Revista GGN

Assine

"São Paulo tem condições de se tornar uma Xangai", defende Haddad

Jornal GGN - Segundo o prefeito Fernando Haddad o investimento per capita de São Paulo é metade do que é realizado nas maiores cidades da região Sudeste do Brasil, como Belo Horizonte, Vitória e Rio de Janeiro. Para resolver essa questão a prefeitura iniciou, nesse primeiro ano de sua gestão, medidas de redução de gastos, além de propostas para melhorar a entrada no caixa do governo municipal. 

O prefeito da capital paulista recebeu a equipe do Jornal GGN na última quinta-feira (17). Durante a entrevista, fez um breve diagnóstico das contas públicas e dos desafios enfrentados no seu primeiro ano de gestão.

Dentre as primeiras medidas tomadas em 2013, para equacionar as contas, está a repactuação de contratos com fornecedores do município, o que resultou em uma economia de meio bilhão de reais no primeiro ano. A segunda medida, foi a criação de uma Controladoria-Geral do Município, nos moldes da Controladoria-Geral da União.

O órgão foi instituído para analisar secretarias e departamentos do município à procura de irregularidades. Foi graças ao trabalho da Controladoria que, em outubro do ano passado, foi desmantelado o esquema de corrupção envolvendo fiscais que atuavam na área de cobrança do Imposto Sobre Serviço (ISS). Com isso, a arrecadação municipal do ISS aumentou em 42% nos últimos meses.

A revisão da planta genérica de cobrança do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) também estava nos planos da prefeitura, mas foi barrada por uma liminar protocolada no Tribunal de Justiça de São Paulo pela Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). O prefeito alegou que, até agora, tanto a Fiesp quanto o próprio Tribunal de Justiça de São Paulo não convidaram a prefeitura para justificar o reajuste pensado por sua gestão. Com o aumento do IPTU a prefeitura esperava incrementar a sua arrecadação anual em 800 milhões de reais, o que não será mais possível em 2014.

A quarta medida de equação das contas públicas planejada pela prefeitura seria o parcelamento da dívida dos precatórios em 15 anos, aprovada no Congresso Nacional. Entretanto o Supremo Tribunal Federal declarou o parcelamento inconstitucional prejudicando não apenas a cidade de São Paulo, mas todos os municípios do país. Precatórios são dívidas herdadas de gestões anteriores. São Paulo deve atualmente 18 bilhões em precatórios, valor considerado impossível pelo prefeito de ser pago de uma só vez por São Paulo, com um orçamento anual da ordem de 40 bilhões de reais.

Apesar dos imbróglios de início da gestão, o prefeito se mostrou confiante lembrando que a cidade tem, a seu favor, os recursos ofertados pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e pelo Programa Minha Casa, Minha Vida.

O prefeito destacou que São Paulo tem condições de se tornar uma Xangai, a maior cidade da China. Mas isso é atrapalhado pelo que chamou de "poder econômico".

"Quem está envolvido com a máfia dos fiscais? Não é o poder econômico? Quem corrompeu os fiscais? O poder econômico que ganha dinheiro na cidade. (...) Quem impediu o reajuste do IPTU? O poder economico.  Então você vê que não há compreensão do esforço que tem que ser feito para colocar a cidade no compasso", avaliou.

Segundo Haddad, através do planejamento a cidade tem como alavancar seus investimentos dos atuais 3,7 bilhões para até 7 bilhões ao ano. Por outro lado, lamentou o fato de nenhum grande grupo midiático ter destacado o anúncio de 50 mil empregos na Zona Leste da cidade oferecidos por um grupo empresarial após o município sancionar uma lei de incentivos fiscais que zeram tributos de empresas, universidades e hospitais que se instalarem na região.

"Isso é uma revolução na mobilidade da cidade. Serão 50 mil pessoas que não vão mais ter que pegar transporte de massa para chegar ao seu posto de trabalho, e não saiu uma linha sobre o assunto em nenhum jornal", enfatizou.

Haddad apontou como exemplos de políticas sociais aplicadas no seu primeiro ano de gestão o fim da progressão automática nas escolas municipais e a criação da "fila social" para as creches. "Toda a criança abaixo da linha da pobreza tem vaga garantida em creches do município de São Paulo", destacou.

Outras medidas de impacto de curto prazo apresentadas pelo prefeito foram o aumento de linhas exclusivas para os ônibus e a redução do tempo de espera nas filas do Sistema Único de Saúde (SUS). Em 2013, a SPTrans registrou acréscimo de 46% da velocidade de ônibus na cidade.

"Isso representa quatro horas por semana. Eu brincava outro dia com o presidente da CUT [Central Única dos Trabalhadores] dizendo 'vocês estão desde 1988 querendo reduzir a jornada de trabalho de 44 horas [semanais] para 40 [horas semanais]', nós devolvemos em seis meses quatro horas de trabalho para o paulistano com uma medida simples de mobilidade".

Quanto a redução das filas no SUS, Haddad contou que ocorreu uma queda de 15% do tempo de médio de espera por uma consulta, o que foi possível graças à criação de uma rotina de ligações para os usuários do sistema de saúde para confirmarem a ida nas consultas marcadas. "Se ele [o paciente] não confirma, eu puxo a fila. Só com essa gestão da fila e a abertura de 700 leitos na rede Hora Certa fizemos pela primeira vez a fila diminuir sendo que antes ela vinha aumentando 25% ao ano", lembrou.

Em relação as ações municipais para acabar com a "Cracolândia", Haddad explicou que uma equipe da prefeitura passou seis meses avaliando como enfrentar o problema "sem disparar um tiro, sem jogar uma bomba, sem um cassetete, sem ninguém apanhar".

O plano criado, que envolve a oferta de emprego, salário e moradia para usuários de craque, conseguiu, somente nos primeiros três dias de ação, retirar pacificamente 300 pessoas das ruas. Saiba mais na matéria "Tem que quebrar a ordem", como funciona o programa.

Para melhorar a análise dos dados que chegam todos os dias até a prefeitura, Haddad iniciou no ano passado a implantação do Sistema Integrado de Monitoramento, Execução e Controle (Simec), criado dentro do Ministério da Educação nos oito anos que dirigiu a pasta como ministro. "Hoje eu tenho praticamente online as informações do que está acontecendo nos equipamentos públicos", explicou.

Quando questionado sobre o movimento das manifestações de junho e os debates por democracia participativa iniciados por grupos de direitos sociais, Haddad respondeu que o incentivo a participação pública na sua gestão é tida como fundamental, destacando como exemplo a criação do Conselho das Cidades, realizada através da escolha de 1 mil conselheiros com eleições diretas que envolveram a participação de 120 mil paulistanos, além da revitalização dos conselhos da saúde.

O prefeito destacou que estão se esforçando para melhorar a comunicação com os paulistanos e admite que existe a necessidade de criar maiores formas de interação com a sociedade.

"Os problemas estão se tornando cada vez mais complexos e cada vez mais difíceis de serem resolvidos e comunicados. Então se eu tiver canais de comunicação, e aí as redes sociais também têm papel importante, acabo criando um ambiente mais propício para o debate", considerou.

Transparência

A Controladoria-Geral do Município (CGM) tem o mesmo poder da Controladoria-Geral da União, ou seja, o chefe da CGM não submete seu plano de trabalho à avaliação de Haddad, podendo agir da maneira que considerar melhor para o combate à corrupção, mesmo que tenha que investigar as ações do próprio prefeito. Haddad destacou também que em nenhum momento sua gestão se opôs a abertura de uma CPI do Transporte.

"O caixa do sistema [de transporte de ônibus] é administrado pela SPTrans, pela prefeitura, não pelos concessionários. Então ninguém tem dúvida sobre a receita. A dúvida é sobre a margem de lucro dos empresários, sobre as despesas. Por isso que, na minha opinião, só com a contratação da auditoria internacional nós vamos desnudar de uma vez por todas essa questão e vamos deixar claro as margens de lucro para a sociedade discutir", justificou.

Por conta das manifestações de junho, a prefeitura suspendeu a licitação para a concessão de empresas de ônibus no município e, em seguida, abriu o edital de contratação de uma auditoria internacional. Segundo o prefeito, quatro grandes empresas de análise se credenciaram, dentre elas a Deloitte, KPMG e a Ernst & Young.

Quem ganhar, terá acesso ao banco de dados de todo o sistema de transporte da metrópole e, somente após a entrega do relatório final à prefeitura, Haddad reabrirá a renovação de contratos.

Haddad concluiu a entrevista destacando que a impossibilidade de aumentar o IPTU, como a prefeitura havia planejado, impactará negativamente em obras pensadas para 2014.

O aumento de 800 milhões de reais aguardados pela prefeitura seriam aplicados como contrapartida dos 8 bilhões assinados como repasse da União ao município de São Paulo para projetos de infraestrutura.

"Para a construção de uma creche, por exemplo, o Ministério da Educação não repassa verba para a desapropriação, daí eu preciso de receita própria. Então, o dinheiro que eu precisaria para desapropriar eu não vou ter. Daí, não vou perder apenas o recurso do IPTU, e não há quem explique para a Fiesp que o prejuízo não é de 800 milhões e sim de bilhões de reais", argumentou.

Média: 4.2 (25 votos)
87 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Maria J.F.B
Maria J.F.B

Além de tornar S.Paulo uma Shangai

Além de querer tornar S.Paulo uma Shangai, o prefeito também exclui aposentados de seus planos de salários, assim nos tornaríamos os funcionários com menor valor pago como a China que exporta seus produtos a valores irrisórios à custa de baixos salários a seus operários.

Seu voto: Nenhum
imagem de Sta. Catarina
Sta. Catarina

Projeção política

Caro Nassif,

leio diariamente o seu blog, sempre com assuntos interessantes.

Não sou de São Paulo, mas resido no grande ABC há quase 14 anos. O que vejo é a prefeitura de São Paulo se tornando meramente trampolim eleitoral de políticos interesseiros e carreiristas, sem a mínima preocupação com os reais problemas da cidade. São Paulo merece mais que isto.

A entrevista é muito esclarecedora. Espero que o Sr. Haddad não esmoreça e continue sua gestão com fé e determinação. É de políticos corajosos, competentes e idôneos que este país precisa.

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Marco Ferreira
Marco Ferreira

Lembrando que,  o contrato de

Lembrando que,  o contrato de  refinacinamento com a  União,  consome  3 bilhões do  Orçamento Municipal, esse contrato é  extorsivo, a  dívida foi criada por títulos emitidos por Maluf,  e é paga religiosamente pelo Governo Paulistano, desde 2000  já  foram pagos  24 bilhões (até 2012),  a  dívida inicialmente era de 11,3bi,  já pagamos  24 bi e  devemos  60 bilhões.  O sr   Prefeito deveria fazer  uso de  dispositivos  constitucionais, suspender o pagamento dessa  dívida e  fazer  uma auditoria,  embora  essa  história já rendeu 3 CPIs.  Por outro,  lado poderia também esforçar-se para a cobrança da  Dívida Ativa (impostos a receber),  são  mais de  52 bilhões  que a Prefeitura  tem a receber,  que tal  dar  uma  "prensa" no pessoal da  Prrocuradoria Municipale  e executar quem tá devedno bilhoes?  Ah,  esqueci,  mas  esse povo que  deve tributos  contribui pra campanha eleitoral,  não dá pra ser  ingrato com  eles.  Xangai? Aquela cidade que  já foi  a número 1 do PISA?  

Seu voto: Nenhum
imagem de Monier,.,.,
Monier,.,.,

O Haddad soa nas entrevistas

O Haddad soa nas entrevistas e nas poucas ações que tem sido noticiadas pela Velha Imprensa, como um petista da ideologia clássica. Não deixou seu programa ser contaminado pelas alianças da governabilidade, e está sofrendo oposição (justa) nas ruas que balançaram no mês de junho, e injusta nos órgãos de governo, com suas liminares e sustações preventivas dos projetos e obras.

Apesar de tantas derrotas provisórias na execucao dos projetos, está pavimentando uma vitória ideológica na geração que vê sua conduta. Eu mesmo voltei a ter confiança de que é possivel um governo de esquerda que não preste continência às velhas oligarquias patrimonialistas. A cada oposição que o Haddad sofre da maquina publica de direita, mais orgulho de ter votado nele, e mais confiança de que a batalha vale a pena, e de que a distincao entre direita e esquerda é ainda mais clara do que o jurista Norberto Bobbio poderia imaginar.

Seu voto: Nenhum
imagem de Bruno44
Bruno44

"São Paulo tem condições de se tornar uma Xangai"

O entrevistador (Nassif) deveria ter perguntado o que ele quis dizer quando falou isso.

O que seria "se tornar" uma Xangai? 

Quando eu ouço falar em Xangai me lembro de ser um centro financeiro mundial e de ter prédios modernos apenas...

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Xangai não é apenas...

Caro Bruno, Xangai não é apenas um centro financeiro mundial, e nem um emaranhado de edifícios modernos e bem cuidados.

Ela é uma cidade administrada em favor de seus habitantes, e em favor de quem investe lá, que em troca de seus pesados impostos, têm a mais avançada infra-estrutura do planeta, e lá, nenhuma ONG ou representação empresarial, "mete o bedelho" na administração pública, tampouco o Poder Judiciário "avança" contra as decisões das suas Câmaras de Representantes, algo parecido com as nossas Câmaras de Vereadores, e a formação dos seus funcionários públicos, é a de servir à comunidade, e não ao setor empresarial.

E a maior diferença, é que os encarregados de gerir a cidade, uma espécie de secretários daqui, são profissionais recrutados no mercado, e que sendo bem remunerados, não são facilmente subornados, nem têm ligações partidárias com o Prefeito da cidade, a quem obedecem cegamente, no cumprimento das metas estabelecidas, e a quem respondem constantemente, pelo cumprimento ou não de suas tarefas, assumidas em contrato, como se a Prefeitura, fosse uma empresa.

Seu voto: Nenhum

O preço da liberdade, é a eterna vigilancia.

imagem de Fernandão
Fernandão

Pérola.

A pérola do dia: 

"...Entretanto o Supremo Tribunal Federal declarou o parcelamento inconstitucional prejudicando não apenas a cidade de São Paulo, mas todos os municípios do país. Precatórios são dívidas herdadas de gestões anteriores. São Paulo deve atualmente 18 bilhões em precatórios, valor considerado impossível pelo prefeito de ser pago de uma só vez por São Paulo, com um orçamento anual da ordem de 40 bilhões de reais..."

Defende-se o devedor em detrimento do credor, maravilha! Não consigo imaginar uma inversão de valores mais perversa do que esta. O STF está certíssimo, não é porque condenou alguns gatunos da elite petista que deve ser criticado sempre.  E daí que a dívida é antiga? Não interessa quem é o prefeito, a dívida é do município e deve ser paga. Vai prejudicar todos os munícipes? Ora, eles são o município, quando um município deve são seus cidadãos que devem. E porque afinal alguém quer ser prefeito de um município endividado até o pescoço? Ninguém obrigou o Sr. Haddad a candidatar-se. Ele que trate de resolver os problemas de São Paulo, é sua obrigação, não nos faz nenhum favor.

O problema do transporte público em São Paulo só tem uma solução: morar perto do trabalho, o resto é maquiagem, tinta, apenas desperdício de tinta, paliativo que em 1 ou 2 anos perde o efeito, assim como o que está fazendo na cracolândia, paliativo equivocado que estranhamente não é criticado pelos "progressistas" regressistas que tanto taxaram de higienistas medidas como estas tomadas por outras administrações. O "poder econômico", entidade fantástica e imaginária barrou o aumento do IPTU! Ótimo, seja lá o que for isso, nos salvou de um assalto!

E eu que pensei que era impossível um prefeito ser pior que o Kassab, que o Pitta, que a Marta, enfim, esperemos que melhore no resto de seu mandato, e que tenha vindo para governar e não para ser cabo eleitoral do PT. Ou que mude de ramo de trabalho e compre uma fábrica de tintas.

Seu voto: Nenhum

  Se você acha que ele é pior

  Se você acha que ele é pior que o Kassab ou o Pitta, ou você não mora em São Paulo ou gosta de corrupto.

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de nelson.p
nelson.p

vc acha que ele é o pior.


Não ele não é o pior,mais não é o melhor, São Paulo ou qual Estado da Federação Deveria ter apenas 4 partido pos só assim diminuiria a quantidade de corrupição que existe dentro do Pais, Lamento esta historia do que o PT é um partido salvador Hoje 90% dos politico estão envolvido em corrupição ativa ou passiva, isso sem contar com o disperdicio de dinheiro que todos realmente todos os politicos sem esseção, faz desse pais algo lamentavel, portanto nehum politico pode ser considerado maelhor ou pior são tudo farinha do mesmo saco, apesar que saco tem mais utilidades do que eles, já que eles não prestão nenhum favor para os Brasileiro são pago e muito bem pagos para roubar agente.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Se a juristrocracia deixar né

 

 

Luiza Tonelli: STF e mídia estão nos conduzindo a uma juristocracia

 

Genoino pagar a multa não significa “assumir” que é culpado

por Maria Luiza Tonelli

Estamos vivendo, há tempos, um processo galopante de judicialização da política. Nesse contexto, o discurso e os debates políticos começam a tomar a forma de uma linguagem jurídica, substituindo a linguagem política. Tanto os que pretendem vencer nos tribunais o que não conseguem nas urnas como os que representam a a maioria apelam para o discurso jurídico nesse processo de verdadeira tribunalização da democracia.

O paradoxo está no fato de que a linguagem do Direito, que não é a da política, necessita de conhecimento técnico. Questões jurídicas, ou seja, do Direito, são questões técnicas. Portanto, não se trata de uma questão de opinião, mas de interpretação. Mas a judicialização galopante nesses tempos de criminalização da política parece estar formando um país de “operadores do Direito”. Sem conhecimento de causa, deita-se falação a respeito questões das quais se desconhece.

O introito acima presta-se à critica a respeito do debate sobre o pagamento da multa imposta a Genoino em decorrência da sua condenação pelo crime de corrupção ativa, já transitado em julgado.

É compreensível que as pessoas que não têm conhecimento jurídico fiquem indignadas com a obrigação de Genoino, um político que em toda a sua vida não acumulou patrimônio e que jamais teve seu nome ligado a qualquer indício de corrupção, ao pagamento da multa que hoje já passa de 600 mil reais no prazo de 10 dias.

O que não é compreensível é o fato de a imprensa e os blogs não informarem aos leitores sobre o significado da multa imposta a um condenado pela justiça, dando margem a julgamentos ora sob critérios morais, ora sob critérios políticos, quando a questão deve ser analisada sob critérios jurídicos. Ou temos uma imprensa cujo jornalismo é rasteiro, de péssima qualidade, ou a questão é de má-fé mesmo, apenas para servir como mais um pretexto de disputa política.

Portanto, ao leitor deveria ser esclarecido que não cabe a um condenado a opção de não pagar a multa. No caso de Genoino, embora não tenha como arcar com o montante que lhe foi imposto, cumpre pagar. Caso não pague no prazo, a pena não se extingue. Genoino foi condenado a cumprir a pena privativa de liberdade e a pena de multa. Pagar não significa “assumir” a culpa, pelo simples fato de que foi considerado culpado. Por isso foi condenado. Se é justo ou não é outra questão. Achar que pagar a multa é assumir a culpa seria o mesmo que achar que ao entregar-se à justiça Genoino assumiu que é culpado.

Portanto, o ato de solidariedade a Genoino no sentido de arrecadar doações significa ajudá-lo a cumprir uma obrigação que ele tem com a Justiça e que não terminaria após o cumprimento do tempo da sua pena privativa de liberdade, caso o pagamento da multa não seja quitado. Repetindo: a multa é uma pena pecuniária. Uma pena que tem que ser cumprida. É disso que se trata.

Decisões judiciais devem ser cumpridas, porque são questões legais. Se achamos que são injustas que mudemos as leis através da política. Aí sim, estaremos no campo da democracia e da opinião. É pelo exercício da política que aprofundaremos a democracia, o regime da instituição de direitos.

O poder emana do povo e é exercido através de representantes eleitos. Por isso a democracia é o regime, ou sistema político, da soberania popular.

Juízes não representam o povo, pois não são agentes públicos eleitos. Aos juízes compete julgar de acordo com as regras constitucionais e leis que são criadas pelo parlamento, em nome do povo soberano.

Diante de tudo o que foi exposto, é bom que comecemos a pensar sobre o que está acontecendo neste país. É preciso que se crie uma cultura dos direitos, sem a qual não existe verdadeira democracia. O discurso do Direito é não pode substituir o discurso da política. É isso o que interessa à direita. Não é por acaso que a parceria entre a mídia hegemônica e o STF estão nos conduzindo a uma juristocracia. Compete aos poderes políticos, principalmente ao poder Legislativo, retomar as rédeas da política. É a democracia que está em jogo.

Maria Luiza Tonelli é advogada, professora, mestre e doutora em Filosofia pela USP.

Leia também:

Patrick Mariano: “A decisão de não transferir Genoino é ilegal, arbitrária e desumana”

  •  

 

Seu voto: Nenhum

Grato, Spin F

imagem de Luiz Cavalcante
Luiz Cavalcante

S.Paulo poderá se tornar uma Xangai

Gostei desta ideía, SPaulo poderá ser uma Xangai. Sim,  mas daqui a quantos séculos?

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Que tal, apostarmos em

A julgar-se pela economia que o Prefeito Haddad conseguiu fazer, com uns poucos atos corajosos e até anti-populares, em apenas um ano, mesmo contra todo um esquema viciado herdado de adms. anteriores(e de funcs.que não poderiam ser dispensados) bastaria que a Câmara de Vereadores apenas legislasse( e não participasse dos esquemas)e que os diversos tribunais de justiça, não resolvessem administrar a cidade, sem terem obtido este direito pelo voto, e que a elite, pagasse os impostos devidos e não sonegassem deixando acarga tributária, apenas para os pobres. 

Seu voto: Nenhum (3 votos)

O preço da liberdade, é a eterna vigilancia.

imagem de Jose Saguy Tenorio
Jose Saguy Tenorio

As leis que não pegaram

Nas administrações anteriores, da prefeitura de São Paulo, tivemos o Serra, tomando uma medida importantíssima para a população de São Paulo, que foi obrigar os feirantes a venderem bananas por quilo, mas infelizmente a lei não pegou. KKKK

Já o prefeito Gilberto Kassab aprovou duas leis tão importantes quanto a do Serra
1- Proibio os feirantes de gritarem na feira, também não pegou

2- Aprovou uma lei que determinava que o horário das feiras iriam até as doze horas. Não pegou também kkkk

Estas foram as participações dos dois prefeitos anteriores ao prefeito Fernando Haddad, quer dizer, em um ano ele fez muito mais do que os dois prefeitos anteriores. E creio que fará muito mais, pois tem capacidade para isso, mesmo tendo que encarar os Saads, Skafs, Globo, Band, Estadão, Folha, Abril e tantos outros adversários fortes economicamente. Por falar em adversário, ninguém fala nada da campanha antecipada do Skaf, usando a condição de presidente da Fiesp e fazendo propaganda descaradamente? ah se fosse o PT.

Seu voto: Nenhum
imagem de Jose Saguy Tenorio
Jose Saguy Tenorio

Quebrar a ordem

O Prefeito Fernando Haddad acertou de cara, em dar a entrevista exclusiva para um blog sério como GGN.

Agora, uma medida muito legal e de interesse público, que o prefeito poderia tomar, seria mudar os horários de partidas de futebol aqui em São Paulo, se fizesse isso daria uma demonstração inequívoca que quer realmente quebrar a ordem.

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Jose Saguy Tenorio
Jose Saguy Tenorio

Rolezinho num Shopping de Miami

Eis a tradução das palavras do Prefeito Haddad

http://www.viomundo.com.br/denuncias/paulo-zolin-haddad-da-parque-ao-pov...

http://www.viomundo.com.br/politica/com-apoio-do-psdb-ptb-governo-alckmi...

http://www.redebrasilatual.com.br/blogs/helena/2014/01/iptu-de-barbosa-e...

DenúnciasPaulo Zolin: Haddad dá parque ao povo; Serra deu parque à Globo

publicado em 25 de dezembro de 2013 às 16:27

 

Eis a traduçnao das palavras do Prefeito Haddad

Seu voto: Nenhum
imagem de Jose Saguy Tenorio
Jose Saguy Tenorio

Isentos de IPTU?

Pessoal, participei de uma tensa discussãa outro dia sobre o pagamento de IPTU na cidade de São Paulo, em que alguns colegas diziam que Bancos, Shoppings, Clubes e igrejas não pagam IPTU. Alguém poderia confirmar isso?

Seu voto: Nenhum

Quem paga imposto.

Companheiro, não procede a informação, de que os bancos, os shoppings não pagam impostos. Alguns clubes e associações, assim como igrejas e estádios e ginásios de esportes, desde que façam trabalhos sociais nas comunidades onde atuam, porem o que é injusto, é que os imóveis de alto padrão e os grandes proprietários de imóveis comerciais e de aluguel, pagam menos que os moradores de pequenas residencias da periferia(pelo menos em Sampa) quando pagam, pois a maioria sonega e/ou entra com recursos na justiça, e protelam indefinidamente o pagamento. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O preço da liberdade, é a eterna vigilancia.

Imunidade tributária

As igrejas gozam de imunidade tributária por conta de disposição da Constituição Federal ( art. 15O, inciso IV, letra b). É, assim, vedado aos entes estatais, ou seja, a União, o Estado e ao Município instituir impostos sobre templos religiosos, portanto, não se pode cobrar o IPTU das igrejas.

Desconheço a legislação do municipio de São Paulo, mas como incentivo podem haver leis que isentem ( não é o caso de imunidade) entidades assistenciais ou até atividades necessárias ao Município ou distrito desde que haja interesse publico,

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Jose Saguy Tenorio
Jose Saguy Tenorio

PT quer transformar São Paulo numa China!

"São Paulo tem condições de se tornar uma Xangai?"

Vai aparecer uma mula e dizer assim "Bem que eu desconfiava que esse pessoal do PT queria transformar isso aqui numa China" e tirar a nossa liberdade kkkkk

É dureza, mano... lidar com essa cambada! kkkk

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de Carlos Jordan
Carlos Jordan

Seriedade e comprometimento

Caro amigo.. este site, bem se vé que é de pessoas serias e comprometidas com as coisas do interesse público e da maioria da populaçao.. independente de partidos..  veja o nível de comentarios que as pessoas postam aqui..    ok  

tenha um bom dia

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Douglas Pereira
Douglas Pereira

Argumentos para que?

Gastei um tempão para redigir um comentário, afinal, moro em SP e conheço prataticamente todas as grandes cidades do mundo. Desisti e resolvi apenas resumir a minha opinião em uma frase " Haddad é um cara de pau " argumentar é perda de tempo. Isso  uma pena!

Seu voto: Nenhum (15 votos)

Vamos meu caro Douglas, venha

Vamos meu caro Douglas, venha com argumentos, uma frase de efeito é pouco para um "cidadão do mundo". 

Seu voto: Nenhum (11 votos)
imagem de douglas 2812
douglas 2812

"cidadão do mundo"

 

ARGUMENTOS.....SÓ ALGUNS PORQUE NÃO ASSISTI TODOS OS VIDEOS:

1- Um Prefeito que diz que São Paulo pode seu uma Shanghai, ou não conhece Shanghai, ou não conhece SP ou está tentando enrolar trouxa. A infraestrutura da cidade chinesa é absurdamente maior que a nossa, no ritmo deles levaríamos uns 20 anos para chegar lá, como nosso ritmo deve ser  uns 10% do deles. Daí agora é só fazer conta.

 

2- Os tais corredores de ônibus que ele espalhou pela cidade, alguns um incrível exemplo da mais pura falta de inteligência, logicamente melhorou a vida de muitas pessoas. Agora vamos pensar....

a) Melhorou a vida de quem anda de ônibus mas piorou a de quem anda de carro, como ele diz que melhorou a vida do trabalhador, imagino que para ele só quem anda de ônibus é  trabalhador, uma bobagem. Ele pode até ter melhorado a vida do trabalhador que vai e volta apinhado em ônibus, mas o "jenio" não fez nada para melhorar o transporte público, ampliar a quantidade de ônibus, fazer bolsões de estacionamento etc., logo..... O Pior de tudo é que, São Paulo, como cidade de negócios, precisa se locomover de carro e isso piorou muito, o que certamente terá efeito financeiro e de empregos como consequência. Só que esta conta ele não faz.

2- Quanto ao incentivo à Zona Leste,  pode até ser  bom. Só que aquele lado da cidade já é o que mais cresce  há muitos anos, o que ele fez vai no máximo manter a tendência. Quanto a ele reclamar da imprensa, essa já é a parte imbecil da história, políticos do PT se especializaram em promessas futuras, haja visto o pré-sal. Além disso, com o Nassif disse em outro post, espremendo, estatísticas revelam qualquer coisa.

3- Crak,  quando ele fala que conseguiu com o novo programa dele retirar 300 viciados daquele mundo ( como se isso fosse já um fato) , acho que ele se superou como cara de pau. Veja, se ele mesmo diz que o universo de viciados é de 60.000, o que  o programa dele fez foi  nada, em 60.000 certamente bem mais de 300 por semana saem ou entram para este mundo com ou sem programa nenhum. Para mim discurso dele sobre o assunto foi uma pérola de cafajestice, não falou como gestor, falou como padre ou político atrás de votos. Muitas cidades no mundo tem uma política dura contra os viciados e não têm os problemas de criminalidade que temos. Na Shanghai que ele não conhece e  erroneamente colocou com um objetivo para São Paulo, quem é pego com drogas MORRE. Inclusive isso vem escrito no visto de entrada para a China.

4- Dizer que a FIESP é a culpada pelo não aumento do IPTU e tentar jogar o "Poder Econômico que ganha dinheiro em SP" contra os  "Os interesses dos pobres e trabalhadores  de  São Paulo"... o nome disso é Canalhice de Políticos de Republiquetas de bananas  Latino Americanas. Primeiro que há Máfias em Prefeituras por todo o Brasil, é só a Polícia e a Justiça agirem e por esta turma na cadeia que isso diminui muito. Só que infelizmente o Partido do Prefeito não concorda muito com esta tese, se concordassem aprovariam lei duríssimas contra corruptos, mas isso eles nem cogitam. Por isso, nem da para acreditar que ele não vai tirar os ladrões que estão lá e por outros, alinhados com a turma dele.

5- A Prefeitura está retornando para a cidade Praças e Logradouros. Isso é simplesmente MENTIRA.

Eu teria mais uma infinidade de argumento para afirmar que este Prefeito é um perdido, mas deixa pra lá, vão acabar me taxando de Tucano. E eu sou só um aposentado que mora em São Paulo, que ganha cada vez menos falando de um xarope que acha que eu tenho que pagar mais IPTU para cobrir o de quem não paga, que  não pode mais passear na minha cidade por medo de ser morto por algum maluco como os que povoam a praça perto da minha casa. UMA BANANA PARA ESTE PREFEITO.

Seu voto: Nenhum

Cadê os argumentos ?

Prezado, você deve ser um destes aposentados esclerosados, que não aceitam o "novo" representado pelo Prefeito de São Paulo, que revolucionou a administração, que só governava para os ricos e residentes da zona sul da cidade, e para preservar os bens adquiridos sem pagar os impostos justos, pelos aposentados e pela maioria dos que vivem de renda proveniente de alugueis em imóveis de alto padrão, porem não pagam o IPTU, e com isso, sacrificam os mais pobres.

Rebaterei, um a um seus pobres argumentos:

 1) Em Xangai, não existe aposentadoria por conta do Estado. Lá só aposenta-se, quem tem previdencia privada;

2) Naturalmente você não anda de ônibus, e se andar, sacrifica os que pagam, pois circula gratuita, e indevidamente, prejudicando a quem precisa trabalhar e ter tempo para viver, e está conseguindo, com menos tempo, dentro dos ônibus;

3) Os primeiros 300 viciados e dependentes do crack, retirados sem o uso da fôrça, pelos serviços sociais da Prefeitura, é o 1º degrau desta revolução sem armas, o que nenhum prefeito anterior sequer tentou fazer;

4) Elogiar a FIESP, é confessar ser uma pessoa que não conhece a camarilha do Paulo Skaff, cujo maior interesse, é confinar os pobres paulistanos a um gueto, e separa-los da eleite(um conselho: na próxima eleição, vote no Skaff, assim ele terá 11 votos, pois os outros 10, são dos seus familiares;

5) Defina "mentira" depois de visitar as novas praças e ruas revitalizadas, pela atual administração;

Finalizando: Bananas para você, que é macaco de auditório oposicionista.

 

Seu voto: Nenhum

O preço da liberdade, é a eterna vigilancia.

  Douglas, parabéns pela

  Douglas, parabéns pela argumentação, que te põe a anos-luz de analfabetos funcionais como aquela Karin. Vamos lá:

 

  1 - O  Haddad está falando de POTENCIALIDADE. É ÓBVIO que não é ele que vai fazer tudo sozinho, mas cabe ao prefeito (qualquer um) ser o INDUTOR. Depois de várias e péssimas administrações, finalmente chega um que parece GOSTAR da cidade. Na questão de SP falida, ele lembra o prefeito de NY Ed Koch, que nos anos 70 chamou a responsabilidade para si de revitalizar a cidade. Ou é isso ou ficar choramingando que SP não tem jeito;

  2 - Em NY (de novo) quem faz negócio ou usa táxi ou vai de metrô, não fica passeando de carrinho por aí. O metrô é responsabilidade do governo do ESTADO, que o paulistano bovinamente desconhece, achando bonito 1km de metrô a mais por ano. Cabe à PREFEITURA (você deve saber disso) gerir os ônibus, e ÔNIBUS MAIS RÁPIDO significa TRABALHADOR QUE CHEGA NA HORA E ESTÁ MAIS DESCANSADO PARA TRABALHAR MELHOR. Isso para você não tem a ver com negócio ou vocÊ acha que aquele pessoal dentro dos ônibus fica apenas passeando pela cidade?

  2 (de novo?) - o incentivo à ZL é para CRIAR EMPREGO LÁ. Para CRIAR EMPREGO. Cada habitante que morar lá que passar a TRABALHAR LÁ é UM A MENOS para encher metrô e mesmo AS RUAS, se ele tiver CARRO. ENTENDEU como isso acaba beneficiando toda a cidade?

  Adendo: pare de ler só a Veja. A Petrobras já produz 300.000 POR DIA no Pré-sal, NÃO TEM NADA de promessa futura, já é REALIDADE.

  3 - Existe UM CAMINHÃO DE EXEMPLOS para mostrar que repressão pura e simples NÃO FUNCIONA. Ele está tentando algo DIFERENTE, que PODE OU NÃO funcionar. O que você sugere, matar todos os viciados?

  4 - SIM, a FIESP tem culpa no cartório. O SKAF (conhece?) se empenhou pessoalmente em derrubar o novo IPTU até via Brasília, e não foi só ele. Quanto aos corruptos, você PROVAVELMENTE SABE que o Judiciário é poder AUTÔNOMO, não é controlado pelo PT. Ademais, o Haddad instituiu a Controladoria do Município, órgão que desvendou a MÁFIA DO ISS. Isso você não sabe ou não interessa lembrar?

  Não vou te taxar (nem tachar) de tucano, mas por que vocÊ não cobra providências do seu governador? Política de segurança é COMPETÊNCIA ESTADUAL, então é responsabilidade DELE se vocÊ tem medo de ser morto pelos malucos que moram na praça perto de sua casa. OU DO ALCKMIN VOCÊ ACHA QUE NÃO PRECISA COBRAR NADA?

  Sem mais.

 

 

 

Seu voto: Nenhum
imagem de José Silva
José Silva

Interessante

Interessante e importante ouvir o governante.

Propostas boas, em sua maioria.

Mas, não entendo o porquê de insistir tanto no aumento do IPTU? Há outras possibilidades para o prefeito.

Seria importante que os governos do DF e outros Estados estudassem as propostas de Haddad. Mesmo governantes que são do mesmo partido não possuem o cuidado que ele tem.

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Eduardo da Silva
Eduardo da Silva

Aumento de IPTU

 

Você comprou uma casa por 120 mil reais em 1980 e hoje ela vale 500 mil ou mais valorizou mais de 400% e tá regulando um ajuste de 40% no IPTU?

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Vellinha
Vellinha

Aumento de IPTU

Ha que se levar em conta o aumento da renda familiar de quem ocupa um imovel, nao da para simplesmente aumentar o IPTU  porque seu imovel valorizou, individualmente nao somos responsaveis pelo crescimento e valorizacao da regiao onde se habita ha anos, logo nao da para aplicar a valorizacao sobre imoveis habitados, para estes , e necessario levar em conta a renda do proprietario, ja para quem adquire um imovel novo ou usado a valorizacao devera ser aplicada no IPTU

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Levar em conta.

Cara Vellinha, procure ler na íntegra, a proposta para o IPTU, de São Paulo, para o ano fiscal de 2014, e aí você verá que a Câmara aprovou a aplicação de um reajuste, aprovado na gestão Kassab em 2009, e adiada para entrar em ação, neste ano, e as únicas mudanças que a adm. municipal atual acrescentou, seria um aumento para os imóveis de áreas nobres, em imóveis comerciais e em imóveis alugados, e em troca, diminuiria e até isentaria as residencias da periferia.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O preço da liberdade, é a eterna vigilancia.

imagem de Laure
Laure

Nota 10 para o primeiro ano da Gestão Haddad.

Haddad é a melhor revelação da última safra de prefeitos brasileiros. Haddad demonstra lucidez, competência, criatividade, honestidade e profundo conhecimento sobre a cidade que administra. São Paulo está de parabéns, pois conta com um líder que realmente busca o bem estar para seus cidadãos e que não tem medo de ousar na incessante busca por melhores soluções para equacionar os enormes e graves problemas historicamente acumulados pela cidade. Nota 10 para o primeiro ano da Gestão Haddad.

Seu voto: Nenhum (20 votos)
imagem de henrique cesar
henrique cesar

São Paulo pode ser uma Xangai?

Pode, basta começar por atravessar a cidade com largas vias urbanas e com sobreniveis, já começaria a ficar parecida....mas não tem nem dinheiro para investimentos por causa de 0,30 centavos na condução....Mais mentiras. Por que damos ouvidos???

Seu voto: Nenhum (10 votos)

Não é isso, não é verdade?

Henrique, você sabe que nao é a questão dos trinta centavos na condução. Inclusive, não haverá majoração no corrente ano na tarifa dos ônibus.. Aparentemente, a diferença na tarifa não poderia pesar tanto, mas são milhões e milhões de passagens no decorrer do ano. É realmente muito dinheiro..

E Haddad contratou uma auditoria para levantar o preço da tarifa. Ele vai por o dedo na ferida.

Já o fez, criando a Controladoria Municipal, que permanentemente e com autonomia irá levantar as irregularidades praticadas pela administração municipal. Com isto, a arrecadação do ISS já melhorou quinhentos milhões de reais no decorrer deste ano.

E você sabe, perfeitamente, que há 18 bilhões de dívida, em precatório, sendo cobrado da Prefeitura e que o STF, sempre o STF,  entende que a dívida não pode ser parcelada, mesmo com  legislação constitucional permitindo.Mesmo que pessoas insinuem que as declarações do alcaide sejam mentirosas, a verdade está nas ruas há muito tempo. E basta você conferir nos TJSP e poderá conferir a série enorme de precatórios a serem pagos.

Os investimentos, para melhoria da mobilidade urbana, irão ser feitos, com o auxílio do governo federal. Todos estes problemas, Henrique, são de décadas e décadas, que não têm condições de serem corrigidos de imediato. É uma questão que envolve também muito tempo para ser corrigido.

O importante é Haddad ter começado a fazer as mudanças.  Precisou ter muita coragem.

Confio no prefeito. Ao final do mandato, teremos resultados surpreendentes.

 

 

 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Parabéns ao GGN

Caros,

Prestigiem os conteúdos inéditos (como este)  produzidos pelo GGN compartilhando-os suas redes.

É importante para que eles atinjam mais e mais pessoas.

 

Seu voto: Nenhum (8 votos)

Gilberto .    @Gil17

imagem de silvinho
silvinho

O pig  vive cobrando

O pig  vive cobrando honestidade alheia, mas,no fundo, o pig não gosta de gente honesta como Haddad. 

O pig gosta mesmo de gente sofisticada que possui conta secreta nos paraísos fiscais. Contudo, o din-din  que irriga as contas secretadas foram roubados dos cofres públicos. 

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Nassif, Tá feia a coisa

Nassif, 

Tá feia a coisa hein?!? Uma excelente entrevista, com o Haddad mostrando ao que veio, desmascarando sem dó nem piedade quem atravanca o desenvolvimento de São Paulo. Aí,  seu blog vira um inferno, os comentários mais parecem os que se vê lá no tio rei. Isso só tem uma explicação, a oposição já sabe quem será o candidato do PT à presidencia em 2018 e já tá mandando seus cães amestrados invadir tudo, querem acabar com o Hadad já. Se eu fosse dono do blog, deixaria de ser republicano e espantava esse bando que baixou por aqui hoje. Credo!

Seu voto: Nenhum (11 votos)

L U L A      2 0 1 8   !

imagem de Berilo Pastor
Berilo Pastor

Muito boa a sua observação

Muito boa a sua observação meu amigo(a) RACS.....

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de ArthurTaguti
ArthurTaguti

E a rede pública de educação?

O Haddad é muito, muito bom.

Não gostei muito da gestão dele no MEC, mas agora na Prefeitura está sabendo o que fazer, em termos de planejamento para melhorar a cidade. Eu não acredito que seja permanente esta má avaliação dele. Quando os resultados começarem a aparecer, os votos virão.

A maior omissão desta entrevista é sobre a educação pública. Haddad fala em Xangai, mas esta metrópole possui os melhores índices educacionais do mundo. E, pelo visto, a educação de SP continuará rumando em piloto automático, ceifando oportunidades acadêmicas e profissionais de mais uma geração de paulistanos.

Não que seja culpa dele (era quando estava no MEC). Em todo Município falta dinheiro para garantir uma qualidade mínima necessária, mesmo no mais rico do país. Talvez seja mais uma mostra de que a questão do financiamento do ensino é a mais fundamental a ser discutida.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Candido Wagner Sant'Anna
Candido Wagner Sant'Anna

Grande Haddad, o sabe tudo...

Gostaria imensamente que ele desse nome ao "PODER ECÔNOMICO", aí sim poderemos saber quantos políticos de São Paulo pertencem à este "PODER".

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Despeito !

O Nassif entrevistou o Haddad - ótima entrevista !  Um belo conteúdo para diversos temas atuais que devem ser discutidos aqui no blog.

O que estamos vendo nos comentários do blog é que um monte de paulistas reacionários, elitistas ou simplesmente bairristas extremosos e radicais, por não gostarem de nada que lembre PT, Lula, Dilma, Bolsa-família, Social, Universidades, Petrobras,empregos......estão espumando de raiva pois o prefeito-poste que o GRANDE CERRA ia engolir, está, via internet e blogs sujos, mostrando que SAMPA tem luz .  Foi só quebrar alguns comportamentos seculares que os resultados começaram a aparecer.

Mas não, o paulista que tem o seu BMW fica P da vida de estar no engarrafamento e fica mais tri- P da vida quando vê o ônibus do marmita passando ao lado na faixa exclusiva - são os sinais do tempo, que em outros países já chegou há decadas e aqui precisou de um "Cara" para tirar o atraso proposital e criminosamente elitista que precisa manter uma escravidão que faça o esforço braçal para que o intelectual ganhe dinheiro. Com a chegada da computação, a inteligêncuia=ia e a criatividade se alojou na máquina e cada vez mais os filhos dos lixeiros sabem operá-la, e inflam o mercado dos intelectuais, que não negociam "um bom para todos ",  e  promovem reações adversas, chulas, magoadas e bobinhas.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

MRE

imagem de Antonio C.
Antonio C.

Se Haddad fracassa, a cidade fracassa (e a culpa é da cidade)

Quem acreditou no Serra? No Kassab? No Maluf? No Pitta? Quem é que acha, ainda, que foi apenas com seu próprio esforço (sic) que comprou seu automóvel para entupir a cidade? Infelizmente, é a velha briga nietzscheana entre o orgulho e a memória ("foi desse jeito"/"não, não foi"). Os Calligaris da vida escreviam, há alguns anos, que a cidade estava um caos e que o negócio era sonhar (só esqueceu de dizer que parte da frustração se transforma em imagens, sonhos...). De repente, o pastel de feira não cobre os problemas de uma cidade em que meteram a mão! Quem foi que meteu a mão? E agora, com uma cidade falida (chegamos ao status nova-iorquino da década de 1970, felicitem-se!), alguém tenta resolver... Não, não pode. Entre a teimosia e a ansiedade, ninguém pode mexer na cidade, ninguém pode mudar esse modo de vida assassino. E lá foi o Haddad mexer no IPTU e fazer com que quem tem mais pague mais (não seria assim uma ótima proposta para o IR de todo mundo???). Iludidos pelo pastel de feira, agora os mesmos abraçaram a ideia de "injustiça" do IPTU. Ah, veio da Fiesp a ideia? Lamento, Boilesen não me representa.

Sinceramente, se o Haddad não conseguir mudar muita coisa por aqui, eu não o culpo. A cidade não tem nada de mente aberta e cosmopolitismo. É o "dilema de Ibsen": quando a cidade funciona por meio de vícios, torná-la decente é uma ameaça para quem mora nela. Você é bom, Haddad, pode ter certeza.

Seu voto: Nenhum
imagem de José Nildo
José Nildo

Qual a marca

O PT e o PCdoB precisam tornar a amaior floresta de concreto da américa latina mais brasileira e mais humana.

A cidade de São Paulo tem instintos patrimonialistas conservadores concentrados nas mãos de pouco mais de uma centena de pessoas.

Portanto, fazer a lei funcionar onde historicamente plano diretor algum teve êxito será o mesmo que fazer aquilo que o Rio de Janeiro fez no início do século XX com Rodrgues Alves (1902/1906).

A reformulação paulista é mais que necessária, mas é preciso pulso político para alterar velhas estruturas.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Marcio de Castro
Marcio de Castro

"Cortamos custeio"

Logo no primeiro vídeo já percebo a incoerência da fala do Sr. Prefeito. Como se corta custeio? Criando 4 novas secretarias e uma subprefeitura para acomodar aliados? A previsão é estes cargos causem um impacto de cerca de R$ 17 milhões ao ano na folha de pagamento da prefeitura. Então fica a dica: governar é para poucos.

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de Marcos Fernandes nunes
Marcos Fernandes nunes

O bolsa craque e muito triste

O bolsa craque e muito triste em quanto famílias lutam para tira z filhos do vicio o prefeito paga para eles usarem em vez de tratar primeiro e depois socializar o viciado ele esta estimulando eles a usar NAO tem lógica este bolsa craque invista em locais decentes que eles vao se tratar mostre que o lugar tem tudo de para eles se recuperarem ai sim você prefeito terá resultado deste jeito a abordagem só fica legal mais o vicio continua a maioria dos casos necessita de internação e por fina socializacao e acompanhamento pisiquiatrico em alguns caso ate o fim da vida prefeito para de inventar ou tampar o sol com a peneira que sera melhor a populacao vai reconhecer medidas que visam o cidadao NAO voto

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Fernando Haddad

O PT precisa realmente de cara nova e bem lavada. Taí o "cara" que administra e bem a maior cidade da américa latina. Isso não é pouco. Isso é uma realidade. Só não vê  um monte de burocratas e tecnocrats de plantão.

Competência é para poucos. Haddad será o futuro governador de São Paulo.

Quem viver verá!

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de Josimar Sampaio
Josimar Sampaio

PARAÍSO dos Crakeiros

Certamente com a Bolsa Crack, toda população de rua de todo e todos os crakeiros do Brasil estão na estrada, rumo para São Paulo, para o Paraíso do Crack, q tem um prefeitinho q paga 450 reais, mais hotel para todos os tipos de orgias, ACORDA POVO POIS NÓS Q PAGAMOS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Seu voto: Nenhum (11 votos)

paraiso do crack

O cara mal tem o dinheiro da pedra ....vc quer que ele pegue passagem de onibus ou """"carona""" de outro crackeiro  e venha para são paulo morar na boca ? Da onde você tirou este tipo de raciocínio ?

Seu voto: Nenhum (3 votos)

alexandre A. moreira

O PIOR CEGO É AQUELE QUE ENXERGA, MAS NÃO QUER VER

Dizem que “ o pior cego é aquele que enxerga, mas não quer ver”

Diz, ainda, Eliardo Alves, que " o pior cego não é aquele que não vê, e sim aquele que finge não enxergar, o pior surdo o que finge não ouvir, o pior mudo ,o que não admite,e  a pior mentira é enganar à si próprioO

Ora, não acredito que você não esteja enxergando que esta é a melhor saída para o povo brasileiro. Os viciados que estavam aguardando o dia da sua morte, prostados nas sarjetas, sujeitos às intempéries,  sofrendo, máxime em ver, cada dia a mais, sua autoestima submergir, afunda, e sua dignidade inexistir, devem ser auxiliados para tentarem sair daquela situação.

E você sabia que este programa tem razão de ser.

Ah, bolsa Crack, na verdade, é um programa do PSDB, do governo Alckmim.

O programa do prefeito Haddad é outro. É o braços aberto. Tem a mesma finalidade,que é a recuperação do viciado, que é uma vítima e não um criminoso.

Temos que ter, na verdade, um pouco de solidariedade e compaixão, apoiando iniciativas como esta. Seja do governo socialista,como Haddad, seja de um conservador, como Alckmin.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Walter o primeiro
Walter o primeiro

Ele não poderia falhar, mas.........

Eleição vem ai e a tucanada esta respirando aliviada.

Toda fez que cruzo a Vital Brasil e passo do lado da estação do Metro Butantã, ou pego a Ascendino Reis vindo da Borges Lagoa, observo até que ponto uma medida correta pode ser um desastre quando mal planeja. Isto sem falar na 23 parada e as faixas vazias.

Adéque logo estas faixas para somente horarios de pico antes que sua popularidade fique ainda mais baixa

Seu voto: Nenhum (10 votos)

"Toda fez que cruzo a Vital

"Toda fez que cruzo a Vital Brasil e passo do lado da estação do Metro Butantã"

  Prezado, moro na região há oito anos, uso transporte público e VI o quanto melhorou a situação.

  Claro que o metrô segue imbatível em eficiência - mesmo superfaturado, sucateado e "concedido" - mas o querido governo PSDBista de nosso estado não curte muito investir em metrô.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de wilsonr
wilsonr

recompensa para invasor vira moda

No Brasil, a Constituição garante a propriedade privada, ou não?

se a propriedade é privada, tem dono, então quando um grupo,organizado, invade a propriedade privada, qual deveria ser a atitude dos governantes, policia, etc. impedir, ou não?

agora esta pegando moda, se voce retira o invasor, tem que indeniza-lo, então esta se premiando o crime. é muito ´facil, enche um ônibus, alias, vários ônibus de invasores, e invadem um prédio (delcaração de uma lider de invasores, que tinha um carro de alto luxo, eta no youtube).

ai eu pergunto ao ilustre prefeito, quanto a prefeitura esta gastando em bolsa aluguel, aluguel social. etc.

e é justo pagar alguel, para invasores, enquanto ,na cidade de São Paulo, existem milhões de cidadãos, trabalhadores, que gastam uma parte razoavel do seu suor, com alguel. é justo.

então quero ler, a constituição: todos são iguais perante a lei... se isto fosse verdade, todos os que pagam aluguel, deveriam receber uma casa, e enquanto isto não acontecer, ter seus alugueis pagos pelo governo (nos)

Quanto mais se der moleza pra estas pessoa, mais serão atraidos. vejo isto na prática , pois aqui no campo limpo, e prox a gionavi gronchi, tem duas invasoes recentes, com milhares de barraquinhos. legal. acho que vou entrar nesta tambem, se todos são iguais, tambem quero um pedaço

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.