo Tribunal Federal. Evidente que esta prerrogativa é uma salvaguarda poderosa colocada na Constituição para impedir um eventual golpe de Estado a ser dado por parte do STF, que não foi eleito pelo voto popular, deixando ao Congresso, que é composto por membros eleitos pelo povo, a última palavra nesse assunto. É difícil chamar toda uma instituição de pusilânime, incapaz de sustentar a predominância, por legitimidade de representação, do Poder Legislativo sobre os demais poderes. Mas é claro que esta legislatura não tem a grandeza moral suficiente para renunciar ao que lhe foi outorgado pelos constituintes soberanos. E o presidente Henrique Alves, cochichando aos microfones globais a iminência desta atitude covarde, não tem autoridade moral para fazer hoje o que amanhã poderá ser fatal para a Democracia. Este é o Congresso que aí está, que não infunde respeito porque não se dá ao respeito.

Seu voto: Nenhum
imagem de Lucas Gomes
Lucas Gomes

um retrato do novo inimigo da

um retrato do novo inimigo da democracia brasileira (enquanto isso, a polícia militar....):

— Ele me disse: “Mãe, foi um acidente. A gente só usa a bomba para fazer barulho e assustar a polícia. Nunca tive a intenção de jogar em ninguém”. Meu filho sempre me avisa quando vai nas passeatas, porque quer ajudar a baixar o preço das passagens de ônibus. Ele usa ônibus para ir ao trabalho. Como a passagem diminuiu da outra vez, ele se achou um herói junto com os outros. Ele se sente o defensor dos pobres. Eu pedia para ele não ir, mas ele não me ouvia — contou Marilene, lembrando que o filho estava chorando.


http://oglobo.globo.com/rio/acusado-de-detonar-rojao-diz-mae-que-tudo-nao-passou-de-acidente-11578326

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Leo V
Leo V

Pois é Lucas, Para vermos

Pois é Lucas,

Para vermos como parece ser fácil transformar um trabalhador que luta por seus direitos num monstro, na tentativa de criminalizar o protesto social.

E gente que se diz de esquerda reproduz o discurso de caça as bruxas.

Nem sequer dera o direito a ele se defender, nem sequer a possibilidade do mais lógico, ter sido acidental.

Quais os interesses que estão por trás disso? Sabemos bem que são interesses de classe.

Seu voto: Nenhum (8 votos)

Fala sério, irmão !

Direito de defesa, a um vagabundo, que sai pras manifestações, com a mochila cheia de artefatos caseiros, feitos exatamente para causar danos aos contrários, e que recebem por este trabalho, de partidos extremistas, para quem "quanto pior, melhor ? Aonde está a lógica ?

Acidental ? você é  ingênuo, ou é burro mesmo ?

Seu voto: Nenhum (9 votos)

O preço da liberdade, é a eterna vigilancia.

Raí  O guri é boi de piranha,

Raí 

O guri é boi de piranha, estava ganhando para fazer baderna....

Se a policia do RJ investigar ele é culpado.

Se a PF investigar, achará um fio da meada...

Dificil chegar nos mandantes

É como nas famiglias mafiosas.

Capi não conhece Capo, só Capi.....

 

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Mário Mendonça

imagem de Pedro Penido dos Anjos
Pedro Penido dos Anjos

Você nem se aprofunda nos

Você nem se aprofunda nos fatos e já intitula dono da verdade e já vai chamando de vagabundo, etc.... Eu não vou te chamar de idiota por não te conheço, ok?

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Lucas Gomes
Lucas Gomes

é, minha gente, tá todo mundo

é, minha gente, tá todo mundo querendo usar a morte do cinegrafista para provar seu argumento. Mas sobre as DIVERSAS outras mortes, bom, elas foram apenas uma nota de rodapé numa segunda-feira qualquer...

 

Lamento pela morte do cinegrafista da Band, Santiago Ilídio Andrade, mas lamento mais que outras mortes não tenha tido a mesma repercussão

http://coletivodar.org/2014/02/lamento-pela-morte-de-santiago-andrade-e-...

 

Lamento pela morte de Tasnan Accioly, um idoso que ao fugir do gás de pimenta da PMERJ foi atropelado por um ônibus no dia 6 de fevereiro, morrendo no dia seguinte

Lamento pela morte de Gleise Nana, ativista que depois de denunciar que recebeu diversas ameaças de morte vinda de policiais militares, morreu em um misterioso incêndio que destruiu seu apartamento em novembro

Lamento pela morte de Fernando da Silva Cândido, ator que tinha problemas respiratórios e morreu após participar de uma manifestação em junho e ser atingido por gás de pimenta e bomba de gás lacrimogêneo

Lamento pela morte de Douglas Henrique de Oliveira, que aos 21 anos participava dos protestos de junho em Belo Horizonte e, perseguido por policiais, caiu de um viaduto e não resistiu

Lamento pela morte de Cleonice Vieira de Moraes, gari de 54 anos que tentava fugir de um protesto em Belém (PA), mas foi sufocada pelo gás lacrimogêneo atirado por policiais

Lamento pela morte de Paulo Patrick, jogador de handebol de apenas 14 anos que morreu dez dias depois de ser atropelado por um táxi que passou em alta velocidade por um protesto em Teresina (PI) em junho

Lamento pela morte de Igor Oliveira da Silva, que aos 16 anos estava em uma bicicleta e foi atropelado por um caminhoneiro que tentava fugir de um protesto em estrada no Guarujá em junho

Lamento pela morte de Valdinete Rodrigues Pereira e Maria Aparecida, que participavam de um protesto em junho em uma rodovia em Goiás e foram atropeladas por um carro em alta velocidade que furou a manifestação

Lamento pela morte de Marcos Delefrate, estudante de 18 anos que protestava em Ribeirão Preto (SP) e foi atropelado por um carro que tentou furar o bloqueio dos manifestantes

Lamento pela morte de 13 anônimos da comunidade Nova Holanda, no Rio de Janeiro, mortos em uma operação do Bope realizada para conter uma manifestação na Avenida Brasil

Lamento por Rafael Vieira, morador de rua que foi detido e condenado a cinco anos de prisão por ser flagrado pela polícia com uma garrafa de Pinho Sol em manifestação em junho no Rio de Janeiro

Lamento por Sérgio Silva, fotógrafo de 31 anos que perdeu a visão quando trabalhava cobrindo uma manifestação de junho em São Paulo e foi atingido por uma bala de borracha da Polícia Militar

Lamento por Giuliana Vallone, repórter da TV Folha que quase ficou cega após ser atingida por um tiro de bala de borracha no olho enquanto cobria as manifestações de junho em São Paulo

Lamento por Pedro Nogueira, repórter do Portal Aprendiz que foi espancado por diversos policiais e preso injustamente por formação de quadrilha quando cobria as manifestações de junho

Lamento por outros cem jornalistas que se feriram durante manifestações em todo o país entre junho e outubro, a maioria deles atingidos pela polícia militar

Lamento por inúmeros manifestantes e inúmeros policias que se feriram durante esses nove meses de protestos pelo Brasil e não foram ouvidos, porque seu sangue não era o suficiente para que as manifestações fossem criminalizadas, como tentam fazer após a morte de Santiago

Lamento que a morte de Santiago Ilídio Andrade seja feita de bode expiatório justamente por aqueles que fizeram com que o povo se indignasse e saísse às ruas

Mas, o que eu mais lamento, é por aqueles que acreditam apenas nessa versão oficial

Seu voto: Nenhum

Nenhumas delas teriam

Nenhumas delas teriam acontecido em manifestações pacificas. A quebradeira e desordem as provocaram direta e indiretamente.

Promova manifestações passificas sem promoção de atos violentos de destriuição do patrimonio. Se suas reivindicações forem justa sua causa será apoiada pela sociedade.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Tudo por um país melhor!

E os "outros" Você esqueceu, de quem conseguiu esta liberdade de

Na sua estatística de vítimas(ou quase) da violencia(tambem não aceita) de maus policiais, falta retroceder até os anos 60/70, quando estudantes e jornalistas contrários ao regime(aquele sim, duro) perderam suas vidas, seus empregos, suas reputações, sem nunca terem enfrentado aqueles brutamontes dos serviços de segurança, com qualquer artefato, que não fosse as palavras de órdem, contra a ditadura.

Quer que eu lembre-lhe de nomes, que a história nunca esquecerá( o contrário do que espero, ocorra com estes assassinos de agora) ?

Wladimir Herzog; Santo Dias da Silva; Rubens Paiva, e mais recentemente, os últimos heróis vivos, daquela época, José Genoíno, Jose Dirceu, e muitos outros, que anonimamente, perderam a vida, e assim como viveram na clandestinidade política, morreram e foram enterrados como indigentes.

Seu voto: Nenhum

O preço da liberdade, é a eterna vigilancia.

Eu acho que foi um crime e

Eu acho que foi um crime e que tem que ser punido, mas nessas horas é importante manter a cabeça fria e separar justiça de vingança.

Não podemos criar um clima de linchamento em relação aos dois jovens que estão sendo acusados pela tragédia.

Em primeiro lugar, eles ainda são suspeitos. Embora as provas sejam muito contundentes, é muito importante dar a devida atenção às provas e investigar todas as hipóteses, para não cometer uma injustiça.

Por outro lado, por mais que se tenha certeza da culpa dos dois cidadãos, o Estado deve garantir que se faça justiça, não um linchamento ou a satanização dos réus.

Eu me preocupo muito com o clima de histeria que está sendo insulflado pela mídia. A mesma mídia que primeiro criminalizou as manifestações para em seguida tentar usá-las como massa de manobra, fracassando em ambos os intentos.

Se culpados e é importante agir segundo as provas e os fatos para descobrir a verdade e garantir que os dois não serão apenas bodes espiatórios de uma sociedde sedenta por vingança, eles devem pagar pelos seus atos mas de uma forma justa. Não adinta satanizar os caras. Claro que não queriam matar o cinegrafista, mesmo que arecaia sobre eles a culpa de colocar um artefato explosivo potencialmente letal no meio de uma multidão, com enorme risco de machucar e até matar alguém (que infelizmente foi o que ocorreu). Houve dolo eventual, mas não foi um assassinato premeditado e a sangue frio. O castigo deve ser proporcional à culpa, nem mais nem menos, para que se faça justiça.

O que tem de gente por aí que vai tentar se projetar atacando os sujeitos com violência verbal, não em busca de justiça mas de promoção pessoal, não é pouco não.

Seu voto: Nenhum

ABAIXO A DITADURA

 

Pena o comentário ser grande, nao deu p/ dar as 5 estrelinhas

Mas Clap, clap, clap, clap, clap. 

É preciso sim punir. O que fizeram, que já é crime. Nao usar "formaçao de quadrilha", "leis anti-terroristas", 30 anos de prisao (quando muitos homicídios voluntários nao recebem essa pena) e quejandas parecidas. Desse tipo de coisa só sobrará uma herança autoritária, que acabará caindo sobre os movimentos sociais em geral. 

Seu voto: Nenhum

A lei vale para quem, Nassif?

Só queria saber se a lei do anti-terrorismo irá valer também para a polícia militar (principalmente paulista) e para a grande imprensa nanica, sensacionalista e mentirosa.

 

 

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de Sta. Catarina
Sta. Catarina

Pensamento

Não sou polícial nem tenho qualquer parente nesta profissão, mas aqueles que gostam de criticar essa classe que também coloquem-se no lugar dos mesmos sob a ordem de impedir o vandalismo recebendo pedradas ou vendo cidadãos/manifestantes pacíficos aterrorizados pelos bandidos que se infiltram nestes movimentos. O que vocês fariam? ficariam de braços cruzados assistindo tudo? Acho que a polícia merece um pouco mais de respeito. Estas manifestações são evento novo no país e obviamente a polícia não possui ou tem pouca experiência contra este tipo de ação.

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de ALBERTO FARIAS
ALBERTO FARIAS

O que vimos de bom, de

O que vimos de bom, de proveitoso, de útil, de concreto, de exemplo nas manifestações populares? Nada!Vimos sim, uma multidão de jovens e pessoas que se dizem maduras; sem propostas dignas, decentes, uteis...Em todo tempo, o que mais ocorreu foi: depredação e destruição do patrimônio público e privado, mortes, incêndios, roubos, desrespeito para com tudo e com todos.Em que se diferencia os manifestantes, dos nossos governantes? Em nada; um destrói o que nós pagamos a custos terríveis. e o outro nos destrói através dos impostos e taxas altíssimas; benefícios próprios e corrupção.Porque faz-se necessário as máscaras se o objetivo é mostrar para todos o descontentamento com as nossas autoridades?Em que momento ocorreu a manifestação pacífica?Quem se esconde é bandido; o livre, não tem porquê esconder-se. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de sergior
sergior

Lista de pessoas mortas e feridas no Brasil em manifestações

Nenhum dos casos abaixo mereceu editorial do Jornal Nacional ou do Blog do Nassif. A hipocrisia da imprensa se revela na sua amplitude corporativa e na união dos interesses entre Dilma, Aécio, Eduardo e seus operadores na mídia e no Congresso para calar os que manifestam exigindo mais e melhores direitos.

Lista de pessoas mortas e feridas no Brasil em manifestações

Lista parcial onde constam apenas alguns casos de conhecimento público. Temos certeza que há dezenas de outros, mais graves que sequer tomamos conhecimento. Fiquem a vontade para informar com referências a links nos comentários. Agradeçemos a todos pelas colaborações!

A reportagem foi publicada pelo The Day We Fight Back, 11-02-2014.

Sérgio Silva - SP - Cego pela PM - 14-06-2013

 

        Giuliana Vallone - SP. Atingida gravemente no olho pela PM - 14-06-2013

 

                Eric PEedrosa - RJ. Atingido no olho pela PM - 20-06-2013

 

      Douglas Henrique de Oliveira - BH. Morto ao pular do viaduto para tentar fugir da                                                     violência da PM - 27-06-2013

 

      Luiz Felipe Aniceto de Almeida - BH. Morto ao pular do viaduto para tentar fugir da                                                 violência da PM - 13-07-2013.

 

        Fernando Cândido - RJ. Morto pelas consequências da inalação de gases tóxicos                                                jogados pela PM - 02-08-2013

 

           Renata - RJ. Cega por estilhaços de bomba lançada pela PM - 08-08-2013

 

                          Vitor Araujo - SP. Cego pela PM - 07-09-2013

 

 

                   Pedro Ribeiro Nogueira - RJ. Espancado pela PM - 13-06-2013

 

       Cleonice Vieira - PA. Morta por gases tóxicos lançados pela PM - 21-06-2013

 

              Fábio Braga - DF. Ferido por ataque de cães da PM - 07-09-2013

 

              Ueslei Marcelino - DF. Ferido por ataque de cães da PM - 07-09-2013

 

                               RJ Dedo quebrado pela PM - 07-09-2013

 

                  Rani Messias Castro – RJ. espancada pela PM - 27-08-2013

 

                    RJ - Ferido no braço com arma letal pela PM – 20-07-2013

 

               Fortaleza - CE. Ferido na perna com arma letal pela PM – 23-06-2013

 

             Marcos Delefrate -  Morto atropelado por motorista que era contra as                                   manifestações. Vários manifestantes foram feridos. 19-06-2013

 

                  RJ - Ferido na perna com munição letal pela PM - 17-06-2013

 

                                SP - Espancada pela PM - 03-07-2013

 

          Yasuyoshi Chiba - RJ. Atingido na cabeça com cacete pela PM - 22-06-2013

 

            Tércio Teixeira- SP. Ferido por tiro de munição letal disparado pela PM

 

             Leonardo Martins - BH. Espancado e torturado pela PM - 07-11-2013

 

                  Advogado Ativista é atingido pela PM e preso no Instituto Royal

 

          Laise Leal - BA. Atingida com cacetete pela PM - 07-11-2013 (segundo Laise, a                         menina que estava a seu lado recebeu 2 socos no rosto de outro PM)

 

                 Atropelado pela viatura da PM, que não prestou socorro - 07-09-2013

 

       Tasnan Accioly - RJ. 06-02-2014. Idoso atropelado por um ônibus enquanto fugia              junto com manifestantes das bombas de efeito moral e gás. Faleceu no hospital.

 

   Vendedor ambulante que passava pelo local entrou em pânico e tentou atravessar a Av.           Presidente Vargas em frente a Central do Brasil e foi atropelado por um ônibus                                                    violentamente 06-02-2014.

 

        Santiago Ilídio Andrade, 06-02-2014. Atingido na cabeça e morto por um rojão.

Existem vários outros casos que não estão acima, todos podem ir aos motores de buscas e fazerem pesquisas, inclusive em nosso site mesmo tem mais matérias, na lateral direita superior você pode fazer busca por palavras sobre o assunto.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Você fez um bom trabalho de pesquisa...

Só faltou informar quantos foram feridos em manifestação PACIFICA, sem vandalismo ou atos terroristas.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de sergior
sergior

Paes: o instigador da manifestação

Manifestação PACÍFICA? O que é isso? Você já foi a alguma manifestação de rua? Sem-teto, sem casa, sem terra, índios, trabalhadores em greve que o digam. O PT nasceu disso, cresceu nisso, mas Dilma, Mercadante, Zé Dirceu, Lula, Pimentel, Paulo Bernardo querem apagar essa história e fazer do PT o partido da ordem (e do progresso a todo custo), preferindo, como Leitão de Abreu, a ordem ao progresso.

Quem aumentou as passagens de ônibus foi Eduardo Paes, único prefeito de grande capital que fez isso até esse mês. Os demais se abstiveram dessa ação, pois sabiam que iria provocar grande confusão. Paes é o provocador, o instigador da manifestação que origem à morte do cinegrafista.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.