João Santana e Monica Moura dizem passar “dificuldades financeiras”


Foto: Cassiano Rosário/Futura Press
 
Jornal GGN – Os marqueteiros João Santana e Monica Moura tiveram que pedir a liberação da parte do dinheiro bloqueado pelo juiz da Vara Federal de Curitiba, Sérgio Moro, por “dificuldades financeiras”.
 
Os advogados Beno Brandão, Alessi Brandão e Juliano Campelo Prestes entraram com o pedido de desbloqueio na última segunda-feira (07), alegando que, alvos dos processos, João Santana e Monica Moura não podem trabalhar e, assim, não poderiam auferir renda para gastos pessoais e de suas famílias.
 
Presos em fevereiro de 2016, ambos foram soltos em agosto do último ano desde que firmaram os acordos de delação premiada. Em maio, eles tiveram o bloqueio de um total de R$ 28.755.087 de suas contas, transferindo imediatamente R$ 6 milhões para contas judiciais. Mas o restante, pouco mais de R$ 20 milhões, ainda ficaram retidos, por determinação de Moro.
 
Assim, os advogados do casal pedem a liberação desse restante. Na última segunda, dia 7 de agosto, eles reiteraram o pedido: “Os colaboradores estão passando por dificuldades financeiras decorrentes do bloqueio dos valores, bem como, pelo fato de não poderem trabalhar e auferir renda para seus gastos pessoais e de suas famílias”, informaram.
 
Segundo a defesa, é de “vital importância a restituição dos valores remanescentes, inclusive, para pagamento dos honorários advocatícios”. Os procuradores da República são contra a liberação da verba, alegando que é necessário, antes, repatriar valores da conta Shellbill, mantida pelo casal de marqueiteiros no exterior.
 
Os montantes bloqueados serviriam de “garantia ao adimplemento da sanção pactuada, não cabendo o desbloqueio antes do integral repatriamento do saldo da conta Shellbill”, defendeu a Procuradoria da República.
 
 

2 comentários

  1. São uns caras de pau.

    São uns caras de pau. Quererem que nós achemos mesmo que estão em situaçãp periclitante. Aliás, cadê as fotos das mansões deles? Luxo não lhes fatou a vida interia e não será agora que com uns milhões bloqueados vão passar fome. 

    Que o pau que bateu em Lula, tirando tudo dele, bata também nesses dois sacanas, mentirosos, e traidores.

     

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome