Bolsonaro tem 48 horas para apresentar exame de coronavírus

Juíza não aceitou documentação encaminhada pela Advocacia-Geral da União por não atender determinação judicial de forma integral

Foto: Reprodução

Jornal GGN – O presidente Jair Bolsonaro tem 48 horas para entregar à Justiça “os laudos de todos os exames” realizados para verificar sua contaminação ou não pelo novo coronavírus. A determinação é da juíza Ana Lúcia Petri Betto, da 14ª Vara Cível Federal de São Paulo.

Segundo informações do jornal O Estado de São Paulo, a Advocacia-Geral da União (AGU) não encaminhou os laudos de todos os exames, e sim um relatório médico datado de 18 de março, que atesta que o presidente teve resultado negativo para os testes do novo coronavírus realizados no último mês, e que Bolsonaro se encontra “assintomático”.

A juíza Ana Lúcia Petri Betto não só exigiu a apresentação dos laudos como estabeleceu uma multa diária de R$ 5 mil por omissão injustificada, e negou o pedido de sigilo documental feito pelo governo, que justificou o pedido por considerar envolver informações pessoais do presidente.

 

Leia Também
Coronavírus: Brasil registra 5.901 mortes, 435 em 24 horas
STF derruba restrição a informações proposta por Bolsonaro
Nova solicitação de investigação contra Bolsonaro é encaminhada à PGR por Fux

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora