Revista GGN

Assine

Copa: o Brasil ganhou, a mídia perdeu

Já se tem o resultado parcial da Copa: reconhecimento geral - da imprensa nacional e internacional - que é uma Copa bem organizada, com estádios de futebol excepcionais, aeroportos eficientes, sistemas de segurança adequados, logística bem estruturada e a inigualável hospitalidade do povo brasileiro.

Vários jornais (internacionais) já a reconhecem como a maior Copa da história.

***

Agora, voltem algumas semanas atrás, pouco antes do início da Copa.

A imagem disseminada pela imprensa nacional - era a de um fracasso retumbante. Por uma mera questão política, lançou-se ao mundo a pior imagem possível do Brasil. O maior evento da história do país, aquele que colocou os olhos do mundo sobre o Brasil, que atraiu para cá o turismo do mundo,  foi manchado por uma propaganda negativa absurda. Em vez das belezas do país, da promoção turística, do engrandecimento da alma brasileira, da capacidade de organização do país, os grupos de mídia nacionais espalharam a imagem de um país dominado pelo crime e pela corrupção, sem capacidade de engenharia para construir estádios - justo o país que construiu duas das maiores hidrelétricas do planeta -, com epidemias grassando por todos os poros.

Um dos jornais chegou a afirmar que haveria atentados na Copa, fruto de uma fantasiosa parceria entre os black blocks e o PCC. Outro informou sobre supostas epidemias de dengue em locais de jogo da Copa.

***

O episódio é exemplar para se mostrar a perda de rumo do jornalismo nacional, a incapacidade de separar a disputa política da noção de interesse nacional. E a falta de consideração para com seu principal produto: a notícia.

Primeiro, cria-se o clima do fracasso.

Criado o consenso, abre-se espaço para toda sorte de oportunismos. É o ex-jogador dizendo-se envergonhado da Copa, é a ex-apresentadora de TV dizendo que viajará na Copa para não passar vergonha.

***

Tome-se o caso da suposta corrupção da Copa. O que define a maior ou menor corrupção é a capacidade de organização dos órgãos de controle. O insuspeito Ministério Público Federal (MPF) montou um Grupo de Trabalho para fiscalizar cada ato da Copa, juntamente com o Tribunal de Contas da União e a Controladoria Geral da União. O GT do MPF tornou-se um case, por ter permitido economia de quase meio bilhão de reais.

***

Antes da hora, é fácil afirmar que um estádio não vai ficar pronto, que um aeroporto não dará conta do movimento, que epidemias de dengue (no inverno) atingirão a todos, que os turistas serão assaltados e mortos. Fácil porque são apostas, que não têm como ser conferidas antecipadamente.

Quando o senhor fato se apresenta, todos esses factóides viram pó.

A boa organização da Copa não é uma vitória individual do governo ou da presidente Dilma Rousseff. É de milhares de pessoas, técnicos federais, estaduais e municipais, consultores, membros dos diversos poderes, especialistas em segurança, trânsito, empresas de engenharia, companhias de turismo, hotelaria.

E tudo isso foi jogado no lixo por grupos de mídia, justamente os maiores beneficiários. Eram eles o foco principal de campanhas publicitárias bilionárias, sem terem investido um centavo nas obras. Pelo contrário, jogando diuturnamente contra o sucesso da competição e contra qualquer sentimento de autoestima nacional.

Média: 4.8 (79 votos)

Recomendamos para você

242 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Sergio Salomão
Sergio Salomão

Que sucesso ?

A Copa esta sendo realmente um sucesso no campo devido a qualidade dos jogadores que jogam na Europa  e da orientação ofensiva dos times que estão na frente.

Agora fora de campo o governo incompetente esta dizendo que foi um sucesso , onde?

1-Estadios

Qualidade=Padrão FIFA

Prazo= terminados em cima da hora

Custo =4  vezes superior  ao ultimo mundial  ,10 mortos e cidades sede e sua economia paralizada para relizar jogos no horario. 

Estadios de Manaus, Cuiaba feitos para uso de 15 dias o que trara uma despesa de manutenção de milhões anuais a ser arcada pelo contribuinte.

2- Transporte publico 

Qualidade= Padrão Onibus (  VLTs cancelados ou inacabados) 

Prazo = VLTs Inacabados

Custo= Desperdicio devido a baixa durabilidade dos sistemas improvisados.

3- Aeroportos

Qualidade= Padrão rodoviaria

Prazo= Não acabados

Custo = Superior ao necessario devido a decisão tardia de privatizar os aeroportos pelo governo da  incomPTenta  

Isto  porque os ministros dos esportes  que foram designados para este evento foram dois "comunistas" que nunca trabalharam, Orlando Dias exonerado por suspeita de corrupção e Aldo Rebelo, ambos não sabem que dinheiro não dá em arvores e sempre viveram as custas do dinheiro publico.

Mas ainda tem a olimpiada em dois anos para rasgar mais dinheiro do contribuinte.

Seu voto: Nenhum
imagem de FernandaCoimbra
FernandaCoimbra

Ignorância de muitos brasileiros

Caro Sergio,não é o governo brasileiro que está elogiando a infraestrutura brasileira durante a copa não meu querido....É a mídia internacional,que antes criticavam,da mesma forma que você,os atrasos na obra e a incompetência tanto estrutural quanto conjuntural do Brasil para ser sede da copa do mundo.Eles esperavam um desastre e se dizem surpresos com o que encontraram...esperavam conflitos protesto,mulheres nuas sem pudor....e nada disso ocorreu.

Um exemplo pra você é a revista alemã Der Spiegel:http://www.spiegel.de/sport/fussball/fussball-wm-persoenliche-bilanz-von-reporterin-a-981009.html

A reportagem original, de autoria de Sara Peschke, está aqui. Em seguida um resumo da mesma (tradução livre minha):

Quando se pergunta pra um brasileiro onde estão as praias e as pessoas mais bonitas ou as cidades mais interessantes, invariavelmente ele responde que é no Brasil. O que não deixa de ser verdade em um país com dimensões continentais com oito milhões de metros quadrados, que pode deixar um europeu um tanto quanto perdido. Antes da viagem, a autora teve muito respeito deste fato.
A repórter diz que viajou melhor de avião durante a Copa no Brasil do que com os trens alemães da Deutsche Bahn. Ela esperou pouco, não houve atrasos, se ela chegava mais cedo nos aeroportos e havia vaga em um voo mais cedo, ela podia voar sem ter que pagar nada pela troca do horário. Ela também viajou bem de ônibus, taxi e metrô e conclui que os meios de transporte públicos no Brasil são bons.

Ela se surpreendeu com o jeitinho brasileiro e conclui que no fim, tudo acaba dando certo, mesmo que ela não entenda como. Como por exemplo no caso da internet antes da final no Maracanã, que acabou voltando a funcionar 15 minutos antes do início do jogo.

A organização da Copa surpreendeu também positivamente, apesar de tantas críticas antes do início da competição. Mesmo quando a seleção brasileira perdeu, tanto foi dito que tudo poderia acontecer, e quase nada aconteceu de verdade. Depois da Copa, o Brasil pode mostrar ao mundo que pode realmente ser grande. Agora é hora de mostrar isso para cada um dos brasileiros, de todos os cantos do país, que precisam urgentemente desta força.

Fonte: Artigo “WM-Bilanz: Wahre Größe” de 15.07.14 da revista Der Spiegel.

Comentários tambem que você pode verificar:

A britânica BBC comentou que "o Brasil provou que aqueles que duvidavam da Copa do Mundo estavam errados". "Os novos estádios, que não ficaram prontos até o último minuto, parecem bem e, o mais importante, eles" foram aprovados pelos milhares de fãs estrangeiros, apontou a agência de noticias.

Os leitores do jornal francês "L'Équipe" elegeram, em votação, a Copa do Brasil como a melhor de todos os tempos, a começar pelo número de gols, que igualou o recorde da Copa da França, em 1998.

Portanto,antes de sair falando todas as esteriotipações que todo brasileiro carrega consigo,pesquise um pouco.Os  brasileiro em sua grande maioria não reconhecem os pontos positivos que o Brasil apresenta ,o quanto ele melhorou,só sabem reclamar e dizer o Brasil é uma porcaria...mas estes são os alienados ,os que preferem seguir o senso comum e repetir o que ouvem à ser alguém que saiba apresentar crítica construtivas e inteligentes!

Seu voto: Nenhum

Viajei no período da Copa, e...

Viajei para aproveitar uma oportunidade q talvez nunca + terei, q é uma viagem num período de baixa temporada (sou professor, logo férias são em janeiro e 2 semanas em julho - alta temporada). Fui p/ a Europa c/ minha esposa (tb professora).

Assisti muito a BBC, já q n entendia nada de francês, holandês ou o q é falado na Bélgica. Inglês eu me defendo. Aí vi muitas reportagens sobre a Copa, um especial sobre cada sede da Copa, muita fala... Virei p/ minha esposa e perguntei: "Amor, esse é o mesmo país daonde viemos? Pq n parece nada c/ q a nossa mídia fala!".

Voltei p/ solo pátrio orgulhoso de ser brasileiro. E depois de ter visto tantas mazelas e problemas nos países "desenvolvidos" da Europa, concluí q estamos no caminho certo. Ainda vamos demorar, mas somos capazes de chegarmos lá.

Seu voto: Nenhum

Os seus artigos são muito

Os seus artigos são muito bons, Nassif, e plenos de razão. Eu mesmo, formado em História e com pós-graduação, embarquei na onda e não acreditei até o primeiro dia de jogo que os estádios ficariam prontos. Estou agradavelmente surpreso que tudo está funcionando bem. Viajei de Guarulhos até Curitiba na semana passada e fiquei espantado como ficou bom e bonito o aeroporto de lá. Fiquei encantado. O mesmo me dizem amigos sobre o de Recife.

Creio que esta Copa será um marco na história do país, mesmo que o Brasil não consiga chegar à final, e a seleção de futebol nada tem a ver com a estrutura da Copa ou com o governo.

Só lamento que a vitória do evento poderia ser ainda mais esplêndida se não tivesse o Lula imposto 12 estádios - a FIFA pediu 8. Manaus tem carências enormes, quase não tem sistema de esgoto a cidade, não precisava de um estádio que sediou 3 jogos da Copa e para nada mais servirá, além de custo em manutenação para o pobre Estado do Amazonas. Cuiabá, outra cidade muito pobre, Natal... para quê esses estádios?? Por política também, só que do PT.

Seu voto: Nenhum
imagem de Vander
Vander

Olá quero parabennizar o

Olá quero parabennizar o artigo , acho que era tudo que eu gostaria de ler , não conseguia traduzir o sentimento  quando as pessoas chegavam me bombardiando com essas noticias . é incrivel como não basta ler mas sempre um "descolado ' quer colar nesses movimentos, e te arrastar...e dar preguiça de de argumentar coms esees pombos, ou seja segue o que postei no compartilhamneto

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Rosana Luz
Rosana Luz

Resposta do Povo

Se as mídias tem o poder de manipular opiniões as redes sociais tem o poder de resposta. Não sei se perceberam mas nos dias que antecederam ao início dos jogos houve uma grande avalanche de publicações apoiando que o povo brasileiro tivesse uma conduta exemplar ao receber os convidados de outras nações e que mostrassem boa educação e principalmente que deixassem para dar resposta as suas contrariedade nas urnas e não nos jogos. 

Já no primeiro dia de jogos, logo após a abertura, milhares de brasileiros condenaram em redes sociais a atitude de váia a presidente Dilma. A grande maioria dos  brasileiros não concordavam em manchar sua imagem perante o mundo. Ao contrário, queriam mostrar ser um povo hospitaleiro e bem educado.

Pois bem, o que entendo é que apesar de toda revolta, de toda decepção, de toda indignação do povo brasileiro com seus governantes o que prevaleceu mesmo foi a grande generosidade deste povo maravilhoso e assim unidos derrotaram as previsões escrabosas da mídia nacional e internacional  de que a Copa do Mundo no Brasil seria um fracasso total.

Fica para mim a seguinte constatação. Somos um povo que aos poucos desperta diante de tudo que acontece de errado neste governo mas que apesar de tudo ainda é o mesmo povo apaixonado por futebol.

"Viva a Copa do Mundo 2014" a Melhor de todas as Copas. 

 

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Alexandra Sampaio
Alexandra Sampaio

Em que "mundo" nós estamos?

Respondendo uma pergunta acima, do Christiano. "Em que mundo o senhor está?"

Estamos no BRASIL, o verdadeiro, entendeu ou quer que desenhe?

Estamos em um país em crescimento, que conquistou inúmeras vitórias nos últimos 12 anos... Que tirou milhares de pessoas da extrema pobreza, que aos poucos está dando um rumo a esse país governado por séculos por e para a burguesia.

Estamos em um país onde, hoje, milhares de jovens brasileiros estão estudando, aqui ou fora do país, e tendo a oportunidade de acabar com círculo vicioso da exploração e do capitalismo doente.

Estamos em um país onde algumas pessoas tentam a qualquer custo deturpar os fatos para fazer parecer pior do que realmente é.

Vejo hoje muitos falarem como se há 12 anos atrás nós vivêssemos em um verdadeiro paraíso e tudo tivesse mudado, rs. Realmente, há 12 anos atrás alguns poucos viviam em um "paraíso" restrito e perverso, onde um punhado de gente comia e milhões passavam fome todos os dias.

Vivemos hoje em um país MELHOR, sim. E melhor para todos. Só não enxerga quem não quer, ou quem tem interesse em deturpar os fatos, porque? Para quê?

O PT e a presidenta Dilma não têm varinha mágica para corrigir de forma automática os problemas seculares do nosso país. Mas é inegável que houve avanços gigantescos.

Nunca antes na história desse país tivemos tantos motivos para nos orgulharmos de sermos BRASILEIROS. Nunca antes o povo foi alvo de tantos e tão bons programas de governo.

O problema é que esses pessimistas, que se dizem interessados em tornar o país melhor, na verdade são oportunistas que querem mesmo tornar o "Brasil melhor", mas melhor para eles mesmos e não para todos.

Eu vivo no BRASIL, país lindo, de gente bonita e do bem, de gente que arregaça as mangas e luta por dias melhores, e não fica sentado reclamando de quem realmente FAZ. Um país que me deu a oportunidade de estudar e de mudar o rumo do destino que a elite dispensava para as pessoas pobres, futuro de exploração, alienação e perpetuação de uma "escravidão".

Estou orgulhosa de o meu país ter respondido à altura a esses sanguessugas de plantão. Mostrou que o BRASIL é mais, muito maisssss que essas ridículas especulações.

Uma pena que alguns fingem não ver o óbvio. Uma pena.

Seu voto: Nenhum
imagem de JC BSB
JC BSB

Re: Em que "mundo" nós estamos?

Alexandra, muito boa sua colocação. Não podemos negar a herança da oligarquia e da burguesia centralizadora do poder e dos recursos. Não podemos negar que nosso país é um dos mais desiguais do mundo, e, isso se reflete nos índices de desenvolvimento humando. Mas, como brasileiro, tenho vergonha de nosso comportamento diante de tanta corrupção. Corrupção esta que dilui nossa capacidade de fazer, que diminui a qualidade das entregas, que tira a oportunidade milhões de ter uma vida melhor: quando não entrega obras importantes, quando tira da saúde e da educação boas condições.

O que dizer do desvio de verbas de merenda escolar? O que dizer da situação de nossas escolas e hospitais? Tenho certeza que não estamos falando de um partido específico, mas, de um padrão de conduta, de impunidade, de incompetência. 

Queremos um Brasil melhor onde os administradores sejam profissionais e não amigos dos políticos no poder, que a má administração seja punida e, não somente com a perda do cargo (exoneração = impunidade). Gostaria de ver hospitais e escolas com a mesma estrutura dos privados, não é uma questão de dinheiro, mas de administração.

Mas, não é somente o povo que sofre o próprio empresário sofre quando é sobrecarregado com impostos e também não recebe do governo o apoio necessário: garantindo condições para a produção e principalmente para a competitividade.

Enfim, avançamos, mas ainda de forma amadora, sem atacar os pontos mais importantes, estruturais.

Acredito no país, mas, precisamso evoluir em nossa democracia aprendendo e ensinando as novas gerações como participar. Não estou falando de ir as ruas, mas, de participar na sua região, pois, se todos cobrarem e participarem das decisões locais cada um pode fazer um país melhor. O país está onde vivemos, na escola em que nossos filhos estudam, nos hospitais que frequentamos, nas ruas que usamos, e, é isto próximo de nós que devemos cobrar, chamando os vereadores e o poder público para um trabalho em conjunto, pois, sozinho ou reclamando não chegaremos a qualquer lugar. 

Nos pequenos atos podemos fazer a diferença. Não reclame! Faça! Vá atrás com soluções em busca de apoio.

Seu voto: Nenhum
imagem de Emma
Emma

TIRO PELA CULATRA

A "grande" mídia & cia estava tão afoita para detonar a Copa , mirando atingir o Governo/Dilma/PT, que invadiram a área antes do tempo e  perderam o gol !!

Se tivessem mantido o sangue frio e não investido todas as forças em previsões catastróficas, hoje teriam material para criticar algumas coisas que não ficaram prontas a tempo ou não funcionaram 100%.... Mas gastaram todos os cartuchos ANTES da Copa. Como quase tudo está dando certo tiveram que retroceder, estão confusos, a ponto de tentar colocar a culpa na imprensa internacional ( muito corajosos, né?). Sofreram um impedimento. Como continuar falando mal ???

Não sei se consegui ser clara,  mas usando antigas expressões do meu querido pai: foram com tanta sede ao pote que o tiro saiu pela culatra !!

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Os erros de avaliação da oposição PSDB

Creio que a aposta exagerada no fracasso da organização da copa pela oposição PSDB e de seus representantes na maior parte da grande mídia, se deve antes de mais nada a falta de um programa e de um discurso alternativo de governo.

No mais, é apenas mais um erro de avaliação.

De qualquer maneira, não devemos subestimar a capacidade da maior da grande mídia,  e depois da copa do mundo de futebol, muito provavelmente serão intensificados os ataques ao Governo da Presidenta Dilma.

Pelo menos desta vez, a credibilidade da maior parte da grande mídia está seriamente abalada, já que o tema futebol e copa do mundo, atinge um público bem maior do que os temas de política e de economia.

Vamos aguardar a evolução da disputa eleitoral,

Seu voto: Nenhum

2014---distribuição de renda

imagem de Christiano FG
Christiano FG

Não posso acreditar no que estou lendo!

Sinto muito, mas se contentar com isso é demais para mim! Só porque o circo está montado não quer dizer que fizemos o melhor, no menor prazo com o menor custo. Falar que aeroportos estão prontos??? Estádios entregues??? Em que mundo o senhor está?

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de Alexandra da Silva
Alexandra da Silva

Em que mundo nós estamos????

Christiano, estamos no BRASIL, o verdadeiro, entendeu ou quer que desenhe?

Estamos em uma país em crescimento, que conquistou inúmeras vitórias nos ultimos 12 anos... Que tirou milhares de pessoas da extrema pobreza, que aos poucos está dando um rumo a esse país governado por séculos por e para a burguesia.

Estamos em um país onde, hoje, milhares de jovens brasileiros estão estudando, aqui ou fora do país, e tendo a oportunidade de acabar com círculo vicioso da exploração e do capitalismo doente.

Estamos em um país onde algumas pessoas tentam a qualquer custo deturpar os fatos para fazer parecer pior do que realmente é.

Vejo hoje muitos falarem como se há 12 anos atrás nós vivéssemos em um verdadeiro paraíso e tudo tivesse mudado, rs. Realmente, há 12 anos atrás alguns poucos viviam em um "paraíso" restrito e perverso, onde um punhado de gente comia e milhões passavam fome todos os dias.

Vivemos hoje em um país MELHOR, sim. E melhor para todos. Só não enxerga quem não quer, ou quem tem interesse em deturpar os fatos, porque? Para quê?

O PT e a presidenta Dilma não tem varinha mágica para corrigir de froma automática os problemas seculares do nosso país. Mas é inegável que houveram avanços gigantescos.

Nunca antes na história desse país tivemos tantos motivos para nos orgulharmos de sermos BRASILEIROS. Nunca antes o povo foi alvo de tantos e tão bons programas de governo.

O problema é que esses pessimistas, que se dizem interessados em tornar o país melhor, na verdade são oportunistas que querem mesmo tornar o "Brasil melhor", mas melhor para eles mesmos e não para todos.

Eu vivo no BRASIL, país lindo, de gente bonita e do bem, de gente que arregaça as mangas e luta por dias melhores, e não fica sentado reclamando de quem realmente FAZ. Um país que me deu a oportunidade de estudar e de mudar o rumo do destino que a elite dispensava para as pessoas pobres, futuro de exploração, alienação e perpetuação de uma "escravidão".

Estou orgulhosa do meu país ter respondido à altura a esses sanguessugas de plantão. Mostrou que o BRASIL é mais, muito maisssss que essas ridículas especulações.

Uma pena que alguns fingem não ver o óbvio. Uma pena.

Seu voto: Nenhum
imagem de Diego Miguel
Diego Miguel

-

Em que mundo o senhor vive, mesmo.

Isso me lembra muito Eike batista em entrevista ao roda viva quando lhe é perguntando sua opinião a respeito do investimento privado em segurança pública.. "Com as Upp's todo mundo sai ganhando."

Todo mundo..?

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Walber F. dos Santos
Walber F. dos Santos

Obras da Copa ensejaram fogueiras de vaidades entre políticos.

O Brasil tem uma população estimada em 201.032.714 habitantes, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).Se esta Copa beneficiar 100 mil brasileiros é muito. Logo, podemos dizer que para mais de 200 milhões de brasileiros a Copa realizada dentro ou fora do Brasil NÃO FEDE NEM CHEIRA. Portanto,pode-se afirmar que, de igual modo, a massa de trabalhadores, a qual não teve dinheiro para comprar os ingressos CARÍSSIMOS da mão da FIFA, assistiriam aos jogos pela televisão. Se houvesse bom senso em nossos representantes políticos,no sentido de recusarem as propostas indecentes da FIFA para tirarem dinheiro do povo brasileiro, em nada mudaria a comoção dos torcedores brasileiros nesta Copa.


http://www.portal2014.org.br/noticias/11433/O+DIA+EM+QUE+A+COLOMBIA+PEITOU+A+FIFA+E+DESISTIU+DE+ORGANIZAR


A propósito, os petista evitam falar do custo exorbitante da Copa, cujo fim é fazer propaganda eleitoral deste Governo hipócrita e populista. O circo da copa de 2014 foi montado visando a campanha eleitoral para reeleger a candidata do PT,em outubro de 2014. O picadeiro do CIRCO vai funcionar, principalmente, se o Brasil for campeão. Ontem, Dilma já confirmou que não descarta a possibilidade de fazer propaganda política passeando com a seleção em carro alegórico se o Brasil ganhar a Copa. Já vi este filme antes. Maluf deu até um carro para cada jogador do time da Copa de 70, com dinheiro público, claro! O fato lhe rendeu uma ação do Ministério Público para restituir o dinheiro ao erário público. Afinal, Maluf e Lula estão junto neste jogo de poder, cuja ideologia do PP se uniu a ideologia do PT. PP é conhecido como “Pagou Passou”. Já o PT é conhecido como Paga Tudo em alianças eleitorais, fato que gerou o Mensalão.


Para efeito de comparação, a COPA quando foi realizada nos EUA, 97% dos custos foram arcados pelo setor privado e 3% pelo setor público. Comparando o PIB entre Brasil e EUA,os representantes da nação brasileira caem num paradoxo do absurdo, quando fica provado que 95% dos custos da Copa de 2014 foram cobertos com dinheiro público, e os 5% dos custos remanescentes foram pagos com dinheiro do setor privado. É bom frisar que os EUA cobraram todos os impostos da FIFA.


http://apublica.org/2014/06/tem-dinheiro-publico-sim-senhor/


Neste momento, tem milhares de brasileiros sem atendimento médico morrendo nas filas dos hospitais públicos. Há quem diga que a esta Copa é a Copa das Copas,desde que não conheça a realidade das carnificinas da saúde pública em função das condições precraíssimas dos hospitais públicos . A Copa é um sucesso somente para a Fifa e seus sócios. Dizer que esta Copa FOI UM SUCESSO TOTAL é o mesmo que VIAJAR NA MAIONESE DA ALIENAÇÃO DAS ELITES QUE TANTO O PT CRITICA.


Este discurso de ser a favor da Copa realizada com dinheiro do povo brasileiro e com isenção total de impostos para a FIFA é o mesmo discurso de cooptação com a corrupção construído em torno de toda superestrutura de dinheiro público que a Copa consumiu. Ademais, nunca houve tanta repressão policial às manifestações populares contra a corrupção como nesta Copa de 2014.


Neste contexto, esta Copa mostrou a capacidade de subserviência deste Governo de esquerda para entregar o ouro ao bandidos e se ajoelhar aos pés dos cartolas da FIFA, às custas da arrecadação de impostos pagos pelos trabalhadores brasileiros.


Os blogueiros petistas exaltam a eficiência e eficácia dos trabalhos da Copa do seguinte modo :“Esse modelo de ação federativa permeou todos os trabalhos, um exemplar feito coletivo dos governos federal, estaduais e municipais.” – (sic).


Por que esta ação federativa ainda não foi usada para resolver os deficit nos leitos dos hospitais públicos e os problemas crônicos afetos a área de educação pública?


Auto estima nacional é o mote defendido pelos ghost writers pagos pelo PT, confundindo torcida organizada com as panelinhas de blogueiros do PT. Se o PT respeitasse a AUTO ESTIMA política dos brasileiros não daria isenção total de tributos para a FIFA. Quem moral tem o PT para falar em auto estima nacional,quando foi este Governo que vendeu a soberania brasileira para a FIFA,aceitando o padrão FIFA e dando amém para todas as exigências absurdas da FIFA.


Quanto aos custos das obras da Copa 2014, o TCU, TCE’s , CGU , MPE’s e o MPF não se entendem. ­ ­


Gil Castello Branco, da ONG Contas Abertas, afirma que a população brasileira está longe de ter um dado real sobre os gastos com estádios e com a Copa em geral.


“O Portal da Transparência da Copa divulga os valores totais previstos para reforma ou construção de cada estádio. Apesar de se usar para a leitura dos dados a matemática, para todos os efeitos, as planilhas do Portal Transparência desafia: “esta ciência não é exata”. No levantamento feito pela Agencia de Reportagem e Jornalismo Investigativo Pública por meio dos relatórios emitidos pelo Tribunal de Contas da União, pelos Tribunais de Contas dos Estados e pelos contratos entre governos, bancos e empresas, nem sempre a conta fecha com os números do Portal da Transparencia, divulgados pela Controladoria-Geral da União (CGU).”


Para o secretário-geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, o número de sedes prejudicou o plano de bancar as arenas só com recurso privado. “Se nós tivéssemos feito seis estádios, teríamos conseguido”, disse. “Esse esforço de nacionalizar a Copa nos custou a necessidade de entrar com aportes maiores, digamos assim, sobretudo dos governos locais.”


A média de custos da Copa chega a 1 BILHÃO por arena, fora a infraestrutura urbana, contratos de organização do evento e o custo do aparato de segurança pública. O estádio Mané Garrincha bateu recorde de 2 bilhões. O Maracanã teve o seu custo somente com reforma acima de 1 bilhão de reais.Dos 16 aditivos já firmados ao contrato principal da reforma do Maracanã, apenas seis estão disponíveis no site Portal Transparencia.


Por outro lado, fizeram uma limpeza social nas ruas próximas às arenas dos jogos para os gringos não verem o retrato da miséria das “epidemias das cracolandias” e do fenômeno da multiplicação da população brasileira de rua, mostrando que esta “Copa foi realizada só para a elite ver uma cidade limpa”.
http://apublica.org/2014/06/expulsos-das-ruas/


Um dos casos emblemáticos de descaso com os pobres nesta COPA mostra que Moradores da comunidade vizinha à Arena de Pernambuco, na área rural de Recife, perderam suas casas ou parte de seus lotes e ainda lutam para receber indenização.
http://apublica.org/2014/06/copa-sem-casa/


A bem da verdade, se houver mudanças no colegiado das duas casas do Congresso Nacional, a Copa de 2014 será objeto de CPI, em razão dos altos custos dos estádios e pela vergonha nacional que passou o povo brasileiro sabendo que a FIFA foi privilegiada com renuncia fiscal, fato sem precedente em todas as Copas do Mundo. É claro que para a FIFA e para os gringos esta Copa foi a maior Copa da História, porque foi paga com dinheiro do povo brasileiro, não com o dinheiro dos setores privados nacionais e internacionais que somente lucraram.

Seu voto: Nenhum
imagem de Álvaro Noites
Álvaro Noites

Faltou o "Sr. Nassif". No

Faltou o "Sr. Nassif".

No mais, um jogral insosso do que sai na velha midia, até parece um texto do Merval Pereira.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Sandra Sofia
Sandra Sofia

Mídia internacional

Do q saiu lá fora, cito dois q achei interessantes: Ironia inocente no título do texto "não era para tanto"... Era sim! E muito. Do catastrofismo dependia boa parte da política da oposição.

E o Le Monde fala no "Milagre brasileiro". Milagre foi termos sobrevivido ao catastrofismo midiático! 

 

http://www.lemonde.fr/coupe-du-monde/article/2014/06/21/l-improvisation-a-la-bresilienne-se-revele-a-la-hauteur-de-l-evenement_4442780_1616627.html 

http://deportes.elpais.com/deportes/2014/06/21/mundial_futbol/1403367068_619144.html

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de ari flores
ari flores

a noticia internacional

Chame-o milagre brasileiro. Há mais três meses, vários problemas, um amontoado de temores em torno da realização da Copa do Mundo no Brasil: os estádios não estaria pronto, eles estariam vazios, os movimentos sociais ameaçam a serenidade da competição, transporte seria o caos, etc. Avisos e reprova FIFA choviam sobre o país e sua comissão organizadora, atacando orgulho nacional. Em fases, todas as preocupações parecem ter desaparecido com os primeiros acordes da cerimônia de abertura. Depois de um pouco mais de uma semana de competição, parece que a catástrofe não ocorreu na competição grávida. Claro, ela não tem aqui e ali o último acabamento da última demão de tinta. Mas um sorriso esquecer telha está faltando um vindo ("bem-vindo") Bem compensa tomados para que vacila ou não rede telefônica. Thumb levantadas para cima, o sinal que significa tanto Olá e adeus tudo correr bem, utilizado Esperanto para comunicar o seu bom humor. Tanto pior se, de taxistas em Manaus ou Rio que deveriam aprender Inglês para ter pulado escola obviamente. Pena que, se La Marseillaise não soou em Porto Alegre devido a problemas técnicos. O Brasil detém um mundo em seu caminho, confuso e amigável, descontraído e acolhedor. Para a ocasião, os brasileiros têm um pouco mais de cor em sua rua para dar-lhe um ar festivo. Depois de meses de agitação social, as manifestações e as etiquetas "Nao Vai ter a Copa" ("Copa não ocorrerá") nas paredes, em todos os lugares aparecem país amarelo e verde. Simpatizantes estrangeiros, brincalhão, Grimes, enfeitado, contribuem para a atmosfera de carnaval. Eles chegaram às dezenas de milhares, Colômbia, México, Argentina, Chile. FIFA e do comitê organizador já estão anunciando soando sobre os benefícios do turismo figuras. Como esquecer o custo exorbitante de estádios eo baixo retorno sobre o investimento, ou a sua ausência, que se aproxima. PELÉ preso no trânsito Para os espectadores, os jogos removidos, carregadas de suspense e reviravoltas objetivos são esquecidos menus inconveniente. Mas logo deixou o palco, eles são confrontados média diária brasileira. Eles descobrem as filas nos aeroportos. Eles sabem que o trânsito infernal das grandes cidades, a falta de transporte para a tarefa. Em Belo Horizonte, a linha de metrô que ligaria o centro da cidade para o estádio permaneceu em caixas ônibus simples substituíram. Em Manaus, o trabalho planejado para o bonde Mundo não poderia começar até 2015. Uma Fortaleza, o comboio urbano foi aberto, mas é apenas a metade. Uma lista não exaustiva. A face oculta da organização para marcar marca d'água nas imagens do jogo no início, onde as arquibancadas parecem meio cheio. É que os telespectadores ainda estão presos em seu carro. Pouco antes da reunião, as tomadas aéreas da televisão brasileira, incluindo Brasília, mostram consistentemente as filas intermináveis na fase de controlo da entrada, mas o público chegar ao último momento. Mesmo as personalidades não escapar deste pesadelo. Rei Pelé foi preso no trânsito durante a primeira metade do Brasil no México. Esta é a primeira vez desde o final de 1950 no Maracanã, como a lenda viva e ouvir uma repetição da Copa do Mundo no rádio. BILHETES suportes livres Enquanto os Jogos Olímpicos de Inverno em Sochi em fevereiro, também teve a sua quota de atrasos e imperfeições, como hotéis inacabados - ou faltando. Parque Olímpico de Londres, também, não estava pronto uma semana antes da cerimônia de abertura. E os Jogos de Atenas de Verão também têm sido uma greve significativo e infra-estrutura deficiente. No entanto. Após uma semana de jogos em doze fases do concurso, os problemas logísticos são numerosos. Atrasos na construção e precipitação nos últimos meses não deixaram vestígios nos estádios fora e dentro (cabos elétricos aparentes em São Paulo, sistemas de ar condicionado dia jogo instalado). Os bilhetes foram emitidos, enquanto não existia os assentos. Sobre a falta de pessoal de segurança pórticos estágio de entrada, que coloca sérios problemas. Quase 25% destes controladores não teria apresentado em Brasília, no dia do jogo. Duas vezes no Rio, em partidas Argentina-Chile-Espanha e Bósnia, os fãs sem ingressos invadiram vãos palco com facilidade, o que provocou uma polêmica nos últimos dias entre a FIFA e as autoridades locais. De acordo com a imprensa brasileira, a Federação Internacional teria denunciado a passividade da polícia federal nessas invasões do estádio. Antes do início da Copa, um dos líderes do comitê organizador disse que o rosto de críticas: "Na pior das hipóteses, vamos improvisar." Não sem sucesso. O milagre brasileiro

Seu voto: Nenhum
imagem de ari flores
ari flores

a noticia internacional

Chame-o milagre brasileiro. Há mais três meses, vários problemas, um amontoado de temores em torno da realização da Copa do Mundo no Brasil: os estádios não estaria pronto, eles estariam vazios, os movimentos sociais ameaçam a serenidade da competição, transporte seria o caos, etc. Avisos e reprova FIFA choviam sobre o país e sua comissão organizadora, atacando orgulho nacional. Em fases, todas as preocupações parecem ter desaparecido com os primeiros acordes da cerimônia de abertura. Depois de um pouco mais de uma semana de competição, parece que a catástrofe não ocorreu na competição grávida. Claro, ela não tem aqui e ali o último acabamento da última demão de tinta. Mas um sorriso esquecer telha está faltando um vindo ("bem-vindo") Bem compensa tomados para que vacila ou não rede telefônica. Thumb levantadas para cima, o sinal que significa tanto Olá e adeus tudo correr bem, utilizado Esperanto para comunicar o seu bom humor. Tanto pior se, de taxistas em Manaus ou Rio que deveriam aprender Inglês para ter pulado escola obviamente. Pena que, se La Marseillaise não soou em Porto Alegre devido a problemas técnicos. O Brasil detém um mundo em seu caminho, confuso e amigável, descontraído e acolhedor. Para a ocasião, os brasileiros têm um pouco mais de cor em sua rua para dar-lhe um ar festivo. Depois de meses de agitação social, as manifestações e as etiquetas "Nao Vai ter a Copa" ("Copa não ocorrerá") nas paredes, em todos os lugares aparecem país amarelo e verde. Simpatizantes estrangeiros, brincalhão, Grimes, enfeitado, contribuem para a atmosfera de carnaval. Eles chegaram às dezenas de milhares, Colômbia, México, Argentina, Chile. FIFA e do comitê organizador já estão anunciando soando sobre os benefícios do turismo figuras. Como esquecer o custo exorbitante de estádios eo baixo retorno sobre o investimento, ou a sua ausência, que se aproxima. PELÉ preso no trânsito Para os espectadores, os jogos removidos, carregadas de suspense e reviravoltas objetivos são esquecidos menus inconveniente. Mas logo deixou o palco, eles são confrontados média diária brasileira. Eles descobrem as filas nos aeroportos. Eles sabem que o trânsito infernal das grandes cidades, a falta de transporte para a tarefa. Em Belo Horizonte, a linha de metrô que ligaria o centro da cidade para o estádio permaneceu em caixas ônibus simples substituíram. Em Manaus, o trabalho planejado para o bonde Mundo não poderia começar até 2015. Uma Fortaleza, o comboio urbano foi aberto, mas é apenas a metade. Uma lista não exaustiva. A face oculta da organização para marcar marca d'água nas imagens do jogo no início, onde as arquibancadas parecem meio cheio. É que os telespectadores ainda estão presos em seu carro. Pouco antes da reunião, as tomadas aéreas da televisão brasileira, incluindo Brasília, mostram consistentemente as filas intermináveis na fase de controlo da entrada, mas o público chegar ao último momento. Mesmo as personalidades não escapar deste pesadelo. Rei Pelé foi preso no trânsito durante a primeira metade do Brasil no México. Esta é a primeira vez desde o final de 1950 no Maracanã, como a lenda viva e ouvir uma repetição da Copa do Mundo no rádio. BILHETES suportes livres Enquanto os Jogos Olímpicos de Inverno em Sochi em fevereiro, também teve a sua quota de atrasos e imperfeições, como hotéis inacabados - ou faltando. Parque Olímpico de Londres, também, não estava pronto uma semana antes da cerimônia de abertura. E os Jogos de Atenas de Verão também têm sido uma greve significativo e infra-estrutura deficiente. No entanto. Após uma semana de jogos em doze fases do concurso, os problemas logísticos são numerosos. Atrasos na construção e precipitação nos últimos meses não deixaram vestígios nos estádios fora e dentro (cabos elétricos aparentes em São Paulo, sistemas de ar condicionado dia jogo instalado). Os bilhetes foram emitidos, enquanto não existia os assentos. Sobre a falta de pessoal de segurança pórticos estágio de entrada, que coloca sérios problemas. Quase 25% destes controladores não teria apresentado em Brasília, no dia do jogo. Duas vezes no Rio, em partidas Argentina-Chile-Espanha e Bósnia, os fãs sem ingressos invadiram vãos palco com facilidade, o que provocou uma polêmica nos últimos dias entre a FIFA e as autoridades locais. De acordo com a imprensa brasileira, a Federação Internacional teria denunciado a passividade da polícia federal nessas invasões do estádio. Antes do início da Copa, um dos líderes do comitê organizador disse que o rosto de críticas: "Na pior das hipóteses, vamos improvisar." Não sem sucesso. O milagre brasileiro

Seu voto: Nenhum
imagem de Lidia Maria C Correia
Lidia Maria C Correia

BRASIL - COPA DO MUNDO

Estamos em plena Copa do Mundo de Futebol, no BRASIL, 2014.  Que maravilha.  Somos sim a nação tetra campeã do mundo em futebol.   Se vamos ganhar não sei, mas estou muito feliz que os pessimistas, ignorantes e sei lá mais o que posso falar desse pessoal sem educação, noção, e que se deram muito mal.   O povo brasileiro de verdade, aquele que trabalha duro, tem que ganhar o pão de cada dia, todo santo dia, está dando o seu recado, simples e significativo, torcer pelo BRASIL, torcer pela nossa grande pátria amada.  Sim, esse gigante cheiiiiiiiiiiiinhoooooooooo de problemas, mas que vamos lutar para melhorar cada vez mais.  Não é quebrando, xingando e envergonhando que vamos resolver nossos problemas, mas sim votando cada vez mais consciente.  Bem, torço pelo BRASIL enquanto país e, também, pelo nosso time, vamos à luta brasileiros..........................  Vamos ao Maracanã se DEUS permitir e nos abençoar.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Questões ideológicas...

Questões ideológicas deveriam estar abaixo da pátria, da nossa nação, do nosso interesse nacional deve estar acima de questões ideológicas, e por isso que deve-se respeitar a democracia, porém, aqui não sei nem se temos soberania, já que por questões ideológicas se vende até a "mãe".

A copa foi bem organizada, e o bonus vai para vários partidos, vários segmentos ideológicos, vai dos munícipios ao governo federal, só não vai para esses segmentos ideológicos cegos, sabotador, não nacionalista, que querem o mal de nosso país.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Branca Teresinha
Branca Teresinha

O povo quer pão e rosas

Ainda bem que vivemos num país grande, diversificado, com população linda e bem educada apesar de nem todos terem tido a oportunidade de entrar numa faculdade como os vips que ofereceram ao mundo um espetáculo deprimente de má educação e ódio gratuito. O povo está aí festejando a copa, os novos estádios, recebendo os estrangeiros de braços abertos e sorrisos como a catadora mineira expressou muito bem. O problema da imprensa calhorda que só fala mal do país, dos críticos nada isentos, dos coxinhas do "não vai ter copa", dos ricos mal-educados e das senhoras que aqui apareceram com a lenga lenga do queremos educação, saúde, etc.etc. é que não conhecem o povão, os menos aquinhoados pelas fortunas mal explicadas e pouco transparentes deste país. O povo não quer só pão, quer também rosas (beleza) e diversão porque ama o Brasil e o quer bonito, acolhedor e alegre. Esta é a lição que os mal-humorados pelo ódio de classe não entendem porque não conhecem seu país e a população.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

"Elefantes Brancos" e "Gastos Exorbitantes"

Nem tudo os vira-latas erraram, acertaram em cheio nos "elefantes brancos" e nos "gastos exorbitantes" da Copa.

No caso dos "elefantes brancos", dois deles começaram a ser desmontados antes mesmo do fim da Copa, mais precisamente a partir do término da segunda rodada de grupos, a Espanha e a Inglaterra iniciaram o desmonte dos respectivos paquidermes alvos.

Já em relação aos "gastos exorbitantes", a quantidade de gols gastos por partida pelas seleções, assustam a FIFA que pensa na possível carestia do essencial recurso em tal quantidade, na Copa da Rússia em 2018.

Pode isso, Jabor Pereira?    

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Carlos J. R. Araújo
Carlos J. R. Araújo

Nassif, parabéns pelo artigo,

Nassif, parabéns pelo artigo, principalmente com relação à delimitação adequada (porque exata é impossível a qualquer um) das questões e dos problemas em torno de um complexo evento como este. Nada mais nada menos que um raro texto jornalístico: simples, direto, pertinente e, o que é mais interessante, sem as eloquências verbais típicas dos jornalistas janotas, egressos das USPs da vida. Pois é, só faltou um pouco de Jonathan Swift, uma pitada de humor e ironia. Mas há várias formas de rir, não é mesmo? Inclusive rir de alguns comentaristas, que misturam as coisas e evoquem variantes incompatíveis com o teor do seu artigo. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Franbeze
Franbeze

Se o Brasil for campeão

a cambada de canalhas do PIG vão bater na tecla até o final do ano que a Dilma comprou a copa.

Seu voto: Nenhum (9 votos)
imagem de Eduardo!
Eduardo!

Creio que o sucesso da Copa

Creio que o sucesso da Copa dever ser creditado ao PT. Afinal se algo viesse a "dar errado" a responsabilidade lhe seria atribuída sem direito a qualquer defesa. Ainda resta a midia atribuir um provável fracasso da seleção nacional ao governo.

Caso seja possivel separar as  mídias valerá muito qualquer esforço no sentido de modernizar a midia esportiva. A de rádio principalmente. Nao se prepararam para este evento. Acumulam-se reportagens inúteis, restringem analises a estatisticas e nao demosntram conhecimento do esporte. Parece que tudo sai da mesma gaveta. 

Ainda tratam os participantes da Copa pela posição politica que ocupam no mundo e assim, jamais, na visao tosca, Inglaterra, Ialia, Espanha, por exemplo, poderiam ter saido "antes".

Enfim, o pais, sob váriso aspectos, sairá diferente após esta Copa. Quem está embaixo em cntato com visitantes estrangeiros e de outras regiões está finalmente entendo o que significa intecâmbio e quem é o "outro".

A midia encastelada, naufragou!

Seu voto: Nenhum
imagem de Carlos G P Lenz
Carlos G P Lenz

os verdadeiros CORRUPTOS...

... sãos os donos da mídia e seus "sistemas" de apoio, incluindo políticos, banqueiros, advogados e juízes e os bandidos, propriamente ditos.

Nem sempre nessa ordem, mas todos orquestrados e bem remunerados.

Agora também contam com apoio entusiasmado de "babacas contratados", ou somente "cooptados" para fazerem comentários negativos/contrários ao missivista ou aos que comentam apoiando ao texto do post.

No Brasil nunca há limites para se ver a ignorancia e hipocrisia do "pouvo"... a começar pelas "zelites" do itaúúúú... aquela, você sabe, que tomou no...

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de Emma
Emma

ILUSÃO

É ilusão achar que os "urubulinos" da imprensa que fizeram as previsões  catastróficas sobre a Copa irão dar o braço a torcer !!! Na, na,ni,na, não...

O discurso inicial deles já está sendo " ..a Copa só está ótima por causa dos bons jogos e da maneira alegre do brasileiro receber os estrangeiros" !!! Afora isso, mérito algum para mais ninguém ! Foi tudo obra do acaso.

Mas ainda na vibe "urubulina" , ontem algum comentarista esportivo já disse que " o grande teste desta Copa será o jogo dessa quarta-feira em Porto Alegre"  ( milhares de hermanos entrando no país sem ingressos etc...). Ou seja, ainda estão "rogando praga" para terem razão sobre a previsão de caos !! Xô, urubu, pé de pato, mangalô três vezes!!

Seu voto: Nenhum

Esse é o teste ? Então...

Antes que algum jornal "urubulino" invente qualquer factóide, sobre a "invasão"(benvinda) de dezenas de milhares de argentinos, que estão chegando a Porto Alegre, um amigo meu de lá, acaba de informar-me, que muitas famílias de P.A. estão oferecendo abrigo e acomodações, com a maior alegria e sentido de hospitalidade, aos "hermanos" que estão chegando em paz, e querendo "dividir" a alegria do futebol, conosco. Eles, assim como os outros milhares de colombianos, uruguaios, chilenos, que devido à boa situação das suas seleções na tabela da Copa, estão avançando no caminho da conquista desta Copa, e que estão vendo como o Brasil está preparado, em todos os sentidos, para recebê-los bem, e fazer uma Copa, aonde a confraternização de todos(sentido maior do torneio) seja concretizada.

Seu voto: Nenhum

Os poderosos  vieram na escuridão, e destruiram a única rosa do meu jardim; Depois vieram novamente às escondidas, e destruiram todas as minhas roseiras, porem jamais conseguirão impedir, a chegada da primavera.

imagem de Emma
Emma

OJALÁ !

Sí, sí ..como dizem nossos hermanos que estão chegando em peso a Porto Alegre:  ¡ojalá sea cierto!

Nossa energia vai neutralizar la mala onda dos que torcem contra !!

Seu voto: Nenhum (2 votos)

o Brasil ganhou e midia perdeu

O que?
A midia nao perdeu
O Brasil nao ganhou
E sim o povo, o cidadao poderia ganhar ainda mais
O brasileiro perdeu.
Sr se em junho a midia e o movimento das ruas avancasse sobre as questoes, teriamos hoje no Brasil um avanco em um ano de 10 anos. Nao haveria Dilma, justica e congresso que parasse esta luta em beneficio do brasileiro.
Canalizando forcas sociais para avancar.
Mais para que chutar vira lata morrendo.
A copa e a imagem sai maior.
Com amostras das 12 capitais, por exemplo Manaus a floresta tropical, Ceara as dunas e praias, Ha! A Bahia demostrou a capoeira e a forma cultural Bahiana. O Brasil esta amostra e ate no canal de geografia.
Importante o que Ciro disse para a eleicao.
O importante agora eh continuarmos avancando.
Natural eh dizer que a grama dos estadios nao sao sinteticas e sim natural.
O resto eh manter a resistencia e continuar criticar construtivamente para fazer, progredir, contruir mais para o brasileiro hoje e maior para os nossos no futuro.
O Brasil tem de ganhar e o brasileiro tambem ser benificiado diretamente, o resto eh lucro.

Seu voto: Nenhum
imagem de Jovi
Jovi

Se isso... se aquilo... se

Se isso... se aquilo... se aquilo outro... muito "se"... 

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Rubens Cristovao
Rubens Cristovao

Copa

Nossa aqui na Australasia eles falam tão bem da Copa e do entusiasmo de eztarem no Brasil cobrindo os jogos!

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de André Menezes
André Menezes

Devemos saber separar as coisas

Não é porque a Copa do Mundo é um grande e retumbante SUCESSO em todos os sentidos que devemos fechar nosos olhos para as mazelas de nosso país e nossos governantes!! Muita calma nessa hora!!

Seu voto: Nenhum (8 votos)

Onde está escrito?

Mas, onde está escrito isto no texto?

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Simples...

Temos muitas "notícias" e poucos jornalistas!

Seu voto: Nenhum (5 votos)

A única coisa que os senhores de bom grado dão aos escravos é a esperança. (Albert Camus)

imagem de jcordeiro
jcordeiro

No Picadeiro

Nassif: seria trágico, se não fosse cômico (ou vice-versa?). A crônica policial explica a elite brasileira. Em reportagem recente, determinada pessoa, diz a mídia, contratou pistoleiros para executar os sócios e à noite, quase chorando, deu entrevista, enaltecendo o casal executado quando saia da festa do seu casamento, onde foram padrinhos. Já falei em seu blog ---e repito--- que a canalha não tem moral, nem pátria. Só interesses. O episódio da Copa do Mundo, no qual você traça o retrato, em corpo inteiro, da mídia nacional, (o braço mais visível e poderoso desta classe desclassificada), é a mais autêntica realidade. Tenho ouvido dos estrangeiros elogios incontáveis sobre educação e carinho no tratamento a eles dirigido, mesmo sem muito entender seu idioma; a perfeição (possível) na organização de um evento tão vasto quanto o Pais anfitrião. São “os órfãos do governo destronado e suas respectivas viúvas”, daqui e de fora, cujo exemplo mais explícito remete ao burburinho orquestrado pelo casal Huck e Angélica, no Itaquerão. São eles, mesmo lucrando altamente com o evento, quem continuam, com fina e mordaz ironia, torcendo, no íntimo, para que as coisas não deem certo. Então, a partir de julho próximo, trazerem os fatos para a campanha política-partidária, detratando o adversário, de quem se beneficiam, não tanto quanto nos idos anos que antecederam a 2003, mais o suficiente para engordarem suas contas nos paraísos fiscais e nas viagens e compras no exterior. Você tem toda razão, quando fala da “vitória” de todos, todos os que acreditaram e se empolgaram com o trabalho em prol do Brasil, nesta oportunidade ímpar. E é esta mesma canalha de que falei que exibe os 300 bilhões da arrecadação dos impostos (impostômetro-SP), mas omite os 450 bilhões da sonegação fiscal (sonegômetro-DF). Esta é a elite nacional. Pena que não conseguem exibir o DARF, e que a todo instante pedem audiência no Palácio do Planalto, à portas fechadas...

Seu voto: Nenhum

Chupa, PiG!

A "elite" branca e rica torceu contra o Brasil e tentou sabotar a Copa para tentar favorecer aécio neve nas eleições. 

Pode uma coisa dessas?

 

Quebraram a cara!

Seu voto: Nenhum (12 votos)
imagem de Felipe Levy
Felipe Levy

mais um tapa na cara nos do

mais um tapa na cara nos do contra! os complexados e vira-latas que beijam os pés dos gringos.

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de rolando
rolando

copa

seria melhor ter tido " vitória dos brasileiros empenhados em reerguer a imagem do país,incluidos o governo em seus vários niveis,seus técnicos e colaboradores  e aqueles brasileiros aguerridos que amam de fato essa patria".

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Dilma : Demos de goleada nos pessimistas

JB On Line - Hoje às 20h46

Atualizada hoje às 20h48

Dilma: Demos de goleada nos pessimistas que pensavam que não haveria Copa

A presidente Dilma Rousseff avaliou como positiva a forma como o Brasil  tem conduzido a Copa do Mundo até o momento. Segundo ela, os voos sem atrasos, as recepções nos hotéis e os estádios prontos são a prova da capacidade dos brasileiros de promover um evento como este.

Ao discursar durante a Convenção Nacional do PROS, Dilma disse que o povo brasileiro possui uma imensa capacidade de ser hospitaleiro, e mesmo com a barreira da língua é capaz de se aproximar dos turistas e “dar explicações, apoiar, ajudar e receber com todo carinho”. Segundo ela, o êxito desta Copa é mérito, não do governo federal, “mas dos brasileiros, de assumir um evento extremamente complexo em 12 cidades, num país continental”.

“O que vemos são voos sem atrasos, hotéis recebendo turistas, vemos festa e segurança”, afirmou Dilma. Ela comemorou a classificação do Brasil para as oitavas de final do Mundial, dizendo que a seleção brasileira venceu seus desafios e derrotou o pessimismo.

A presidente voltou a falar de pessimismo para elogiar a organização da Copa e dizer que errou quem pensava que o evento não ocorreria. “Nós, brasileiros, demos de goleada no pessimismo, nos pessimistas que pensavam que não haveria Copa. Os estádios estão prontos, e neles as torcidas comemoram os 109 gols desta Copa. O Brasil se coloriu de verde e amarelo, e por toda parte foi enterrado o 'Não Vai Ter Copa': nas ruas, nos estádios e nas fan fests”, disse, em referência aos espaços chamados Fifa Fan Fest, organizados nas 12 cidades-sede do Mundial.

Mais cedo, por meio de sua conta pessoal no Twitter, a presidente disse que os jogadores demonstraram garra no jogo de ontem, contra Camarões, e se diz confiante no próximo confronto. “O time de Felipão mostrou garra, talento e determinação. Estamos, todos, confiantes em mais uma grande exibição contra o Chile, no sábado”, escreveu.

Em relação à decisão de hoje, do Conselho Nacional de Política Energética (CNPE), que aprovou a contratação direta da Petrobras para produzir, sob regime de partilha, os volumes excedentes do processo de cessão onerosa de petróleo, em quatro áreas do pré-sal, a presidenta salientou que a área a ser explorada pela empresa estatal será maior do que a do Campo de Libra, e terá capacidade para produzir de 10 a 14 bilhões de barris de óleo equivalente.

“A Petrobras passa a ter para explorar uma quantidade de petróleo extremamente significativa, o que transformará a empresa em uma das maiores, com reserva de petróleo, do mundo”, disse ela

Seu voto: Nenhum

" A injustiça que se faz a um, é uma ameaça que se faz a todos." - Barão de Montesquieu

 

Discordo dessa visão "neutra"...

...de que :"A boa organização da Copa não é uma vitória individual do governo ou da presidente Dilma Rousseff."

Se não houvesse um governo federal (incluindo os representantes dos poderes que ajudaram no processo), liderado pela Dilma, honesto e engajado, a coordenar esse trabalho (lembrem-se dos dois ministros do Esporte e seus assessores, que merecem umas boas férias), mobilizando as instituições necessárias, e empenhado em fazer algo correto, com uma mídia interessada só com o seu negócio (como a que temos), muita coisa ficaria pela metade ou sequer se realizaria.

Foi também muito bom, pois descortinou a visão puramente política de uma imprensa perversa.

Portanto: parabéns ao governo federal por tudo isso que proporcionou!!!

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Eliane Na

imagem de WANDA L SOUZA
WANDA L SOUZA

Se está bom hj, porque não esteve antes?

É incrível como agimos de acordo com o que "os outros falam".  É óbvio (acredito nisso) que há muita coisa empenhada  para que a realidade da "festa" e suas consequências resultem positivamente. O povo brasileiro não é burro. Apenas queria viver nesse mundo "fantasioso" que falam quando alguém elogia alguma coisa. O País continua o mesmo, com pobreza, com falta de atendimento digno na saúde, com falta de água, com falta de segurança, etc. Quem acha o contrário é porque vive no Páis da Dilma, lindo e sem problemas!!!!!

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de João Paulo Ferreira de Assis
João Paulo Ferreira de Assis

Incrível é ver que vocês,

Incrível é ver que vocês, para defenderem sonegadores de impostos, não hesitaram em deixar os pobres sem atendimento digno na saúde, ao retirar 02 bilhões de reais do SUS.

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Alexandra Sampaio
Alexandra Sampaio

Incrível é ver vocês...

Incrivel mesmo é ver vocês fazendo de tudo para deturpar todos os fatos...

Incrível mesmooooo é ver o "malabarismo" que alguns tem feito para negar o inegável, a eficiência do Governo do PT.

Incrível mesmoooooooooooo é a falta de memória de alguns, que esqueceram os anos de sofrimento e escassez de tudo, inclusive de acesso a educação, que duraram séculos em nosso país.

Incrível essa mania, esse complexo de "vira-latas" de uns... Não sabem fazer outra coisa se não reclamar e difamar.

Realmente incrível não é?

Leiam. Marx é uma excelente opção. Leiaaaaaammmmm muitooooo. Isso sim é INCRÍVELLLLLL.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Notícia fresquinha no site Voz da Rússia :

Hoje, 00:02(Rússia)

Aeroportos brasileiros recebem quatro milhões de passageiros na primeira semana da CopaCopa, Brasil, aeroportos

Foto: AP//Lee Jin-man

 

A pontualidade média dos aeroportos brasileiros no final da primeira semana da Copa do Mundo foi melhor que o padrão internacional: o índice médio de atraso de voos foi de 8,36%, menor do que o observado nos países da União Europeia em 2013, que foi de 8,4%, segundo dados do Eurocontrol, a organização europeia para a segurança da navegação aérea. O padrão internacional considera satisfatórios índices de até 15% de atrasos de até meia hora.

Segundo um relatório das autoridades da aviação comercial brasileira, desde a quinta-feira 12 de junho, o dia da abertura da Copa, até a quinta-feira 19, mais de 3,7 milhões de pessoas passaram pelos 20 aeroportos que atendem a 90% do movimento aéreo no país. E, de acordo com matéria publicada no site da Secretaria de Aviação Civil da presidência da República, apesar da demanda bastante concentrada, em especial nas chegadas internacionais na primeira semana de Copa, os aeroportos operaram dentro da normalidade.

O recorde de fluxo de passageiros na primeira semana da Copa foi batido na segunda-feira, 16, véspera do jogo do Brasil contra o México, quando mais de 501 mil pessoas passaram pelos aeroportos brasileiros. A média diária tem sido de 471 mil. E o Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, é o mais procurado.

Na primeira semana da Copa, 31.120 aeronaves da aviação comercial e geral pousaram e decolaram dos 20 aeroportos brasileiros, o que representa uma média de 3.890 aviões por dia. Segundo dados divulgados diariamente pela Agência Nacional de Aviação Civil, a média de cancelamentos na semana foi de 11,6%.

As Fun Zones – as áreas de repouso e lazer nos aeroportos – foram um dos principais atrativos para os turistas na primeira semana da Copa. Desde o dia 10, em que foram abertas ao público, até a terça-feira, 17, mais de 77 mil pessoas passaram pelas 12 áreas de entretenimento da Infraero, em 10 capitais brasileiras.

A Fun Zone do Aeroporto de Confins, em Minas Gerais, foi a mais procurada: recebeu 18 mil pessoas naquele período. Em segundo lugar ficou Porto Alegre, com mais de 10 mil. As áreas contam com videogame, jogos, espaços para descanso e música ambiente. A ideia é garantir ao passageiro conforto na permanência naquele aeroporto.
Leia mais: http://portuguese.ruvr.ru/news/2014_06_25/Aeroportos-brasileiros-recebem-quatro-milh-es-de-passageiros-na-primeira-semana-da-Copa-5909/

 

Seu voto: Nenhum

" A injustiça que se faz a um, é uma ameaça que se faz a todos." - Barão de Montesquieu

 

imagem de Marcelo Cornetet
Marcelo Cornetet

Já faz tempo

Já faz tempo que eu ouvi falar de uma copa do mundo no Brasil. E de lá para cá, passaram-se vários governos, entre ditaduras do Getúlio, governos democráticos como o do Sr. Juscelino, tempos de chumbo dos Generais, novamente democratas como Collor, FHC, Lula e por fim a nossa Dilma. Que fique claro que não concordo com corrupção em nenhuma hipótese. Mas o que estes governos fizeram por nossa saúde, educação, mobilidade  urbana, entre tantas e tantas melhorias  que se fazem necessárias? Então não podemos creditar tudo isto na conta da nossa Presidente. Ora deixemos de ser hipócritas, quem hoje reclama da realização deste evento e da olimpíada que se aproxima, é por puro despeito de não ter este crédito em seu rol de feitos políticos.

Parabéns Sr Luiz Nassif, pela coragem de contrapor os profetas do apocalipse nacional.(faz de conta que os países do dito primeiro mundo as coisas acontecem de forma muito diferente!!!  

Seu voto: Nenhum
imagem de Alexandra Sampaio
Alexandra Sampaio

Exatamente...

Exatemente Marcelo Cornetet. Concordo plenamente, puro despeito, dor de cotovelo, inveja e similares.

Não fizeram, não fazem, não sabem fazer... e por isso criticam quem está fazendo. E para mostrar serviço cobram o impossível... Que vergonhoso isso, triste, indigno.

Parabéns Marcelo pelo texto da resposta. Direto, no ponto, em cima. E parabéns também ao Nassif. Excelentes os textos.

Seu voto: Nenhum
imagem de jns
jns

Tudo Pelo Poder

O jogo bruto e sujo da politicagem partidária será reiniciado da forma mais violenta possível e o nível será pior que o demonstrado no Itaquerão, passada a euforia do campeonato mundial, em andamento.

Existem grupos estrangeiros, associados aos baderneiros brasileiros, pagos par filmar as manifestações no país e, mais tarde, mostrar, diuturnamente, a violência policial , comandada pelo Estado, com destaque para as mazelas que - só os mais delirantes estrábicos intelectuais não conseguem enxergar - não foram geradas durante a governança petista.

A estratégia faz parte da eterna e nojenta busca do poder pelo poder.

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de jns
jns

A Copa do Mundo das Surpresas

Este é o nirvana de futebol, aproveite enquanto dura.

A COPA DO MUNDO NO BRASIL É A MELHOR DE SEMPRE?

O bem-estar foi derramado nos gramados e o espírito esportivo parece renascer. 

The National | Ali Khaled | 20/06/14

Do Brasil Thiago Silva, à direita, lidera a bola, mas não consegue obtê-lo passado Guillermo Ochoa do México, à esquerda, durante a sua Copa do Mundo 2014 Grupo A partida de futebol na Arena Castelão, em Fortaleza 17 de junho de 2014. Mike Blake / Reuters

Thiago Silva, do Brasil, à direita, cabeceia a bola, mas não consegue vencer Guillermo Ochoa, do México, à esquerda, durante a partida na Arena Castelão, em Fortaleza, no dia 17 de junho de 2014. Mike Blake / Reuters

 

Antes do fim da fase de grupos, os jogos no Brasil revelaram uma alegria imprevisível, encaminhando para se tornar um dos melhores campeonatos do mundo nos tempos modernos.

Os pontos altos são óbvios:

. A Holanda brilhante na destruição dos espanhóis campeões do mundo por 5-1;

. A humilhação da Alemanha e de Portugal de Cristiano Ronaldo; 

. O brilhantismo solo de Lionel Messi contra a Bósnia e Herzegovina;

. Tim Cahill, em uma dose medicinal do estilo próprio de Marco van Basten, fazendo, talvez, o melhor gol da competição até o momento: ninguém esquecerá o carretel apresentado na jogada.

Mas, para além destes momentos, a Copa do Mundo reúne tantos lembretes sutis a respeito dos motivos do mundo parar para louvar o futebol a cada quatro anos.

Os torcedores da Colômbia explodiram o teto no Estádio Mineirão, em Belo Horizonte, antes da partida contra a Grécia, estabelecendo o padrão do torcedor delirante para o restante do torneio.

Os antigos torcedores da Costa Rica choraram, cheios de alegria, após o terceiro gol do seu país contra o Uruguai. 

O Brasil e o Chile seguraram a própria emoção, cantando hino no Mundial (imagine se eles se encontrarem na partida final).

Após o uniformemente irritante zumbido, induzido pela vuvuzela da África do Sul em 2010, aqui, a sintonia com o fluxo e o refluxo da ação em campo, está adequada às multidões do futebol de todo o mundo, vivendo, respirando cada chute, cada contra-ataque ou defesa, sem esquecer, até mesmo, a ocasional onda mexicana.

O fator de bem-estar foi derramado nos gramados e o espírito esportivo parece renascer. 

A simulação de faltas (o mergulho) não foi, exatamente, eliminado, mas certamente é menos prevalente do que nas Copas anteriores.

Quando os jogadores da Inglaterra começaram a cair, sob o calor de Manaus, abatidos pelas cãibras, foram os seus adversários italianos que ajudaram a esticar os seus membros doloridos, adotando um comportamento totalmente diferente do torturador-chefe de Diego Maradona, o insano Claudio Gentile.

Até mesmo a FIFA merece crédito pela introdução do spray de espuma, para a marcação do local das cobranças de faltas, economizando o tempo e facilitando a vida do árbitro, de uma só vez.

Neymar, Messi e Andrea Pirlo podem ter dominado as manchetes, mas a Copa do Brasil 2014 é mais um lembrete refrescante que os heróis ainda podem ser fabricados durante a noite. 

Apenas aqueles com um coração de pedra não poderiam ter sido tocados pela história de John Brooks.

O zagueiro americano, nascido na Alemanha, há 21 anos, saiu do banco para marcar gol tardio dos Estados Unidos contra os antigos rivais de Gana, em Natal. 

O olhar em seu rosto, quando foi perseguido por seus companheiros de equipe, foi mais um dos momentos de euforia cristalina do torneio.

Houve momentos tristes também. 

A Espanha, apesar de uma saída desonrosa, deve ser reconhecida pelos imensuráveis serviços prestados ao futebol a partir de 2008 até 2014.

Cahill foi substituído contra a Holanda, depois de receber o segundo cartão amarelo do torneio, sinalizando a última vez que a lenda australiana participa de uma partida de Copa do Mundo.

E Messi, involuntariamente, ignorou o aperto de mão de um pobre mascote.

O melhor de tudo, na Copoa do Mundo no Brasil, em 2014, foi a média de gols do torneio.

A abundância dos primeiros 20 jogos produziu 60 gols, a uma taxa de três por jogo, representando a melhor produção desde 1958.

Talvez os treinadores adotem o pragmatismo, as defesas cresçam e os gols sequem, quando a fase de mata-mata começar. 

Mas, por enquanto, este é o nirvana de futebol.

Aproveite enquanto dura.


Fonte: 

The National , Emirados Árabes Unidos

http://www.thenational.ae/sport/world-cup-2014/could-brazil-2014-be-the-best-world-cup--ever

akhaled@thenational.ae

Seu voto: Nenhum
imagem de Jussara Pontes
Jussara Pontes

Para Carlos Costa

Não foi desviado dinheiro da educação e saúde para construir estádios. O que se questiona é a prioridade. Nunca se tem verba para  estas áreas, aí de repente aparece todo este dinheirão para construir estádios que ficarão parados ali por meses e anos, enquanto as pessoas morrem sem atendimento nos hospitais, com longas filas, ignorados pelos servidores da saúde, que tratam as pessoas como se fossem um lixo. A mãe da minha amiga teve um AVC e não pode ser internada na UTI, no HRAN, em Brasília, porque deixaram dois leitos para a copa das confederações. Ou seja, preferem deixar uma pessoa, cidadã brasileira morrer, para mostrar para os gringos que temos leito. Isto é um absurdo.Está tudo maquiado para esta copa. O que salva é que o povo brasileiro adora estrangeiros, adora receber, e trata bem todos que visitam o país.

Seu voto: Nenhum

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.