Início Tags Ditadura

Tag: ditadura

O golpe vende pátria de 1964: celebrar o quê?, por Roberto Bitencourt da Silva

Na disputa pela memória, os atores individuais e coletivos gostosamente integrados no condomínio do poder, ora saúdam o “progresso material”, ora a “segurança” pretensamente oferecida pela ditadura.

Eugênia Gonzaga: Transição da ditadura para democracia no Brasil foi equivocada

"Brasil continua sendo um país violento, desigual, fraco democraticamente porque nós não fizemos corretamente a justiça de transição", diz procuradora. Assista

Comemorar o golpe – cantar e dançar sobre corpos flagelados, por Tânia Maria de...

Aceitar o negacionismo histórico e tentar fantasiá-lo de respeito a uma leitura divergente, diz muito mais sobre os desembargadores do TRF-5 que proferiram a decisão que sobre ela mesma.

31 de março/1º de abril de 1964, por Eugênia Augusta Gonzaga

Além de praticar torturas e outros crimes contra a humanidade, a Ditadura Militar de 64 não teve compromisso sequer com a verdade sobre a data de sua implantação

ADUnB: Não foi “Revolução”, não foram “brincadeirinhas”. Foi DITADURA

Foi uma ditadura militar cruel e fascista, e os “probleminhas”, como Bolsonaro se refere aos crimes ocorridos no período, jamais serão esquecidos pelo povo brasileiro

57 anos do golpe de 64

Estima-se que mais de 20 mil brasileiros, incluindo indígenas e camponeses, tenham sido exterminados. Entre os 434 mortos/desaparecidos reconhecidos pela Comissão Nacional da Verdade, 42 eram negros e 45 mulheres.

64 jamais! Ele cairá e ela não voltará, por Danilo Nunes

O mês de abril ficou marcado em nossa história como uma página feia, manchada de sangue, dessas que preferimos arrancá-la do caderno e esquecer que um dia esteve ali, mas não dá.

A justiça que permite a celebração do golpe de 1964, por Urariano Mota

Em primeiro lugar, os jornais erram nos títulos. Confundem o Tribunal Regional Federal da 5ª Região com a Justiça. Ainda que fosse o Supremo Tribunal Federal, deveriam sempre, com mais propriedade, nomear o tribunal de onde veio a decisão

Digam o gosto pra mim, por Ana Laura Prates

Elis era jovem velha, giganta meninona. Transviada e luxuosa. Falava com marcianos, avisando que pra variar estávamos em guerra. Cantava a separação melancólica de nossos pais, no tapete, atrás da porta, murmurando baixinho.

Militante de esquerda que combateu a ditadura militar cometeu crime contra a segurança nacional,...

"Não se pode indenizar a suposta 'dor moral' de quem se submeteu aos rigores das leis vigentes pela própria vontade consciente, sabendo que infringia a legislação penal da época", diz magistrado

Teoria Constitucional, ditadura e fascismo no Brasil, por Carlos Magno Spricigo

Livro assinado pelo professor Rogério Dultra "nos ajuda a pôr na correta perspectiva a vivência de uma cultura democrática em nosso país"

Justiça mantém sargento réu por torturas na Casa da Morte

Antônio Waneir Pinheiro de Lima é acusado de sequestro, cárcere privado e estupro de Inês Etienne Romeu, sobrevivente de um dos piores centros de tortura da ditadura do regime militar

Militares decidem se o povo vai viver numa democracia ou ditadura, diz Bolsonaro

Forças Armadas são "o último obstáculo para o socialismo" e ela é "quem decide se o povo vai viver em uma democracia ou ditadura", disse o presidente

Mirem-se no exemplo: Apresentadora chilena expulsa, ao vivo, defensor da ditadura

Não é possível dar espaço para negacionistas do horror, é preciso manter acesa a história, para que não se repita no futuro.

Um golpe anunciado, por Francisco Celso Calmon

Ocorre que o mau exemplo será seguido se as forças democráticas do Brasil não se anteciparem e desarmarem a bomba-relógio do bolsonarismo.

Meia volta, volver: a premissa fundamental de um pacto democrático, por William Nozaki

Desde a vitória liberal-conservadora, ainda no período da ditadura, o que impera nas Forças Armadas em matéria de geopolítica é a defesa do alinhamento automático ao governo norte-americano.

Um presidente macabro, por Francisco Celso Calmon

A reação ao seu escárnio foi de todas as esferas e lideranças institucionais e sociais, contudo, não basta. O que é mister é dar um basta nele, é desalojá-lo da presidência do Brasil o quanto antes.

Relembre: Sob Bolsonaro, comissões sobre vítimas da Ditadura ficam desamparadas

É um momento crítico, marcado por recessão, desemprego, fome e pandemia. O que vem pela frente nos enche de angústia e desalento. Mas pode ser diferente

Ataque de Bolsonaro à Dilma é elogio à barbárie, diz Comissão Arns

Comissão Arns repudia manifestação do presidente da República sobre as torturas sofridas pela ex-presidente Dilma Rousseff

Tortura Nunca Mais, Tortura é Crime

Para além da agressão a uma mulher que sempre demonstrou coragem e fibra para lutar pela democracia contra um regime que torturava e matava, as declarações do presidente também ofendem e desrespeitam a memória de milhares de brasileiros

Leia também

Últimas notícias

GGN