Idosos “não devem se expôr de jeito nenhum”, diz Fabio Jatene em áudio

Índice de mortalidade em pessoas de idade tem chegado a 18%, enquanto em jovens é de 0,02%

Foto: Agência Brasil

Jornal GGN – O médico Fabio Jatene, direito do InCor, recomendou que os idosos “não devem se expôr de jeito nenhum” ao contato com pessoas que têm chances de portar o coronavírus. Segundo ele, o índice de mortalidade em pessoas de idade tem chegado a 18%, enquanto em jovens é de 0,02%. “É uma doença que mata velho, não mata jovem.”

As avaliações de Jatene circulam em áudio que viralizou no WhatsApp nesta quinta (12). O material foi confirmado pelo médico David Uip, que foi citado no relato do colega do InCor. Ex-secretário de Saúde, Uip coordena um grupo de trabalho que assessora o governo paulista no enfrentamento da crise.

Após conversar com Uip e uma equipe de profissionais que acompanham a evolução do coronavírus no Brasil e no mundo, Jatene alertou que os casos vão “explodir a partir de agora”, porque o País já registra a contaminação do tipo comunitária. Isso significa que o risco não está mais restrito a pessoas que têm contato com brasileiros que viajaram ao exterior nas últimas semanas.

Leia mais: Médico diz em áudio que coronavírus vai “explodir” no Brasil, e SP enfrentará falta de leitos

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

1 comentário

  1. fake news, audio apócrifo para espalhar terror, provavelmente para justificar antecipação de contratação de leitos… a ver… depois atribuído a dr. janene…
    – fala que é um reunião cientifica, científica?! truque para tentar passar credibilidade
    – fala nomes importantes, truque da credibilidade
    – transmissão comunitária – vai explodir, 35 virou 70, vai piorar, explodir quanto? em quanto tempo? informação genérica para criar terror
    – cuidar com idoso, uma obviedade já sabida
    – fala de imagens do pulmão para criar terror, fala do paciente do 9 de julho, tomo, sem dizer pq não fizeram o exame de saliva
    – 4 meses 45.000 na grande sao paulo, vai precisar de 10.000 utis, pq? como assim 20% dos casos em uti? ninguém vai se curar? sabe-se que 5% do casos precisam de uti, cria terror
    – fala vagamente das utis na italia, qual a quantidade de utis? quantos estão na uti? de novo cria terror
    – hc destinou 75 leitos, certo, e?
    – incor também liberará utis, e?
    – 1 contamina 3, 7 dais tem pico de sintomas, já sabido, e?
    – tem que entubar logo, pq? qual a comprovação? qual a referência? muito vago, parece querer criar urgência
    – sobre contaminação de enfermeiros, é contraditório, primeiro diz que os enfermeiros usaram fraldas, na hora da troca tinha contaminação, como?depois fala que era urina e fezes dos pacientes… confuso…
    – três semanas de tubo, esta informação desmente a primeira informação de que serão necessários 10.000 utis em quatro meses… pois (1) não são 20% dos casos que precisam de utis, são 5% e (2) os pacientes não ficam quatro meses na uti… ficam três semanas, logo este número de 10.000 utis está completamente errado, está considerando uma necessidade exagerada de uti, (3) não está considerando gente que se cura, não está considerando o uso de uti por três semanas e liberação de utis depois disso
    – evitar viagem, outra obviedade
    – fala do trump suspender viagem, suspender nba, para criar terror
    – gráfico de progressão geométrica, outra obviedade
    – fala que em quatro meses resolve, para tentar passar credibilidade
    – não se sabe como será no calor, na verdade tudo que se sabe que é o vírus tem capa de gordura e normalmente vírus assim morrem com o calor

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome