Greve dos petroleiros: no 17º dia, 64% de adesão de áreas operacionais da Petrobras

Amanhã, dia 18, haverá a grande marcha nacional em defesa do emprego, da Petrobras e do Brasil, que será realizada no Rio, com previsão de chegada de caravanas de trabalhadores de vários estados.

Jornal GGN – A greve dos petroleiros alcança seu 17º dia com adesão de mais de 60% dos petroleiros de áreas operacionais da Petrobras. O balanço é da Federação Única dos Petroleiros (FUP). São 13 estados com adesões, sendo 21 mil petroleiros de um total de 33 mil trabalhadores nas áreas operacionais. 64% do efetivo está na luta.

A greve nacional dos petroleiros chega na terceira semana com novas adesões. A luta é para que a Petrobras suspenda as demissões na Fafen, que já tiveram início na sexta, 14.

A Comissão Permanente de Negociação da FUP está, já há 18 dias, ocupando uma sala do quarto andar do prédio central da Petrobras, no Rio. Eles cobram um canal de diálogo com a estatal, na busca do atendimento das reivindicações da categoria.

A Vigília Resistência Petroleira permanece em vigília no lado de fora do prédio, buscando adesões de diversas outras categorias, organizações populares, estudantes e movimentos sociais, para a construção de ampla frente de luta em defesa da Petrobras e contra as privatizações.

Amanhã, dia 18, haverá a grande marcha nacional em defesa do emprego, da Petrobras e do Brasil, que será realizada no Rio, com previsão de chegada de caravanas de trabalhadores de vários estados. A concentração será a partir das 16h, em frente à sede da Petrobras, onde está instalada a Vigília.

Quadro nacional da greve – 17/02

21 mil petroleiros mobilizados em 121 unidades do Sistema Petrobrás

Leia também:  Os desafios enfrentados pelo mercado de petróleo

58 plataformas

11 refinarias

24 terminais

8 campos terrestres

8 termelétricas

3 UTGs

1 usina de biocombustível

1 fábrica de fertilizantes

1 fábrica de lubrificantes

1 usina de processamento de xisto

2 unidades industriais

3 bases administrativas

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

1 comentário

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome