E por falar em Covid-19… por Jorge Tateishi

O excesso de informação pode gerar nenhum conhecimento se não houver diversidade de foco nas cobertura jornalísticas.

E por falar em Covid-19…

por Jorge Tateishi

Existe um bombardeio de informações sobre a pandemia, questões médicas e técnicas, o excesso de informação pode gerar nenhum conhecimento se não houver diversidade de foco nas cobertura jornalísticas.

Assisti uma entrevista do jornalista Pepe Escobar, respeitado especialista em Relações Internacionais, na TV 247, em que o especialista fez uma análise da questão da guerra comercial do petróleo ao Covid-19. Fiz um recorte e me fixei na questão da pandemia. Achei muito graves as informações que ele levantou, então fui pesquisar para refletir sobre o que poderia ser alcunhada pelos conservadores de teoria da conspiração, ou somente uma ilação do jornalista, em relação ao Covid-19. Elenco algumas informações que chequei:

Estrutura e ciclo de um vírus

  1. A palavra vírus é originária do latim e significa toxina ou veneno. O vírus é um organismo biológico com grande capacidade de automultiplicação, utilizando para isso sua estrutura celular. É um agente capaz de causar doenças em animais e vegetais.
  1. Como os vírus não possuem organelos, necessitam da célula hospedeira para se proliferarem.
  1. A diretriz de todos os organismos é sobreviver para se multiplicar, e para isso o vírus, que precisa de um hospedeiro, precisa ter alta capacidade adaptativa, por isso eles sofrem inúmeras mutações em um curto espaço de tempo.

A origem da Pandemia 

  1. O Coronavírus tem cinco variedades A, B, C, D e E
  2. Está fartamente divulgado pela mídia liberal que o Covid-19 apareceu no mercado de Wuhan. Ela tratou de construir esta verdade e seus seguidores de responsabilizarem o hábito cultural chinês como responsável pela pandemia… o estranho é que a única variedade do vírus encontrado na China é do tipo C e nenhum rastro dos outros.
  1. Mas reparem que interessante… um laboratório americano, que pertence ao exército, ou seja que provavelmente pesquisa armas biológicas, Fort Detrick, realizava estudos relacionados ao Ebola, antraz, e reparem na coincidência, o coronavírus (todas as cinco variedades), entre outras cepas, … segundo a imprensa liberal, o círculo científico não apoia esta narrativa, mas assim mesmo é interessante, não? E o mais curioso é que ele foi fechado no segundo semestre de 2019 por não cumprir os protocolos de segurança.
  1. Wuhan, a sétima maior cidade chinesa, sediou os Jogos Mundiais Militares 18 a 27 de outubro de 2019, militares americanos participaram do evento, e o primeiro caso detectado surge em dezembro de 2019 em Wuhan… é mais uma coincidência?

Por que o Irã e a Itália são os principais focos da pandemia fora da China?

  1. Desde a Revolução iraniana em 1979 que derrubou a então monarquia autocrática pró-Ocidente comandada pelo Xá Mohammad Reza Pahlevi e instalou uma república islâmica teocrática sob o comando do aiatolás, os EUA sentem ameaças aos seus interesses geopolíticos na região, mantendo períodos de estabilidade e de guerra híbrida. Nos últimos anos as relações Sino-Persas têm evoluído, além dos negócios com os chineses, que representam quase 30% da balança comercial do Irã, os chineses fecharam acordo onde devem investir 400 bilhões de dólares, estreitando e aumento ainda mais o relacionamento dos dois países, o que é um cenário desastroso para os planos dos EUA.
  1. a Itália é o país que aceitou participar do plano chinês de reativar a Rota da Seda, será a porta de entrada no continente europeu para a maior rota comercial do mundo, que ligará a China, parte do Sudeste Asiático, Oriente Médio, África e Europa. Mais uma pedra nos interesses geopolíticos dos yankees.

A vacina

Apesar de a China estar liderando as pesquisas para a vacina contra o Covid-19, a indústria farmacêutica americana está na corrida para patentear uma vacina e fármacos para o tratamento, um pote de outro no final do arco-íris. É o mesmo setor econômico que tinha parceria e colaborava com o laboratório militar de Fort Detrick. Pode ser apenas mais uma teoria da conspiração geopolítica, no entanto a quantidade de coincidências é muito grande, e é grave, mesmo hipoteticamente, quando a vida humana de novo acaba entrando na contabilidade como um custo colateral dos “negócios”, onde não importa lançar uma guerra híbrida para alcançar algum sucesso político-financeiro. 

Conclusão

Afinal de contas, as informações de Pepe Escobar se confirmaram, o que não alivia, mas alerta que este jogo geopolítico deve estar presente no horizonte pós-pandemia cujas consequências econômicas e políticas devem trazer mais informações difusas que causarão mais sofrimento e dor para os socialmente vulneráveis, devemos estar preparados para defendê-los e nos defender, é para esta resistência que devemos estar preparados para organizar.

Refências:

TV 247 – Pepe Escobar explica o crash global – https://www.youtube.com/watch?v=lj6L5eBrNtI

The Scientst.com – Chinese Officials Blame US Army for Coronavirus – https://www.the-scientist.com/news-opinion/chinese-officials-blame-us-army-for-coronavirus-67267

Military.com – Fort Detrick Army Base Guide – https://www.military.com/base-guide/fort-detrick

Portal de Notícias DW – Itália entra na nova Rota da Seda – https://www.dw.com/pt-br/it%C3%A1lia-entra-na-nova-rota-da-seda/a-48039094

Ansa brasil – Xi Jinping chega à Itália com nova “Rota da Seda” na mira – http://ansabrasil.com.br/brasil/noticias/italia/noticias/2019/03/21/xi-jinping-chega-a-italia-com-nova-rota-da-seda-na-mira_599a4dcf-0903-4d80-a37e-bb227c0adc75.html

Exame.com – China promete à Itália comércio “nas duas direções” na Nova Rota da Seda – https://exame.abril.com.br/mundo/china-promete-a-italia-comercio-nas-duas-direcoes-na-nova-rota-da-seda/

El País – China é a maior beneficiada das tensões entre Trump e Irã – https://brasil.elpais.com/opiniao/2020-01-13/china-e-a-maior-beneficiada-das-tensoes-entre-trump-e-ira.html

Diário do Centro do Mundo – Qual sinal que Rússia, Irã e China deram com exercícios navais conjuntos – https://www.diariodocentrodomundo.com.br/qual-sinal-que-russia-ira-e-china-deram-com-exercicios-navais-conjuntos/

Estadão Conteúdo (através do site Tempo) – Covid-19: EUA iniciam 1º teste em humanos de possível vacina – https://www.otempo.com.br/mundo/covid-19-eua-iniciam-1-teste-em-humanos-de-possivel-vacina-1.2311979

O Jornal Econômico – Canadiana Medicago testa vacina para curar Covid-19

 – https://jornaleconomico.sapo.pt/noticias/canadiana-medicago-testa-vacina-para-curar-covid-19-561270

Jorge Tateishi é graduado em Comunicação social pela USP. Atuou em midias impresas, comunicação corporativa e atualmente se dedica a projetos de estratégias digitais, jornalismo de dados e conteúdos digitais na chave Direitos da Natureza, Meio Ambiente e Povos da Floresta.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

2 comentários

  1. Muito bom. É importante colocar que não só os EUA está na corrida pela vacina, mas muitos países tem anunciado e nisto está a questão da China ter liberado o genoma do vírus para toda a comunidade científica mundial, já em 11 de janeiro deste ano. Um feito de eficiência, já que em 31/12/19 identificaram o primeiro caso e em 05/01, haviam isolado das primeiras amostras, o vírus.
    Pelo andar da carruagem, possivelmente estarão mais adiantados, com estudos acerca de possível vacina, quem em 10 dias levantou vários novos hospitais, sendo um deles com 1/4 de leitos, comparando-se ao maior hospital de infectologia da América Latina, o brasileiro Emílio Ribas em SP, que tem cerca de 2.000 leitos.

    https://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2020/02/novo-coronavirus-gera-acoes-sociais-medicas-e-cientificas-nunca-vistas.shtml

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome