Há maioria na CCJ para furar a Previdência dos sonhos de Guedes

Segundo reportagem de Tales Faria, nesta quarta (16) a oposição e o centrão mostraram que têm maioria para desidratar Previdência de Bolsonaro. Ainda não há consenso sobre derrubar a capitalização

Jornal GGN – Centrão e partidos de oposição ao governo Bolsonaro adiaram a votação sobre a reforma da Previdência da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara nesta quarta (17). E, de quebra, mostraram que têm maioria para fechar um acordo e desidratar a proposta sonhada por Paulo Guedes.

Segundo Tales Faria, centrão e oposição, com incentivo de Rodrigo Maia, quase fecharam acordo para mudar na Previdência os seguintes pontos: as desconstitucionalizações (retirada da Constituição de renda mínima para a Previdência, entre outras garantias e benefícios), abono salarial, mudanças nas regras do FGTS, aposentadoria rural e benefício de prestação continuada.

O acordo só não foi selado nesta quarta, em derrota clara para o governo, porque a oposição, diferente do centrão, tentou retirar da proposta também o regime de capitalização.

Segundo Farias, o ensaio mostra, contudo, que centrão e oposição, juntos, têm “maioria avassaladora na CCJ” para desidratar a reforma da Previdência proposta pelo governo.

A desconstitucionalização de benefícios ainda sofre resistência de uma ala do centrão, mas “já há praticamente consenso de que cedo ou tarde cairão os itens em que o projeto trata de abono salarial, mudanças nas regras do FGTS, aposentadoria rural e benefício de prestação continuada.” Se não for na CCJ, será antes de chegar ao plenário, disse.

“As desconstitucionalizações e a capitalização deverão ser as últimas sentinelas do ministro Paulo Guedes.”

10 comentários

  1. Se essa trolha for aprovada eu ao me aposentar, se vivo, terei 42 anos de contribuição………

    Sabem qual foi o meu pecado? Ter que trabalhar cedo, aos 10 anos, por ser POBRE, ou trabalhava ou passava e ia morar debaixo da ponte………

    È essa m… que querem jogar pra cima de nós……o pecado é ser pobre e ter que trabalhar cedo……..um pais de b….que não dá nenhum incentivo para os jovens, ao contrário, trabalhei quase em regime de escravidão, sofrendo humilhações e agora, faltando seis anos para me aposentar, dizem que sou culpado pelo pais ser a m….que é…….

    Daqui a pouco alguem ainda vem com a lenga lenga da concertação……

  2. Desde menino me ensinaram que, para resolução de qualquer problema, há várias alternativas, mas no caso da previdência, só nos dizem que a saída melhor é a dos bancos…

    • Dá uma olhada no Chile e em mais 30 países que adotaram essa picaretagem. Dos 30, 18 já voltaram às condições anteriores, igual o regime vigente no Brasil. Só beneficia os financistas, que manipulam o dinheiro da previdência e pagam aposentadorias equivalentes a 1/3 do salário-mínimo. Vamos manter as regras atuais. Basta fazer uma Auditoria da Dívida Pública e suspender a sangria da dívida pública. Juros absurdos sobre dívidas ilegais. Vai sobrar dinheiro. Não se deixe levar pela mídia canalha e corrupta, que não fala a verdade dos fatos. Bando de safados !!!

  3. Pois é se for aprovado essa reforma o que será dos nossos filhos..e nos que nem se sabe se vamos conseguir usufruir dos nossos direito de se aposentar com seus tempos para gozar da aposentadoria merecedora..esse governo está querendo tirar os direitos dos pobres..

  4. Porra que tanto esse desgraçado desse pau no guedes está preocupado em aprovar a reforma da previdência, pois será q esse verme está preocupado com os brasileiros ou com os bancários ? Esse verme está preocupado com as ações dele e dos empresários, e o povo que se foda se. Seu verme , verme .

  5. Ande está esses ser humanos políticos que tenha o bom senso de mexer também no salário subfaturado dos grandão q só acha q tem de deixar o pobre mais pobre e eles mais ricos, nosso país não vai andar p frente nunca com essa desigualdade e a falta de investimentos na educação de hoje, a onde vc está? Para gritar, vai tomar vergonha de postura em presta o bem social para á humanidade pobre e não pensar em só em seu salário que é altíssimo .

  6. Para Paulo Guedes, tudo isto é o bode na sala. Ele não vai se incomodar em ceder em quase tudo, menos a capitalização. Seu interesse travestido de ajuste fiscal tem como objetivo, falir o estado paralisando a economia e jogar para os bancos privados as contribuições de todos os brasileiros. O sonho dos bancos privados é a capitalização. A capitalização é o fim da previdência publica. A capitalização é jogar bilhões no sistema financeiro. A capitalização será a cobrança mensal dos milhoes de trabalhadores sem nenhuma garantia de retorno. As aposentadorias ficarão como os preços do combustível, dependente dos sobe e desce da bolsa. Este grande casino onde quem sempre ganha é a casa.
    E este tal mercado é curioso, pois defende o livre mercado e controlado por CEOs do mercado e um punhado de petroleiras, que não são nada transparentes sobre o sobe e desce dos preços do petroleo. E enquanto isto a cabeça emplumada que diz presidir a Petrobras, defende a competitividade enquanto enriquece acionistas em Wall Street, que estão ansiosos pela capitalização. Em silêncio na Caixa Economica e no Banco do Brasil o estrago vai sendo feito e defendido pelos crentes do liberalismo, que estão loucos para privatizar a Eletrobras vendendo-a para um único grupo monopolista. Weintraub ira destruir a educação publica, o que aumentará o valor das ações da BREducacional de Guedes. Quando tudo isto estiver pronto e acabado, Guedes sairá de cena indo curtir seus ganhados e seu cacife irá subir no mercado internacional. O Brasil irá se transformando rapidamente numa Argentina governada pelo heroi do liberalism Macri.

  7. A verdade é que o golpe foi para tirar direitos dos trabalhadores,veja a reforma da trabalhista e agora a da previdência e a trabalhista teve apoio do atual governo que ficaria a cargo de continuar o legado do vampirão sugando e escravizando o trabalhador .

  8. O sonho de Guedes ??? E o nosso sonho??? Se aposentar com vida e qualidade .. salário justo conforme determina a constituição …e porque os amigos parlamentares, militares e judiciário não fazem parte hein…sr.ministro das corporações ?????

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome