CNMP recebe pedido de investigação em atos de Dallagnol e Modesto Carvalhosa

Falcão afirma que houve ‘direcionamento de dinheiro público para acionistas específicos cujo advogado que seria beneficiado possuía e possui laços subjetivos com os procuradores’.

Jornal GGN – O deputado Rui Falcão (PT-SP) apresentou reclamação disciplinar contra Deltan Dallagnol e outros procuradores da Lava Jato, no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). O órgão tem a função de fiscalizar a atuação dos integrantes do MP. A acusação feita foi de que o dinheiro de punições da Petrobras foi direcionado para clientes do advogado Modesto Carvalhosa, que nega. As informações são de Monica Bergamo, na Folha.

Na peça de acusação, Falcão afirma que integrantes da força-tarefa ‘instrumentalizaram a punição da Petrobras’ nos EUA em benefício próprio e de terceiros, como clientes do advogado.

A Petrobras recebeu multa de US$ 685 milhões, nos EUA, que deveriam voltar às autoridades brasileiras.

Segundo o deputado, ‘supreendentemente’ a força-tarefa ‘costurou acordo com a Petrobras destinando 50% para a satisfação de eventuais condenações ou acordos com acionistas que investiram no mercado acionário brasileiro e ajuizaram ação de reparação, inclusive arbitragens”, até outubro de 2017.

Falcão afirma que houve ‘direcionamento de dinheiro público para acionistas específicos cujo advogado que seria beneficiado possuía e possui laços subjetivos com os procuradores’. O montante em questão é de aproximadamente R$ 1,5 bilhão.

Carvalhosa nega tudo e diz que, antes dele, duzentos advogados fizeram pedidos. Diz ainda que as ações promovidas por ele são anteriores ao acordo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Fizemos a nossa parte, por Wilson Ramos Filho

2 comentários

  1. Esse gansgter mau caráter vai ocupar o lugar de Lula na prisão : lei do retorno : quem com ferro fere, com ferro será ferido,….

    1
    1
  2. Nassif: via dar no quê esse papofurado contra o GogoboyAvivado? Do fundo do seu coração, acredita em punição? Isso, pra mim, é não passa de lorota, pra manter as coisas sem deixar cair a peteca, distraindo a massa inerte, que adora novidades (mesmo requentadas) e fofocas. As festivas farão o alvoroço de sempre, atiçadas pelos donos do poder e donos dos meios de informações. Os divogadis morderão algum. O MinistérioPúblico continuará com seus 16 salários anuais (incuindo férias de 60 dias). Os Magistrados terão acréscimo de mais uma férias e dois salários (que o MP). O Congresso continuará com a contumaz robalheira (especialmente o inútil Senado) e os VerdeSauvas inquietos, pois não têm por que conspirar, que só sabem fazer isso. Os do Templo faturando os tubos, agora com mais um ministério de lavagem. E Dallalinho, disso tudo, rindo, à bandeiras despregradas.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome