PF faz mutirão para concluir inquérito dos Portos até dia 10

Área de Informação e Tecnologia da PF foi mobilizada para facilitar o estudo das provas apreendidas contra Temer em software exclusivo disponibilizado aos investigadores
 

Foto: Reuters
 
Jornal GGN – O objetivo da Polícia Federal é concluir a investigação sobre o decreto dos Portos assinado por Michel Temer até o próximo dia 10 de julho. Para isso, foram mobilizados 25 policiais e o setor de inteligência da PF para analisar todos os dados recolhidos nas apreensões, incluindo sistemas de tecnologia exclusivos para a apuração.
 
A decisão de realizar um mutirão da PF para concluir as investigações que recaem contra Temer foi tomada neste final de semana. Parte dos 25 policiais são da Diretoria de Tecnologia de Informação da PF, que chegou a dedicar um servidor de armazenamento de dados exclusivo para a apuração.
 
De acordo com a coluna de Matheus Leitão, do G1, eles usarão o software para espelhar os dados do inquérito dos Portos e poder estudar as provas. Além disso, os investigadores prometem trabalhar tempo completo, incluindo finais de semana e dias de jogos do Brasil na Copa do Mundo.
 
Ainda segundo a coluna, o servidor é como um “storage” para armazenar adicionalmente os dados da investigação. No próximo dia 10 de julho é concluído o prazo concedido pelo ministro Luis Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF) para a apresentação do inquérito e já é a segunda vez que o ministro relator concede a extensão da data limite.
 

1 comentário

  1. Temer of cards

    Acho que a grande maioria dos colaboradores deste Blog, ao verem a imagem que ilustra o post, associam automaticamente a House of Cards, mas para concretizar a ideia vou colocar a imagem associada.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome