Procurador Diogo Castor deixa a Lava Jato do Paraná por “estafa física e mental”

Procurador solicitou afastamento por recomendações médicas. Ele trabalhou na força-tarefa desde quando foi formada, em abril de 2014

Procurador estava na força-tarefa da Lava Jato desde abril de 2014. Foto: Reprodução/RPC

Jornal GGN – O procurador da república Diogo Castor de Mattos deixou a força-tarefa da Lava Jato no Paraná. A decisão dele foi informada pelo Ministério Público Federal na noite de sexta-feira (05).

O desligamento foi solicitado por recomendação médica, por estafa física e mental, segundo reportagem da RPC, Rede Globo no Paraná.

Em nota sobre o afastamento, a força-tarefa agradeceu o procurador “pelos cinco anos em que se dedicou, com excepcional esforço, às investigações da Lava Jato”.

O grupo de investigações foi criado em abril de 2014 da primeira instância da Justiça Federal do Paraná. Desde fevereiro, os procuradores procuradores Juliana de Azevedo Santa Rosa Câmara e Alexandre Jabur, dos núcleos de combate à corrupção do Rio de Janeiro e Amazonas, se juntaram à força-tarefa em Curitiba.

*Com informações do G1

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Para Yarochewsky, processo do triplex já era nulo antes das revelações do ‘Intercept’

9 comentários

  1. Terá sido mera coincidência essa estafa física e mental ter se manifestado justamente quando as maracutaias dos jateiros começaram a ser investigadas?

  2. Ok! Afinal, saúde é saúde. Contudo, acendeu uma luzinha, em um espaço de meu pensamento, o suficiente para iluminar a seguinte interrogação: com a descoberta da gananciosa trama da organização “lava jato”, acusada por Gleisi de organização criminosa, que pretende controlar e gerenciar os mais de 9 bilhões de reais oriundos da Petrobras e Odebrecht, não será nada estranho se alguns dos membros da organização “lava jato”, acusada por Gleisi de organização criminosa, começarem a pular fora do barco, pelas seguintes opções:
    – por vários motivos ainda desconhecidos.
    – por estarem temerosos de alguma coisa que possam ter feito de errado.
    – por razões de saúde e/ou outra de cunho pessoal e particular solicitada pelo requisitante.
    – por perceberem que o casco do barco foi avariado com gravidade e a enxurrada de água que começa a entrar nos porões poderá causar o seu naufrágio e expor no mar todas as bagagens secretas da organização “lava jato”, acusada por Gleisi de organização criminosa.
    – por temerem os participantes , os consorciados e os coligados na trama, a descoberta e divulgação de seus possíveis segredos fisiológicos e nada ortodoxos.
    – por uma única razão, que seria a razão nenhuma, pelo fato de ter sido tudo, uma inacreditável coincidência.
    Então a tal luzinha acesa, mesmo sendo um pequeno alerta, certamente poderá permitir que tudo isso “venha ao caso” sim e que todas as opções sejam averiguadas e fiscalizadas, sem trégua e sem descanso.

  3. Opções:
    Os ratos gordos fogem do navio quando afundando
    O problema mental não tem cura com aspirina lavajato
    O problema físico é de quem não está acostumado ao trabalho
    O Doutor Bacamarte está no momento lucidez

  4. Primeiro RATO a pular do navio!!!!!! Ele deve explicações sobre os acordos com EUA, estando ou não na força tarefa uma vez que fez parte dela. # cadeia

  5. Fica tranquilo, vai descansar que na volta tio Dick Vigarista te arruma um encosto no Miin da “justiça” para você poder continuar a distribuir tua mediocridade.

    Neste intervalo dá pra faturar com mais um livro meia boca e com um monte de palestras que só os baba ovô querem ouvir

    Pergunta pro Pastor que quem sabe ele te encaixa em alguma.

    Não tem hospício que vai encarar esta mala. Melhor procurar atendimento de Hospital Dia.

  6. Não consigo colar link para o Youtube e talvez seja apenas jogo de cena do Min. Toffoli mas no site de vídeos tem um vídeo interessante intitulado “A casa caiu: Advogado no STF liquida a Lava Jato de Curitiba!”

  7. Castor, obrigado por ter se empenhado em salvar nosso Brasil, os comentários da esquerda não interessa para os intelectuais ,nunca fizeram nada por ninguém e muito menos pra eles mesmo.Saiba que quem protege ladrões ,ladrão é.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome