Início Autores Posts por Espiritismo Progressista - Dora Incontri

Espiritismo Progressista - Dora Incontri

Espiritismo Progressista - Dora Incontri
103 Posts 0 comentários
Dora Incontri é paulistana, nascida em 1962. Jornalista, educadora e escritora

O Brasil precisa vencer o brasil! Por Dora Incontri

Em oposição, esse brasil minúsculo é o que desacredita da arte e da ciência, que é violento e canalha, racista e homofóbico, feminicida e classista…

Fascistas não passarão!, por Dora Incontri

Homens armados se apressam / Para maior opressão, / Mas o povo sai às ruas: / Fascistas não passarão!

As escolas, os pais e os alunos na pandemia – todos enlouquecidos!, por Dora...

Mas, hoje, vou falar aqui como educadora, como militante há tantos anos por uma educação diferente da tradicional: ativa, autônoma, com projetos interdisciplinares, com a inclusão de uma espiritualidade plural, com afeto entre educador e educando.

Devemos falar de um suicídio? O caso de Flávio Migliaccio. Por Dora Incontri

Quem procura a morte está no extremo do sofrimento físico ou psíquico, no total desespero, na sensação absoluta de vazio. Por isso, não temos o direito nem de julgar, nem de aplaudir quem se suicida.

O nazi-fascismo brasileiro, por Dora Incontri

Não vamos acordar? Vamos deixar assim o país mergulhar em águas sombrias e medievais, de negação da ciência, de indiferença diante da morte de nossos concidadãos, do autoritarismo crescente, com discursos e ações de ódio?

A indústria do Fake News – como se prevenir da manipulação?, por Dora Incontri

A questão é que as pessoas aderem à manipulação, compram o que lhes oferece, tanto em produtos quanto em ideias, são suscetíveis à cegueira do próprio juízo, carecem de crítica e se deixam arrastar.

Precisamos falar de morte… por coronavírus e por necropolítica!, por Dora Incontri

Essas ondas de mortes coletivas, que nos angustiam tanto, são momentos que nos chamam a pensar na vida e na morte, nossa e do outro, lembrando que se há algo que nos iguala enquanto humanidade é a nossa finitude.

Chega de violência contra mulheres e crianças!, por Dora Incontri

Que país é esse? Que mundo é esse? Que homens são esses que, enfurecidos, esfaqueiam, golpeiam, ferem de morte companheiras com quem têm ou tiveram um relacionamento supostamente de amor? Como se explica tamanha brutalidade?

Reflexões ditadas por um minúsculo vírus…, por Dora Incontri

Inspirada pela belíssima homilia do Papa Francisco, dele orando sozinho na Praça São Pedro, acho que devemos desde já começar a refletir sobre o que essa crise pode nos ensinar.

Cartas sobre a não violência (4) em tempos de Coronavírus, por Dora Incontri

O primeiro e mais importante caminho – e digo isso como educadora, que se dedica a essa missão há mais de 30 anos – é justamente a educação.

Cartas sobre a não violência (3), por Dora Incontri

Anunciamos na semana passada que iríamos refletir sobre a questão: Jesus era mesmo a favor da não violência?

Cartas sobre não violência (2), por Dora Incontri

É possível, necessário, urgente… mudarmos o padrão de comportamento violento, que começa nas microestruturas familiares e escolares e se estende aos impérios e às nações…

Cartas sobre não-violência (1), por Dora Incontri

Há urgência em se falar sobre o tema, porque a escalada de violência no Brasil está atingindo níveis alarmantes

Religiões, ilusões que alienam ou esperanças que sustentam? Por Dora Incontri

Muda-se de judaísmo para cristianismo, passa-se pelo islamismo ou pelo confucionismo, adote-se o ateísmo individual ou de Estado, e sempre encontramos o mesmo patriarcado, a mesma opressão, o mesmo autoritarismo narcísico

Militarização das escolas é terraplanismo da educação, por Dora Incontri

A educação tem sofrido ataques, desmontes, distorções desde a pré-escola até o ensino universitário, incluindo a pesquisa de ponta, em que já tínhamos atingido alguma excelência.

 Militarização das escolas é terraplanismo da educação, por Dora Incontri

  Estava resistente à necessidade de escrever sobre educação nessa coluna, embora seja minha área de atuação militante há mais de 30 anos. Simplesmente porque...

Mares e petróleos – meditações em Sergipe, por Dora Incontri

Mas essa é a essência do capitalismo: não importam vidas humanas, não importa a natureza de que fazemos parte, não importa a saúde de crianças, não importa nem sequer  a satisfação do consumidor: importa o interesse lucrativo de uns poucos.

Mares e petróleos – meditações em Sergipe, por Dora Incontri

Passando uma semana de trabalho em Aracaju, não dispensei caminhadas na praia e alguns banhos de mar. Mas depois de toda aquela tragédia ambiental...

Contra a violência do sistema, a luta sem violência, por Dora Incontri

Indiscutível que é preciso desmontar esse sistema capitalista neoliberal, que agora, para implantar suas medidas extremas de imperialismo e sujeição, precisa recorrer ao nazi-fascismo

Contra a violência do sistema, a luta sem violência, por Dora Incontri

Estamos inseridos numa ordenação social e política, brasileira e internacional, de extrema violência estrutural. Explorados, espoliados, calados, agredidos se saímos em manifestações pacíficas (inconformada...

Leia também

Últimas notícias

GGN