São Paulo terá 2º turno pela primeira vez em 16 anos

Último Datafolha aponta Dória com 33%, Skaf 26% e França 20%. Quadro para segundo turno reforça enfraquecimento do PSDB
 
Foto: Rovena Rosa / Agência Brasil
 
Jornal GGN – A avaliação de que o PSDB passa pelo pior momento da sua história se confirma no quadro eleitoral de São Paulo, onde mantém governo há 24 anos. Está será a primeira eleição, desde 2006, que haverá segundo turno para governador no Estado, quando José Serra venceu Aloizio Mercadante (PT) com 57,94% dos votos válidos. 
 
Nas eleições seguintes ao governo, o atual candidato à presidência pelo partido Geraldo Alckmin venceu também em primeiro turno. Neste ano eleitoral, João Doria chega no dia do primeiro turno das eleições com 33% das intenções de voto segundo pesquisa Datafolha divulgada ontem (6). Paulo Skaf (MDB) segue com 26% e Márcio França (PSB), 20%. Desta forma, o segundo turno se desenha entre Dória e Skaf.
 
Ainda, segundo o Datafolha, a simulação para segundo turno mostra empate técnico entre Dória e Skaf: 39% para o tucano contra 42% para o emedebista. O mesmo se repetiria com França: 38% das intenções para o candidato do PSB, contra 41% para Dória. 
 
O índice de rejeição de Dória também é significativo. O último levantamento do Datafolha mostra que está em 38% entre os paulistas e 53% entre os paulistanos. 
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora