Fazer cocô dia sim, dia não, vai melhorar o meio ambiente, propõe Bolsonaro

Questionado pela imprensa sobre como conciliar crescimento econômico e preservação da natureza, Jair Bolsonaro decidiu sacar uma proposta debochada

Foto: Agência Brasil

Jornal GGN – Questionado pela imprensa sobre como conciliar crescimento econômico e preservação da natureza, Jair Bolsonaro decidiu sacar uma proposta debochada: “fazer cocô dia sim, dia não” para melhorar a vida de quem sofre com a poluição ambiental.

Ao jornalista que fez a pergunta, nesta sexta (9), ele recomendou “deixar de comer menos um pouquinho” para ajudar. “Você fala para mim em poluição ambiental. É só você fazer cocô dia sim, dia não, que melhora bastante a nossa vida também.”

Segundo informações do Valor Econômica, Bolsonaro também recomendou planejamento familiar para lidar com problemas de desigualdade social. “Você olha as pessoas que têm mais cultura têm menos filhos. Eu sou uma exceção à regra, tenho cinco. Mas como regra, é isso.”

As falas do presidente acirram o ambiente de desconfiança da comunidade internacional com a capacidade do atual governo em encampar políticas de preservação ambiental.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

17 comentários

  1. Ele poderia começar dando o exemplo e fazendo menos cocô pela boca, só que tá dificil. Com ele não é dia sim dia não é todo dia o dia inteiro.
    Assim não há meio ambiente que resista.
    Menos Bolsonaro, menos, não empesteia o ambiente.

  2. A elite brasileira que colocou o Bolsonaro no poder tem essa capacidade intelectual e esse linguajar? Fala lemmans! Fala setubals! Fala supremos! Fala dorias!

  3. Passa da hora de requisitar cópias ser requisitado ao Exército cópia fiel e integral do IPM, em que a perícia médica diagnosticou doença grave mental e incurável em Bolsonaro, pelo que de acordo com o att 40 e 41 da Constituição Federal, o capitão Jair Bolsonaro foi reformado como capitão, com vencimentos e vantagens integrais, a pesar de ter cometido o ato de loucura de estar munido de bombas de alto poder destrutivo nos quartéis do Exército, destruindo os quartéis, o patrimônio público e matando generais, oficiais e toda a tropa.. Agora, por erro do povo e porque ele levou uma facada, e porque fugiu aos debates e porque a presa de fake news de Israel contratada pela CIA, O TSE e pelo STF que desde o fim do Governo Lula, vem fazendo julgamentos casuísticas, deixa impune um juiz de férias e a PF desobedeça um desembargador que praticou um ato jurídica e administrativamente competente e soberano, tudo por e com medo do Exército, cujo mando de casaca parda é do Vilas Boas, que é agende da Cia. O STF e agora o Fux protetores do louco que desgoverna o país, que entregou a base brasileira do nordeste, ponto estrátegico mundial, para os americanos e que quer entregar a Amazônia para os Estados Unidos. Os Estados Unidos que são os urubus que matam nações e come o povo como faz no mundo todo, Iraque, Afaguenistão, Cuba, América Central, Venezuela e breve o Brasil e outros países da América Latina, como foi jurado pela doutrina Monroe. Esse presidente louco está fazendo loucuras administrativas escritas, verbais e em gestos de metralhadoras, traz ódio, discórdia, perseguição e desmoralização a todos que lutam a favor do Brasil. Ele esse louco fala de pessoas, de autoridades, de países,cfazendo com que não tenhamos países amigos que queiram comprar nossos produtos agr

  4. Tivemos Ministros que queriam por fraldão no gado ou outro que dizia que o Álcool Combustível era mais poluidor que gasolina. Ministros de Estado que denegriam a imagem do país e suas possibilidades comerciais, representando o Estado Brasileiro. Mas o absurdo é Bolsonaro?

  5. Havia um comercial de Ultragaz de mil novecentos e faz tempo que era: “semana sim, outra não, Ultragaz no portão”. O governo, que já é um estrume, poderia plagiar e lançar a campanha : “Dia sim, dia não, você faz seu cocozão!”

  6. https://jornalggn.com.br/noticia/nasce-o-cinema-olavista/

    Não é só cinema que Olavo produz. Bolsonaro precisa de uma redação inteira para dizer tanta bobagem, com tanta regularidade, nas horas e aasuntos certos, do jeito que seu público gosta.
    Ele sabe usar o algoritmo do FB como ninguém e suas cagadas repercutem mais que os vazamentos da vaza jato, que seu eleitorado despreza como despreza a justiça.
    Tudo é muito bem planejado, provavelmente por uma empresa de comunicação digital americana e uma redação de olavetes.

  7. Supostamente, um presidente de um país deveria ser uma das pessoas mais inteligentes do mesmo país … ou pelo menos ser ajudado por pessoas inteligentes. Com base nas merdas (a palavra é bem escolhida), que esse presidente não tem a menor vergonha de mostrar publicamente como se fosse o conteudo da cabeça dele, não há esperança para o Brasil ou para os brasileiros … mas, eles o elegeram, então eles devem gostar disso. Ou foi mais uma vez “Vou te dar uma garrafa de cachaça se você votar em mim de novo”? Um jeito de fazer coisas que sempre parecem funcionar com os brasileiros.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome