Ministro da Defesa corrige Bolsonaro sobre aniversário do golpe: “Não é o caso” de comemorar

O vice-presidente Hamilton Mourão também adotou tom mais moderado e tentou abrandar a declaração de Bolsonaro

Jornal GGN – Em tom mais moderado que Jair Bolsonaro, o ministro da Defesa, general Fernando Azevedo e Silva, disse nesta terça (26) que “não é o caso” de “comemorar” o aniversário do golpe civil-militar de 31 de março de 1964. Segundo o comandante das Forças Armadas, haverá agenda protocolar apenas entre os militares. Apesar disso, ele tentou amenizar as críticas à ordem de Bolsonaro.

“O termo aí, comemoração na esfera do militar, não é muito o caso. Vamos relembrar e marcar uma data histórica que o Brasil passou, com participação decisiva das Forças Armadas, como sempre foi feito. O governo passado [do PT] pediu que não houvesse ordem do dia, este [governo], ao contrário, acha que os mais jovens precisam saber o que aconteceu naquela data, naquela época”, disse.

“Vamos fazer coisa de soldado, as Forças, a Marinha, o Exército, e as Forças Aéreas. É uma formatura militar, é palestra, é ler a ordem do dia, coisa que sempre a gente faz em todas datas. Em todas as datas históricas do Brasil é feito isso, essa é mais uma”, acrescentou.

O vice-presidente Hamilton Mourão também adotou tom mais moderado e tentou abrandar a declaração de Bolsonaro. “É o primeiro 31 de Março sob a égide do governo de Jair Bolsonaro. Espera-se que haja algum tipo de comemoração, digamos assim, mas ela será, obviamente, intramuros”, comentou.

As informações são da Folha de S. Paulo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

7 comentários

  1. Se os políticos fardados, agora irmanados com as milícias togadas e militares, pensam que os jovens de hoje deveriam saber e conhecer os fatos históricos, onde como e porquê aconteceram, deveriam ser favoráveis à investigação, apuração e julgamento dos crimes bárbaros cometidos pelo Estado, sob a autoridade do poder militar no Governo instituído a partir do golpe de 64. Justamente porque tudo isso nunca foi devidamente apurado, julgado, e, em decorrência, jamais foi conhecida essa parte da história, foi possível que um lunático, que se declara defensor daqueles crimes, chegasse a ser candidato ao cargo de maior autoridade no país e lograsse sair vencedor da disputa, por meio da maior fraude eleitoral de que se tem notícia, no período pós Constituição de 1988.

  2. Mesmo a leitura da ordem do dia nos quartéis louvando uma ditadura que torturou dezenas de milhares de pessoas, matou milhares e arrochou os salários do povo por 20 anos, fazendo com que a fome e a miseria alastrassem-se entre o povo, sendo que pela fome nasceu no nordeste uma geraçao que tinha altura menor que seus pais… .mesmo a leitura da ordem do dia exaltando esse massacre contra o povo já é uma patada revoltante nas nossas caras. Conforme comentou um leitor do jornalggn em outra noticia, jair,, edyr , olavo, araujo, damares , o major e o eduardo, carlos , malafaia deviam desfilar na sapucai com um carro alegórico do assassino ustra, outro carro com um pau de arara e fios desencapados pra dar choque em presos políticos e um samba enredo louvando 20 anos de tortura, morte , arrocho salarial e fome e miséria gargalhando pra jogarem em nossa cara a extrema perversidade monstruosa e sociopática e desumana que possuem. Tudo está tao do avesso que enquanto isso o mais capaz e generoso estadista de nossa Historia estå preso sem prova nenhuma

  3. Nassif: acho que o comandante tá errado. Devem comemorar sim. Afinal, são eles, os VerdeSauva e assemelhados, os mesmos que torturam e mataram a dedeu, no tempo da DitaMole. Isto, para eles, é engrandecedor. Massacraram o inimigo, impiedosamente, como qualquer milico faria numa guerra. Só que como não havia um Trump pra mandá-los pra Venezuela, o caso (só pra treinar a tropa) é dar porrada por aqui mesmo. Acho até que devem reativar o DOICODI, o maior órgão de administração político-militar. É um saudosismo importante, que eles cultivam em seus corações. Precisam levantar a moral do pessoal da caserna, tão abalado com a introdução das Milícias do Tanque na administração pública e no Congresso. Em CruzAlta, por exemplo, vai ter malhação de Judas e subida ém pau-de-sebo. Com chimarrão e churrasco. Os dois principais vice-golpistas parece já confirmaram presença. Um desfile como o de 7 de Setembro, em Brasilia, estaria de bom tamanho, abrilhantada com algumas prisões na SujaJacto. Até porque não é todo dia que se tem oportunidade de trancafiar Kummunistas…

    Esta certíssimo o presidente. E na folgo pode até ir ao Vale da Ribeira prá roubar umas laranjas do quintal do Paivas…

  4. Concordo com o comentário: se foi tao correta, necessária entao merece ser homenageada esta tao cívica data. Mas entao pergunto: porque a ordem de ser comemorada somente intramuros !!!!
    Hipocrisia é o que se deduz!!!!!!

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome