É o começo da derrota do xerife Moro e do governo Bolsonaro, diz Boulos sobre Lula livre

"Entramos no patamar de fortalecer a oposição de rua ao Bolsonaro, derrotar esse projeto que ataca a soberania nacional, que destrói nossos direitos", diz ex-presidenciável

Jornal GGN – O ex-presidenciável pelo PSOL Guilherme Boulos divulgou um vídeo nas redes sociais celebrando a libertação de Lula como o começo da derrota do lavajatismo e do bolsonarismo. “A libertação de Lula nos dá mais impulso para fortalecer a oposição”, avaliou.

“É o começo da reparação da injustiça e o começo da derrota desse xerife que se apoderou do Judiciário brasileiro para fraudar uma eleição e partidarizar a Justiça, que é o Sergio Moro”, disparou Boulos.

Segundo ele, “a partir de agora, a gente entra em outro patamar. Um patamar de fortalecer a oposição de rua ao Bolsonaro, derrotar esse projeto que ataca a soberania nacional, que destrói nossos direitos, o pacote de Paulo Guedes, e derrotar o Bolsonaro. Um governo de alucinados e milicianos, que tomou conta do Planalto.”

 

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Não, a crise econômica não é responsabilidade do PT, por Gleisi Hoffmann

3 comentários

  1. Que nos perdoe o Boulos, mas esse xerife de merda estaria sofrendo apenas meia derrota, já que sua verdadeira derrota seria ir parar ele na cadeia. Mas isso só seria possível se o STF tomasse vergonha na cara e se dispusesse a ler todo o processo com o qual o cafajeste moro condenou Lula, e deixasse claro que as provas que moro dizia serem provas são piadas de mau gosto…e daí o punissem com cadeia pela cafajestice cometida. Só que, se não me engano, nem o STJ, nem o STF retrocedem seus julgamentos ao nível das provas e daí parece que não leem sequer o processo de primeira instância, assim como não leem o processo da segunda instância. Bem, até que poderão declarar a inocência de Lula mas isso se daria graças às denúncias feitas via vazajato (Intercept) e não rasgando na cara do filho da puta a cagada que ele fez condenando sem provas e com tanta malandragem jurídica. Por outro lado, a leitura minuciosa do processo poderia revelar malandragens desde o nível do ministério público da quadrilha de dalagnol e talvez até de gente cafajeste de dentro da polícia federal…….Só que nos parece que essas víboras (policia federal, membros do ministério público e juízes) nunca são punidos por suas cafajestices manifestas e daí essas raças malditas continuarão por todo o sempre julgando como lhes convém……..nesse caso, só mesmo cortando a garganta de cada um deles mas nem isso se pode fazer, infelizmente…..e só nos resta mesmo torcer muito para que um câncer cada um leve essas desgraças pro inferno o quanto antes possível…….com muita dor antes de morrerem.

    3
    1
  2. Desculpem importuná-los voltando aqui…..mas em adendo a meu comentário logo acima, pediria que o GGN nos mostrasse sobre informações por parte de grandes juristas a questão acima. Ou seja, há alguma chance de o STF julgar o processo e a consequente condenação escrita pelo analfabeto sergiomoro? Afinal, mesmo que se declare a suspeição do cafajestemoro, os direitistas empedernidos continuarão dizendo que isso foi armação a partir das denuncias do Glen, daquilo que provocaria nulidades. Mas, não sendo mostradas as inconsistências que o cafajestemoro chamou de provas, não se tiraria a dúvida sobre culpabilidade ou não de Lula. Por outro lado, pergunto: afinal, um juiz nunca é punido por fazer caca na hora de sentenciar, mesmo que fique evidente a cafajestice? Quer dizer que um pobre mortal comete um erro grave em seu trabalho e geralmente acaba punido, no mínimo com demissão mas um juiz não é punido com cafajestices como as feitas por moro? E daí o filho da puta não é punido? E, finalmente, se reconhecer-se que foi cafajestice, que foi perseguição política, ou até mesmo que foi erro de analfabeto jurídico (vigarice pura), ainda assim ele não seria punido enquanto estiver ministro do boçal? Mas seria punido pelo menos quando deixar tal cargo? Afinal, dá vontade de matar um crápula desse, mas infelizmente isso é crime e crime não podemos cometer…..só o safado e suagangue de curitiba……

  3. Havia intenção de minha parte, em fazer um comentário sobre o salafrário orientador de denúncias de Curitiba e sua gangue judicial, mas o Valdir Carrasco já se pronunciou com fineza de raciocínio e muita propriedade sobre àquilo que seria o meu tema, qual seja, meter o cacete – e com razão – nessa corja sem escrúpulos, que fariam até os vermes se enojarem.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome