Paulistas se sentem inseguros para votar em meio a pandemia, aponta Datafolha

1 em cada 5 moradores da cidade afirmou que podem deixar de ir votar por medo da Covid-19

Foto: Alexandre Schneider/Getty Images

Jornal GGN – A pandemia do novo coronavírus deve elevar o índice de abstenção das urnas paulistas nas eleições municipais deste ano. Segundo a pesquisa Datafolha, realizada nesta semana, 1 em cada 5 moradores da cidade afirmou que pode deixar de ir votar por medo da Covid-19. 

De acordo com informações da Folha de S. Paulo, os maiores índices estão entre as pessoas de 25 a 34 anos, já que 27% afirmaram que podem não ir à votação, seguido pelos 26% do grupo entre 35 a 44 anos. 

Apesar de compor o grupo de risco, apenas 17% das pessoas com mais de 60 anos afirmaram que podem deixar de votar pelo medo da contaminação. Este é o mesmo índice daqueles com idade de 45 a 59 anos.

Ainda, de acordo com o instituto, 34% do total de eleitores ouvidos afirmam que se sentem totalmente inseguros para votar em 15 de novembro, data do primeiro turno. Já 24% dizem se sentir muito seguros de ir às urnas e os outros 42% indicam ter pouca segurança.

A pesquisa entrevistou presencialmente 1.092 eleitores nos dias 21 e 22 de setembro. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

Até esta sexta-feira, 25 de setembro, a cidade de São Paulo contabilizou mais de 328 mil casos confirmados e 12.540 óbitos causadas pela doença, segundo a Secretaria Municipal de Saúde. 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora