STF mantém quebra de sigilos de Ernesto, Pazuello e Mayra Pinheiro

Advogados haviam entrado com pedido para impedir quebras aprovadas pela CPI da Pandemia; decisão foi divulgada na noite deste sábado

O ex-ministro Eduardo Pazuello. Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Jornal GGN – Os recursos impetrados pelas defesas dos ex-ministros Eduardo Pazuello (Saúde) e Ernesto Araújo (Relações Exteriores) e da secretária de Gestão do Trabalho e Educação em Saúde do Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro (conhecida como “capitã cloroquina”) foram negados pelos ministros Ricardo Lewandowski e Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal.

Os três tiveram seus sigilos telefônicos e telemáticos aprovados pela CPI da Covid-19 na última quinta-feira, e acionaram o Supremo para tentar impedir. Contudo, as negativas de Lewandowski e Moraes foram divulgadas na noite deste sábado (12/06).

Segundo o jornal O Globo, Lewandowski negou os habeas corpus movidos por Pazuello e Mayra Pinheiro, mas determinou que o material proveniente de tais quebras só sejam acessados pelos senadores que integram a CPI e pelas defesas do ex-ministro e da secretária. No caso de Ernesto Araújo, Alexandre de Moraes analisou e negou um mandado de segurança movido pela defesa.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

1 comentário

  1. Nassif: sabemos que o jogo é de cartas marcadas. Apesar de grande avanço da CPI os impetrantes têm força dentro e fora da Corte, senão pra ganhar mas suficiente pra melar o andamento. E se necessário, sempre há um cabo e um sargento de prontidão à porta, só esperando o salve das milícias ou dos conspiradores de Cruz Alta. Sem esquecer, a Aeronáutica já recebeu aviões modernos e poderosos o suficiente para rebentar todos os vidros do Tribunal, repetindo aquele rasante de tempos atrás. Por isso recebo com muita reserva e algum cuidado, quanto ao despacho inicial desses dois ministros, inclusive preocupação pela integridade deles e parentes e amigos, que com os fardados todo cuidado é pouco.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome